• Save
Aula 1   Osm O Mundo Do Trabalho2
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Aula 1 Osm O Mundo Do Trabalho2

on

  • 2,244 views

Aula 1 - OSM

Aula 1 - OSM

Statistics

Views

Total Views
2,244
Views on SlideShare
2,244
Embed Views
0

Actions

Likes
1
Downloads
0
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Aula 1   Osm O Mundo Do Trabalho2 Aula 1 Osm O Mundo Do Trabalho2 Document Transcript

  • Centro Universitário Celso Lisboa Aula 1 – Organização, Sistemas e Métodos. Prof. Angelo Peres – 2009.2 O MUNDO DO TRABALHO E E SUAS SUAS TRANSFORMAÇÕES TRANSFORMAÇÕES O&M Vocês tem algum tipo de dúvida Vocês tem algum tipo de dúvida que o mundo do trabalho que o mundo do trabalho Que mudanças foram essas? Que mudanças foram essas? mudou? mudou? 1
  • Se pararmos para pensar... Se pararmos para pensar... Tudo mudou... Artefatos do Dia-a-dia. Artefatos do Dia-a-dia. Tudo mudou... Artefatos do Dia-a-dia. Artefatos do Dia-a-dia. Artefatos Ligados a Caça, Pesca, etc. Artefatos Ligados a Caça, Pesca, etc. Estrutura Hierárquica. Estrutura Hierárquica. Indumentária. 2
  • Indumentária. Indumentária. Produção cultural e Produção cultural e artística. artística. angelo peres As empresas estão tornando-se globais; Incremento constante de novas tecnologias; Mudança na configuração dos escritórios; Entramos na era do flexível, do cognitivo, do imaterial; O Mundo do TRABALHO no O Mundo do TRABALHO no Século XXI. Século XXI. 3
  • A gestão por mudança virou crucial; Há a problemática social do país; Desenvolver capital humano; Reagir ao mercado; Conter custo. Por quê? Conhecimento é o principal fator de produção do Século XXI. O trabalho passa a ser mercadoria; O trabalho passa a ser mercadoria; Tem mais valor quem faz a diferença e que Tem mais valor quem faz a diferença e que gera valor; gera valor; As pessoas têm que ser fonte de geração As pessoas têm que ser fonte de geração conhecimento; conhecimento; Habilidades específicas tem vida curta; Habilidades específicas tem vida curta; O profissional tem que se descobrir. O profissional tem que se descobrir. Exige-se.... Visão sistêmica da empresa; Boa formação acadêmica geral; Capacidade de se autodesenvolver; Espírito de equipe; Entusiasmados por natureza; Foco em resultados e não na tarefa; Ambiciosos; Versáteis; Pensar na carreira como em algo fora da caixa; Aproveitar as oportunidades; Tenham alguma capacidade de liderança; Capacidade de aprender no dia-a-dia. 4
  • REALIDADE DO EMPREGO A Partir da década de 90: dé Até a Década de 90: Até Dé Globalização; Globalizaç Lealdade a empresa; Reestruturação, reengenharia e Reestruturaç Garantia de carreira até a aposentadoria. downsizing; até Gestor de sua própria carreira; pró Laços prolongados e ininterruptos Laç com uma única corporação passam a corporaç significar experiência limitada e falta de ambição. ambiç Nova forma de Gestão: Capital Intelectual. A empresa tatuada no corpo é Capital de coisa do passado ... Estrutural Capital Capital Cliente Humano angelo peres Os empregos estão sumindo; Crescimento do trabalho informal; Mudança na orientação para se encontrar Mudanç orientaç trabalho; Há uma exigência muito “sinistra” ao sinistra” candidato a ocupante da vaga; Os escritórios estão informatizados. escritó informatizados Por quê ? 5
  • EMPREGABILIDADE: EMPREGABILIDADE passa a ser Provoca ansiedade; a palavra da moda para os patrões Indivíduo é obrigado a buscar atualização Indiví atualizaç e para o RH. constante; Tornar flexível. flexí Temos que aceitar a nova realidade; Diversificar nossas atividades; Carreira tem que ser vista como um negócio; Autodidatas e com iniciativa; Reciclar-me constantemente; Reciclar- Multifuncional e flexível; Ser um fornecedor de trabalho; Trabalhar bem com pessoas; Tolerante; Empreendedor de soluções; soluç Otimista; Quando não der para seguir... fazer PONTOS QUE DIMINUEM A movimentos laterais na organização; organizaç EMPREGABILIDADE: Falta de projeto profissional; Capacidade de usar e interpretar dados; Carreira gerenciada pela empresa; Qualidade e quantidade no trabalho; Longa permanência em uma mesma profissão; Ética. 6
  • Conhecimento adquirido em função do cargo; Perfil do Rede de relações limitada; Trabalhador Desinformação; do Século Individualismo; Passividade. XXI? Ousar; Ser um questionador permanente; Planejar; Inquietar-se com situações de Inquietar- situaç conforto pessoal e profissional; Utilizar os 2 hemisférios do cérebro; hemisfé cé Entender a importância do Privilegiar os resultados; conhecimento como vantagem Orientar-se para ouvir Orientar- o cliente; competitiva; Ser flexível. 7