PROJETO: FÁBULAS NA SALA DE AULA - ESCOLA GENIVAL NUNES DA COSTA - VILHENA/RO

85,413 views

Published on

Published in: Education
1 Comment
3 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
85,413
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
571
Actions
Shares
0
Downloads
280
Comments
1
Likes
3
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

PROJETO: FÁBULAS NA SALA DE AULA - ESCOLA GENIVAL NUNES DA COSTA - VILHENA/RO

  1. 1. Projeto: “ FÁBULAS NA SALA DE AULA ”
  2. 2. Instituição: E.E.E.F.Dep. Genival Nunes da Costa Município: Vilhena Público Alvo: 2º “A” e 2º “B”Ensino Fundamental Período de execução: 15 de fevereiro a 16 de julho. Autora:Izeni A. Vilela Co-autores: Izeni, Penha, Marcileide, Edinólia, Vilma e Isael Coordenadora: Izeni Alves Vilela
  3. 3. INTRODUÇÃO A fábula é uma narrativa curta em prosa ou verso, que apresenta, via de regra, uma moralidade ao final. De modo geral ou quase sempre, os personagens são animais que pensam, sentem, agem e falam como se fossem pessoas, assumem comportamento humano, revelando questões relacionadas às relações éticas, políticas ou questões de comportamento.
  4. 4. Justificativa Considerando que os alunos da escola Genival Nunes apresentam dificuldade na escrita e pouco acesso à leitura, surgiu a idéia de trabalhar com o gênero textual fábula, por ser uma leitura de fácil compreensão dos alunos.
  5. 5. Foi Esopo, no século VI a.C., na Grécia Antiga, o responsável por introduzir as fábulas na tradição escrita. Muitos séculos depois a escrita das fábulas foi retomada por diversos escritores e no século XVII, coube ao francês La Fontaine, o redirecionamento e a renovação deste gênero.
  6. 6. Autores trabalhados <ul><li>Esopo </li></ul><ul><li>La Fontaine </li></ul><ul><li>Monteiro Lobato </li></ul><ul><li>Millor Fernandes </li></ul><ul><li>José Justiniano </li></ul><ul><li>Outros </li></ul>
  7. 7. OBJETIVO GERAL Contribuir para a comprensão do gênero textual fábula, incentivando a leitura, a escrita, a reecrita, a produção de texto, motivando os educando a elaborar melhor a interpretação a cerca de tudo que lê e vive em seu dia-a-dia, elevando sua auto-estima através da arte, da música, da dança, da dramatização de textos transformados em peças teatrais. OBJETIVOS ESPECÍFICOS Compreender que a Fábula é um texto narrativo em verso ou prosa, que chamamos de ficcional, no sentido da história imaginada, que tem uma moral,em que os personagens agem num certo tempo num determinado lugar. _Direcionar os alunos a conhecer diferentes versões de uma mesma fábula e diferentes fábulas, através de materiais impressos: (livros, revistas, jornais), vídeos: (filmes em desenho, teatro de sombra, desenho em fantoche). _Despertar no aluno o hábito da leitura e da escrita, da criação, da produção e da reprodução de textos, refletindo sempre os valores que são transmitidos através das fábulas. Refletir com os alunos os valores que são transmitidos através das fábulas; Visitar sites para conhecer outras fábulas dos autores; Garantir sempre que possível o trabalho em grupo; Levar o aluno a conhecer diferentes versões de uma mesma fábula através de vídeos e materiais impressos (livros, revistas e jornais); Favorecer o desenvolvimento criativo dos alunos, através de diferentes expressões, tais como: desenhos e dramatizações.
  8. 8. <ul><li>Mídias Utilizadas: </li></ul><ul><li>Impressa: Livros, revistas, jornais, cartazes, murais. </li></ul><ul><li>TV vídeo: DVD, filmadoras, câmera digital. </li></ul><ul><li>Rádio: micro-sistem, cds, caixas amplificadas, microfones, aparelho de DVD, MP4. </li></ul><ul><li>Informática: computador, impressora,internet, cd-rom, pen-drive, software, data-show. </li></ul>
  9. 10. Meta Ao final do projeto, espera-se que os alunos tenham interagido com várias fábulas sabendo distingui-las dos demais gêneros textuais. Que façam análise das moralidades, reflexões sobre a mesma e acima de tudo que haja mudança de comportamento.
  10. 11. Avaliação Foi analisado o nível de conhecimento dos alunos referente ao gênero textual fábulas através de: observação de participação, confecções sugeridas, reescrita de texto e instrumental de avaliação .
  11. 12. / Blog da escola: htt//escolagenivalnunesdacosta.blogspot.com
  12. 13. CRÉDITOS: <ul><li>Imagens – 2º A e 2º B </li></ul><ul><li>Componentes do curso: Izeni Vilela, Maria da Penha, Edinólia C. dos Santos, Marcileide F. De S. Mendes, Vilma Nuines Vieira e Isael R. Lima. </li></ul><ul><li>Elaboração slides: Izeni e Penha. </li></ul>
  13. 14. REFERENCIAS CARVALHO, Maria Angélica Freire de. MENDONÇA, Rosa Helena. Práticas de leitura e escrita – Brasília: Ministério da Educação, 2006. FERNANDES, Mônica Teresinha Ottoboni Sucar. Trabalhando com os gêneros do discurso : narrar: fábula. São Paulo: FTD, 2001. Parâmetros Curriculares Nacionais: Língua Portuguesa/ Secretaria de educação Fundamental.-Brasília:144p. http://www.geocities.com/universodasfabulasesopo/frame_esopo.html http://www.contandohistoria.com/fabulas.htm http://br.geocities.com/mitologica_2000/fabulas.htm http://criancas.uol.com.br/historias/fabulas http://www.f9.felipex.com.br/fabulas.htm http://portal.mec.gov.br/seed/arquivos/pdf/tvescola/grades/salto_ple.pdf www.google.com.br

×