Your SlideShare is downloading. ×
0
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Estados unidos
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Estados unidos

2,861

Published on

Published in: Education
0 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
2,861
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
103
Comments
0
Likes
3
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. A data oficial da fundação dos Estados Unidos é 4 de julho de 1776, quando o Segundo congresso Continental, representando as 13 colônias secessionistas, assinou a declaração da independência. Contudo, a estrutura do governo sofreu uma grande mudança em 1788, quando os Artigos da Confederação foram substituídos pela Constituição dos Estados Unidos. A cidade de New York foi a capital durante um ano, antes do governo transferir-se para a Filadélfia. Em 1791, os estados ratificaram a Carta dos Direitos, dez emendas à constituição que proíbem as restrições às liberdades pessoais e garantem uma série de proteções legais. Os estados do norte aboliram a escravidão entre 1780 e 1804. Em 1800, o governo federal mudou-se para Washington, DC (Distrito de Columbia). No intuito de expandir seu território em direção ao o oeste, o governo americano iniciou um ciclo de guerras contra as populações indígenas, que durou até o fim do século XIX. A guerra contra a Inglaterra, que acabou empatada, serviu para reforçar o nacionalismo americano.
  • 2. Os Estados Unidos são considerados um "país megadiverso": cerca de 17 000 espécies de plantas vasculares ocorrem nos Estados Unidos Continentais e no Alasca, e mais de 1 800 espécies de plantas são encontradas no Havaí, algumas das quais ocorrem no continente. Os Estados Unidos são o lar de mais de 400 espécies de mamíferos, 750 de aves e 500 de répteis e anfíbios. Cerca de 91 000 espécies de insetos têm sido registradas. O território nacional conta com múltiplas formas de acidentes geográficos e é comum dividir-se a parte dos Estados Unidos na América do Norte excluindo o Alasca em três grandes regiões orográficas: a ocidental, a central e a oriental. À medida que se avança para o interior, a planícies costeiras do litoral Atlântico dão lugar a bosques caducifólios e à meseta de Piedmont. Os Apalaches separam a costa oriental dos Grandes Lagos das pradarias do centro-oeste. As montanhas de Serra Nevada e a Cordilheira das Cascatas (Cascade Range) se encontram próximas à costa do Pacífico.115 O Monte McKinley, no Alasca, com6 194 metros de altitude, é o ponto mais alto do país e de todo o continente. Os vulcões ativos são comuns ao longo do Alasca e nas Ilhas Aleutas e no estado do Havaí só existem ilhas vulcânicas. O supervulcão localizado no Parque Nacional de Yellowstone, nas Montanhas Rochosas, é a maior vulcão do continente.
  • 3. O principal sistema hidrográfico do país, formado pelos rios Mississipi e Missouri e o terceiro maior sistema fluvial do mundo, percorre o centro dos Estados Unidos de norte a sul. A pradaria plana e fértil das Grandes Planícies se estende até ao oeste, até ser interrompida por uma região de terras altas no sudoeste. As Montanhas Rochosas, na borda ocidental das Grandes Planícies, atravessam a nação do norte até o sul, chegando a altitudes superiores a 3 400 metros.Ainda na região oeste encontram-se a Grande Bacia do Nevada (Great Basin) e desertos, como o de Mojave, Sonora e Chihuahua. Sua grande extensão e variedade geográfica, inclui a maioria dos tipos de clima. A leste do meridiano 100 oeste, o clima varia de continental úmido no norte, a subtropical úmido no sul. A ponta sul da Flórida é tropical, assim como o Havaí. As Grandes Planícies a oeste do meridiano 100 são semiáridas. Grande parte das montanhas ocidentais são alpinas. O clima é árido na Grande Bacia, desértico no sudoeste, mediterrânico na costa da Califórnia e oceânico nas costas do Oregon e de Washington e sul do Alasca. A maior parte do Alasca é subártico ou polar. Climas extremos não são incomuns; os países do Golfo do México são propensos a furacões e a maioria dos tornados do mundo ocorrem no interior do país, principalmente na Tornado Alley ("Alameda dos Tornados"), no Centro-Oeste.
  • 4. O inglês é a língua nacional de facto. Embora não haja nenhuma língua oficial em nível federal, algumas leis, como os requisitos para naturalização, padronizam o inglês. Em 2006, cerca de 224 milhões de pessoas, ou 80% da população com idades entre cinco anos ou mais, falava apenas inglês em casa. O espanhol, falado em casa por 12% da população, é o segundo idioma mais comum e a segunda língua estrangeira mais ensinada. Alguns americanos defendem o inglês como a língua oficial do país, como é em, pelo menos, vinte e oito estados do país. Tanto o havaiano quanto o inglês são as línguas oficiais no Havaí por lei estadual. Enquanto não tem uma língua oficial, o Novo México tem leis que preveem a utilização dos idiomas inglês e espanhol, a Louisiana tem leis para o inglês e o francês. Outros estados, como a Califórnia, obrigam a publicação de versões em espanhol de alguns documentos do governo, incluindo de tribunais. Vários territórios insulares concedem o reconhecimento oficial para suas línguas nativas, juntamente com o inglês: samoano e chamorro são reconhecidas pela Samoa Americana e Guam, respectivamente; caroliniano e o chamorro são reconhecidos pelas Ilhas Marianas do Norte, o espanhol é uma língua oficial de Porto Rico.
  • 5. A música dos Estados Unidos reflete a população multiétnica através de uma gama de estilos diversos. Rock and roll, blues, country, rhythm and blues, jazz, pop, techno, e hip hop estão entre os gêneros musicais do país mais reconhecidos internacionalmente, algumas formas de música popular americana têm ganhado audiência global. Os povos nativos foram os primeiros habitantes dos Estados Unidos e tocaram sua primeira música. Começando no século XVII, imigrantes do Reino Unido, Irlanda, Espanha, Alemanha e França começaram a chegar em grande número, trazendo consigo novos estilos e instrumentos. Escravos africanos trouxeram tradições musicais e cada leva de imigrantes contribuiu para a miscigenação. Muito da moderna música popular tem suas raízes ligadas à música negra americana (com influência do blues) e ao crescimento da música gospel nos anos 1920 do século passado. A base afro-americana da música popular utilizou elementos vindos da música europeia e indígena. Os Estados Unidos tiveram também influência das tradições musicais e da produção musical na Ucrânia, Irlanda, Escócia, Polônia, América latina e nas comunidades judaicas, entre outras. Muitas cidades americanas têm um cenário musical vibrante e, em cada uma, estilos regionais florescem. Juntamente com grandes centros musicais como Seattle, Nova Iorque, Minneapolis, Chicago, Nashville, Austin e Los Angeles, muitas cidades menores têm produzido destacados estilos musicais. O "Cajun" (em inglês, Cajun), a música da Lousiana, a Música havaiana, o Bluegrass, a música antiga do Sudeste dos Estados Unidos são alguns exemplos da sua diversidade musical.
  • 6. A Bandeira Estrelada Oh, diga, você vê, pelas primeiras luzes do amanhecer O que tão orgulhosamente nos cintila por último ao crepúsculo? De quem faixas largas e estrelas luminosas, pela briga perigosa, O as muralhas que nós assistimos, era assim tão galante fluindo. E o clarão vermelho dos foguetes, as bombas que estouram no ar, Deu-nos prova pela noite que nossa bandeira ainda estará lá. Oh, diga, faça aquela bandeira coberta de estrelas tremular contudo O a terra do livre e a casa do valente? Na orla vagamente vista, pelas névoas do fundo, Onde o anfitrião altivo do inimigo em silêncio de temor repousa, O que é que que a brisa, o'er o sobressaindo íngreme, Como isto sopros, meio esconde, meio descobre? Agora pega a cintilação da primeira viga da manhã, Em completamente glória refletida, agora brilhos no fluxo: Está a bandeira coberta de estrelas: oh, muito tempo possa onda O'er a terra do livre e a casa do valente. E onde é aquela faixa que assim juraram Que o assolamento de guerra e a confusão da batalha Uma casa e um país deveriam deixar nenhum mais para nós? O sangue deles(as) desapareceu na poluição do passo sujo deles(as). Nenhum refúgio poderia salvar o empreado e escravo do terror de vôo, ou a obscuridade do sepulcro: E a bandeira coberta de estrelas em onda de triunfo A terra do livre e a casa do valente! Oh, assim sempre seja isto quando os homens livres estarão. Entre a casa amada deles(as) e a desolação da guerra! Abençoado com vitória e paz, possa a terra céu- salvada Louve o Poder que fez e nos preservou uma nação. Então conquiste nós devemos, quando nossa causa é justa. E este é nosso lema: " Em Deus está nossa confiança ". E a bandeira coberta de estrelas em triunfo ondulará A a terra do livre e a casa do valente.
  • 7. Essa seleção de ídolos da música internacional traz os nomes dos cantores e cantoras mais famosos dos Estados Unidos em 2012. Esses artistas já gravaram seus nomes na história da indústria fonográfica norte-americana. • Entre os homens, os mais famosos são: Justin Bieber, David Guetta, Pitbull, Jason Derulo, Chris Brown, Taio Cruz, Adam Levine, Drake, Usher e Bruno Mars. • Já as cantoras que mais se destacaram por suas vozes e performances nos Estados Unidos são: Beyonce, Nicki Minaj, Taylor Swift, Adele, Jennifer Lopez, Britney Spears, Rihanna, Lady Gaga, Shakira e Katy Perry.
  • 8. Lista feita pela “Parade Magazine” e “Entertainment Tonight” das personalidades mais populares nos Estados Unidos nos últimos tempos. 1º. Will Smith 2º. Tom Hanks 3º. Reese Witherspoon 4º. George Clooney 5º. Meryl Streep 6º. Brad Pitt 7º. Julia Roberts 8º. Johnny Depp 9º. Jennifer Aniston 10º. Patrick Dempsey
  • 9. As primeiras coisas que vem à mente quando pensamos sobre os hábitos alimentares dos americanos são: hambúrguer, batata frita, cachorro-quente, fast-foods em geral. Apesar de boa parte da população realmente comer isso, vale lembrar que os EUA são um dos maiores países do mundo, o que proporciona uma variedade cultural tremenda, refletindo na gastronomia de cada parte do país.
  • 10. Hambúrguer O hambúrguer não é um prato criado nos Estados Unidos, porém, é a primeira coisa que vem a mente quando pensamos na culinária de lá. Talvez seja por causa da quantidade de fast-foods, lanchonetes e filmes que mostram o hambúrguer como a refeição mais comum deles. Como todos sabem, é um espécie de sanduíche com carne picada (normalmente bovina, mas existem outras variedades), que pode levar os mais variados recheios e ser de muitos tamanhos. Meatloaf O meatloaf é uma espécie de bolo de carne moída, assado ou defumado, que ficou bastante popular nos EUA durante o período de grande depressão (após a quebra da bolsa de Nova York, em 1929). Atualmente existe uma infinidade de receitas de Meatloaf, com diversos molhos e recheios.
  • 11. Fried Chicken With Mashed Potatoes Talvez o prato mais popular dos Estados Unidos, o fried chicken with mashed potatoes (ou frango frito com purê de batata, caso prefira a tradução) pode ser encontrado principalmente nos estados do sul. Vale notar que o consumo de batatas pelos americanos é bastante alto, lá tem a função que o arroz possui no Brasil (prover carboidratos). O frango frito com molhos diversos também é famoso por lá, inclusive há redes de fast-food disso. Sundae O Sundae é uma das mais conhecidas sobremesas dos Estados Unidos. Consiste em bolas de sorvete com algum tipo de xarope (entre os mais comuns estão chocolate, morango e caramelo). Não se sabe ao certo em que lugar do país o Sundae foi inventado, pois há pelo menos 4 cidades que dizem ser as criadoras da guloseima.
  • 12. Barbecue O Barbecue não é nada mais que o churrasco deles. Diferentemente daqui, da Argentina ou do Uruguai, o churrasco norte americano é baseado mais nos molhos que eles colocam nas carnes do que nas carnes em si. Falando em carne, lá é muito mais utilizada a carne de porco para o churrasco. O “barbecue” é mais popular na região sul também, mas há associações e estilos de churrasco por todo o território americano. Penne a la Vodka Por ser um país com um histórico de imigração, algumas colônias influenciaram também na culinária norte- americana. Um exemplo disso são os pratos ítalo- americanos, como o Penne a La Vodka. Consiste em um prato de penne (não diga!), feito com vodka, creme de leite, tomate, cebola e em algumas variações, com bacon ou salsicha. É bastante popular no Nordeste dos EUA.
  • 13. Apple Pie Apesar de não ser um prato tipicamente americano (foi criado na Europa muitos séculos atrás), a Torta de Maçã se popularizou da tal maneira na vida dos estadunidenses que virou praticamente um item cultural deles, símbolo de algo que é legitimamente americano (como na expressão “as American as apple pie”).
  • 14. A viagem para os Estados Unidos é uma das mais desejadas pela grande maioria dos brasileiros. Com a facilidade para a obtenção do visto de turista, a procura aumenta cada vez mais. Saindo do Brasil, existem voos diretos para as seguintes cidades americanas: Miami, Orlando, Atlanta, Charlotte, Dallas, Houston, Detroit, Los Angeles, Nova York e Washingt A língua oficial é o inglês, mas em algumas partes do país é bem comum ouvir o espanhol como segunda língua (apesar de não ser oficializada). Por causa disso também, há um idioma híbrido, o “spanglish” mistura do espanhol com inglês, mais comumente falado nas regiões de fronteira entre Estados Unidos e México e em cidades com muitos imigrantes latinos, como Nova York e Miami.on. É o 4º maior país do mundo em extensão territorial e por causa disso, são muitos os destinos atraentes para turistas.
  • 15. Nova York Considerada por muitos a capital do mundo, Nova York possui atrações de todos os tipos. Entre seus pontos turísticos mais famosos, não podemos deixar de destacar a Estátua da Liberdade, o Empire State Building e a Brooklyn Bridge. Além disso, são muitos os restaurantes, bares e boates estrelados, que justificam a fama de vida noturna bastante agitada. Mas New York não é somente isso. Também é possível visitar muitos museus, como o de História Natural, o Guggenhein e o Museu de Arte Moderna (MoMa).
  • 16. Miami Miami é uma das cidades mais visitadas por brasileiros atualmente. Além de possuir voos diretos partindo de algumas cidades do país, é também famosa por causa de seus preços. Muitos vão apenas para fazer compras nos outlets da cidade. Mas Miami é muito mais do que somente compras. A cidade possui uma das mais agitadas vidas noturnas dos EUA, e também muitas belas praias, não apenas na região central, como também em municípios vizinhos, como Miami Beach.
  • 17. Orlando A cidade de Orlando é a cidade dos Estados Unidos mais procurada por turistas, sendo eles estadunidenses ou estrangeiros, principalmente por ser a porta de entrada para muitos parques de diversões, entre eles os parques da Disney. Os parques mais conhecidos são: Epcot Center, Busch Gardens, Universal Studios, Disney’s Hollywood Studios, Magic Kingdom e Animal Kingdom, entre muitos outros. Orlando também possui muitos outlets como o Premium Outlet e o Prime Outlet.
  • 18. San Francisco Situada na Califórnia, San Francisco é bem conhecida por causa de seu principal cartão-postal Golden Gate, a famosa ponte que é um dos cartões postais dos Estados Unidos. Mas além da ponte, você poderá visitar alguns dos inúmeros museus da cidade, como o Museu de História Natural e o de Arte Moderna. Você também pode andar nos célebres bondinhos e depois visitar a Ilha de Alcatraz, onde até a década de 1980 funcionava uma prisão de segurança máxima.
  • 19. Washignton D. C. Washington D. C. é a capital dos Estados Unidos. É uma cidade com diversos atrativos. Lá você poderá visitar a Casa Branca, o Capitólio dos Estados Unidos, a Suprema Corte e o Jardim Botânico.
  • 20. Las Vegas Localizada no estado de Nevada, a cidade atrai turistas de todo o mundo por causa de sua aura gambler. Seja para desfrutar dos grandes hotéis ou dos cassinos na Strip, cada ano que passa mais pessoas vão para Las Vegas.
  • 21. Chicago Apesar de não aparecer com certa frequência em listas sobre destinos nos EUA, Chicago recebe mais de 40 milhões de turistas por ano, sendo que 11 milhões são estrangeiros. Para se ter uma base, o Brasil todo recebeu 5,5 milhões de turistas estrangeiros em 2011. Mas o que as pessoas vão fazer por lá? Tem o Millenium Park, o Chicago Cultural Center, o Navy Pier e também o Skydeck Chicago’s The Ledge.
  • 22. Boston A capital de Massachussets está em nossa lista de principais destinos por causa de atrações como a Freedom Trail, que te levará por muitos dos principais pontos turísticos da cidade. Além disso, não deixe de visitar a infinidade de atrações culturais, como os museus. Entre eles, podemos destacar o MIT Museum e o Museu de Ciência. Outra boa pedida para conhecer em Boston é o New England Aquarium.
  • 23. Havaí Um dos destinos que não costuma ser citado, mas que atrai muitos turistas é o Havaí (ou Hawaii, grafia original em inglês). O conjunto de ilhas no Oceano Pacífico é muito visitado pelos próprios americanos, além de japoneses, canadenses, chineses e australianos. As atrações turísticas estão em sua grande maioria concentradas em cinco ilhas: Hawai’i, O’ahu, Maui, Kaua’i e Lãna’i. Muitas opções de mergulho, snorkel e resorts estão disponíveis nas ilhas.

×