Elaborar um trabalho de pesquisa

4,965 views
4,702 views

Published on

Elaboração de um trabalho de pesquisa da literacia da informação
às referências bibliográficas - inclui um conjunto de aspetos que devem ser tidos em conta na construção de um percurso de pesquisa estruturado e na concepção de trabalhos com qualidade.

Published in: Education
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
4,965
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1,173
Actions
Shares
0
Downloads
36
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Elaborar um trabalho de pesquisa

  1. 1. Elaborar um trabalho de pesquisa: daliteracia da informação às referências bibliográficas Biblioteca Escolar: parceiro da aprendizagem
  2. 2. Literacias críticas na século XXI Literacia Literacia da digital Literacia informação tecnológica
  3. 3. A Literacia da InformaçãoO que é?Trata-se da capacidade de cada indivíduo compreender e usar a informaçãoescrita contida em vários materiais impressos (ou outros), de modo a atingiros seus objectivos, a desenvolver os seus próprios conhecimentos epotencialidades e a participar activamente na sociedade.A Literacia da informação pressupõe: Pensamento crítico Responsabilidade e Ética criativo
  4. 4. Modelo de PesquisaO modelo PLUS - James Herrings (Reino Unido -1996): 1. Planificar Planificar 2. Localizar 3. Usar 4. Autoavaliar Autoavalia PLUS Localizar r Usar
  5. 5. As fontes: tipos de fonteNum trabalho de pesquisa, após se definir claramente o que se pretendeapurar e com que objetivo(s), planifica-se a estratégia de pesquisa, tendoo investigador à sua disposição uma multiplicidade de fontes deinformação.As fontes de informação podem ser agrupadas em dois grandestipos:- fontes primárias (aquelas que resultam da investigação no terreno, através de inquéritos, sondagens, entrevistas) e que obtém informação em primeira mão;- fontes secundárias (conteúdos elaborados por outras pessoas e que nos podem ajudar a conhecer melhor determinado tema);Para a realização dos trabalhos escolares baseamo-nos, sobretudo,nas fontes secundárias.
  6. 6. As fontes: tipos de fonteSão fontes secundárias: - enciclopédias; - dicionários; - livros em geral; - manuais escolares; - atlas; - periódicos (jornais, revistas); - páginas na Internet; - filmes, documentários; …Estas fontes de informação podem ser consultadas em diversos suportes: - documentos impressos; - audiovisuais (VHS, DVD); - eletrónicos: DVD, CD-ROM, ou sites da Internet …;
  7. 7. As fontes: avaliação das fontesPara que um trabalho apresente correção e rigor, é fundamental que asfontes consultadas sejam de qualidade.Esta qualidade está relacionada com: - credenciais do autor; - atualidade da informação; - rigor; - objetividade;Quando se consulta um site, por exemplo, devemos colocar algumasquestões para avaliar se a fonte que estamos a consultar é credível.Uma boa opção é procurar informação em várias fontes, pois quantomais fontes consultarmos mais rico e completo fica o nosso trabalho emenos probabilidade há de usarmos dados errados !
  8. 8. As fontes: os direitos de autorComo respeitar os direitos de autor ? Elaborando uma lista de referência bibliográfica dos documentos consultados; Identificando as citações (transcrição de um texto, tal como ele foi escrito pelo seu autor); Identificando o autor do original ao fazer uma paráfrase (exposição das ideias do original usando as nossas palavras) ou um resumo (apresentação das ideias ou factos essenciais de um outro texto, respeitando a mesma ordem do original); Identificando as imagens, músicas, filmes,...
  9. 9. A estrutura do trabalhoConsoante o fim a que se destina e o suporte em que será apresentado(impresso, digital, apresentação em ppt, página web,…), o trabalho deveobedecer a determinados requisitos.Numa monografia, é fundamental que o trabalho apresente uma introdução,desenvolvimento e uma conclusão.Convém lembrar que: Introdução – deves clarificar os objetivos do trabalho e situar o tema que vais aprofundar; Desenvolvimento – corresponde ao aprofundamento do tema, sendo a parte central e mais extensa do trabalho. As ideias devem ser apresentadas segundo uma ordem lógica (eventualmente, poderão surgir capítulos); Conclusão – importa, aqui, fazer um resumo das ideias principais do trabalho. Uma boa conclusão pode, ainda, manifestar uma posição crítica (opinião) e deve ser curta.
  10. 10. A estrutura do trabalhoEm síntese, um trabalho deve conter:  Capa  Sumário (página 1, numerada)  Introdução  Desenvolvimento  Conclusão  Lista de Referências Bibliográficas (podem ser incluídos, no fim do trabalho, “anexos” e “apêndices”)Importa ter cuidado especial na forma como um trabalho escrito éapresentado, pois tal é tido em conta na avaliação global do mesmo.(algumas dicas para um trabalho bem apresentado)
  11. 11. As referências bibliográficas Existem diversas normas para elaborar Referências Bibliográficas: - em Portugal existe uma norma, a NP 405 – Informação e Documentação: Referências Bibliográficas, que cobre diversos tipos de documentos: impressos (NP405-1); materiais não livro (NP405 - 2); documentos não publicados (NP405-3) e electrónicos (NP405-4); - utilizam-se, ainda, outras normas: Vancouver (formato utilizado sobretudo nas áreas da Biologia e Medicina); APA (formato criado pela Associação Americana de Psicologia) e de Harvard (formato muito utilizado em Física, Ciências e Ciências Sociais) A norma internacional APA (American Psychological Association) é adoptada por muitas instituições académicas, incluindo escolas dos Ensinos Básico e Secundário (por exemplo em Cantanhede);
  12. 12. As referências bibliográficasA norma internacional APA (regras básicas)Para referir um livro (regra geral): Autor, indicando, em primeiro lugar, o apelido e, depois de uma vírgula, a inicial do(s) nome(s) próprio(s), o ano de edição (se não for a 1ª) entre parêntesis seguido de ponto final, o título do livro (sempre em itálico) , o número de edição entre parêntesis seguido de ponto final, local de edição seguido de dois pontos e a editora seguida de ponto final. Autor (ano de edição). Título (nº de edição). Local de edição: Editora.Exemplo: Gaarder, J. (2005). A biblioteca mágica (3.ª ed.). Barcarena: Presença.
  13. 13. As referências bibliográficasA norma internacional APA (regras básicas)Para referir um livro, a) Se a obra não tiver autor: A referência, neste caso, faz-se a partir do título: Título (nº de edição). Local de edição: Editora. b) Se o autor for uma instituição:Instituição. (ano de edição).Título (nº de edição). Local de edição: Editora.
  14. 14. As referências bibliográficasA norma internacional APA (regras básicas) c) Para referir um artigo de um autor numa enciclopédia:Autor (ano de edição). Título do artigo. In Título da Enciclopédia (volumerespectivo, página). Local de edição: Editora. Nota: quando há dois ou mais autores (até 6), os seus nomes devem ser separados por vírgulas e, no último, por &. Quando forem mais de 6 autores, indicam-se os 6, seguidos de & et al .
  15. 15. As referências bibliográficasA norma internacional APA (regras básicas) e) Para referir um artigo de uma publicação periódica:Autor. (Data de publicação) . Título do artigo. Título da revista / jornal, Número ou volume,páginas.Exemplo (revista): Meco, J. (1999). A expansão da azulejaria portuguesa. Oceanos. 36, 8-17 . f) Para indicar filmes / documentários em VHS, DVD ou CD-ROM:Realizador (função). (Data). Título [Filme/Documentário]. Local de distribuição:Distribuidor.Exemplo:Benigni, R. (Realizador). (1998). A vida é bela [filme]. Lisboa : Filmes Castelo Lopes
  16. 16. As referências bibliográficasA norma internacional APA (regras básicas) g) Referência a um documento / informação retirada da Internet: Autor (data). título, obtido em data da consulta e endereço da InternetExemplo:Gomes, J. A. (2006). Sophia de Mello Breyner Andresen e a sua obra paracrianças e jovens. Obtido em 14 de Maio de 2007 emhttp://derivadaspalavras.blogspot.com/2006/12/sophia-de-mello-breyner-andresen-e-sua.html(É muito importante colocar-se a referência completa do site consultado,incluindo a data de acesso. Ao contrário de um livro, a informação na Internet“surge e desaparece” mais rapidamente…)
  17. 17. As referências bibliográficasAs referências deverão ser apresentadas no final do trabalho (numa folha àparte com o título "Lista de referências bibliográficas").Estas deverão ser ordenadas alfabeticamente pelo último apelido do autor (nocaso de o autor não ser identificado, o título passa a ser o elemento quedetermina a ordenação).Se o professor assim o entender (e uma vez que já surge em alguns trabalhos)a referência a páginas da Internet pode surgir destacada em relação às fontestradicionais. Neste caso, colocar-se-á o título “Referências electrónicas” ou“Webgrafia” (também “Netgrafia”).
  18. 18. O que não deves fazer- Consultar apenas uma ou duas fontes sem pôr em causa / verificar a qualidade das mesmas (deve-se adoptar uma postura crítica e não ceder à tentação do facilitismo…);- Plagiar (o Desenvolvimento deve estar redigido por palavras tuas; nunca deves Copiar & colar, usar palavras do autor sem referir as fontes, não apresentar as referências bibliográficas das obras / sites consultados);- Elaborar uma Introdução e Conclusão fracas (muito curtas, com erros, sem apresentar o trabalho ou uma síntese das ideias principais do trabalho);- Entregar um trabalho com uma apresentação descuidada (tipos de letra diversos; tamanhos de letra grandes de mais; mau alinhamento do texto; mistura de cores; ausência de capa (…); falta de paginação; erros ortográficos e de sintaxe; organização das ideias,…) – É muito importante fazer a revisão do trabalho antes de o entregar, lendo-o várias vezes e mostrando-a a um colega,…
  19. 19. A Biblioteca Escolar está ao teu dispor para te apoiar na aplicação destas orientações! Consulta-nos! (Documento em fase de revisão) Ver síntese em pdf Consultar a Página “Literacia da Informação” em http://biblos-tocha.blogspot.com

×