Your SlideShare is downloading. ×
Livro vol 1_caminho da palavra escrita_paulosergio_2011
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Saving this for later?

Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime - even offline.

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Livro vol 1_caminho da palavra escrita_paulosergio_2011

621
views

Published on

Published in: Education

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
621
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
11
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. 2EXECUÇÃO: Alunos da EJA e Prof. Paulo SérgioUNIDADE ESCOLAR: COL. EST. BARTOLOMEU BUENO DA SILVAPROFESSOR COORDENADOR: PAULO SÉRGIO DE O. SILVACOORDENADORA PEDAGÓGICA: SÍLVIA DE OLIVEIRA SILVADIRETORA: HÉLICA FERNANDA LEMES GONDINVICE-DIRETORA: ELAINE MARIA DE MACEDOCOL. EST. BARTOLOMEU BUENO DA SILVA PARANAIGUARA-GO 2011
  • 2. 3 É porque somos grandes defensores da PAZ eacreditamos na necessidade daluta contra as DROGAS, quedeixamos para todas as pessoas do mundo estas mensagens de PAZ, em favor da não violência...
  • 3. 4 AS 10 ATITUDES DE UM GUARDIÃO DA PAZ na opinião do 5º e 6º Semestre – 2ª Etapa EJA – CEBBS (janeiro a junho/2011)1. Quando alguém se esbarrar em você: Desculpe-o, porque pode ter sido sem querer. Tente se controlar e pergunte se quer ajuda. Todo mundo tem o seu momento de descuido.2. Quando alguém jogar lixo no chão: Pegue, jogue no lixo e tente aconselhar a pessoa a não fazer mais isso, porque ela tem que ter a consciência de que, com aquele pequeno lixo, pode trazer problemas para ela mesma.3. Quando alguém falar mal da sua mãe: Mesmo que fique nervoso, se controle. Saia de perto, já que não gosta de ouvir, porque se sente mal. Nós sabemos o que a nossa mãe é, então não precisamos brigar por algo que não é verdadeiro.4. Quando alguém falar mal de você: Deixe de lado e se afaste, porque, quem tem que cuidar da sua vida é você mesmo. O que o outro diz não pode ter um valor maior do que ele merece.5. Quando alguém te der um empurrão: Procure saber o porquê, explique que isso não se faz e saia de perto, porque não vale a pena se envolver numa briga, mesmo que, às vezes tenha vontade.
  • 4. 56. Quando alguém falar um palavrão: Explique que falar desse jeito é maltrato e mude de assunto ou finja que não ouviu e saia de perto, porque, só com paciência e educação temos uma boa vida em sociedade.7. Quando alguém furar a fila em sua frente: Não aceite, mas aja com paciência, peça licença, e, com educação, fale para a pessoa que ela está errada, porque todos temos os mesmos direitos e todos temos problemas a serem resolvidos.8. Quando o seu amigo se envolver em uma briga: Tente separá-los, acalmar os dois lados e acabar com a confusão, porque tudo se resolve com um bom diálogo.9. Quando alguém pegar algum objeto seu sem a sua permissão: Fale que não gostou da atitude, e que, da próxima vez, peça, já que é falta de ética mexer no que é do outro e tudo o que é conversado antes evita aborrecimentos.10. Quando alguém te oferecer algum tipo de droga (cigarro ou bebida alcoolica): Rejeite logo e o oriente a não usar, porque isso não faz bem para ninguém, faz muito mal à saúde e não queremos nos matar. Não precisamos de drogas para sermos felizes! 5º e 6º Semestre – 2ª Etapa-EJA e o Prof. Paulo Sérgio C.E.B.B.S. - 2011
  • 5. 6POR UM MUNDO MELHORO mundo seria muito melhorSe todos tivessem um pouquinho de amorE respeito para com o próximo.E se, em casa, os pais dessemMais amor para seus filhos,Com certeza, não haveria maldadeNo mundo em que vivemos.Temos que dar bons exemplospara nossas crianças,Para que, no futuro, sejam pessoas de bem;Para que saibam dizer NÃO às coisas erradas,Saibam ouvir com atenção o que os outros dizem;E vivam a vida com amor e sabedoria,Em casa, no trabalho, na escola, na rua,Ou em qualquer lugar em que estiverem.Seja um guardião da Paz você também.Só assim o mundo será bem melhor.E por onde você passar,Plante a sementinha da PazPara que não haja mais violência.Seja sempre um semeadorDa Paz e do Amor. Solange da Silva Faria EJA – 5º sem. – 2ª Etapa – CEBBS – 2011
  • 6. 7PARA SER UM VENCEDORDizer NÃO à violênciaÉ saber valorizar a vida.Quando as pessoas te humilham,Te julgam, ou tratam com preconceito,Não vá agredindo essas pessoas fisicamenteOu com palavras que as machuquem.Faça o melhor: entregue tudo a DeusE fale uma palavra positiva.Quando alguém te disser:“Eu te odeio!”, diga: “Eu gosto de você!”Se te falarem: “Desista, você não vai conseguir!”,Diga que não vai desistir,porque você é um vencedor.Você pode ajudar o nosso planetaFazendo a sua parte, colocando o lixo no lixo.Deixe os seus problemas de lado,Entre em seu lar com a PazQue passam para você.Valorize as pessoas ao seu redor.Nunca desista!Porque, quem desiste são os perdedoresE você é vencedor!!!Jesus te ama! Franciely dos Santos EJA – 5º sem. – 2ª Etapa – CEBBS - 2011
  • 7. 8 A PAZ NO MUNDOA Paz começa por nós mesmos.Para que o mundo tenha PazE a violência acabeÉ preciso que as pessoas entendamQue a vida pode ter alegria,Pode provocar menos lágrimas,Sempre ter felicidade,Tanto em casa, como nas ruasE na escola.A frase que eu mais falo é:“Ame a Deus em primeiro lugar,E ame a você mesmo,Para que possa amar o próximo!”Para ter Paz, é preciso ser amigo,Ter carinho, paciência, compreensão,E solidariedade;Sempre ajudar aos outrosSem pedir nada em troca.Só assim a violência pode acabarE mundo ter Paz! Lucilene de Sousa Marques EJA – 5º sem. – 2ª Etapa – CEBBS - 2011
  • 8. 9 VIVER A PAZPara encontrar a Paz,Procure fazer muitas amizades,Se relacionando muito bem com todos.Aja sempre com muito respeito e educação,Conscientizando-se dos problemasQue o mundo vem enfrentandoCom as atitudes erradas das pessoasEm relação ao meio ambiente,Transformando, assim, sua vidaNuma vida mais prazerosa,Cheia de amor, carinho e afetoPelas pessoas a seu lado...Porque, afinal,Todos precisamos viver em Paz! Rosenildo Souza dos Santos EJA – 5º sem. – 2ª Etapa – CEBBS - 2011
  • 9. 10 PAZ: a condição para um mundomelhorSe você pensa em Deus,Pense que haverá um mundo melhor.Nunca desista dos seus objetivos,Pois, mais cedo ou mais tarde,Você vai alcançá-lo.Seja forte para assistir à voltaQue o mundo vai dar.Diga NÃO a tudo aquiloQue gera violência.Lembre que haverá um mundo melhor... Sandra Rosa dos Santos EJA – 5º sem. – 2ª Etapa – CEBBS - 2011
  • 10. 11 A VERDADEIRA PAZA verdadeira PazÉ conhecer o que JesusPrometeu a seus filhos...Encontre essa Paz:Procure respeitar os direitos do próximo;Dê o máximo de carinho e amorPara as pessoas que precisam de você.Pois uma palavra de carinhoÉ como um bálsamo para um coração ferido.E um coração curado é um grandeTransmissor de Paz! Luzia Donizeth de Oliveira EJA – 5º sem. – 2ª Etapa – CEBBS - 2011
  • 11. 12 VIVER EM PAZVamos viver em PAZ,Pois onde há carinho e respeitoPode-se construir um mundo melhor.Diga NÃO às drogas,Diga NUNCA à violência,Seja uma pessoa do bem.Nunca maltrate os animais,Nunca maltrate as pessoas idosas...Vamos viver intensamente,Pensando em ter uma vida plena para todos!! Ana Flávia de Sousa EJA – 6º sem. – 2ª Etapa – CEBBS - 2011
  • 12. 13 A PAZ E UM SORRISOSeja pacífico e mais amável,Pois assim você será muito mais feliz.A Paz se conquista aos poucos...Veja tudo o que acontece ao seu lado,Os seus familiares e amigos;Cada um reage de forma diferenteDiante de uma situação.Quem é do bem vê a questãoSempre com a razão,Mantendo o equilíbrio em ambas as partes.Para ser um guardião da PazTem que estar sempre de bem consigo mesmoTodo o tempo.Prove que você também é um desses, poisQuem tem a Paz vive sempre sorrindo. Edvaldo Vicente da Silva EJA – 6º sem. – 2ª Etapa – CEBBS – 2011
  • 13. 14 TRANSMITINDO A PAZEu procuro sempre ser educada,Tratando bem as pessoasCom quem eu convivo.E também procuro passar sempreO que há de melhor para meus filhos,Ensinando-lhes a serem honestos,Carinhosos e educados com os outrosE sempre procurar ter PazE também transmitir a Paz.Ensino-lhes ainda a saberDizer NÃO às coisas ruins,Principalmente às DrogasE a coisas que vão prejudicar alguém... Odete Lemes Cabral EJA – 6º sem. – 2ª Etapa – CEBBS – 2011
  • 14. 15 UM MUNDO SEM VIOLÊNCIAO meu sonhoÉ que ninguém vivesse um mundo de violência.Vamos colaborar com isso:Seja sempre amigo!Seja uma pessoa educada,Para que, no dia de amanhã,Não vejamos nossos filhos na violência.Para isso nunca devemos maltratar as pessoas,Porque elas também têm sentimentos.Todas as pessoas têm o direito e o deverDe tratar a todos com respeito, carinho,educação,Amizade, companheirismo e amor...Esses, sim, são os mais importantesDireitos e os deveres de um cidadão,Para, juntos, construirmos um mundo melhor! Neide Aparecida Alves EJA – 6º sem. – 2ª Etapa – CEBBS – 2011
  • 15. 16 EM BUSCA DA PAZDiga NÃO à violência!Diga NÃO às Drogas!Cuidado com as armas!Diga SIM à vida, ao amor e à Paz.Tenha fé em Deus,Ame a seu próximo.Vamos nos unir,Acabar com a violência,Pois, se não fizermos a nossa parte,Quantas tragédias maisIremos assistir?Vamos em busca da PAZ! Adriana Aparecida L. Dantas EJA – 6º sem. – 2ª Etapa – CEBBS – 2011
  • 16. 17 POR UM MUNDO MELHORCom respeito ao próximo,Com amor, educação e cidadaniaSe tem uma sociedade mais justa.Amando as pessoas como a um irmão,Dividindo as responsabilidadesDa educação das nossas crianças,E ajudando a conscientizar as pessoasDa importância do bem e da PazPara o ser humano,Estamos contribuindo para um mundo melhorPara a população futura.Para que isso aconteça, é necessárioQue as pessoas carreguem a bandeira da PazEm seus corações! Teobaldo Nascimento Borges EJA – 6º sem. – 2ª Etapa – CEBBS – 2011
  • 17. 18 QUE BOM SERIA VIVERMOS EM PAZ...O meu objetivo é a luta pela Paz.Que todos lembrem-seDe que neste mundo em que vivemos,Cheio de violência,Temos que manter a PazPara vivermos melhor.Que bom seria se todo mundo vivesse unido!Que bom seria se todos sorrissem sempre!Mas, também seria muito bomSe nós fôssemos como uma corrente fortePara melhorar este mundoQue precisa tanto de PAZ! Luzia Aparecida de Oliveira EJA – 6º sem. – 2ª Etapa – CEBBS – 2011
  • 18. 19PAZ E IGUALDADE EM NOSSA VIDAVamos ajudar o próximo,Sempre respeitá-loE nunca pensar em ignorar alguém,Para que tenhamos o mesmo respeito.Se todos tiverem educação e respeito,Se forem humildes e valorizar o outro,Podemos viver em Paz.Sabemos que não é porque umTem mais condições financeirasQue vai pensar que é melhor que o outro.Riqueza não tem valor para Deus.Se todos nós tivermos esta mesma opinião,Sempre teremos Paz em nosso mundo,Porque todos somos irmãos.É respeitando uns aos outrosÀ natureza e aos animaisQue sempre teremos PAZEm nossas vidas! Marcos Antônio de Souza EJA – 6º sem. – 2ª Etapa – CEBBS – 2011
  • 19. 20 EU QUERO A PAZA PAZ que eu quero começaCom um sorriso sincero e verdadeiro.A PAZ é aquela, na qual,Você vive de bem com todos e consigo mesmo;E trata bem a todas as pessoas,Fazendo o bem sem olhar a quem.Lutar pela Paz é lutar pela igualdade.A Paz significa ter amor ao próximo e com Deus,Porque Ele nos deixou o amor a Paz.Você encontra a Paz na criança que nasce,Na dor que suaviza, no brilho das cores,E nas flores que se abrem em cada amanhecer...Se uma pessoa sorrir para você,Devolva o sorriso, pois assim você estará dando-lheA Paz que ela tanto precisa,E devolvendo-a para si mesmo! EJA – 2º Sem – 2ª Etapa – CEBBS – 2011 Fabrícia Maria de Jesus
  • 20. 21PAZ PARA MIM E PARA O MUNDOA PAZ é importante em nossa vida e no mundo.Nós devemos ser boas pessoas, amigos eValorizar a amizade e o respeito.Devemos sempre resolver qualquer situaçãoDe forma justa e adequada.A PAZ é agir de forma prática,Respeitosamente e educadamente em situaçõesQue exigem que tratemos com respeito e educação.Se todos fossem tratados dessa forma,Não haveria fome nem guerra no mundo.Essa é a PAZ que eu quero para mimE para o nosso mundo, que é tão bonito... EJA – 2º Sem – 2ª Etapa – CEBBS – 2011 Manoel Pereira da Silva
  • 21. 22 A CONQUISTA DA PAZA PAZ é muito importante em nossas vidas.Para conquistarmos a PAZNós devemos ser humildes e compreensivos,Embora isso nem sempre seja fácil.Mas queremos viver em comunhão,Ter a PAZ com os irmãos,Com os vizinhos, no trabalho e por onde passarmos.Para termos a PAZ precisamos ter muita sabedoria,Sempre sorrir, mesmo se a gente está triste...Devemos deixar nossos problemas de ladoPara transmitirmos a PAZ para nossos amigos.Devemos sempre ficar de cabeça erguida...Em casa, devemos agir com muita paciência e amor,Pedindo muito a Deus o poderDe transmitir a PAZ para a famíliaE para todos que estão ao nosso lado. EJA – 2º Sem – 2ª Etapa – CEBBS – 2011 Michele Ferreira de F. Soares
  • 22. 23 O SENTIDO DA PAZA PAZ significa ter, no coração, harmonia, carinho e amor.Ter a PAZ é saber sair das brigas e confusões.A PAZ, temos que levar todos os dias conosco,Para enfrentarmos o dia a dia,que é sempre muito perturbadoPor muita gente que não leva consigo a PAZ no coração.A PAZ começa com a maneira certa de olharPara tudo o que vamos fazer...A PAZ é o contrário de intrigas e divergências.Nós devemos ter consciência e tolerânciaCom as outras pessoas...Assim, podemos perceber queA PAZ é a melhor coisa que podemosguardar em nossos corações.SEMPRE TENHAMOS PAZ!!! EJA – 2º Sem – 2ª Etapa – CEBBS – 2011 Adriano Alexandre da Silva
  • 23. 24 A PAZ ESPIRITUALA PAZ que eu quero para mimÉ a PAZ de poder viver uma vida tranquilaCom todas as pessoas que convivem ao meu lado;Poder colocar a minha cabeça no travesseiroE dormir em PAZ;Poder acordar e estar de bem com a vida;Poder amar o próximo e ser amada...Esta é a PAZ que eu quero para mim:A PAZ espiritual para minha vida! EJA – 2º Sem – 2ª Etapa – CEBBS – 2011 Fabiana de Jesus T. Martins
  • 24. 25 Buscando a Paz Universal Precisa-se de cultivar a Paz para umaboa qualidade de vida. Há várias opiniões sobreisso, mas, acredita-se que a união entre os povosé o caminho inicial. Há casos de violência que comovemmuitas pessoas, como, por exemplo, o caso damenina Isabella Nardoni, que chocou todo o país;o caso da chacina dos inocentes de uma escola doRio de Janeiro, e tantos outros. Estesacontecimentos trazem à tona a urgência em sebuscar uma qualidade de vida melhor, cultivandovalores como a Paz, a união e o amor que estãotão ausentes, apesar de existirem váriasinstituições que promovem boas ações na vida demuitas pessoas. Mas ainda está muito longe daquantidade necessária. Por isso, o caminho é conscientizar atodos de que a melhor solução é repensar suasatitudes e valores, ajudar o próximo e contribuircom a Paz local e universal. Só assim será possíveluma melhor convivência e qualidade de vida. EJA – CEBBS – 3º Sem - 3ª Etapa – 2011 Vânia da Silva Cruz
  • 25. 26 Paz no Futuro O Brasil é um país que mais tem crimesbárbaros, de acordo com estatística mostrada,recentemente, pela Rede Record de Televisão. A violênciaestá muito grande de várias formas e atos diversificados. Algumas pessoas, ONGs, comunidades, etc.estão tentando mudar isso oferecendo apoio para aspessoas que sofreram algum tipo de violência, oferecendoassistência com psicólogos e grupos de apoio, que ajudamas vítimas a se inserirem novamente no mercado detrabalho; providenciam médicos para as famílias e outros.Há ainda as entidades religiosas que ajudam os maisnecessitados. Enquanto muitos estão ajudando o próximo,tem o seu semelhante que age com muito descaso, semperceber que, ao ajudar quem está a seu lado, estáajudando a si mesmo e provocando melhorias ao seu país. Por isso, para mudar esta realidade de violênciaconstante, o Brasil precisa rever alguns pontos como alegislação, acabar com a impunidade, aumentar asegurança (que está deixando a desejar), melhorar aeducação, e oferecer mais programas sociais e educativos. EJA – CEBBS – 3º Sem - 3ª Etapa – 2011 Mitsa Carla Pereira
  • 26. 27 A Paz no mundo de hoje A Paz vem em primeiro lugar na vida doser humano, mas, hoje em dia, a s pessoas nãoamam a si próprias e, muito menos, ao próximo,agindo sempre com modos de vandalismo, tirandovidas, prejudicando a si mesmos sem pensar noamanhã. Uns agem assim por falta de opção,outros de maneiras frias, que nem pensam nasfamílias e nos amigos. Podemos observar que elesnão se importam com o que será deles ou daspessoas que os amam. A violência está em alta enão há Paz no mundo. Só ouvimos propagar Pazpor todos os lados, que devemos ter Paz, mas, naverdade, nuca a vemos. Quando se fala derealidade, só se ouve falar de violência. Portanto, para mudar isso, deve-seamar, primeiramente a si mesmo, dedicandosempre a Paz na vida e amar ao próximo,deixando de lado coisas ruins e lutando paratermos um mundo melhor, de Paz. EJA – CEBBS – 3º Sem - 3ª Etapa – 2011 Telbiano Gouveia da Silva
  • 27. 28 A Paz de que o mundo necessita Todos andam pelos passos da vida àprocura de um só objetivo, de uma solução parasuas vidas: a convivência pacífica e a eliminaçãoda violência. Existem muitas pessoas que são maiscastigadas, são mais torturadas, por ironia dodestino. Alguns dizem que “cada um tem o quemerece”, mas, na realidade, existem muitaspessoas que, a nossos olhos, não merecem sofrer,e sim, merecem tudo de bom, mas não o têm. Aspessoas andam tão cruéis que fazem o mal sempensar onde ou a quem vai atingir; sem imaginaro quanto estão machucando, não só na carne, masmuito mais nos sentimentos. E esta realidadeprecisa mudar. Por isso cada um deve “fazer o bem semolhar a quem”. Com certeza, se cada um fizer asua parte, na sua comunidade, alem de exigir dosgovernantes atitudes mais severas, muita coisapode mudar para melhor. EJA – CEBBS – 3º Sem - 3ª Etapa – 2011 Elaine Cristina Muniz
  • 28. 29 Que as famílias tenham mais amor O Brasil está muito violento. Aimpressão que se tem é que a geração passada foicriada com menos violência. Mas a violênciaseguiu aumentando e os cidadãos de hoje não têmsegurança e não podem confiar em ninguém. Hoje praticamente não existem maisfamílias. A maioria está desestruturada. Não existemais respeito entre pais, filhos, irmãos, tios eavós. Principalmente os adolescentes, se envolvemcom drogas, gravidez indesejada, DSTs ecriminalidade. Por outro lado, existem váriosgrupos de apoio que tentam ajudar essas famílias,crianças e jovens, com apoio para gestantes, paradependentes químicos, vítimas de estupro, etc.Mas muita coisa ainda precisa ser feita para mudara triste realidade de hoje. Por isso, tem que existir mais segurançapara as crianças e adolescentes que vivem na rua,ou que não têm apoio em casa; precisa melhorar aeducação e, também, uma formação religiosa e devalores. EJA – CEBBS – 3º Sem - 3ª Etapa – 2011 Paulo Antônio de Lima
  • 29. 30 A Paz só depende de você! A Paz é uma forma de organização ecultura entre os povos, mas, se a paz é tãoimportante, por que algumas pessoas preferemdesprezá-la e viver em atrito entre nações, comoutros e consigo mesmo? De acordo com pesquisas, pode-seobservar o quanto a palavra Paz está sendodeixada de lado. Quando se olha para o mundo oque se vê são várias formas de violência,começando até mesmo entre as famílias: paiscontra filhos, irmãos contra irmãos. Nas escolastambém tem-se observado muita violência: alunosque se agridem com palavras e fisicamente;violência contra professores, e, em alguns casos,até professores agressivos. Tudo isso sem falar naviolência que as drogas causam, destruindo váriasfamílias e vidas. Por isso não podemos mais ficar debraços cruzados, só olhando tudo acontecendo.Temos que tomar uma decisão: respeitar o nossopróximo como a nós mesmos. EJA – CEBBS – 3º Sem - 3ª Etapa – 2011 Donizette da Silva Neves
  • 30. 31 PAZ: a condição para um mundo melhor A Paz é muito importante, necessária e omelhor para todos nós, pois, com ela, evitamosgrandes tragédias. A Paz é necessária, realmente,em todos os sentidos, porque o mundo seria bemmelhor sem tanta violência. Quando se diz “tanta violência” é quechegamos ao extremo, em que uns mataminocentes sem ao menos parar para pensar nagravidade da dor que irá causar; e que outrosroubam para alimentar seus vícios, num mundosem volta. Podemos observar que chegamos emum ponto crítico de violência: mortes, vinganças,corrupção, desigualdade... Enfim, desespero total.Apesar de parecer sem solução, ainda podemosencontrar pessoas que se importam de verdadecom o próximo, e programas estruturados parareceber aqueles que mais necessitam de ajuda.Mas ainda é pouco. Portanto, para mudar a nossa realidade,devemos fazer a nossa parte, divulgando a culturade paz, e dando exemplo e para que outrostambém mudem de opinião e de atitude, assim,contribuindo com um mundo melhor, sem tantaviolência. EJA – CEBBS – 2º Sem - 3ª Etapa – 2011 Isabel Meza Resende
  • 31. 32 A PAZ É FUNDAMENTAL A Paz é fundamental para uma boaconvivência e qualidade de vida para todos nós,mas muitos insistem em fazer guerra, destruirmilhares de famílias a troco de nada. Sabe-se que,com violência, só virá mais violência. Pode-se observar que poucos fazemalguma coisa para mudar, por isso temos tantascoisas ruins no mundo. São pessoas usandodrogas, se prostituindo, matando para roubar,explorando menores, entre tantas outras coisas.Apesar disso, existem instituições que se dispõema ajudar a fazer o bem, pessoas, por vontadeprópria, que tentam ajudar esses indivíduos queinsistem em ir para o lado errado. Diante disso,percebemos que ainda há uma solução. Por isso, temos que nos conscientizar efazer algo para estabelecer a paz, fazercampanhas para sensibilizar a sociedade, mudar anossa atitude de todo dia e tentar convencer atodos com quem nós convivemos. Só assim,teremos a Paz tão sonhada e necessária. EJA – CEBBS – 2º Sem - 3ª Etapa – 2011 Tatielle Vieira da Silva
  • 32. 33 As drogas, com certeza,são o que mais destrói vidas atualmente...É por isso que nós discutimos sobre a necessidade de fugir desse malcom todas as nossas forças...
  • 33. 34 GOIAS MAIS SEGURO E SAUDÁVEL: UM COMPROMISSO DE TODOS Por: Solange da Silva Faria – 5º Semestre-2ª Etapa - EJA – C.E.B.B.S. As drogas estão cada vez mais destruindo vidas,porque quem se torna um dependente químico, é muito poucoprovável que consiga sair desse mundo. Se a pessoa experimentaruma vez, tem grandes chances de nunca parar de usar a droga. As drogas destroem famílias, empregos e acabammatando quem é dependente dela. O álcool pode causardestruição nas famílias e, principalmente, provoca muitos acidentesde trânsito com vítimas fatais. O cigarro pode causar muitosproblemas de saúde, inclusive para quem não fuma. E as drogaspesadas causam mais mal ainda, porque, além de destruir océrebro do usuário, também destroem pessoas que não estãoenvolvidas, através da motivação da violência que, a cada dia,aumenta de forma assustadora, tanto em Goiás, como em todo oBrasil. Apesar disso, ainda existem pessoas que ajudam na lutacontra as drogas: as Ongs, os Programas Educacionais como oPROERD, as instituições religiosas, as clínicas ou sítios derecuperação e outros. Mas ainda está longe de ser o suficiente. Portanto, para resolvermos este tão grave problemasocial que é o consumo de drogas, cada cidadão precisa seconscientizar e fazer a sua parte orientando os jovens e crianças,dando bons exemplos e cobrando do governo leis severas e mais emelhores programas sociais. Só assim poderemos ter um estadode Goiás mais saudável e com mais segurança.
  • 34. 35DROGAS: UMA DOENÇA QUE PRECISA DA AJUDA DE TODOS Por: Rosenildo Souza dos Santos 5º Semestre-2ª Etapa - EJA – C.E.B.B.S. Em relação ao consumo de drogas, não só Goiás,mas o Brasil e o mundo vêm presenciando um considerávelaumento do tráfico e do consumo e, em consequência, vêmenfrentando grandes problemas de saúde pública e violência nasruas. Vemos todos os dias, nos noticiários, filhos quematam os pais para roubar, ou simplesmente por estarinconsciente, pelo excesso de drogas no corpo. Vemos tambémmuitas apreensões de drogas; pessoas que precisam serinternadas para se livrarem do vício, e outros. E, a cada vez mais,vem surgindo drogas diferentes e mais fortes que destroem não sóa vida do usuário, mas também as vidas dos familiares, que, pormais que se esforcem, se sentem impotentes diante da situaçãotão trágica. As instituições públicas, principalmente da área dasaúde, precisam se preparar para enfrentar esta realidade.Dependência química é uma doença e deve ser encarada dessamaneira. O dependente químico precisa de ajuda. E, para queisso dê resultados, não pode haver preconceitos e/oudiscriminações. A família precisa se envolver, buscar ajuda ecolaborar no tratamento. É muito importante o apoio, a participaçãoe, principalmente, o amor de todas as pessoas que convivem como usuário. Só assim, teremos um estado de Goiás mais seguro emais saudável.
  • 35. 36 DROGAS: UMA EPIDEMIA QUE PRECISA ACABAR Por: José Fábio Teodósio 5º Semestre-2ª Etapa - EJA – C.E.B.B.S. As drogas destroem a vida das pessoas, porque asleis não são suficientes para tomar as providências necessárias.Somente as igrejas e as escolas ajudam. As drogas destroem as famílias e levam à morte.Quem se torna dependente não consegue sair. Mesmo com aajuda de clínicas especializadas e medicamentos, é difícil se livrar.Para entrar é fácil, mas para sair é difícil. Muitos, depois dotratamento, voltam a usar novamente. O problema do uso dedrogas precisa acabar ou diminuir. Por isso, a sociedade tem que brigar por leis maisfortes, e que sejam cumpridas, para acabar com essa epidemia.Cada um também pode fazer a sua parte ajudando a conscientizar,principalmente os jovens a se preocuparem mais com a saúde.
  • 36. 37 DROGAS: UMA POLÊMICA QUE PRECISA TER FIM Por: Franciely dos Santos 5º Semestre-2ª Etapa -EJA – C.E.B.B.S. As drogas viraram uma polêmica que não tem fim,porque o número de usuários está cada vez maior. E, com essecrescimento de usuários, a violência também tem um grandeaumento, não só em Goiás, como em todo o Brasil. O álcool é uma droga líquida que destrói famílias ecausa tragédias, como os acidentes de trânsito. A cocaína e muitasoutras drogas pesadas deixam as pessoas em delírio, vendo coisasonde não existem. A quem consome, causa danos ao cérebro.Quando falta, leva-o a roubar e até matar, se preciso for, para obtera droga. Antes, um tratamento não era fácil de conseguir. Hoje, astecnologias avançaram. Tudo está mais fácil, basta querer. Muitaspessoas tentam ajudar, oferecendo o tratamento que facilita muitona melhora dos usuários. Mas isso ainda é pouco e precisamelhorar. Por isso, para termos um estado de Goiás semviolência e mais saudável, cada cidadão precisa se conscientizar efazer a sua parte, ajudando essas pessoas a saírem das drogas,convidando-as a procurarem as igrejas e os tratamentosespecializados, que vão facilitar muito na recuperação dosusuários.
  • 37. 38 DROGAS: UM ASSUNTO QUE NÃO PODE CALAR! Por: Sandra Rosa dos 5º Semestre-2ª Etapa - EJA – C.E.B.B.S. O consumo de drogas é provocado, em sua maioria,pelo abandono, falta de emprego e a falta de diálogo de pais eresponsáveis. As crianças e jovens precisam falar sobre essesassuntos em casa, na escola e em outros ambientes quefrequentam e que tenham adultos responsáveis. O alcoolismo desenfreado acaba com a vida social epode provocar vários tipos de doença e transtornos na vida pessoale familiar, além dos trágicos acidentes de trânsito. O tabaco é umadroga liberada que pode causar câncer de garganta e de pulmão,sem falar no incômodo desagradável que provoca para quem não éfumante. Essa epidemia chamada Drogas pesadas pode levarnossos jovens a roubar e até matar, já que têm um poder psicótico,levando o usuário à loucura. Nossos governantes precisam ter como meta ocombate às drogas através de mais cursos sócio educativos, osquais, levem nossas crianças e jovens a verem o mundo de formadiferente. Além disso, todo cidadão deve se sentir responsável portransmitir essa educação, sendo amigo e companheiro dos filhos,amigos e vizinhos.
  • 38. 39 DROGA: ELA PRECISA SER ELIMINADA Por: José Cícero de Alexandre 5º Semestre-2ª Etapa - EJA – C.E.B.B.S. As drogas entram na vida do ser humano para nuncamais sair. Ela destrói o nosso organismo e pode até nos matar.Muitas coisas precisam ser feitas para que as pessoas parem deusar drogas em Goiás e também em todo o Brasil. Tem vários tipos de drogas, como algunsmedicamentos, o álcool, o tabaco, maconha, crack, cocaína eoutras. Assim como o álcool o cigarro, que tem a nicotina, é fraco,os efeitos são mais lentos. Mas, no caso do álcool, pode ser maisperigoso por causa dos acidentes de trânsito. Já as drogaspesadas, além de causar dependência e provocar a violência,matam muito rápido, principalmente o crack. O consumo de drogas pode ser eliminado. Para isso,todo cidadão deve se conscientizar e se comprometer a ajudaraqueles que estão no mundo das drogas, e não só esperar pelapolícia ou o governo.
  • 39. 40 UM MUNDO MELHOR É UM MUNDO SEM DROGAS Por: Jéssica Nascimento de Melo 5º Semestre-2ª Etapa EJA – C.E.B.B.S. O tráfico de drogas e o consumo são grandesproblemas a serem resolvidos, porque, enquanto houveremusuários, sempre haverá o tráfico em Goiás e no mundo. O álcool e o cigarro também são considerados tiposde drogas, pois também causam vícios que podem levar à morte.De acordo com pesquisas, depressão, curiosidade e influência deamigos são os principais motivos, entre muitos outros, que levammuitas pessoas, principalmente jovens, a utilizar drogas. Muitostipos de droga podem causar alucinação, delírios, falta de apetite,problemas cardíacos, insônia, agressividade e muitos outrosproblemas. A droga consumida em grandes quantidades podecausar overdose e a morte imediata. A droga afeta a vida de muitaspessoas que abandonam suas casas, empregos e famílias ecomeçam a roubar, se prostituir, se envolver com tráfico e, atémesmo, matam para alimentar seus vícios. Portanto, infelizmente, não podemos acabar com asdrogas, mas podemos diminuir com leis mais rígidas contra ostraficantes, com mais campanhas contra as drogas nas escolas.Além disso, se cada cidadão ajudasse e conscientizasse ascrianças e adolescentes, Goiás e o mundo seriam lugaresmelhores de se viver.
  • 40. 41 DROGAS: UM CAMINHO SEM VOLTA Por: Odete Lemes Cabral da Cruz 6º Semestre-2ª Etapa EJA – C.E.B.B.S. Hoje em dia, as drogas estão cada vez mais vendidaspela população e sendo mais usadas, principalmente pelos jovensde Goiás e de todo o Brasil. Muitas campanhas têm sido feitas,mas, mesmo assim, não se conscientizam de que a drogas são umcaminho sem volta. Quando as pessoas passam a se envolver comdrogas, geralmente elas entram num caminho que, muitas vezes,leva à morte. Mesmo consciente do perigo, elas usam e nãoencontram uma forma de sair desse mundo. Na maioria das vezes,estas pessoas passam a usar drogas também pelo motivo de quenão têm um emprego, uma casa, ou uma pessoa que as orientem edão apoio. Muitas vezes, elas procuram um refúgio nosentorpecentes. É o pior, porque, assim, os problemas só aumentame o indivíduo nem percebe. A dependência química além deprejudicar a saúde do usuário, ainda aumenta a violência. Mas issoprecisa mudar. Por isso, para que o estado de Goiás encontre umcaminho para se livrar do consumo de entorpecentes, todo cidadãodeve se conscientizar de que as drogas não são o melhor caminho.Devemos ter consciência e ajudar a combater esse problema socialque ameaça o nosso estado e nosso país. Nós todos podemosajudar, pois “a união faz a força”.
  • 41. 42 A LUTA CONTRA OS TRANSTORNOS DAS DROGAS Por: Adriana Aparecida Lourena Dantas 6º Semestre-2ª Etapa EJA – C.E.B.B.S. O que fazer com este problema tão grande que é oconsumo de drogas? Se não houver uma solução imediata, ondevamos parar, já que os jovens estão utilizando cada vez mais estesentorpecentes? Este é um dos piores problemas que Goiás e todoo Brasil enfrentam atualmente. Diante destes questionamentos, percebemos que unsdizem que a causa de tudo são problemas financeiros; outrosdizem que é problema familiar, com falta de diálogo, paisdesestruturados e outros. Mas não é só isso. Estamos vendo cadavez mais que a droga não escolhe classe social. Está atingindotodos os padrões sociais. Enquanto as autoridades não encontrama solução, muitas famílias estão sofrendo amargamente. Alémdisso, não há lugares adequados para tratamento, em quantidadesuficiente, para os dependentes químicos que correm o risco demorrer ou matar alguém como consequência do efeito das drogas.Esses transtornos precisam ter um fim. Para isso, todo cidadão precisa se conscientizar, seenvolver e participar deste trabalho de prevenção. Devemosorientar nossos filhos com diálogo; estar sempre atentos aoslugares onde eles vão e quem são suas companhias e sempreobservando o seu comportamento. E, principalmente, mostrar aeles o verdadeiro valor da vida. Só assim caminharemos para umestado de Goiás mais seguro e saudável.
  • 42. 43 LUTA CONTRA AS DROGAS: AÇÃO DE CADA UM Por: Teobaldo Nascimento Borges 6º Semestre-2ª Etapa EJA – C.E.B.B.S. Por que as drogas chegam até nossas casas? Comopreparar nossos filhos para viverem em um mundo mais civilizadosem drogas? Essas dúvidas aterrorizam pais, autoridades equalquer pessoa de bem em todo o estado de Goiás e no Brasil. A adolescência é um período de descobertas peloqual todo adolescente passa. Neste período, tudo o que encontralhe motiva a experimentar um pouco. Com o incentivo dostraficantes, algumas vezes, da mídia, e dos supostos amigos, acuriosidade aumenta muito. Por isso usam álcool e chegam àsdrogas pesadas. Depois da primeira experiência, uns dizem quenão vão mais usar, outros dizem não querem aquilo, mas nãoconseguem evitar. Mas, de acordo com pesquisas realizadas, amaioria que tenta não usar mais, continua a consumir. Pode seobservar que quem usa uma vez dificilmente consegue parar.Aparentemente, se trata de um problema sem solução. Existemmuitas campanhas, entidades de apoio, mas ainda é muito poucodiante do tão grande poder do tráfico. Alguma coisa precisa serfeita contra esse tão grande problema social. Portanto, a sociedade civil, governo, autoridades epolícia precisam se unir e criar meios de executar projetos queeduquem os pais para saberem ouvir os filhos na suaadolescência, compreendê-los em suas curiosidades e dúvidas e,principalmente, orientando-os dos perigos da vida e das drogas.Cada um fazer a sua parte é o único meio de termos um estado deGoiás mais saudável e mais civilizado.
  • 43. 44 UM FUTURO SEM DROGAS Por: Ana Flávia de Sousa 6º Semestre-2ª Etapa EJA – C.E.B.B.S. Já sabemos que o consumo de drogas é um grandeproblema mundial, pois o mesmo está se alastrando mais e mais acada dia. Mas, para nós, os goianos, o que fazer para solucionaresse problema tão difícil? É uma pena que as pessoas se entreguem a um víciotão cruel; um vício que destrói famílias e que faz com que atémesmo as crianças se envolvam: as drogas. As leis e penalidadesaplicadas aos traficantes não são suficientes para diminuir o tráfico.E a mídia, em alguns casos, ainda incentiva o uso. Por isso pareceque não acaba nunca. Pois, enquanto todos não juntarmos parafazer o bem, proteger as nossas crianças para que, no futuro,possamos ter uma vida mais tranquila, o problema das drogascontinua. Portanto, policiais, governadores, autoridades e asociedade civil que nos unamos, para que assim se faça acontecero que brasileiros, principalmente os goianos, precisam para quepossamos ter um futuro melhor, mais seguro e mais saudável.
  • 44. 45 LUTA CONTRA AS DROGAS Por: Edvaldo Vicente da Silva 6º Semestre-2ª Etapa - EJA – C.E.B.B.S. Podemos ver as drogas na área nacional, que esteproblema tem ocupado um espaço na vida das crianças,adolescentes e jovens que reflete na estrutura das famílias, enteoutros. Temos que analisar o que dizem os especialistas noassunto para percebermos o que a sociedade pode fazer a respeitodesta doença chamada “drogas” nos tempos de hoje. De acordocom as pesquisas referentes a esta questão, a maioriaresponsabiliza o governo por não reforçar as nossas fronteiras. Poresta falha é que vem chegando em nossas cidades e entrando naescola e no nosso lar. Mas isso precisa mudar. Portanto, cada um fazer a sua parte é o único meio determos um estado de Goiás mais saudável e mais civilizado. Maspodemos ver que a falha não é só do governo, já que deixamos umimenso espaço na vida dos filhos, não dedicando a eles a atençãoe os cuidados necessários. E esta doença chamada “drogas”ocupa o lugar que está vazio.
  • 45. 46 O PROBLEMA DAS DROGAS Por: Neide Aparecida Alves 6º Semestre-2ª Etapa - EJA – C.E.B.B.S. O problema das drogas está muito avançado. Otráfico está a cada dia mais forte e os usuários também aumentam.Isso causa um sério problema de saúde e de violência em Goiás eem todos os lugares. Cada dia que passa, mais aumentam esses tipos deviolência. Vimos pessoas que chegam ao ponto de querer morrerou até matar os outros. Mas não podemos deixar que isso continueacontecer. Para isso, devemos tomar algumas atitudes. Temosque exigir leis mais rígidas, mais policiais nas ruas e nos unirmosmais, para que, assim, possamos diminuir ou, quem sabe, acabarcom isso: Drogas!
  • 46. 47 DROGAS: Um problema que só a união de todos resolve Por: Luzia Aparecida de Oliveira Macedo 6º Semestre-2ª Etapa - EJA – C.E.B.B.S. Quando alguém se envolve com as drogas, setransforma e fica agressivo. Toda a família sofre junto, porqueninguém espera por uma situação assim. Mas acontece nasmelhores famílias, de todas as classes sociais: média, alta, oubaixa, não é diferente nesta situação. Todas as drogas são prejudiciais à saúde. A bebidaalcoolica, por exemplo, causa muitos acidentes e até a morte. Temtambém as drogas mais pesadas tipo a cocaína e o crack eoutras... Estas, sim, dizem que matam ou levam a pessoa a fazerloucuras. Por isso devemos todos nos unir e formar umasociedade consciente para, junto com os políticos e policiais deGoiás, acharmos uma solução para este problema que afeta quasetodas as famílias brasileiras; que não só atinge as crianças eadolescentes, mas a todas as faixas de idade. Portanto, aresponsabilidade é de todos nós.
  • 47. 48 DROGAS: um produto muito preocupante! Por: Huender Nogueira Rodrigues 6º Semestre-2ª Etapa EJA – C.E.B.B.S. As Drogas são um produto muito preocupante nonosso estado e nosso país, porque, além de ser um graveproblema de saúde, ainda causa muita violência. Os usuários, ficam nas ruas com os traficantesperigosos, arriscando suas próprias vidas, cometendo muitoscrimes e ensinando maus exemplos para as outras pessoas, e atépara nossas crianças. O cidadão de bem precisa orientar os colegas efamiliares de que as drogas são produtos químicos muitoperigosos. Nosso estado e nosso país precisa de mais autoridadepara orientar as pessoas e as crianças para não usarem drogas,pois essas crianças são o futuro da nossa nação. Para resolver o problema, é preciso que cada cidadãodê exemplo e converse com todos com quem convive e com suafamília.
  • 48. 49 GOIÁS E AS DROGAS Por: Fabrícia Maria de Jesus 2º Semestre-2ª Etapa EJA – C.E.B.B.S. As drogas vêm acabando com a vida de muitaspessoas. Quem prova, nunca mais é o mesmo. Além de ser umgrave problema de saúde, as drogas provocam muita violência. A bebida alcoolica vicia as pessoas, deixando-asdependentes, levando-as a perderem suas famílias e causam atémesmo muito acidentes que podem levar à morte. O cigarro(nicotina) várias vezes deixa as pessoas doentes. Às vezes causadoenças como problemas de pulmão e pode causar até câncer degarganta e outros. Mas também existem outras drogas piores,chamadas de drogas pesadas, como a maconha, a cocaína, ocrack e outras, que além de provocarem uma forte dependência,com a overdose, causa a morte do usuário. As pessoas podemajudar umas às outras, orientando, pedindo para que não fumem,não bebam e não usem outras drogas. As pessoas deveriam ser mais observadoras naquestão das drogas, porque é um caminho sem volta, no qual aentra fácil, mas não sabemos se vamos conseguir nos livrar dele.Porque isso depende de muita força de vontade e opinião.
  • 49. 50 DROGAS: UMA QUESTÃO DE ATITUDE DE CADA UM Por: Tatiele Vieira da Silva 2º Semestre-3ª Etapa EJA – C.E.B.B.S. Hoje em dia, as drogas já tomaram conta dasociedade. A cada dia, o tráfico e o consumo aumentam mais. Elajá está em todo o meio, não importa a classe social, tanto emGoiás, como no resto do país. Os traficantes fazem de tudo para conseguirem maisusuários comprando drogas. A mídia, muitas vezes, incentiva, sejaatravés de comerciais ou programas, mesmo que de forma indireta.Além do grave problema de saúde, ainda se agrava a violência. Amaioria dos usuários rouba, ou até matam, para alimentar seuvício. Uns roubam em sua própria casa, acabando, não só com suavida, mas também com as vidas de seus familiares. Além dadependência química, ainda são ameaçados pelos traficantes, queàs vezes matam para receberem o pagamento da droga vendida.Uns dizem que isso não tem mais jeito, não tem como evitar. Mastudo tem um fim, mesmo que seja muito difícil. Por isso, temos queeducar nossas crianças e jovens, explicar-lhes como são as coisas,prepará-los para o mundo. Isto tem que ser feito por todos. Seja osprofessores, na escola, seja em qualquer instituição dacomunidade, os programas de governo, autoridades ou polícia.Mas, principalmente, a família, porque uma família bemestruturada, com muito respeito, carinho, amor e muito diálogo,com certeza, é a base de tudo. Inclusive para preparar a criança eo jovem para dizer NÃO quando precisar. Portanto, o governo deve elaborar mais programaseducativos e criar mais clínicas de recuperação; e todo cidadão,junto com escola e família, se empenhar em conscientizar ascrianças e jovens da necessidade de fugir das drogas. Além disso,deve dar todo o apoio necessário aos usuários que precisam sertratados. Só assim poderemos ter um estado de Goiás mais seguroe mais saudável.
  • 50. 51 DROGAS: NÃO HÁ COMO CORRER OU ESCONDER! Por: Mitsa Carla Pereira 3º Semestre-3ª Etapa EJA – C.E.B.B.S. O índice do uso de drogas aumenta a cada dia emGoiás e em todos os lugares e cantos. Não há como correr ouesconder. A droga não escolhe classe social, raça, idade, sexo ougrau de escolaridade. A droga causa uma dependência muito grande naspessoas, além de prejudicar muito a saúde. Hoje em dia, já existemuns tipos de droga tão fortes que, na primeira vez que se usa, jáfica dependente. As drogas pesadas afetam o sistema nervosocentral. Com isso, gera muita violência, inclusive com assassinato.É difícil a pessoa se livrar do vício, pois, para isso, depende detratamento especializado e ainda existem poucas clínicas derecuperação. E a assistência ainda é insuficiente. E, muitas vezes,o usuário não aceita ser ajudado, já que é um tratamento muitodoloroso e que exige muita força de vontade. Esta é uma durarealidade que Goiás enfrenta, mas alguma coisa precisa ser feitapara essa situação mudar. Por isso, todo cidadão deve se empenhar emconscientizar as crianças e jovens dos perigos de se experimentarqualquer droga, e oferecer todo apoio ao usuário que quer serecuperar. Além disso, a sociedade civil precisa cobrar mais dogoverno melhorias nas políticas públicas e programas sociais paraconseguir combater o tráfico e o uso de drogas e seus efeitoscolaterais.
  • 51. 52 DROGAS: UM VENENO QUE ESTÁ DESTRUINDO NOSSA SOCIEDADE Por: Severino José de Lira 3º Semestre-3ª Etapa EJA – C.E.B.B.S. Diante da realidade atual que estamos contemplando,tanto em Goiás quanto em todo o Brasil, na qual os valores moraise éticos estão esquecidos, onde as famílias estão cada vez maissofridas com o tráfico de drogas, que cada vez mais vemaumentando de maneira assustadora, trazendo problemas para asociedade, nos sentimos impotentes e sem saber que atitudestomar. Hoje em dia, as crianças e adolescentes têm contatocom todo tipo de droga e inicia-se no vício cada vez mais cedo, jáque conseguem as drogas de forma tão fácil, ou seja, o acesso aessas substâncias, podemos dizer, está em cada esquina. Oconsumo de drogas pode atingir qualquer pessoa, não importa asua procedência. Os motivos que levam uma pessoa a consumiressas substâncias, muitas vezes, estão ligados a problemaspessoais e familiares. Precisamos estar atentos para não nosdeixar levar pelas influências das drogas, um veneno que estádestruindo nossa sociedade. Para que esta triste realidade possa mudar, todocidadão precisa se conscientizar e colaborar com orientação eapoio, principalmente às crianças e jovens. Que os pais possamdialogar com os filhos sobre as drogas para evitar que estescometam erros que, muitas vezes, refletem negativamente para oresto da sua vida e na comunidade onde vive.
  • 52. 53 DIZER NÃO ÀS DROGAS: Um compromisso de cada um Por: Quedma Cristóvão da S. de Lira 3º Semestre-3ª Etapa EJA – C.E.B.B.S. Por que, apesar de todas as formas de se prevenir ouso de drogas entre a nossa população, parece que cada vez maisaumenta o tráfico e a quantidade de usuários, não só em Goiás,mas no Brasil e no mundo? Pode-se dizer que a droga, ultimamente, vemalcançando as famílias do mundo todo, com imensa destruição, dore muito desespero. É difícil se enxergar possibilidades de se tiraras drogas de circulação. São pessoas de todas as idades seafundando nelas, principalmente nossas crianças e adolescentes.O poder do tráfico e a dependência tem sido mais fortes atémesmo que o poder de aquisitivo e a boa vontade das famílias, quejá não sabem o que fazer, sem poderem reagir contra o crack, acocaína, a bebida alcoolica, o cigarro (nicotina) e muitos outrostipos de droga. Portanto nossa esperança é que as autoridades eresponsáveis olhem com carinho, atenção, sensibilidade e maisdesempenho para essa população de usuários que já se tornoucalamidade. E que cada um de nós possamos agir de forma corretae dar a nossa parcela de contribuição, pois todos juntosvenceremos.
  • 53. 54 AS DROGAS E AS SUAS CONSEQUÊNCIAS Por: Paulo Antônio de Lima 3º Semestre-3ª Etapa EJA – C.E.B.B.S. A maconha é uma droga terrível e é a porta deentrada para outras drogas mais pesadas. É uma planta herbáceaamplamente cultivada em toda parte do mundo, que afeta o corpo,especialmente o cérebro. Alguns exemplos são perda de memóriarecente, perda da concentração, diminuição da capacidade decalcular distâncias, e ainda apresentam maiores riscos de câncer. Uns dizem que a maconha é a droga ilícita de maiorconsumo no mundo. É ilegal no Brasil. Ela pode causardependência. Além de causar mal para a saúde, ainda causa umgrande mal na sociedade e na própria família do usuário. Essa asoutras drogas só causam prejuízos na vida dos indivíduos. Portanto, isso é “um mal do século”, que deve serbem discutido por nossos políticos não só de Goiás, mas de todo opaís, para encontrarem meios de se resolver este problema queafeta o nosso estado, todo o Brasil e o mundo. Além disso, todocidadão deve contribuir com orientação e conselhos,principalmente na vida dos nossos jovens e procurar ter Deus nocoração.
  • 54. 55 DROGAS NA SOCIEDADE: de quem é a culpa? Por: Raquel de Souza Maia 3º Semestre-3ª Etapa EJA – C.E.B.B.S. O problema das drogas é algo bem visível na nossasociedade de Goiás e do Brasil. O assunto é polêmico e nos trazmuitas incertezas quanto a chegada do seu fim. Muitas coisas têmsido feitas, mas tem muita gente “poderosa” envolvida com otráfico. Por isso acredita-se que as drogas nunca seacabarão, porque geram muito dinheiro e os envolvidos pelaganância do “dinheiro rápido” sempre querem mais. Isso é um ciclovicioso. E quem se envolve, fica preso dentro dessa “roda” demáfia, corrupção, matanças, roubos, distanciamento de famílias,lavagem de dinheiro. Acredita-se que isso nunca se acabará. Masainda existe uma esperança. Para que nosso estado tenha uma realidade diferente,cada cidadão deve fazer a sua parte, dar exemplo, levar oconhecimento a seus filhos, cumprir o dever de orientá-los, paraque nossos jovens tenham a sorte de jamais se envolverem comentorpecentes e construírem um futuro melhor.
  • 55. 56 DROGAS EM GOIÁS NÃO! Por: Pricila Morais de Jesus 3º Semestre-3ª Etapa EJA – C.E.B.B.S. Em Goiás tem um grande número de tráfico dedrogas. Por causa desse tráfico, há também uma grandequantidade de usuários de drogas. Muitas pessoas se perguntam:por que tantos adultos o jovens usam esses entorpecentes? Elesnão sabem que isso mata? Uns dizem que a droga mata, acaba com a vidaprópria de quem a usa. As evidências mostram que estes estãorealmente certos. Mas outros dizem que a droga é o que dá maisdinheiro. É claro que esse dinheiro é para os traficantes, queganham com a derrota dos outros. Pode-se observar que o crack, acocaína e outras são drogas muito fortes, que levam até à morte. Oproblema é grave e a solução é quase impossível. Então, a responsabilidade é de todo cidadão ajudar eorientar as pessoas, principalmente os jovens a não entrarem nestecaminho sem volta, o rumo das drogas. Acabar com esse problemaem Goiás não depende só de mim, dele, dela, mas sim de todos,incluindo civis, militares e Governo.
  • 56. 57 VIVER EM GOIÁS MELHOR E SEM DROGAS Por: Telbiano Gouveia da Silva 3º Semestre-3ª Etapa EJA – C.E.B.B.S. Podemos fazer um Estado de Goiás com Paz, semdrogas para vivermos cada dia mais felizes e melhor... Como seriaum mundo sem entorpecentes? Mas, infelizmente, não temos este gosto, porque nemtodos fazem a sua parte. Enquanto uns tentam conscientizar parauma vida saudável, outros tantos incentivam o uso de drogas paraaumentar a renda do tráfico. Enquanto houver isso, continuará acada dia pior. Uns agem de forma correta: não utilizam nem umtipo de droga. Outros dizem que utilizar drogas é coisa à toa, queas drogas até fazem se sentir bem. Mas, diante desta realidade,não tem como não pensar no nosso amanhã: o que será de nossascrianças, do nosso futuro? Uma solução precisa ser encontrada. Portanto vamos juntar todos pela conscientização emudança de comportamento e atitudes para todos os goianostenham uma vida saudável, sem drogas, com diversão de formacivilizada e uma convivência pacífica.
  • 57. 58 COMBATE ÀS DROGAS: um compromisso de todos Por: Vânia da Silva Cruz 3º Semestre-3ª Etapa EJA – C.E.B.B.S. Hoje em dia, as Drogas vêm tomando conta dasociedade de Goiás e do Brasil de forma cada vez mais forte e commais facilidade. Elas não escolhem vítimas. Entram onde menos seimagina. A cada dia as drogas se modificam, se tornando cadavez mais destruidoras, fáceis de comprar e baratas. O tráficoaumenta de forma assustadora, o que aumenta a violência e ainsegurança da população. A melhor maneira de combatê-las é apoiar osusuários, dando-lhes apoio moral, psicológico, fazendo palestrasesclarecedoras, buscando atividades alternativas para ocupar otempo das pessoas, pois pesquisas afirmam que crianças eadolescentes que buscam as atividades de cultura e educação nãodão espaço para as Drogas.
  • 58. 59 GOIÁS LIVRE DAS DROGAS: A força de vontade é de todos nós Por: Donizette da Silva Neves 3º Semestre-3ª Etapa EJA – C.E.B.B.S. As drogas, ultimamente, vêm assolando as famílias,causando destruição, não só em Goiás, mas no Brasil e no mundo.Até quando vamos presenciar tantas perdas causadas pelasdrogas? Tantas vidas destruídas e ceifadas? De acordo com pesquisas, as drogas têm feito econtinuam fazendo milhares de vítimas direta e indiretamente.Pode-se observar que não está tendo possibilidades de tirar asdrogas de circulação. Pessoas de todas as idades estão seafundando nelas. As famílias estão de mãos atadas, se poderemreagir às drogas lícitas e às ilícitas. Temos visto também oaparente descaso das autoridades responsáveis nestes casos.Dizem que estão sendo tomadas as devidas providências, mas,pelas evidências, não estão conseguindo nem sequer amenizar asituação. Portanto, nossa esperança é que as autoridadesresponsáveis olhem com carinho, sensibilidade e maisdesempenho para esta situação que já se tornou calamidade. Porisso esperamos uma atitude. E que cada um de nós venhamos dara nossa contribuição e, juntos, teremos vitória.
  • 59. 60A poesia nos diverte, nos faz sonhare nos ensina a viver...
  • 60. 61O SER HUMANO É ASSIMA vida é tão boa!Quem a complicaSomos nós mesmos.Devíamos ser mais felizes,Mais amáveis uns com os outros.Por que nunca estamos satisfeitos?Se está chovendo,Queremos que faça calor,Mas se faz calor,Queremos que chova.Qual o porquê de o ser humano ser assim?Há tantas coisas boas no mundo,Mas ele está sempre reclamando.Devemos admirar o bemE deixar de reclamar do mal,Pois o mundo nos ofereceTantas coisas lindas...É só aproveitá-las! Tatielle – 2º Sem. – 3ª Etapa EJA – 2011 – C.E.B.B.S.
  • 61. 62POR QUE SOMOS ASSIM?São tantos os porquês das pessoas,Que aqui fica difícil escrevê-los todos.Por que somos maus?Porque precisamos nos defender.Não somos iguais por quê?Porque não teria graça.Por que estamos sempre insatisfeitos?Porque somos insaciáveis.Por que não nos contentamos com necessário?Porque somos gananciosos.Por que não sabemos esperar a hora certa?Porque não sabemos esperar pelo melhor.Por que matamos?Porque, muitas vezes, não pensamos nas consequências.Por que nos arrependemos sempre tarde demais?Porque nos esquecemos de pensar duas vezes antes.Por que enganamos, se estamos enganando a nós mesmos?Por falta de ouvir os bons conselhos,Que, muitas vezes, são mal interpretados.São tantos os porquês destes significados,Mas uma só frase responderia a todos os porquês:PORQUE SOMOS SERES HUMANOS. Isabel M. Rezende – 2º Sem. – 3ª Etapa
  • 62. 63AMOR é...AMOR é ar que passa sem se ver,É ferida que cicatriza,É louco inconsequente,É dor que dói na alma,É o bem, é o mal,É dois e um,É amando e odiando,É perdendo e ganhando,É querer para sempre,É amar sem pensar,É com quem compartilhar,É um companheiro,No coração, plena felicidade,Na cama, pura paixão... Mitsa Carla Pereira 3º Sem. – 3º Per. – EJA
  • 63. 64 POR QUÊ???Por que o amor vai e vem?Aonde você foi?Foi buscar mais amor?Há duas horas atrás, estava bem aqui.Tanto te busquei, mas não o encontrei.Queria saber o porquê de você ter partido.Bem ou mal, você sempre esteve aqui.Fui à praça para te encontrar,Mas a saudade é quem estava lá,Acompanhada de um porquê.Por que sempre? Por quê?Me perco na esperança de saber um porquê,Mas, sem resposta, me pergunto novamente:Por quê??? Ivanildes 2º Sem – 3ª Etapa – EJA-CEBBS-2011/2
  • 64. 65 O ÉDEN JÁ NÃO EXISTE MAIS Gilberto FernandesHá muito tempo, na velha Lemúria,Antes dos deuses chegarem à Valhala,Ou dos hindus atingirem o Nirvana.Mais além ainda dos faunos e gnomos,Quando bruxas e fadas não eram másE o homem tambémNão era, assim, tão mau.Existia um lugar, ondeO bem e o mal andavam de mãos dadas;O poder da luz reinavaE tudo envolvia amor e paz!Agora, eu não seiO porquê de tantas guerras.Aonde irá chegar o homemCom tanto ódio no coração?O Éden já não existe mais.
  • 65. 66Quando a luz reinava, o amor sorriaE a vida era um paraíso,No Éden era assim:Não haviam trevas nem ódio.E a vida continua bela.Então, se a vida é bela,Por que não dar uma chance à paz?Dizer que ama o irmão,Fazer o Éden renascerE não ser tão impotente.Um dia vou descobrir por queO ser do Ser que É,É um ser tão complicado.Nem que, para isto,Eu tenha que sair de cena.O Éden já não existe mais! (Lobo Solitário) Gilberto Fernandes 2º Sem – 3ª Etapa – EJA-CEBBS-2011/2
  • 66. 67 O QUE EU SINTO POR VOCÊQuando te vi, pensei que era amor,Que era o começo de uma nova paixão,Mas estava enganada.Era tudo ilusão...Você veio tão de repente.De onde surgiu?Era um amor tão forte,Que ia além das fronteiras.Agora, me pergunto:Por que está tão frio?Não vem a resposta.Seu beijo me dá arrepios.Você me faz bem.Com você, me sinto cada vez mais viva.O seu olhar me encanta.Te quero muito em minha vida! Paula Salustino Bezerra 2º Sem – 3ª Etapa – EJA-CEBBS-2011/2
  • 67. 68 O QUE FAZER?Eu não sei o porquêDe tanta correria no dia a dia.Onde vou trabalhar?Onde vou morar?Aonde vou todos os dias?Por que estamos tão preocupados,Se isso nos faz mal?Não há nada certo nesse mundo.Tudo está tão complicado!Esse mundo mal e cruel,Às vezes nos deixa confusos.Não há nada a fazer,Mas temos que acreditar e lutar.Fazendo assim, tudo irá melhorar. Silmara 2º Sem – 3ª Etapa – EJA-CEBBS-2011/2
  • 68. 69 CADÊ VOCÊ?Por que você está longe?Eu queria saber o porquêDe você demorar tanto a voltar.Sabe por que sinto a sua falta?Porque há um vazio muito grande em mim.Onde você está?Eu queria tanto saberAonde você vai, o que vai fazerLonge de mim...Hoje me sinto mal, porqueHá dias não o vejo.Sempre estou num mal diaPor você estar longe.Daqui a quanto tempo você volta?Já não aguento mais esperar.Ir queria ir até você,Mas o tempo e a distância não me deixam.Eu tenho medo de não te querer maisQuando você voltar... Juliana 2º Sem – 3ª Etapa – EJA-CEBBS-2011/2
  • 69. 70 O AMORO amor é lindo, mas nasceu em um só coração.Por que não nos dois?Aonde um amor pode chegar sem o outro?Mas o amor não sobrevive em um só coração.Por que não?Se o amor não nascer nos dois corações,Não se torna amor.Isto é o mal que destrói o bemQue o amor tinha construído.Mas nunca podemos desistir do amor,Porque ele é lindo e sempreEncontra a sua outra parte... Débora Silva Garcia 2º Sem – 3ª Etapa – EJA-CEBBS-2011/2
  • 70. 71 ENQUANTO HOUVER AMIZADEPode ser que um dia deixemos de nos falar,Mas, enquanto houver amizade,Continuaremos a ser amigos,Porque uma amizade verdadeira nunca acaba!!!Pode ser que um dia o tempo passe, sempercebermos,Mas, se a amizade permanecer,Um dia o outro há de se lembrar.Pode ser que um dia nós nos afastemos,Mas, se formos amigos de verdade,A amizade nos reaproximará.Pode ser que um dia não mais existiremos.Pode ser que um dia tudo se acabe.Mas, com a amizade, começaremos tudo de novo.E, cada vez mais, de forma diferente,Sendo únicos e inesquecíveis,Porque, cada momento, que juntos vivermos,Nos lembraremos para sempre.Há duas formas para vivermos a vida:Uma é acreditar que não existe milagre;A outra é acreditar que todas as coisas são ummilagre.Um sentimento que vem de longeGanha lugar no nosso coração,E não há nada que substituaEssa amizade... por nada. Gislaine Paula de Freitas 2º Sem – 3ª Etapa – EJA-CEBBS-2011/2
  • 71. 72 O QUE É O AMOR?Por que amar é lindo?Mesmo que não somos correspondidos,Amamos simplesmente por amar.Onde se encontra o amor?Ele já chegou.Não pediu “licença!”, nem “posso entrar?”, ou “porfavor!”Simplesmente chegou no meu coração,Entrou e dele se apossou.Aonde o coração está indo,Ali o amor deseja estar.Às vezes ele pode até incomodar,Sempre porque algo sem sentido pode acontecer.Sabe por quê?Porque o amor é assim:Chega de mansinho,Como quem não quer nada,Traz com ele a sua família encantada, Que se chama felicidade,Frio na barriga, olhar sempre brilhanteE outros vários visitantes.Amar é lindo...Mas, tome cuidado!Porque ele chega em nossas vidasTrazendo transformações, sendo boas ou ruins.Mas vale a pena deixar o amorDo seu coração se apossar.Isso é o amor... Paula Tatiane M. Santos 2º Sem – 3ª Etapa – EJA-CEBBS-2011/2
  • 72. 73 POR QUE TANTOS PORQUÊS?Por que a vida é assim?Por que ela não é diferente?Por que a gente não é?A vida não é por quê?Qual o porquê de a vida não ser diferente?Aonde você vai com essa vida?Aonde você vai com esse pensamento?Aonde você vai com os seus porquês?Mas o nosso pensamento é a nossa vida.Quanto mais se pensa, mais se irrita.Onde eu vou viver assim?Você pensa más ideias...Mal eu pensei e já sofri,Mau eu sou, então, se fico pensando assim...Às vezes penso que não há mau pensamento,Há mau sentimento...Eu não vou à escola da minha vida,A escola é que é a minha vida...Então, a vida não é o porquê,Você é quem faz o porquê... Pamella Silva Garcia 2º Sem – 3ª Etapa – EJA-CEBBS-2011/2
  • 73. 74 AINDA NÃO SEI... POR QUÊ?Por que nem tudo que eu quero eu posso?Nem tudo que eu posso eu devo?E nem tudo o que eu devo é o que eu quero?Sei que não sou perfeito,Porque ninguém é perfeito.Ah! Perfeito é o que quero ser,Mas quando eu vou conseguir, eu não sei,Porque, por onde eu andar,Uma perfeição eu encontrarei.Seja mau ou bom,O importante é aonde vou indo,Até parar para refletir mais...Perfeições, sejam elas más, do mal, ou boas, dobem,Com satisfação saberei qual a ideal.Mas, o que eu quero?Ainda não sei. Rodrigo Vieira dos Santos 2º Sem – 3ª Etapa – EJA-CEBBS-2011/2
  • 74. 75Outros textos criativos...
  • 75. 76 AMIGOS DE INFÂNCIA Há anos, Pierre e Pietro, dois amigos deinfância, se distanciaram um do outro, porque os paistiveram que se mudar de onde moravam. Na época, Pierrequestionou o pai: _ Por que temos que nos mudar para longe,papai? O senhor está sendo mau, separando-me de Pietro. _ Não, meu filho, estou em busca deoportunidades e de estudo para você, e, ainda, evitar aspessoas más. _Tudo bem, papai, não importa. Para aonde agente vai. Seremos sempre amigos. Mas sentirei saudades. Perderam o contato. Não sei dizer o porquê.Mais alguns anos depois, se reencontraram na faculdade.Um dia, Pietro chegou para Pierre e disse: _Você está tão estranho, Pierre. Se sente mal? _Não, Pietro, é só preocupação de pai. _Preocupação de pai? Está me dizendo isso porquê? _Porque daqui a uma semana, vou ser papai. Evocê vai ser o padrinho, amigo. Logo após o nascimento dobebê, vamos à igreja marcar a data do batizado, ok? _É claro! E assim, selar a nossa amizade parasempre! Juscely 2º Sem – 3ª Etapa – EJA-CEBBS-2011/2
  • 76. 77 A FOLGADA E A TARTARUGA Isto é um absurdo! Essa garota é muito folgada.Ela chegou na minha casa perguntando o que era aquilo! Naquele momento, ouvi um barulho. Era a nossatartaruga que estava fugindo. Meu irmão foi pegar oaquário para colocá-la, mas sua caneta preta caiu no chão.Ele parou para pegá-la. Mas, naquele momento, atartaruga caiu em um buraco e sumiu... Solange 6º Sem – 2ª Etapa – EJA – CEBBS – 2011/2
  • 77. 78 A VIAGEM E O ESQUECIMENTO Naquele dia, eu estava viajando naquele ônibus,quando uma senhora perguntou: _ Essa bolsa é sua? Eu disse: _ Sim. Essa bolsa e esse casaco. Quase que meesqueço. Obrigada! E aquilo lá, é da senhora? _ Isto, o que é? _ São seus óculos. _ Minha filha! Quase que meu guarda-chuva ficatambém. Minha netinha não iria gostar. _ Você só tem ela? _ Minha nossa! São tantos netos! Gosto demaisdeles. Sandra Rosa dos Santos 6º Sem – 2ª Etapa – EJA – CEBBS – 2011/2
  • 78. 79 A BRASÍLIA AMARELA A minha vida é boa. Eu trabalho e tenho o meudinheiro para comprar o que eu quero. A Brasília amarela é deles, mas ainda pode serminha, para eu passear com aquela menina danadinha ebonita. Eu tenho que fazer isso para a minha vida ficarainda melhor. José Fábio 6º Sem – 2ª Etapa – EJA – CEBBS – 2011/2
  • 79. 80 A ESCOLA E O CACHORRO Nossa escola funciona de segunda a sexta. Nasexta-feira, era Dia dos Pais e todos os alunos tinham quefazer uma homenagem para os pais. Francelino foi oprimeiro. Minhas colegas perguntaram: _ O que é aquilo? Eu respondi: _ Ei! Respeito! Este rapaz é o meu irmão porparte de mãe. Depois da homenagem, olhei para trás e viaquele pai chorando ao ver a homenagem do seu filho. Euadoro o mundo deles. É tudo tão bonito na união deles. No sábado, o meu cachorro ficou doente. Eu ligueipara uma amiga que tem um irmão veterinário. _ Oi, você está na sua casa? Ela respondeu: _ Sim, por quê? Eu falei: _ Ah! Porque meu cachorro está doente e euquero uma consulta para ele com o seu irmão. Ela falou que o irmão dela não estava em casa.Estava no consultório. Eu perguntei:
  • 80. 81 _ Posso ligar para o seu irmão? Ela respondeu: _ Pode e deve! Liguei para o veterinário. Ele pediu todos osdados do cachorro. Ele perguntou a raça. Eu falei: _ O meu cachorro é vira lata. Então ele pediu para levá-lo até o consultório.Levei. Quando o veterinário viu o cão, falou: _ Esse cachorro é um dálmata! Eu disse: _ Não, é um vira lata! Mandei fazer um exame e fiquei esperando oresultado. Naquele dia, achei que iria morrer de tantaansiedade. Por fim, o cachorro não era nem vira lata e nemdálmata. A consulta foi cara. Eu pedi dinheiro à minhamãe. Ah! Eu adoro a minha mãe. Essa vida não é paraqualquer um. Isto é o meu destino! Franciely 6º Sem – 2ª Etapa – EJA – CEBBS – 2011/2
  • 81. 82 A VOLTA DA AMIZADE Nossa história começa assim: naquele dia euestava com sono. Eu nem percebi quando chegou aquelerapaz que já foi meu amigo. Quando ele viu o livro sobre amesa, foi logo dizendo: _Esse é meu livro! Eu disse: _ Tire a mão! Isto é do meu tio. _ Que caderno velho é esse? _ Essa casa é antiga. Eu guardei esse cadernoque usei no ano passado... E aquilo que aquele seu colegadisse? _ Não se preocupe. Aquilo que o meu colega disseé mentira! Depois disso, voltamos a ser amigos. Jean Carlos 6º Sem – 2ª Etapa – EJA – CEBBS – 2011/2
  • 82. 83 O ENCONTRO Dois amigos se encontraram na rua.1º - Meu dia está sendo ruim!2º - Por quê?1º - Porque não posso ir em sua casa.2º - Mas, por quê não?1º - Tenho que arrumar minha casa! Essa casa é antiga.2º - Tudo bem.1º - Hoje é seu aniversário?2º - Não. Só semana que vem.1º - O que é aquilo? O que aquele menino está fazendo? Isto é uma vergonha!2º - Aquele menino é meu irmão.1º - Esse gato é seu?2º - Não. Nossa gata morreu. Olha! O carro do Paulo!1º - Este carro é muito velho!2º - Nunca gostei do carro dele!1º - Lembro um dia que saí com ele. Eu “zoei” muito naquele dia! Jéssica N. M. 6º Sem – 2ª Etapa – EJA – CEBBS – 2011/2
  • 83. 84 PROMOVER A PAZ É USAR A CONSCIÊNCIA, É FAZER GUERRA CONTRA TODO TIPO DE VIOLÊNCIA. A violência, a cada dia mais, se mostra “umproblema global, que envolve o mundo todo, mas queexige uma atitude local”; ou seja, atitudes pequenas decada um. Nós temos vários nomes de reconhecimentointernacional, às vezes mundial, como Mahatma Gandhi,Madre Tereza de Calcutá, e muitos outros, que deram suasvidas no movimento pela PAZ. Em nossa comunidade, temos pessoas como osmembros da Polícia Militar, do Conselho Tutelar, osdirigentes das igrejas, os professores e funcionários dasescolas, que também estão constantemente na luta contraa violência e a favor da vivência dos valores humanos, quesão a condição vital para se viver em PAZ. Para se eliminara violência não dependemos de planos de governo, denovas leis, ou de projetos grandiosos, mas sim damudança de atitude de cada um. Não devemos esperar porações do Governo, nem de intervenção da ONU, ou quealgo de sobrenatural aconteça para mudar a atual situaçãode medo e insegurança em que todos vivemos.Precisamos, antes disso, começar mudando a nós mesmos,mudando os nossos hábitos, e assim, mudar o nossogrupo, a nossa comunidade, o nosso mundo. Viver em PAZ é jogar o papel de bala no lixo; éreceber o outro sempre com um sorriso; é dizer “Muitoobrigado!”; é olhar nos olhos e perguntar: “Como tempassado?”, “Você é muito importante para mim!”; éoferecer ajuda quando pensa em acusar; é saber perdoarquando pensa em condenar... Viver em PAZ é, enfim,vivenciar os valores humanos: a verdade, a justiça, ahonestidade, a tolerância, a lealdade, amizade e amor. Prof. Paulo Sérgio
  • 84. 85Neste ano de 2011, nós, alunos do6º Semestre-2ª Etapa-EJA, e os outrosalunos da EJA do Bartolomeu,nas aulas de Língua Portuguesa,com o Professor PAULO SÉRGIO,produzimos textos dos mais variados tipos,sobre vários assuntos, com muitaimaginação e criatividade,expondo ideias e opiniões,mostrando que a leitura e a escritapodem transformar o nosso mundo.Com estes textos, nós procuramosconscientizar a todos de como agirem diversas situações da nossa vida...Afinal, as principais funçõesda leitura e da literatura são divertire mudar os comportamentosde nossos leitores!