Your SlideShare is downloading. ×
0
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Cp 2012 olimpíadas de robótica   da sala de aula ao campeonato mundial
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Cp 2012 olimpíadas de robótica da sala de aula ao campeonato mundial

935

Published on

Palestra na Campus Party Recife

Palestra na Campus Party Recife

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
935
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
5
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Olimpíadas de robótica: da s a l a de a ul a a oc a mp e o n a t o mu n d i a l Paulo Marcelo Pontes (pmarcelopontes@gmail.com) C a m p u s P a r t y R e c i f e , 29/07/20
  • 2. Evolução d e p a r a d i g ma s• Cada modelo construído gera novos paradigmas que direcionam o desenvolvimento posterior, na busca de soluções para os problemas gerados. THOMAS KUHN (1922 – 1996)
  • 3. A sala de aula de robótica• Em que a sala de robótica diferencia- se de uma sala de aula comum?• O laboratório de preparação de uma equipe de robótica – que materiais são utilizados?• Os paradigmas dos competidores (conhecimento, disponibilidade de material, sociabilidade e ética)
  • 4. Olimpíada Brasileira de Robótica (O B R )• O que é?;• Modalidades;• Desafios da modalidade prática – mudança de paradigmas;• A evolução da OBR em Pernambuco.
  • 5. O que é a O B R ? A Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR) é uma das olimpíadas científicas brasileiras apoiadas pelo CNPq que utiliza-se da temática da robótica. • A OBR possui diversas modalidades que procuram adequar-se tanto ao público que nunca viu robótica quanto ao público de escolas que já tem contato com a robótica educacional.
  • 6. Mo d a l i d a d e s• Teórica – Nível 1 (1º ao 3º ano Ensino Fundamental) – Nível 2 (4º ao 5º ano Ensino Fundamental) – Nível 3 (6º ao 7º ano Ensino Fundamental) – Nível 4 (8º ao 9º ano Ensino Fundamental)• Prática – Nível 1 (Ensino Fundamental) – Nível 2 (Ensino Médio)• Duathlon
  • 7. Desafios da modalidade prática• O sumô (2007 - 2009) – Dois robôs competem entre si em uma arena circular. O objetivo maior é retirar o oponente da arena.• O resgate (2010 - ...) – Cada robô compete individualmente na arena. O desafio consiste em simular um robô-bombeiro que resgata uma ou mais vítimas em um ambiente de desastre.
  • 8. Sumô
  • 9. Re s g a t e
  • 10. Mudança d e p a r a d i g ma sSumô Resgate•O foco do desafio é deslocar o •O foco do desafio é localizar acentro de massa do adversário vítima – e efetuar seu resgate•Atuadores e sensores limitados •Não há disputa direta com•Robôs devem ser capazes de outro robôlocalizar o adversário •Não há limite de atuadores e•A equipe deve ter estratégia de sensoresataque e de defesa •O robô deve ser capaz de seguir•Destaque para a parte a trajetória e superar osmecânica do robô desafios (gaps, obstáculos, redutores) •A partir de 2012, a etapa estadual conta com uma rampa •Destaque para a programação do robô •Maior exigência de autonomia
  • 11. OBR e m P e r n a mb u c o252015 Nível 110 Nível 250 2007 2008 2009 2010 2011 2012
  • 12. Fa s e e s t a dua l 2012• Data: 11/08/2012 (sábado)• Local: Escola Técnica Estadual Agamenon Magalhães (ETEPAM)• Inscrições e regulamento: www.obr.org.br
  • 13. Fa s e na c i ona l 2012• Período: 15-21/10/2012• Local: Universidade de Fortaleza (UNIFOR), Fortaleza, Ceará• Cada estado participante possui duas equipes representantes (uma de cada nível)• Seleciona as equipes que representam o Brasil na modalidade Rescue, na Robocup Junior.
  • 14. Torneio Juvenil de Robótica (T J R )• É uma competição idealizada para estimular estudantes do Ensino Fundamental e Médio através de competições de robótica envolvendo várias modalidades, que incluem desde a modalidade teórica até modalidades práticas, como Dance e Sumô.
  • 15. T J R 2012• Data: 17 a 19/08/2012• Local: Instituto de Matemática e Estatística da USP São Paulo ,
  • 16. Competição Brasileira de Robótica (C B R )A Competição Brasileira de Robótica é omaior evento do gênero no Brasil, envolvendovárias modalidades (incluindo a OBR) que sãodisputadas por competidores de diferentesníveis de escolaridade.Bianualmente, ocorre em simultaneidade coma LARC (Competição Latino-Americana deRobótica).
  • 17. Ca t e g o r i a s d a CBR• IEEE – Standard Educational Kits (SEK) – Livre (Open) – Very Small – Humanoid Robot Racing• Robocup – Small-Size (F-180) – Mixed Reality – Simulation 2D e 3D – Rescue Simulation Virtual Robots – Rescue Simulation Agents – Humanoid – Junior (Soccer, Rescue A (OBR), Rescue B, Dance)
  • 18. Va ga s na Ro b o c u p• J as equipeso r A CBR seleciona u n i que representarão o Brasil na Robocup e na Robocup Junior, no ano seguinte.• Para 2012, o Brasil teve as seguintes vagas: – DANCE (02 vagas Nível 1 e 02 vagas Nível 2) – RESCUE A (02 vagas Nível 1 e 02 vagas Nível 2) – RESCUE B (01 vaga) – SOCCER (02 vagas Nível 1 e 1 vaga Nível 2)• Total de 11 equipes representando o país.
  • 19. Ro b o c u p J uni or• A Robocup Junior é uma categoria da Robocup destinada a estudantes com até 19 anos.• Envolve as modalidades: – Rescue (A e B) – Soccer (A e B) – Dance – CoSpace Dance
  • 20. Re s c u e
  • 21. Soc c e r
  • 22. Da n c e
  • 23. Ro b o c u p J uni orANO LOCAL ANO LOCAL2014 João Pessoa, Brasil 2006 Bremen, Alemanha2013 Eindhoven, Holanda 2005 Osaka, Japão2012 Cidade do México, México 2004 Lisboa, Portugal2011 Istambul, Turquia 2003 Pádova, Itália2010 Singapura, Singapura 2002 Fukokoa/Busan, Japão/Coreia do Sul2009 Graz, Áustria 2001 Seatle, Estados Unidos2008 Suzhou, China 2000 Melbourne, Austrália2007 Atlanta, Estados Unidos
  • 24. Re s u l t a d o s br a s i l e i r os• 2010 – Dance: 01 troféu • 1º Lugar Superteam (SP)• 2011 – Rescue A: 01 troféu • 1º Lugar individual (SP)
  • 25. Re s u l t a d o s br a s i l e i r os• 2012 – Dance: 04 troféus TOTAL: • 1º Lugar Superteam (MG) • Melhor Programação (MG) • Best Collegiality (PE e BA) – Rescue A: 01 troféu • 1º Lugar Superteam (DF) 08 troféus – Rescue B: 02 troféus • 3º Lugar Superteam (ES) • Best presentation (ES) – Soccer: 01 troféu • 3º Lugar Superteam (RN)
  • 26. No v o s p a r a d i g ma s• O amadurecimento das equipes brasileiras criou a necessidade de materiais não encontrados no Brasil;• Há a necessidade de se estabelecer uma delegação nacional formalmente, com incentivos públicos e privados;• A maior visibilidade do país em eventos internacionais provoca a necessidade de maior qualificação de competidores e orientadores e, consequentemente, a necessidade de maiores investimentos em sua formação.
  • 27. On d e b u s c a r ma i s :• Site da OBR – www.org.br• Site do TJR – www.torneiojobotica.org• Site da CBR – www.cbrobotica.org• Site da ROBOCUP – www.robocup.org
  • 28. Co n t a t o s :Paulo Marcelo PontesE-mail: pmarcelopontes@gmail.comFacebook / Skype / Twitter: pmarcelopontesSite: www.positronics.com.brBlog: www.viaspositronicas.blogspot.com
  • 29. A g r a d e c i me n t os• A todos os inúmeros estudantes que contribuíram com esta construção.• Aos familiares e amigos, pela compreensão e tolerância nos dias e noites sem fim.• Especialmente a: Carlos Gabriel, Tatiana Lima, Lucas Cavalcanti, Inaldo Gomes, Henrique Foresti, Otacílio Maia, Diogo Lacerda, Felipe Martins, Matheus Canejo, Ivan Seidel, Wallace Souza e Attico Chassot.

×