O papel do Terminal de Contentores na cadeia de abastecimento de Angola<br />III Encontro dos Portos da CPLP<br />03 Dezem...
Historial<br />2002 	                                                  SOGESTER (Sociedade Gestora de Terminais, SA) é pla...
Company <br />
Horas de Atracação<br /><ul><li> Economia está impactada por longos períodos de espera
Fornecedores escolhem formas de transporte mais caro e repassa o custo para os consumidores angolanos
Os processos são optimizados levando a custos reduzidos para o consumidor final
Os regulamentos são ajustados para reflectir e melhorar a cadeia logística
Custo das importações são reduzidas
Exportadores Angolanos têm um custo de opção de transporte eficiente</li></li></ul><li>Projecto do Terminal SOGESTER<br />...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

III Encontro de Portos da CPLP – Jens O. Floe – SOGESTER, Angola (versão em português)

972 views

Published on

Powerpoint de suporte à intervenção de Jens O. Floe, Director Geral da Sogester, SA, Angola, no III Encontro de Portos da CPLP, que decorreu nos dias 1 e 2 de Dezembro de 2010, no Centro de Convenções do Hotel Talatona, em Luanda.
Intervenção subordinada ao tema “O papel do Terminal de Contentores na cadeia de abastecimento de Angola” (versão em português).
Intervenção integrada no painel “As infra-estruturas ao serviço da logística”, moderado por Marta Mapilele, Administradora Executiva da CFM (Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique).

A organização do Encontro coube ao Porto de Luanda, com o apoio institucional do Ministério dos Transportes em nome do Governo de Angola.
A magna reunião reuniu responsáveis das administrações portuárias dos seguintes países: Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique e Portugal.
Aprofundar as relações de trabalho e de cooperação, incrementar as relações comerciais entre os portos e contribuir para melhorar as relações de transporte e comerciais entre o conjunto de países de língua portuguesa foram os objectivos primaciais do encontro, cujas conclusões se encontram disponíveis em
http://www.portosdeportugal.pt/sartigo/index.php?x=4349

Site oficial do III Encontro de Portos da CPLP disponível em http://www.cplpportos.com/

Published in: Business, News & Politics
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
972
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
11
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

III Encontro de Portos da CPLP – Jens O. Floe – SOGESTER, Angola (versão em português)

  1. 1. O papel do Terminal de Contentores na cadeia de abastecimento de Angola<br />III Encontro dos Portos da CPLP<br />03 Dezembro 2010<br />Jens O. Floe<br />
  2. 2. Historial<br />2002 SOGESTER (Sociedade Gestora de Terminais, SA) é planejada como uma jointventure com sede em Angola, entre a APM Terminals e gestão do fundo. <br />2003, SOGESTER vence o Concurso Público para a gestão e exploração do terminal de contentores no Porto de Luanda. <br />2007 SOGESTER assume a gestão de operações e do terminal de contentores<br />2009 SOGESTER inaugura o mais moderno Terminal de 2ª Linha em Angola.<br />
  3. 3. Company <br />
  4. 4. Horas de Atracação<br /><ul><li> Economia está impactada por longos períodos de espera
  5. 5. Fornecedores escolhem formas de transporte mais caro e repassa o custo para os consumidores angolanos
  6. 6. Os processos são optimizados levando a custos reduzidos para o consumidor final
  7. 7. Os regulamentos são ajustados para reflectir e melhorar a cadeia logística
  8. 8. Custo das importações são reduzidas
  9. 9. Exportadores Angolanos têm um custo de opção de transporte eficiente</li></li></ul><li>Projecto do Terminal SOGESTER<br /><ul><li>Tempo de espera dos navios que fazem escala Luanda foi eliminada
  10. 10. O estilo moderno de gestão usados até à data para as soluções de Tecnologia Informática (TI) tem sido implementado
  11. 11. Reestruturação do terminal para ser concluída em Dezembro de 2011
  12. 12. Mais de 700 funcionários directos e 300 subcontratados</li></li></ul><li>Terminal SOGESTER<br />
  13. 13. Terminal de 2ª Linha <br /><ul><li>Terminal de 2 ª linha; armazenamento de contentores desalfandegados, e solução do descongestionamento do terminal e do tráfego em Luanda
  14. 14. Investimento Inicial USD 55 mill
  15. 15. 37 hectares
  16. 16. 200.000 TEU
  17. 17. 384 Capacidade de armazenamento </li></li></ul><li>Produtividade do Terminal<br /><ul><li> Melhores equipamentos e infra-estrutura
  18. 18. Logística de gestão do fluxo entre o Terminal 2 e instalação de 2ª linha
  19. 19. Habilidade de transferência e de formação conducentes a uma melhor participação dos trabalhadores
  20. 20. Mais processos optimizados
  21. 21. Bom relacionamento e comunicação com as Autoridades Portuárias</li></li></ul><li>Obrigada<br />Perguntas?<br />

×