Uploaded on

Apresentado durante o módulo 1

Apresentado durante o módulo 1

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
803
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
14
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA CAMPUS CACOAL – PRESIDENTE MÉDICI DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA DE PESCA E AQUICULTURA Projeto Pirarucu-Gente Fepearo
  • 2. Projeto Pirarucu-Gente
    • Projeto de envolvimento participativo
      • Técnicos;
      • Pesquisadores;
      • Agricultores;
      • Piscicultores de base familiar e ecológica;
      • Pescadores artesanais
    • Focado nos princípios agroecológicos no âmbito do Território Central da Cidadania de Rondônia.
  • 3. PÚBLICO ALVO
    • Os capacitandos serão:
      • 13 representantes dos sindicatos dos agricultores;
      • 13 representantes dos técnicos extensionistas da EMATER-RO;
      • 13 representantes dos Conselhos Municipais de desenvolvimento sustentável;
      • 02 associados a colônias de pescadores;
      • 01 (um) cooperado da Coopesca,
      • 01 (um) representante do Território Central da Cidadania;
      • Associação das EFAs;
      • Movimentos sociais (MPA, MAB, MST);
  • 4. MUNICÍPIOS
    • Alvorada D’Oeste
    • Theobroma
    • Ouro Preto D’Oeste
    • Jaru
    • Urupá
    • Presidente Médici
    • Teixeirópolis
    • Ji-Paraná
    • Governador Jorge Teixeira
    • Mirante da Serra
    • Nova União
    • Vale do Anari
    • Vale do Paraíso
  • 5. OBJETIVOS GERAIS
    • Promover pesquisa ação participativa em:
      • assistência técnica e extensão rural
    • Com princípios agroecológicos, focada:
      • desenvolvimento organizacional compartilhado;
      • formatação de redes das organizações representativas da agricultura familiar ;
      • formação de agricultores familiares e ecológicos para gestão associativa,
      • diversificação da produção;
      • comercialização solidária na perspectiva da inserção das múltiplas dimensões da sustentabilidade.
  • 6. OBJETIVOS ESPECÍFICOS
    • Realizar oficinas participativas de:
      • diagnóstico;
      • planejamento;
      • monitoramento com envolvimento de agricultores, docentespesquisadores, extensionistas e acadêmicos;
    • Construir coletivamente:
      • o plano de pesquisa ação participativa;
      • assistência técnica e extensão rural agroecológica aos agricultores;
  • 7. OBJETIVOS ESPECÍFICOS
    • Promover a assistência técnica e extensão rural de base agroecológica para agricultores no âmbito da Política Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural – PNATER;
    • Formar os agricultores em processos:
      • agroecológicos;
      • organizacionais;
      • de gestão;
      • comercialização solidária;
      • segurança alimentar.
  • 8. OBJETIVOS ESPECÍFICOS
    • Capacitar juventudes rurais e lideranças associativas para apoiar a assistência técnica e extensão rural comunitária , com inserção social de gênero, geração e etnia;
    • Apoiar a diversidade produtiva e as tecnologias socioambientais;
    • Fomentar os processos:
      • de transformação e beneficiamento dos produtos e serviços das propriedade rurais e unidades produtivas.
  • 9. OBJETIVOS ESPECÍFICOS
    • Desenvolver estratégias de efetivação de rede institucional das organizações de agricultores, pescadores para obtenção de regularidade e mínima escala de fornecimento ao mercado local ;
    • Assessorar a administração e gestão de empreendimentos rurais na perspectiva da economia popular e solidária ;
  • 10. OBJETIVOS ESPECÍFICOS
    • Apoiar a comercialização justa e solidária;
    • Criar e fortalecer as feiras agroecológicas;
    • Implementar a certificação socioparticipativa agroecológica; 
  • 11. OBJETIVOS ESPECÍFICOS
    • Construir um banco de dados das experiências dos agricultores / pescadores / piscicultores para subsidiar as políticas públicas voltadas para o desenvolvimento rural e sustentável;
    • Promover a sistematização participativa das experiências.
  • 12. Levantamento de dados secundários e articulação de alianças institucionais . Oficinas participativas (diagnóstico e planejamento) para construção do projeto de intervenção nas instituições representativas. Observação participativa do desenvolvimento dos projetos das organizações e entrevistas semi-estruturadas com representantes das organizações participativas. Formação com abordagem da alternância sendo 7 Módulos no intervalo de 24 meses. -Prática em Ater nas instituições e com agricultores. Monitoramento / avaliação / replanejamento dos projetos de intervenção e formação. Sistematização participativa das práticas. Pesquisa-Ação Participativa
  • 13. Formação em Ater com Foco Agroecológico do Grupo
    • MÓDULO I:
      • Agroecologia, história, princípios e fundamentos;
      • Agricultura familiar, pesca artesanal e campesinato;
      • Pensamento social agrário e sua influência no contexto evolutivo da America Latina.
  • 14. Formação em Ater com Foco Agroecológico do Grupo
    • MÓDULO II :
    • Extensão rural:
      • História da extensão rural e pesqueira.
    • Evolução e experiências das políticas de Ater:
      • Construção do Pnater;
      • Envolvimento da Asbraer;
      • Política estadual, com destaque para as ações da Emater Rondônia, Incra, Embrapa;
      • Movimentos sociais, organizações não governamentais e ambientalistas.
  • 15. Formação em Ater com Foco Agroecológico do Grupo
    • MÓDULO III:
    • Natureza, desenvolvimento e sociedade:
      • diagnóstico e inventário ambiental;
      • capacidade de suporte dos agroecossitemas;
      • economia ecológica;
      • desenvolvimento e envolvimento participativo;
      • mudanças climáticas, serviços e tecnologias ambientais; recuperação de nascentes de água, mata ciliar e áreas degradadas.
  • 16. Formação em Ater com Foco Agroecológico do Grupo
    • MÓDULO IV :
    • Metodologias Participativas de apoio:
      • a gestão compartilhada dos recursos naturais, pesqueiros e da biodiversidade;
      • a Ater na perspectiva agroecológica.
    • Diagnósticos, planos e monitoramentos participativos; construção de projeto participativo e sistematização de experiências.
  • 17. Formação em Ater com Foco Agroecológico do Grupo
    • MÓDULO V:
    • Segurança e Soberania Alimentar.
    • Noções básicas sobre agroecologia:
      • sistemas de diversificação agrosilvopastoril;
      • quintais agroecológicos;
      • permacultura;
      • hortas medicinais;
      • sistemas agroflorestais;
      • manejo sustentável dos recursos naturais, pesqueiros e da biodiversidade.
  • 18. Formação em Ater com Foco Agroecológico do Grupo
    • MÓDULO VI:
    • Aquicultura de base ecológica:
    • Noções de cultivo e manejo de piscicultura sustentável:
      • sistemas agroflorestais ribeirinhos pesqueiros;
      • manejo sustentável do agroecossistema pesqueiro;
      • pesca responsável e ecológica.
    • Transformação de subprodutos das propriedades rurais para a complementação alimentar na piscicultura.
  • 19. Formação em Ater com Foco Agroecológico do Grupo
    • MÓDULO VII:
    • Economia Popular e Solidária:
      • Consumo, energia e sociedade.
    • Políticas de economia popular e solidária:
      • Secretaria Nacional;
      • Fóruns nacional e estaduais.
      • Estratégias de comercialização de produtos e serviços populares em feiras, eventos, festas.
    • Feiras: de trocas; agroecológicas; de sementes; saberes e sabores;
    • Redes solidárias sociais, de comercialização e institucionais.
  • 20. Estratégia Metodológica do Processo de Formação e Sistematização das Experiências
    • As aulas e práticas serão executadas em regime de alternância:
      • a cada três meses o grupo terá um módulo dividido em:
        • 40 horas de aulas teóricas;
        • 80 horas de práticas, com sistematização do caderno de campo.
  • 21. Estratégia Metodológica do Processo de Formação e Sistematização das Experiências
    • Serão utilizados os seguintes instrumentos pedagógicos:
      • Plano de estudo;
      • Prática de atividades;
      • Seminário integrador;
      • Reflexão e sistematização de experiências;
      • Ação comunitária e social;
      • Formação da família;
      • Feedback das etapas;
      • Caderno de campo.
  • 22. Avisos
    • Entrega Inscrições e Termo de Compromisso até 24/06/2011
    • Impresso ou;
    • Email: [email_address]
  • 23. Avisos
    • Oficina com capacitandos : 06 e 07/07/11 . Seminário Integrador para troca de experiências.
    • Reunião com Representante das instituições parceiras e participantes: 07/07/11 .
    • Trazer formulário de Inscrição e Termo de Compromisso impresso .
    • 1º Módulo de capacitação : 08 a 12/08/11
  • 24. Avisos
    • Contrapartida:
    • Transporte
    • Estada (hospedagem)
    • Alimentação
    • Outros apoios