Historia da internet

  • 1,793 views
Uploaded on

Este foi o 1º trabalho do 2º Período

Este foi o 1º trabalho do 2º Período

More in: Technology , Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
1,793
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
30
Comments
0
Likes
1

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Historia da Internet
  • 2. Como surgiu?
    A Internet surgiu a partir de pesquisas militares nos períodos da Guerra Fria. Na década de 1960, quando dois blocos ideológicos e politicamente antagónicos exerciam enorme controlo e influência no mundo, qualquer mecanismo, qualquer inovação, qualquer ferramenta nova poderia contribuir nessa disputa liderada pela União Soviética e por Estados Unidos: as duas superpotências compreendiam a eficácia e necessidade absoluta dos meios de comunicação. Nessa perspectiva, o governo dos Estados Unidos temia um ataque russo às bases militares. Um ataque poderia trazer a público informações sigilosas, tornando os EUA vulneráveis. Então foi idealizado um modelo de troca de informações que permitisse a descentralização das mesmas.
  • 3. O que é ?
    A Internet é um conjunto de redes em escala mundial de milhões de computadores interligados pelo TCP/IP que permite o acesso a informações e todo tipo de transferência de dados. Ela carrega uma ampla variedade de recursos e serviços, incluindo os documentos interligados por meio de hiperligações.
    De acordo com dados de Março de 2007, a Internet é usada por 16,9% da população mundial (quase 1,1 bilhão de pessoas).
  • 4. Redes de Internet
    Rede : quando dois ou mais computadores se ligam entre si, inicia-se uma rede. Uma rede implica um servidor, uma máquina que gere relações entre si e as outras e executa ordens. O conceito de rede foi um importante passo em frente no modo como realizamos o nosso trabalho e mudou definitivamente a gestão da informação. A possibilidade de poder aceder a uma outra máquina aumenta as vantagens daquela em que nos encontramos.
    Podem apontar-se, classicamente, três tipos de redes:        LAN – Local AreaNetwork (rede local)        WAN – WideAreaNetwork (rede dispersa)        MAN – MetropolitanAreaNetwork
    Através do protocolo TCP/IP, a tendência vai no sentido de tornar as redes locais (LAN) em intranets e extranets, utilizando cada vez mais a ligação entre locais distantes via Internet, economizando graças às chamadas locais.
    Questões de segurança e velocidade, são ainda o justificativo para se montar redes WAN e MAN, mas à medida que se vai conseguindo melhorar a segurança e aumentar a largura de banda, a popularidade do protocolo TCP/IP solidifica-se.
  • 5. Perigos da internet
    O fenómeno da Internet é, sem dúvida, algo de muito positivo, uma vez que nos abre as portas da informação global, de uma forma que não sonharíamos há alguns anos atrás. Poder ler a maioria dos jornais do mundo tocando apenas algumas teclas; ter acesso a um sem número de enciclopédias; ou simplesmente ver que filmes estão no cinema, são uma parte ínfima da vastidão de temas e materiais que se podem conseguir na Net. No entanto, quando uma porta como esta, se abre, é natural que algumas coisas negativas por ela entrem. E se algumas delas não terão uma importância por aí além, outras requerem alguns cuidados por parte de pais e educadores.
  • 6. Que perigos?
    Nem sempre é tarefa fácil distinguir entre aquilo que é, ou não, perigoso/ilegal. Dos riscos que “saltam à vista”, a pornografia é, desde logo, o mais conhecido. O acesso é fácil e os materiais abundam. Mais grave, a pornografia infantil é, infelizmente, outro dos problemas da Net, embora o acesso não seja tão fácil como para a primeira. Não faltam também os sites de conteúdo racista, xenófobo, ou de puro incitamento à violência. No entanto, por vezes o perigo pode vir de uma conversa aparentemente inocente tida num programa de conversa a distancia, o “chat”.
  • 7. Os perigos habituais:
    O visionamento de material impróprio (ex: pornografia)
    Incitamento à violência e ao ódio
    Violação da privacidade
    Violação da lei
    Encontros “online” com pessoas menos recomendáveis
    Drogas
    O uso de internet para pedofilia .
  • 8. O que fazer?
    Em primeiro lugar recomenda-se aos pais que comecem por conversar abertamente com os seus filhos, alertando-os sobre o lado negativo da Internet e aconselhando-os a evitar os seus perigos. Orientar é sem duvida melhor que proibir.
    O crime também existe na Net e está configurado na lei. É assim possível apresentar queixa às autoridades, quando tal se justifique. Embora não seja fácil em algumas situações trazer os culpados perante a justiça, cada vez mais vêm a publico casos em que os criminosos são efectivamente julgados e condenados (pedofilia, tráfico de crianças, crimes informáticos, etc.)
    Existem alguns meios de controlar a “navegação”, que podem restringir aquilo a que a que a criança pode ter acesso. Alguma dessa informação encontra-se online quase sempre em inglês (a língua que domina a Net), mas também se pode encontrar alguma em português. Para encontrar esses conselhos deve-se  usar um motor de busca  e procurar, por exemplo, “perigos da Internet”, ou “a Internet e as crianças”. Alguns desses motores de busca são:
    www.sapo.pt ; www.aeiou.pt ;   www.altavista.com   ; www.excite.com
  • 9. Formas de Protecção
    O nunca digas as tuas passwords a ninguém
    Nunca dês informações sobre ti, de forma a poderes ser identificado (nome, telefone, morada, foto)
    Não abras e-mails de quem não conheças (pode conter um vírus!)
    Evita o envolvimento em discussões desagradáveis
    Abandona os “chats” se alguém for rude ou desagradável contigo
    Nunca deves ter encontros com “amigos” feitos online, sem a presença de um adulto, de preferência os teus pais. (Na realidade não sabes quem esses amigos são)
    Pede ajuda aos teus pais e/ou aos professores quando tiveres algum problema
  • 10. Resumo:
    Como viste a internet tem muitas maneiras boas de ser usada, como por exemplo jogos, musica . Apenas devemos ter cuidado ao usa-la .
    Trabalho feito por : Francisco , Jorge e Luís .