• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Aula1   2012-2
 

Aula1 2012-2

on

  • 573 views

 

Statistics

Views

Total Views
573
Views on SlideShare
573
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
9
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Aula1   2012-2 Aula1 2012-2 Presentation Transcript

    • Comunicação Digital PP UNIVALI Aula 1 Prof Marco Antonio Pinheiro 2012/2
    • Comunicação Digital Aspectos sociais das tecnologias da informação e comunicação  Comunicação na Sociedade em Rede  Desenvolvimento tecnológico, a sociedade e as suas economias
    • Comunicação Digital Agentes inteligentes e comunidades virtuais  Comunidades Virtuais  Sistemas de busca  Redes sociais e distribuição de informação  SEO (search engine optimization) e SEM (Search Engine Marketing)
    • Comunicação Digital Suportes tecnológicos  Grupos de ferramentas digitais e noções de programação, hospedagem linguagens e formatos, custos e investimentos.  Tendências e demais suportes tecnológicos: mobile, realidade aumentada, games.
    • Comunicação Digital Planejamento e desenvolvimento  O marketing e a comunicação estratégica digital: público, mercado, meios de consumo, foco, formas de atingir e o que fazer para atender objetivos estratégicos  Usabilidade e interfaces digitais  Cases de comunicação digital
    • Comunicação Digital Bibliografia  Básica  Sociedade em Rede – Manuel Castells  Sem e Seo: dominando o marketing de busca – Martha GABRIEL  Cultura da convergência Henry JENKINS  Linked: a nova ciência dos networks. BARABASI, Albert-Laszlo.  SEO: otimização de Sites – Aplicando técnicas de otimização de sites com uma abordagem prática
    • Comunicação Digital Bibliografia  Complementar  Marketing na era digital: conceitos, plataformas e estratégias - GABRIEL, Martha  Redes Sociais na internet RECUERO, Raquel  Os 8ps do Marketing Digital, ADOLFO, Conrado
    • Comunicação Digital Avaliações  M1 – 2 atividades (seminário + prova)  M2 – 3 atividades (Trabalho +Fórum +Prova)  M3 – 2 atividades (Implementação + Prova)
    • Porque olhar o passado? Para compreender o presente e prever o futuro
    • Porque olhar o passado? Admirável Mundo Novo (1932)
    • Porque olhar o passado? 1984 (1948)
    • Porque olhar o passado? Neuromancer (1984)
    • Sociedade em Rede (Manuel Castells) A Revolução da Tecnologia da Informação  Tão importante quanto a revolução industrial  Toda nova tecnologia transforma as práticas sociais  A informação é a matéria prima desta revolução
    • Sociedade em RedeProcesso de Transformação Tecnológico
    • Sociedade em RedeEconômico
    • Sociedade em Rede Social
    • Sociedade em RedeCultural
    • Sociedade em Rede A Instabilidade do Sistema está na dependência das conexões criadas nesta Sociedade em Rede
    • A CRIAÇÃO DA INTERNET
    • A Web  Criação da interface da World Wide Web  Desenvolvida por Tim Berners-Lee em 1990  Inspirada na Teoria do Hipertexto de Ted Nelson  Transferência de textos e figuras a partir de programa  Bases para a interface estão prontas  HTML: convertia informação em hipertexto  HTTP: permitia conexão entre computadores  Faltava o software que rodaria a linguagem  Programa WorldWideWeb foi criado dezembro 1990  Códigos do navegador tornam-se de domínio público
    • WorldWideWeb
    • WorldWideWeb
    • Mosaic
    • Mosaic Netscape
    • Reflexão O erro da Microsoft
    • Netscape 2.02FireFox 10
    • ReflexãoO que mudou?Tecnologia e DesignManeira de navegar é a mesma
    • O Que é Web 2.0 “O termo Web 2.0 é utilizado para descrever a segunda geração da World Wide Web - tendência que reforça o conceito de troca de informações e colaboração dos internautas com sites e serviços virtuais” Folha de São Paulo on-line Adaptado de @erionline
    • Web 1.0 Web 2.0Produção de conteúdo Descentralizada centralizada a Taxonomia FolksonomiaRede de computadores Rede + Plataforma Complexidade Simplicidade
    • Web 2.0 éColaboração - sites exploram ao máximo a interatividade (humana ehumana/sistema) para geração de inteligência coletiva.
    • www.wikipedia.com
    • http://br.answers.yahoo.com/
    • Web 2.0 éSocial - realmente construída pensando nas pessoas. Sites Web 2.0promovem a interação entre internautas.
    • Web 2.0 éConteúdo produção de conteúdo descentralizada. Usuários criam,classificam,customizam e publicam conteúdos na web 2.0.Internautas podem publicar conteúdos em diferentes suportes midiáticos ( textos digitais, áudio,fotografia, vídeo)..
    • Web 2.0 éSimplicidade a curva de aprendizagem é curta. Não énecessário saber programar para criar uma página na Internet ou para usarqualquer outra aplicativo web 2.0. Qualquer pessoa pode utilizar as ferramentas danova web de forma bastante simples.
    • Web 2.0 éPlataforma - A internet é um plataforma onde programassão executados on-line. Programas típicos de desktop começam a surgir nainternet como editores de textos e planilhas, programas de edição de imagem,editores de áudio e vídeo, entre outros.Ex.: Google Docspreadsheet, Think Free, Picnik, Zoho
    • Web 2.0 éFolksonomia usuários classificam suas informações pelainserção de rótulos (tags) , o que permite recuperá-las de forma mais rápida nofuturo.Ex.: Del.icio.us, Flickr
    • Nuvensde tags www.flirckr.com
    • Cultura da convergência de Henry Jenkins, 2006
    • Cultura da convergênciaHenry Jenkins Introdução Convergência. s.f. Palavra que define mudanças tecnológicas, culturais, industriais, culturais e sociais no modo de como as mídias circulam em nossa cultura. Cultura participativa. s. f. Cultura em que fãs e outros consumidores são convidados a participar ativamente da criação e da circulação de novos conteúdos.
    • Cultura da convergênciaHenry Jenkins Introdução Onde ocorre a convergência? Não nos aparelhos mais modernos, mas no cérebro de cada consumidor (p. 30) Novo atacando o velho? Não. Mídias novas e velhas se interagirão em formas cada vez mais complexas.
    • Cultura da convergênciaHenry Jenkins Desvendando os segredos de Survivor Inteligência coletiva. c. f. Pierre Lévy. Capacidade das comunidades virtuais em alavancar conhecimentos. Spoiler. s. m. ing. Qualquer revelação sobre o conteúdo de uma série de TV.
    • Cultura da convergênciaHenry Jenkins Narrativa transmídia. s. f. Histórias que se desenrolam em múltiplas plataformas, cada um deles contribuindo de forma distinta para compreensão do universo.
    • Cultura da convergênciaHenry Jenkins Enter the Matrix, tentativa de fechar os furos do filme Para o casual, Matrix exigiu demais e para o fã, ofereceu de menos.
    • Cultura da convergênciaHenry Jenkins Exemplo de narrativa transmídia: Webisodes
    • Cultura da convergênciaHenry Jenkins Criatividade alternativa. s. f. Versões alternativas de histórias iniciadas pelos meios tradicionais, mas produzida pelos próprios fãs, em circulação na internet. Cultura tradicional / cultura de massa / convergência (p. 194)
    • Cultura da convergênciaHenry Jenkins Letramento midiático. s. m. Aprendizado na nova cultura, em novas mídias digitais.
    • Seminário sobre Cultura da Convergência Objetivo – Discutir os diversos cases relacionados a Cultura da Convergência que existem na Web atualmente. Dinâmica  Divisão da turma em grupos;  Escolher um case ligado a Cultura da Convergência e fazer o enquadramento dele em um dos 3 tópicos abaixo.  Inteligência Coletiva  Narrativa Transmídia  Criatividade Alternativa
    • Seminário sobre Cultura da Convergência  Apresentar o case fazendo correlação com os conceitos do livro (15 a 20 minutos)  Pode ser usado qualquer material da internet  O roteiro da apresentação é livre  Data da Apresentação – 13/03/2012  Critérios de Avaliação  Didática, Segurança e Coesão do Grupo  Tempo de Apresentação  Recursos Utilizados  Pertinência do Tema