0
Carnaval 2010
Pesquisa do Perfil Socioeconômico do Turista
RESIDÊNCIA PERMANENTE DOS TURISTAS




                                                   Exterior
                       ...
RESIDÊNCIA PERMANENTE DOS BRASILEIROS




            LUGAR DE RESIDÊNCIA               Part. %
                          ...
RESIDÊNCIA PERMANENTE DOS BRASILEIROS


                     Residência Permanente   Part. %

          Pernambuco        ...
RESIDÊNCIA PERMANENTE DOS ESTRANGEIROS



          PAÍSES     Part. %

    Alemanha          15,31
    Portugal          ...
FAIXA ETÁRIA DOS TURISTAS




                                      FAIXA ETÁRIA   Part. %


                        18 a ...
SEXO


                                  MASCULINO                        48,32 %

                                 FEMINI...
RENDA INDIVIDUAL MENSAL DOS BRASILEIROS (R$)




            BRASILEIROS  Part. %                             30,00

     ...
MEIOS DE HOSPEDAGEM UTILIZADOS EM
 PERNAMBUCO



                             Meios de Hospedagem   Part. %


            ...
PERMANÊNCIA MÉDIA EM PERNAMBUCO




                  TURISTAS EM GERAL                7,7 DIAS



                  TURIS...
GASTO MÉDIO INDIVIDUAL DIÁRIO                      EM
 PERNAMBUCO




                  TURISTAS EM GERAL                R...
PRINCIPAIS VEÍCULOS DE                                      PROPAGANDA          NA
INFLUÊNCIA DA VIAGEM



               ...
EXPECTATIVA EM RELAÇÃO AO CARNAVAL
 DE PERNAMBUCO


                                                                 Não s...
PRINCIPAIS MOTIVAÇÕES PARA ESCOLHA DO
 CARNAVAL



                          45,00
                          40,00   42,71...
AVALIAÇÃO GERAL DO CARNAVAL DE PERNAMBUCO

                                                              AVALIAÇÃO (%)    ...
RECOMENDAÇÃO DO CARNAVAL DE PERNAMBUCO
 A OUTRAS PESSOAS


                                                    Não
       ...
INTENÇÃO DE VOLTAR A PERNAMBUCO NOS
 PRÓXIMOS CARNAVAIS




                                                   Não sabem
 ...
OCUPAÇÃO DA REDE HOTELEIRA NO CARNAVAL


                                                     TAXA DE OCUPAÇÃO DAS        ...
NÚMERO DE VISITANTES E RECEITA GERADA
DURANTE O CARNAVAL



   Demanda hoteleira - Fluxo de hóspedes                      ...
Carnaval 2010
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Carnaval 2010

812

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
812
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
15
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Carnaval 2010"

  1. 1. Carnaval 2010 Pesquisa do Perfil Socioeconômico do Turista
  2. 2. RESIDÊNCIA PERMANENTE DOS TURISTAS Exterior 7,74% Brasil 92,26% Fonte: EMPETUR - Unidade de Gestão da Informação
  3. 3. RESIDÊNCIA PERMANENTE DOS BRASILEIROS LUGAR DE RESIDÊNCIA Part. % Demais NORDESTE 60,47 Estados Pernambuco 16,61 39,53% Ceará 10,47 Alagoas 7,61 Nordeste Paraíba 7,35 60,47% Rio Grande do Norte 7,09 Bahia 6,57 Sergipe 2,51 Maranhão 1,47 Piauí 0,78 DEMAIS ESTADOS 39,53 TOTAL 100,00 Fonte: EMPETUR - Unidade de Gestão da Informação
  4. 4. RESIDÊNCIA PERMANENTE DOS BRASILEIROS Residência Permanente Part. % Pernambuco 16,61 São Paulo 15,57 Ceará 10,47 Rio de Janeiro 8,30 Alagoas 7,61 Paraíba 7,35 Rio Grande do Norte 7,09 Bahia 6,57 Distrito Federal 3,81 Minas Gerais 3,37 Sergipe 2,51 Paraná 1,56 Maranhão 1,47 Rio Grande do Sul 1,47 Amazonas 0,87 Piauí 0,78 Goiás 0,78 Pará 0,69 Espírito Santo 0,60 Santa Catarina 0,52 Amapá 0,52 Outros 1,48 Total 100,00
  5. 5. RESIDÊNCIA PERMANENTE DOS ESTRANGEIROS PAÍSES Part. % Alemanha 15,31 Portugal 12,24 Israel Itália 11,22 3,06% Outros Alemanha Estados Unidos 10,20 19,41% 15,31% Espanha 7,14 Portugal Inglaterra França 6,12 12,24% 3,06% Holanda 4,08 Suiça 4,08% Itália Noruega 4,08 11,22%, Noruega Suiça 4,08 4,08% Espanha Estados Unidos Inglaterra 3,06 10,20% França 7,14% Israel 3,06 6,12% Argentina 2,04 Holanda Áustria 2,04 4,08% Chile 2,04 Dinamarca 2,04 Paraguai 2,04 Outros 9,21 Total 100,00
  6. 6. FAIXA ETÁRIA DOS TURISTAS FAIXA ETÁRIA Part. % 18 a 25 anos 25,18 26 a 35 anos 32,66 De 26 a 35 anos 34,14 De 36 a 50 anos 25,51 De 51 a 65 anos 14,46 Acima de 65 anos 2,19 TOTAL 100,00 IDADE MÉDIA 36 ANOS Fonte: EMPETUR - Unidade de Gestão da Informação
  7. 7. SEXO MASCULINO 48,32 % FEMININO 51,68% ESTADO CIVIL SOLTEIRO 56,17 % CASADO 33,89% OUTRO 9,94% Fonte: EMPETUR - Unidade de Gestão da Informação
  8. 8. RENDA INDIVIDUAL MENSAL DOS BRASILEIROS (R$) BRASILEIROS Part. % 30,00 (SALÁRIO MÍNIMO) 25,00 26,03% Menos de 1 8,82 1a3 26,03 20,00 Part. % 4a5 16,33 17,03% 16,33% 15,00 5 a 10 17,03 13,19% 12,14% 8,82% 10 a 20 12,14 10,00 Mais de 20 6,46 6,46% 5,00 Sem rendimento 13,19 TOTAL 100,00 0,00 RENDA MENSAL DOS ESTRANGEIROS R$ 6.559,25 Fonte: EMPETUR - Unidade de Gestão da Informação
  9. 9. MEIOS DE HOSPEDAGEM UTILIZADOS EM PERNAMBUCO Meios de Hospedagem Part. % Casa de parentes/ amigos 63,05 Hotel 18,04 Pousada 7,50 Casa/ Apartº. de aluguel 5,43 Casa própria 2,23 Resort 1,52 Flat/ Apart 1,04 Outro 1,19 Total 100,00 Fonte: EMPETUR - Unidade de Gestão da Informação
  10. 10. PERMANÊNCIA MÉDIA EM PERNAMBUCO TURISTAS EM GERAL 7,7 DIAS TURISTAS HOSPEDADOS EM HOTÉIS 5,7 DIAS TURISTAS BRASILEIROS 7,1 DIAS TURISTAS ESTRANGEIROS 9,8 DIAS Fonte: EMPETUR - Unidade de Gestão da Informação
  11. 11. GASTO MÉDIO INDIVIDUAL DIÁRIO EM PERNAMBUCO TURISTAS EM GERAL R$ 111,41 TURISTAS HOSPEDADOS EM HOTÉIS R$ 194,76 TURISTAS BRASILEIROS R$ 104,65 TURISTAS ESTRANGEIROS R$ 196,52 Fonte: EMPETUR - Unidade de Gestão da Informação
  12. 12. PRINCIPAIS VEÍCULOS DE PROPAGANDA NA INFLUÊNCIA DA VIAGEM Jornal Revista 3% Outro 7% 3% Televisão 87% Fonte: EMPETUR - Unidade de Gestão da Informação
  13. 13. EXPECTATIVA EM RELAÇÃO AO CARNAVAL DE PERNAMBUCO Não souberam Decepcionou opinar 4,83% 0,86% Superou a expectativa 47,90% Correspondeu 46,41% Fonte: EMPETUR - Unidade de Gestão da Informação
  14. 14. PRINCIPAIS MOTIVAÇÕES PARA ESCOLHA DO CARNAVAL 45,00 40,00 42,71% 35,00 30,00 25,00 Part. % 20,00 19,93% 18,43% 15,00 3,36% 2,99% 10,00 3,61% 1,% 7,97 5,00 0,00 Fonte: EMPETUR - Unidade de Gestão da Informação
  15. 15. AVALIAÇÃO GERAL DO CARNAVAL DE PERNAMBUCO AVALIAÇÃO (%) AVALIAÇÃO ENTRE ÓTIMO E ITENS AVALIADOS ÓTIMO BOM REGULAR RUIM PÉSSIMO BOM 1.ATRATIVOS Hospitalidade/ povo 44,93 47,69 6,37 0,67 0,34 92,62 Atrativos Turísticos 44,43 47,95 5,86 0,88 0,88 92,38 2. EQUIPAMENTOS E SERVIÇOS TURÍSTICOS Empresa/Serviço de Receptivo 34,41 58,75 4,94 1,33 0,57 93,16 Informações turísticas 33,75 51,39 10,08 2,02 2,77 85,14 Meios de hospedagem 43,52 44,68 9,03 1,85 0,93 88,19 Serviços de alimentação 26,99 56,61 12,50 2,90 1,00 83,61 Comércio/ compras 22,90 66,97 7,83 1,38 0,92 89,87 3. INFRA-ESTRUTURA DE APOIO TURÍSTICO Sinalização urbana e turística 13,16 55,01 6,16 21,16 4,51 68,17 Segurança pública 24,77 51,90 16,68 3,96 2,70 76,66 Sanitários públicos 7,72 23,15 26,21 17,68 25,24 30,83 Limpeza pública 10,44 34,54 30,02 12,25 12,75 44,98 Transporte urbano coletivo 15,34 60,06 15,97 4,31 4,31 75,40 4. SOBRE O CARNAVAL Acesso aos polos de folia 25,56 55,26 13,28 2,88 3,01 80,83 Divulgação do Carnaval 35,91 52,42 7,34 1,70 2,62 88,34 Caixas eletrônicos 16,12 53,65 13,37 8,06 6,80 69,77 Sanitários públicos 3,86 20,23 23,41 18,86 33,64 24,09 Serviços médicos 20,00 50,00 18,75 3,75 7,50 70,00 Iluminação pública 21,40 64,19 12,37 1,60 0,44 85,59 Programação dos shows artísticos 46,80 45,49 6,27 0,78 0,65 92,29 Programação dos festejos 42,19 53,02 3,66 0,98 0,14 95,22 Apresentação das agremiações carnavalescas 51,30 46,25 2,18 0,14 0,14 97,54 QUALIDADE AMBIENTAL 17,62 57,74 17,79 3,85 2,99 75,36 AVALIAÇÃO GERAL DO CARNAVAL 57,04 38,32 4,02 0,38 0,25 95,36 AVALIAÇÃO GERAL DE PERNAMBUCO 27,52 60,22 10,51 1,42 0,33 87,74
  16. 16. RECOMENDAÇÃO DO CARNAVAL DE PERNAMBUCO A OUTRAS PESSOAS Não 1,99% Não sabem 1,87% Sim 96,14% Fonte: EMPETUR - Unidade de Gestão da Informação
  17. 17. INTENÇÃO DE VOLTAR A PERNAMBUCO NOS PRÓXIMOS CARNAVAIS Não sabem 20,19% Sim 79,81% Fonte: EMPETUR - Unidade de Gestão da Informação
  18. 18. OCUPAÇÃO DA REDE HOTELEIRA NO CARNAVAL TAXA DE OCUPAÇÃO DAS PERMANÊNCIA MUNICÍPIOS UH´S MÉDIA (DIAS) ARQ. FERNANDO DE NORONHA 96,39 5,1 BARREIROS 93,33 4,0 BELÉM DO SÃO FRANCISCO 93,33 3,0 BEZERROS 99,50 4,0 CABO DE SANTO AGOSTINHO 94,64 4,2 GOIANA 90,00 3,8 ILHA DE ITAMARACÁ 99,00 4,2 IPOJUCA 96,05 4,8 JAB. DOS GUARARAPES 96,17 4,2 NAZARÉ DA MATA 100,00 5,8 OLINDA 98,82 4,8 PAULISTA 96,25 4,0 PESQUEIRA 98,33 4,0 RECIFE 99,55 4,4 SALGUEIRO 95,00 4,3 TRIUNFO 98,57 3,6 VITÓRIA DE SANTO ANTÃO 96,52 3,5 TOTAL 97,25 4,4 Fonte: EMPETUR - Unidade de Gestão da Informação Consulta telefônica direta junto aos hotéis no dia 18 de fevereiro de 2010.
  19. 19. NÚMERO DE VISITANTES E RECEITA GERADA DURANTE O CARNAVAL Demanda hoteleira - Fluxo de hóspedes 97.750 RMR 74809 Hóspedes nos 04 dias mais fortes do Carnaval 36839 Hóspedes nos 08 dias que antecedem o Carnaval (semana pré- carnavalesca) 37970 DEMAIS MUNICÍPIOS 22.941 Hóspedes nos 04 dias de Carnaval 22941 Fluxo global de Visitantes (turistas e excursionistas) 800.000 Turistas (visitantes que pernoitam) 350.000 Excursionistas (visitantes que não pernoitam) 450.000 Receita Turística R$ 370 milhões  Gasto Médio Individual Diário do turista em geral R$111,41  Permanência média do turista (dias) 7 dias  Gasto Médio individual diário do excursionista R$ 55,00 Oferta UHS/dia (N.º de aptos., suites, quartos etc.) PE 23.596 Oferta leitos/dia (N.º de camas disponíveis no hotel) PE 62.701
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×