Referencial seminários
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

Referencial seminários

on

  • 1,652 views

REFERENCIAL PARA EXECUÇÃO DE SEMINÁRIO-DEBATE-SESI 388

REFERENCIAL PARA EXECUÇÃO DE SEMINÁRIO-DEBATE-SESI 388

Statistics

Views

Total Views
1,652
Views on SlideShare
1,652
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
14
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Referencial seminários Presentation Transcript

  • 1. SEMINÁRIO-DEBATE A QUESTÃO DA TERRA NO BRASIL: Concentração fundiária e as suas origens históricas MST TERRA INDÍGENA RESERVARAPOSA SERRA DO SOL NOVO CÓGIGO FLORESTAL
  • 2. ORIENTAÇÕES Não deixar de consultar o GERAIS referencial: “como conduzir uma boa apresentação” http://sites.google.com/site/professorluis geo/ensino-medio---sesi/2o-ano (obrigatório) Fazer uma apresentação em power point considerando o que segue abaixo. Lembre-se de apresentar imagens, tabelas, gráficos etc. que podem enriquecer a sua apresentação oral. Faça uma síntese dos textos e monte o slide com o mínimo de texto possível. (ver referencial para apresentação oral) A apresentação de um vídeo de no máximo 5 minutos (pode ser editado pelo grupo com auxílio do Windows Movie Maker - ou similar) que represente o tema pesquisado é obrigatório. Trazer a apresentação e o vídeo em um pen drive no dia da apresentação. Recomenda-se uma interação com a sala de aula durante a apresentação, estimulando a participação do grupo e dos colegas que acompanham a apresentação. Após a apresentação dos grupos do dia será aberto a discussão para um debate entre os dois grupos. Cada grupo fará uma série de três questões (uma questão de cada vez e por grupo) para o outro grupo responder (justificar) com direito a réplica e tréplica. Em nenhum momento o grupo que faz a defesa do seu ponto de vista poderá ser interrompido, para isso é que todos terão o momento de resposta (réplica e tréplica). Se houver interrupção o grupo que a fizer terá o seu direito de resposta cancelado, ou seja, não terá direito a réplica ou se for o caso tréplica. A FONTE DE PESQUISA PODERÁ (E DEVERÁ) SER AMPLIADA NÃO SE RESTRINGINDO AOS SITES DO REFERENCIAL, QUE SERVEM APENAS COMO DIRETRIZES GERAIS PARA A EXUCAÇÃO DO TRABALHO
  • 3. MST Questões para debate Estrutura do trabalho Alguns aspectos
  • 4. QUESTÕES PARA DEBATE MST x Ruralistas/imprensaA proposta do MST para a reforma agrária – MST herói ou vilão.O MST e o caso Cutrale.O MST e a senadora Katia Abreu.
  • 5. MST-prós ESTRUTURA DO TRABALHO 1. O que são movimentos sociais http://www.brasilescola.com/sociologia/movimentos-sociais-breve- definicao.htm http://www.youtube.com/watch?v=MnvBjjb6ido&NR=1&feature=fvwp 2. A concentração fundiária e a reforma agrária http://educacao.uol.com.br/geografia/ult1701u47.jhtm 3. Sobre o MST 3.1 História http://www.mst.org.br/node/7702 3.2 Objetivos http://www.mst.org.br/node/7703 3.3 Poemas e poesias (escolher um ou dois poemas para leitura durante a apresentação) http://www.mst.org.br/taxonomy/term/331
  • 6. MST-prós 4. O MST e a imprensa 4.1 a imprensa é confiável? http://www.sindsprevrj.org.br/jornal/secao.asp?area=19&entrada=2361 4.2 O caso Cutrale As laranjas podres da Cutrale http://zequinhabarreto.org.br/?p=3430 Para incriminar MST, imprensa corporativa ignora grilo da Cutrale http://zequinhabarreto.org.br/?p=3296 MST X CUTRALE: O que é mais chocante? http://zequinhabarreto.org.br/?p=3293 4.3 O “caso” Katia Abreu http://www.terramar.org.br/oktiva.net/1320/nota/158503 https://centrodeestudosambientais.wordpress.com/2009/12/02/golpe-contra- camponeses/ http://www.mst.org.br/taxonomy/term/568
  • 7. Outras fontes de pesquisa – pró MST TEXTOS MST-lutas e conquistas http://www.mst.org.br/node/8629 http://www.mst.org.br/sites/default/files/MST%20Lutas%20e%20Co nquistas%20PDF.pdf MAPAS, TABELAS E GRÁFICOS http://www4.fct.unesp.br/nera/atlas/estrutura_fundiaria.htm VÍDEOS Paulo Freire: MST e a Busca da Autonomia. (OBRIGATÓRIO) http://www.youtube.com/watch?v=7rx2mw9iF5s
  • 8. Outras fontes de pesquisa – pró MST FILMES “Terra para Rose” (DESEJÁVEL) - Rose sonhou com a conquista da terra, com um futuro melhor para o seu filho. Como todas as outras mulheres das mil famílias que invadiram a Fazenda Anoni, no Rio Grande do Sul, em 1985, Rose aprendeu a compartilhar seu destino com a mesma força com que sonhava. O desejo comum dos sem-terra era para ela mais do que apenas ser solidário na mesma luta. E Rose faltou de Reforma Agrária enquanto amamentava o filho, fazia comida ou ajudava no acampamento. Emoção de verdade é a tônica deste documentário que traz imagens fortes. Imagens das 8 mil pessoas enfrentaram o frio, a fome e as tropas militares enquanto lutavam por um pedaço de terra para plantar. Um filme de Tetê Moraes. http://www.armazemmemoria.com.br/cdroms/videotecas/MST/00ArmazemMemoria/Tema/08_videos/04 2.html “Terra é mais que terra” - O documentário "Terra é mais que terra" mostra a construção de uma nova sociedade pelas famílias de trabalhadores que vivem nos assentamentos de Reforma Agrária coordenados pelo MST. Através dos depoimentos de trabalhador@s rurais, este audiovisual busca preencher a lacuna intencionalmente estabelecida pelo "latifúndio" da comunicação, que caracteriza superfcialmente a questão agrária e o MST http://www.armazemmemoria.com.br/cdroms/videotecas/MST/00ArmazemMemoria/Tema/08_videos/010 .html “A classe roceira” Documentário produzido nos anos 80 por Berenice Mendes retrata a luta pela terra no Paraná e a formação do MST neste estado como resposta à inoperância do 1º Plano Nacional de Reforma Agrária. Guarda o registro das músicas cantadas pelos acampados para motivar a luta de todos. http://www.armazemmemoria.com.br/cdroms/videotecas/MST/00ArmazemMemoria/Tema/08_videos/02 8.html
  • 9. MST-contras 1. O que são movimentos sociais http://pessoas.hsw.uol.com.br/movimentos-sociais.htm http://www.youtube.com/watch?v=MnvBjjb6ido&NR=1&feature=fvwp 2. A concentração fundiária (terras) e “O Estatuto da Terra” http://www.clickescolar.com.br/a-concentracao-fundiaria.htm http://pt.wikipedia.org/wiki/Estatuto_da_Terra 3. “os ruralistas” CNA http://www.canaldoprodutor.com.br/sobre-sistema-cna/missao-visao- objetivos#wrapper A “Bancada” ruralista http://pt.wikipedia.org/wiki/Bancada_ruralista
  • 10. MST-contras 4. O MST, a Imprensa e o banditismo 4.1 O MST e o banditismo http://contraburrice.blogspot.com/2009/03/mst-banditismo-e-delinquencia.html http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/mst-via-campesina-praticam-terrorismo/ 4.2 O caso Cutrale MST desocupa, mas deixa fazenda da Cutrale destruída http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,mst-desocupa-mas-deixa-fazenda-da- cutrale-destruida,447395,0.htm Fotos da fazenda após o MST deixar o local http://www.estadao.com.br/interatividade/Multimidia/ShowGaleria.action?idGaleria= 2259 Terrorismo rural: MST destrói pés de laranja de fazenda em SP http://www.youtube.com/watch?v=dIHwfzSqxSw&feature=player_embedded 4.3 O “caso” Katia Abreu http://www.senadorakatiaabreu.com.br/ http://www.recid.org.br/index.php?option=com_content&task=view&id=1338&Itemi d=2
  • 11. Outras fontes de pesquisa –contra MST TEXTOS MST http://veja.abril.com.br/100500/p_042.html http://veja.abril.com.br/260400/p_036.html MAPAS, TABELAS E GRÁFICOS http://www4.fct.unesp.br/nera/atlas/estrutura_fundiaria.htm VÍDEOS MST: organização criminosa http://www.youtube.com/watch?v=8JDcDQjyjyE Dom Bertrand responde sobre Invasões do MST http://www.youtube.com/watch?v=hjYdwEAGfZ8&feature=relat ed
  • 12. MST- alguns aspectos... Movimento Sem Terra se organiza em torno de três objetivos principais:• Lutar pela terra;• Lutar por Reforma Agrária;• Lutar por uma sociedade mais justa e fraterna.
  • 13. MST- os opositores (ruralistas) Na política do Brasil, a bancada ruralista constitui uma frente parlamentar que atua na defesa dos interesses dos grandes proprietários rurais, embora, por razões estratégicas, às vezes se coloque ao lado das reivindicações dos pequenos produtores
  • 14. TERRA INDÍGENA RESERVA RAPOSA SERRA DO SOL (TIRRSS)  Questões para debate  Estrutura do trabalho  Alguns aspectos
  • 15. QUESTÕES PARA DEBATE TIRRSS DEMARCAÇÃO DAS TERRA ÍNDÍGENAS RAPOSA SERRA DO SOL (TIRSS) – DEMARCAÇÃO CONTÍNUA X DEMARCAÇÃO DESCONTÍNUA PRODUÇÃO DE ARROZ Invasão/destruição/comprometimento da qualidade de vida na reserva X necessidade de produção de arroz AMEAÇA A SOBERANIA NACIONAL (PERDEREMOS TERRITÓRIO PARA OS PAÍSES VIZINHOS?)-INTERNACIONALIZAÇÃO DA AMAZÔNIA A terra sendo dos índios (Reservas Indígenas) colabora para a preservação de nossas fronteiras X terras indígenas-risco a soberania, perderemos as nossas terra (Amazônia) DEMARCAÇÃO CONTÍNUA X DEMARCAÇÃO DESCONTÍNUA
  • 16. TIRRSS-RURALISTAS/ARROZEIROS ESTRUTURA DO TRABALHO 1. OS AGENTES: Governador (e os produtores de arroz) Igreja Militares ONG ( e os índios) http://g1.globo.com/Noticias/Brasil/0,,MUL471438-5598,00- RIQUEZAS+MINERAIS+PODEM+EXPLICAR+CONFLITOS+NA+RESERVA+RAPOSA+SERRA+DO+SOL.html 2. CRÍTICA A DEMARCAÇÃO CONTINUA DA RESERVA. (“os envolvidos”) Arrozeiros, Bancada ruralista, Governo de Roraima, Parte do Exército, Agricultores reassentados ( falar sobre a posição de cada um) http://www.nautilus.com.br/clientes/pontes/diversos/infograficos/Raposa/raposa.htm http://www.slideshare.net/pegadafs/demarcao-de-scontnua 3.. INTERNACIONALIZAÇÃO DA AMAZÔNIA Interesses internacionais na demarcação de Raposa E A PRODUÇÃO DE ALIMENTOS http://www.roraimaemfoco.com/colunistas/polca-mainmenu-46/2307-anchieta-jr-diz-que-hnteresses-internacionais-na- demarca-de-raposa.html Soberania nacional em risco http://www.istoe.com.br/reportagens/9014_SOBERANIA+NACIONAL+EM+RISCO http://www2.camara.gov.br/tv/materias/CAMARA-HOJE/187545-REBELO-CRITICA-DEMARCACAO-CONTINUA-EM-RAPOSA- SERRA-DO-SOL.html (vídeo)
  • 17. TIRRSS-RURALISTAS/ARROZEIROS ESTRUTURA DO TRABALHO 4. A PRODUÇÃO DE ARROZ COMPROMETIDA O que diz os produtores de arroz http://resistenciamilitar.blogspot.com/2009/02/carta-dos-arrozeiros-de-roraima.html Conflito em terra indígena ameaça produção de arroz em Roraima http://www.noticiasdaamazonia.com.br/2566-conflito-em-terra-indigena-ameaca- producao-de-arroz-em-roraima/ Raposa: Líder arrozeiro diz que PF é Gestapo http://oglobo.globo.com/pais/mat/2008/08/24/raposa_lider_arrozeiro_diz_que_pf_ge stapo_tupiniquim_-547918534.asp VÍDEO Arrozeiro afirma que saída dos produtores de Roraima inviabilizou o estado http://www.noticiasagricolas.com.br/videos/entrevistas/53363-exclusivo-arrozeiro- afirma-que-saida-dos-produtores-de-roraima-inviabilizou-o-estado.html http://www.youtube.com/watch?v=qqSLPio_Wyg&feature=player_embedded http://www.youtube.com/watch?v=XpYsvQnfAFY
  • 18. TIRRSS-POVOS INDÍGENAS ESTRUTURA DO TRABALHO 1. Reserva Raposa Serra do Sol 1.1-Introdução Localização, área, população etc. http://pt.wikipedia.org/wiki/Raposa_Serra_do_Sol 1.2 Mapa (acrescente outros mapas e imagens) Demarcação contínua e descontínua Malocas indígenas Fazendas de arroz Estradas 1.3 Cronologia (linha do tempo) Antes do século XX (chegada dos brancos)- 2009 (decisão histórica- demarcação) http://www.estadao.com.br/especiais/a-disputa-pela-raposa-serra-do- sol,17895.htm
  • 19. TIRRSS-POVOS INDÍGENAS ESTRUTURA DO TRABALHO 2. A necessidade de demarcação contínua da reserva (“os envolvidos”) A favor: Governo Federal, Funai, CIR, Igreja, Ibama http://www.nautilus.com.br/clientes/pontes/diversos/infograficos/Raposa/raposa.htm http://oglobo.globo.com/pais/mat/2009/03/19/demarcacao-continua-de-raposa-serra-do-sol- gera-polemica-754911667.asp 3. A AJUDA DOS POVOS INDÍGENAS NA PRESERVAÇÃO DAS FRONTEIRAS (contra a internacionalização da Amazônia) http://www.slideshare.net/pegadafs/a-ajuda-dos-povos-indgenas-na-preservao-das-fronteiras 4. A violência contra os povos indígenas Fotos http://www.cebsuai.org/content/view/760/50/ VÍDEOS http://www.youtube.com/watch?v=6wzpe1ML0ts&feature=player_embedded http://www.slideshare.net/mmcbrasil/raposa-serra-do-sol-presentation-760123 Filme Luta na Terra de Makunaima http://www.youtube.com/results?search_query=Luta+na+Terra+de+Makunaima&aq=f
  • 20. Terra Indígena Reserva Raposa Serra do Sol - Alguns aspectos
  • 21. O “Novo” Código Florestal Questões para debate Estrutura do trabalho Alguns aspectos
  • 22. QUESTÕES PARA DEBATE O “Novo” Código Florestal 1. RESERVA LEGAL - ANISTIA: multa para quem desmatou até 2008 É injusto com quem não desmatou e legitima o desmatamento X é justo 2. APP (ÁREA DE PROTEÇÃO PERMANENTE)-mata ciliar, encostas e topos de morros APP - Desmatamento traz sérios danos ambientais X é necessário, pois prejudica a agricultura/pequeno produtor/ribeirinho 3. RESERVA LEGAL, DESMATAMENTO E A QUESTÃO DOS MÓDULOS FISCAIS – COM APP X RESERVA LEGAL SEM DESMATAMENTO
  • 23. CÓDIGO FLORESTAL-prós ESTRUTURA DO TRABALHO 1. O novo Código Florestal 1.1 Definição 1.2 Áreas de Preservação Permanente (APPs) 1.3 Reserva Legal 1.4 Módulo fiscal http://www.estadao.com.br/noticias/geral,entenda-a-polemica-sobre-o- novo-codigo-florestal,723612,0.htm http://www12.senado.gov.br/codigoflorestal/infograficos/principais- diferencas-entre-a-legislacao-atual-e-o-texto-aprovado-na-camara http://noticias.r7.com/blogs/infografia/2011/05/27/novo-codigo-florestal/ http://www.jb.com.br/pais/noticias/2011/05/25/veja-os-principais-pontos- da-proposta-do-novo-codigo-florestal/ http://oglobo.globo.com/pais/mat/2011/05/25/cna-celebra-novo-codigo- florestal-924532471.asp
  • 24. CÓDIGO FLORESTAL-prós ESTRUTURA DO TRABALHO 2. A defesa do Novo Código Florestal (TEMAS DO DEBATE) 2.1 Não há anistia para os desmatadores 2.2 Reserva legal sem desmatamento 2.3 APPs-necessidade de mais terras https://sites.google.com/site/professorluisgeo/ensino-medio--- sesi/2o-ano
  • 25. Outras fontes de pesquisa  VÍDEOS: Contexto histórico Áreas de Proteção Permanente Reserva Legal Anistia http://www.estadao.com.br/noticias/vidae,videos-entenda-o- novo-codigo-florestal,714380,0.htm A Favor http://abobado.wordpress.com/2011/02/20/novo-cdigo-florestal- eu-sou-a-favor/ ÁUDIO http://www1.folha.uol.com.br/multimidia/podcasts/920733-editor- da-folha-destaca-pros-e-contras-do-codigo-florestal-ouca.shtml
  • 26. CÓDIGO FLORESTAL-contras ESTRUTURA DO TRABALHO 1. O NOVO CÓDIGO FLORESTAL Definição - o que é? APPs - Margem de rios – mata ciliar (definição e contextualização com a questão do código Florestal) Reserva legal Anistia - Introdução Emenda 164 http://www12.senado.gov.br/codigoflorestal/news/entenda-os-principais-termos-utilizados-na-discussao-do-novo- codigo-florestal http://g1.globo.com/politica/noticia/2011/05/entenda-polemica-que-envolve-o-novo-codigo-florestal.html http://wwf.org.br/_core/general.cfc?method=getOriginalImage&uImgID=%25%2AB%24%2A%21%2EP%20%0A http://www.mataciliar.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=10 http://www.oecoamazonia.com/br/data-amazonia/infograficos/188-entenda-o-novo-codigo-florestal http://wwf.org.br/_core/general.cfc?method=getOriginalImage&uImgID=%25%2AB%24%2B%22NX%20%0A http://www.estadao.com.br/noticias/geral,entenda-a-polemica-sobre-o-novo-codigo-florestal,723612,0.htm http://www.jb.com.br/pais/noticias/2011/05/25/veja-os-principais-pontos-da-proposta-do-novo-codigo-florestal/ http://geoconceicao.blogspot.com/2010/07/novo-codigo-florestal.html
  • 27. Outras fontes de pesquisa  VÍDEOS: Contexto histórico Áreas de Proteção Permanente Reserva Legal Anistia http://www.estadao.com.br/noticias/vidae,videos-entenda-o-novo- codigo-florestal,714380,0.htm Pesquisa mostra a percepção dos brasileiros sobre o Código Florestal http://video.globo.com/Videos/Player/Noticias/0,,GIM1533294-7823- PESQUISA+MOSTRA+A+PERCEPCAO+DOS+BRASILEIROS+SOBRE+O+ CODIGO+FLORESTAL,00.html
  • 28. CÓDIGO FLORESTAL-contras ESTRUTURA DO TRABALHO 2. 2. A CRÍTICA AO NOVO CÓDIGO FLORESTAL (TEMAS DO DEBATE) Anistia para os desmatadores Desmatamento em APPs Reserva Legal, desmatamento e módulos fiscais https://sites.google.com/site/professorluisgeo/ensino-medio--- sesi/2o-ano
  • 29. O “Novo” Código Florestal Alguns aspectos Criado em 1965, o Código Florestal regulamenta a exploração da terrano Brasil, baseado no fato de que elaé bem de interesse comum a toda a população.
  • 30. APPs (Áreas de Preservação Permanente): Constituídas por florestas e demais formas de vegetação natural situadas ao longo de rios, cursos d’água, lagoas, lagos, reservatórios naturais ou artificiais, nascentes e restingas, entre outras NOSSO INTERESSE:  mata ciliar;  encostas ;  e topos de morros
  • 31. Módulo Fiscal Unidade de medida agrária usada no Brasil:  Na região Norte, varia de 50 a 100 hectares;  no Nordeste, de 15 a 90 hectares;  no Centro-Oeste, de 5 a 110 hectares;  na região Sul, de 5 a 40 hectares;  no Sudeste, de 5 a 70 hectares.
  • 32. Reserva Legal: Área localizada no interior de propriedade ou posse rural, excetuada a de preservação permanente (APP), necessária ao uso sustentável dos recursos naturais, onde não é permitido o desmatamento
  • 33. RESERVA LEGAL APPs Ponto de discórdia O NOVO CÓDIGO PREVÊ A SOMA DA ÁREA DE APP À ÁREA DE RESERVA LEGAL
  • 34. Charge do mês: PCdoB, aprovado pela bancadaruralista..“Ô Aldo Rebelo, o que que aconteceu, diz ser comunista e abraçou a Katia Abreu!”Essa era uma das palavras de ordem cantadas pela bancada da Oposição de Esquerda da UNEdurante o 52° CONUNE – Congresso da União Nacional dos Estudantes – ocorrido nos dias 13a 17 de Julho na cidade de Goiânia-GO.Ainda em ritmo de pós-CONUNE, nossa charge do mês não poderia ser diferente: