Concordância Verbal
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Concordância Verbal

on

  • 2,361 views

 

Statistics

Views

Total Views
2,361
Views on SlideShare
2,301
Embed Views
60

Actions

Likes
0
Downloads
68
Comments
0

5 Embeds 60

http://portuguesfundamental.blogspot.com.br 37
http://www.portuguesfundamental.blogspot.com.br 16
http://blogportuguesbasico.blogspot.com.br 3
http://portuguesfundamental.blogspot.com 2
http://www.blogportuguesbasico.blogspot.com.br 2

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Concordância Verbal Concordância Verbal Presentation Transcript

    • CONCORDÂNCIA VERBAL Língua Portuguesa
    • CONCORDÂNCIA VERBALCERTO OU ERRADO?No ano passado, teve início as conferências. ERRADOFoi anunciado, em São Paulo, os nomes que compõem o Ministério. ERRADOFicou provado, desta forma, as tentativas de suborno. ERRADOEspero que seja explicado as razões de seus atos. ERRADOFaltam dois reais. CERTOExiste aí coisas horríveis. ERRADOHavia aí coisas horríveis. CERTO
    • CONCORDÂNCIA VERBALFlexões que o verbo da oração deve sofrer para se ajustar ao sujeito.É definida por regras que têm como referência o padrão culto da língua portuguesa.Deve-se levar em consideração o sujeito da oração e a regra de concordância para esse sujeito.
    • CONCORDÂNCIA VERBAL1.1) Regra geral O verbo concorda com o núcleo do sujeito em número (sing./pl.) e pessoa (1ª, 2ª, 3ª). criticamos Ex.: Nós jamais _________ tuas atitudes. (criticar) Molhava ________ a rua uma chuvinha fina e fria. (molhar)
    • CONCORDÂNCIA VERBAL OUTRAS REGRAS 1.2) Com sujeito simples  a) A maior parte de, uma porção de + nome plural: o verbo fica no singular ou plural. Ex.: A maior parte dos animais escapou / escaparam do zoológico. MAS O bando escapou do zoológico. b) Mais de, menos de, perto de + numeral: o verbo concorda com o numeral. Ex.: Mais de um animal escapou. / Mais de dez animais escaparam. Mais de um político cumprimentaram-se. (reciprocidade=plural)
    • CONCORDÂNCIA VERBALc) Verbo + se:• quando o se é pronome apassivador, o verbo concorda com o sujeito (que está na frase).Ex.: Alugaram-se alguns caminhões. (Alguns caminhões foram alugados)• quando o se é índice de indeterminação do sujeito, o verbo fica na 3ª pessoa do singular.Ex.: Precisou-se de bons reforços. (não é possível transformar em voz passiva analítica – verbo trans. ind. ou intransitivo).
    • CONCORDÂNCIA VERBALd) Relativos que e quem: se o sujeito é o pronome que, o verbo concorda com o antecedente desse pronome.Ex.: Hoje sou eu que começo a partida. se o sujeito é o pronome quem, o verbo pode ficar na 3ª pessoa do singular ou concordar com o antecedente desse pronome.Ex.: Foram os meninos quem quebrou/ quebraram a vidraça.
    • CONCORDÂNCIA VERBALe) Nome próprio no plural:o verbo concorda com o artigo.Ex.: Os Andes ficam na América do Sul.;Se não houver artigo, o verbo fica no singular.Ex.: Santos localiza-se no litoral paulista.
    • CONCORDÂNCIA VERBALf) Pronome interrogativo (qual, quem) ou indefinido (algum, nenhum, alguém) + de nós / de vós se o pronome estiver no singular, o verbo fica na 3ª pessoa do singular.Ex.: Qual de nós contará a verdade a ela? se o pronome estiver no plural, o verbo pode ficar na 3ª pessoa do plural ou concordar com o nós/vós.Ex.: Quais de nós contaremos / contarão a verdade a ela? Muitos dentre vós teríeis / teriam agido assim.
    • CONCORDÂNCIA VERBALg) Pronome de tratamento: o verbo fica sempre na3ª pessoa do sing. ou plural.Ex.: Vossa Majestade enganou seu próprio povo. Vossas Senhorias cometeram um grave erro.h) Um dos que: verbo no plural, mas pode ficar nosingular quando se deseja destacar a ação de alguém.Ex.: Maria foi uma das que me apoiaram. Ele foi um dos que me criticou severamente.
    • CONCORDÂNCIA VERBAL2.3) Com sujeito compostoa) Antes do verbo: verbo no plural.Ex.: O navio e a lancha voltaram.b) Depois do verbo: este concordará com todos os núcleos ou com o mais próximo.Ex.: Voltaram ao hotel o turista e a polícia. Voltou ao hotel o turista e a polícia.c) Com núcleos sinônimos ou indicadores de gradação: verbo no singular ou no plural.Ex.: A paz e a tranqüilidade reinava/reinavam naquele lugar. Um gesto, um movimento, um passo poderá/poderão incriminá-lo.
    • CONCORDÂNCIA VERBALd) núcleos resumidos por tudo, nada, alguém, ninguém: verbo no singular.Ex.: A ameaça, o terror, a agressão, nada o deteria.e) Pessoas gramaticais diferentes: com 1ª pessoa (eu/nós): verbo na 1ª pessoa do plural.Ex.: Ela, tu e eu partiremos amanhã.• sem 1ª pessoa: verbo na 2ª ou 3ª do plural.Ex.: Ela e tu partirão/partireis.
    • CONCORDÂNCIA VERBALd) Núcleos ligados por ou indicando exclusão, retificação ou equivalência: verbo concorda com o mais próximo.Ex.: Marcos ou César se casará com Luciana. O ladrão ou os ladrões não deixaram vestígio. A Semiótica ou a Semiologia é a ciência que estuda os signos. nos demais casos: verbo no plural.Ex.: A beleza ou a verdade sempre o emocionavam.
    • CONCORDÂNCIA VERBALe) Núcleos ligados por nem: verbo no plural (concordância mais usual).Ex.: Nem o amigo nem o irmão o criticaram. Se a ação só puder ser atribuída a um único sujeito: verbo no singular.Ex.: Nem Sérgio nem Jorge ocupou o cargo. Sujeito constituído pela série nem um … nem outro: verbo no singularEx.: Nem um nem outro compareceu ao exame.
    • CONCORDÂNCIA VERBALf) Núcleos ligados por com: quando se pretende dar a mesma importância a todos os núcleos: verbo no pluralEx.: O pedreiro com seu ajudante chegaram cedo. quando se pretende realçar o primeiro: verbo no singular.Ex.: O pedreiro com seu ajudante chegou cedo.
    • CONCORDÂNCIA VERBAL2.4) Verbo sera) Quando o sujeito e o predicativo são de números diferentes, o verbo pode ficar no singular ou no plural, embora o plural seja mais usual.Ex.: A vida são / é projetos sem fim.b) Quando o sujeito ou o predicativo referem-se a pessoa, o verbo ser concorda com esta.Ex.: O velhinho doente era as angústias da família. Nossa maior alegria são os amigos.c) Quando o sujeito for um nome próprio, o verbo ser concorda com este.Ex.: Os Sertões são a obra-prima de Euclides da Cunha.
    • CONCORDÂNCIA VERBALd) Se o sujeito se referir a coisa ou objetos, o verbo concorda preferencialmente com o predicativo.Ex.: A tristeza são os dias perdidos da juventude.e) Quando o sujeito é um pronome pessoal, o verbo concorda com este.Ex.: Ele era as preocupações do pai.Obs.: Havendo dois, o verbo concorda com o primeiro.Ex.: Eles não são nós, e nós não somos eles.f) Quando o sujeito é constituído pelos pronomes tudo, isso, isto ou aquilo, o verbo concorda com o predicativo.Ex.: Tudo eram alegrias.
    • CONCORDÂNCIA VERBALg) Quando o sujeito indica uma quantidade no plural, e o predicativo é representado por uma palavra como muito, pouco, o bastante, etc., o verbo fica no singular.Ex.: Duzentos gramas de carne é pouco. Cinco reais é bastante para o lanche.h) Na indicação de horas e distâncias, concorda com o numeral.Ex.: Daqui à cidade são dez quilômetros. Agora são seis horas da manhã.i) Na indicação de datas, concorda com o numeral ou com a palavra dia, se estiver expressa na frase.Ex.: Hoje são 20 de abril. / Hoje é dia 20 de abril.
    • CONCORDÂNCIA VERBAL2.5) Verbos impessoaisa) Haver (= existir ou acontecer): fica no singular (tantosozinho quanto em locução verbal).Ex.: Não haverá outros interessados? Não poderá haver outros interessados?b) Fazer (= tempo transcorrido ou a transcorrer): fica nosingular (tanto sozinho quanto em locução verbal). Ex.: Ontemfez dois meses que ele morreu. Amanhã vai fazer dois anos que eu a conheci.
    • CONCORDÂNCIA VERBALc) Outros verbos Fenômenos da naturezaEx.: Chove há três dias sem parar. MAS  Choveram pedras. (pedras = sujeito)Chegar de e bastar de (imperativo)Ex.: Chega de firulas! Vamos ao assunto. Basta de conversas, meninos!Passar de: verbo na 3ª pessoa do singularEx.: Já passava das oito horas, quando ela chegou.