As Inauditas Funções Sintáticas
da Língua de Camões
Constituintes da frase – grupos
frásicos
Grupo nominal
Grupo verbal
Grupo preposicional
Grupo adverbial
Grupo adjetiv...
Grupo nominal tem como núcleo um nome ou pronome.
 Um grupo nominal pode ser constituído da seguinte forma:
 1. nome: “…...
Grupo verbal tem como núcleo um verbo ou um complexo verbal.

 Um grupo verbal pode ter as seguintes constituições:
 1. ...
Grupo preposicional tem como núcleo uma preposição que ocupa
sempre a posição inicial.
 Exemplos
 1. Preposição + grupo ...
Grupo adverbial tem como núcleo um advérbio.
 Exemplos
 1. Advérbio: “ Cautelosamente, os sete homens aproximaram-se”.
...
Grupo adjetival tem como núcleo um adjetivo.
 Exemplos
 1. Adjetivo: “ Alá é grande”.
 2. Advérbio + adjetivo: Alá é mu...
Funções sintáticas
sujeito
Funções
sintáticas
fundamentais

predicado
Modificador da frase
vocativo
•Simples

Sujeito

•Composto
•Subentendido

•Nulo

•Indeterminado
•Expletivo
Tipos de sujeito

Constituinte da frase que
controla a concordância verbal,
sendo constituído normalmente
por um grupo nom...
Predicado

Função sintática
desempenhada pelo grupo
verbal.

Exemplos:

 Clio adormeceu.
 Clio deixou descair a cabeça ...
Modificador da frase
Função sintática que transmite a opinião, o ponto
de vista do falante em relação ao que diz.
Exemplo...
Vocativo
Função sintática desempenhada por um
constituinte usado para interpelar o interlocutor.
Exemplo:
Yussuf, não de...
Complemento direto
Complementos
do verbo

Complemento indireto
Complemento agente da passiva
Complemento oblíquo

Funções
...
Complemento direto
É constituído por um grupo nominal exigido

pelo verbo.
O quê?

Clio tecia a história.
O quê?

Os árab...
Complemento indireto
É exigido pelo verbo e é constituído por um

grupo preposicional introduzido pela preposição
“a”.

...
Complemento oblíquo
É exigido pelo verbo e é constituído por um

grupo preposicional ou adverbial.

 Exemplos:

Os mouro...
Complemento agente da passiva
É exigido pelo verbo numa frase passiva e é constituído

por um grupo preposicional, introd...
Predicativo do sujeito
Função sintática que atribui propriedades ao sujeito, exigida por
verbos copulativos (ser, estar, p...
Predicativo do complemento direto
 Função sintática que atribui propriedades ao complemento direto,

exigida por alguns v...
Modificador do grupo verbal
Função sintática desempenhada por grupos

adverbiais, preposicionais ou orações e que não é
e...
Modificador do nome
Funções sintáticas no grupo nominal

complemento do nome
Modificador do nome
Função sintática desempenhada por grupos nominais,
adjetivais, preposicionais ou alguns tipos de oraçõ...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Funções sintáticas.

879

Published on

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
879
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
20
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Funções sintáticas."

  1. 1. As Inauditas Funções Sintáticas da Língua de Camões
  2. 2. Constituintes da frase – grupos frásicos Grupo nominal Grupo verbal Grupo preposicional Grupo adverbial Grupo adjetival
  3. 3. Grupo nominal tem como núcleo um nome ou pronome.  Um grupo nominal pode ser constituído da seguinte forma:  1. nome: “…garante Horácio.”  2. determinante + nome: “Outros poetas dão-se…”  3. determinante + determinante possessivo + nome: movimentou as suas tropas.  4. quantificador + nome: “…fez que dois esquadrões se formassem…”.  5. determinante + adjetivo + nome : “O grande Homero dormitava…”.  6. determinante+ nome + grupo preposicional: ouviu-se “ uma sarabanda de buzinas”.  7. determinante + nome + oração: “… não são apenas os poetas que se deixam dormitar.”  8. pronome: “ Aquilo não era uma pouca de gente…”.
  4. 4. Grupo verbal tem como núcleo um verbo ou um complexo verbal.  Um grupo verbal pode ter as seguintes constituições:  1. verbo: “O grande Homero dormitava…”.  2. verbo + grupo nominal: “Logo os dedos enlearam dois fios…”.  3. verbo + grupo nominal + um grupo preposicional: Muftar deu uma ordem aos seus homens.  4. verbo + grupo preposicional: “…sete homens aproximaram-se da mourama”.  5. verbo + grupo adverbial : “O comissário Nunes interpretou mal”.  6. verbo + pronome + uma oração: “…disseram-lhe que iriam providenciar…”.
  5. 5. Grupo preposicional tem como núcleo uma preposição que ocupa sempre a posição inicial.  Exemplos  1. Preposição + grupo nominal: “ relinchos de cavalos e imprecações guturais em alta grita”.  2. Preposição + grupo adverbial: O exército saiu de lá.  3. Preposição + oração: estava a estabelecer contacto com a tropa moura.
  6. 6. Grupo adverbial tem como núcleo um advérbio.  Exemplos  1. Advérbio: “ Cautelosamente, os sete homens aproximaram-se”.  2. Advérbio + advérbio: esconderam-se lá dentro.  3. Advérbio + grupo preposicional: ontem de manhã invadiram Lisboa.
  7. 7. Grupo adjetival tem como núcleo um adjetivo.  Exemplos  1. Adjetivo: “ Alá é grande”.  2. Advérbio + adjetivo: Alá é muito grande.  3. Adjetivo + grupo preposicional: Aquela gente era impossível de aguentar.
  8. 8. Funções sintáticas sujeito Funções sintáticas fundamentais predicado Modificador da frase vocativo
  9. 9. •Simples Sujeito •Composto •Subentendido •Nulo •Indeterminado •Expletivo
  10. 10. Tipos de sujeito Constituinte da frase que controla a concordância verbal, sendo constituído normalmente por um grupo nominal. Simples: O grande Homero às vezes dormitava. Os automobilistas começaram por apanhar um grande susto. Composto: Tanto os deuses como os homens costumam dormitar. Os berberes e os azenegues faziam parte do exército mouro.  Subentendido: Buzinaram. (subentende-se que foram os automobilistas) Nulo Indeterminado: Falou-se de certa lenda.  Expletivo: Assim aconteceu Havia muitos homens no local. (não se sabe quem)
  11. 11. Predicado Função sintática desempenhada pelo grupo verbal. Exemplos:  Clio adormeceu.  Clio deixou descair a cabeça loura.  El- Muftar deu uma ordem às suas tropas naquele instante.  El- Muftar deu uma ordem às suas tropas, obviamente.  Alá é grande e Clio estava distraída. NB. Toda a informação que se segue ao verbo faz parte do predicado, excetuando o que é separado por vírgulas, ou que faça parte de outras orações independentes.
  12. 12. Modificador da frase Função sintática que transmite a opinião, o ponto de vista do falante em relação ao que diz. Exemplo: Os árabes estavam assustados, obviamente.
  13. 13. Vocativo Função sintática desempenhada por um constituinte usado para interpelar o interlocutor. Exemplo: Yussuf, não desças do cavalo.
  14. 14. Complemento direto Complementos do verbo Complemento indireto Complemento agente da passiva Complemento oblíquo Funções sintáticas no grupo verbal Predicativo Predicativo do sujeito Predicativo do complemento direto Modificador do grupo verbal
  15. 15. Complemento direto É constituído por um grupo nominal exigido pelo verbo. O quê? Clio tecia a história. O quê? Os árabes atacaram Lisboa naquela manhã de setembro. Quem? Adoravam Alá.
  16. 16. Complemento indireto É exigido pelo verbo e é constituído por um grupo preposicional introduzido pela preposição “a”.  Exemplos: A quem? Todos os chefes obedeciam a El-Muftar. A quem? Disse aos seus homens para manterem a calma. A quem? Não lhe deu uma ordem.
  17. 17. Complemento oblíquo É exigido pelo verbo e é constituído por um grupo preposicional ou adverbial.  Exemplos: Os mouros chegaram a Lisboa. “Embora não se percebesse bem.”
  18. 18. Complemento agente da passiva É exigido pelo verbo numa frase passiva e é constituído por um grupo preposicional, introduzido pela preposição “por”.  Exemplo: A pedra foi atirada por Manuel da Silva Lopes. Na forma ativa: Manuel Silva Lopes atirou a pedra.
  19. 19. Predicativo do sujeito Função sintática que atribui propriedades ao sujeito, exigida por verbos copulativos (ser, estar, permanecer, ficar, continuar…) e desempenhada por grupos nominais, adjetivais, preposicionais ou adverbiais. Manuel da Silva Lopes é camionista. O agente estava na esquina. Os cavalos ficaram assustados
  20. 20. Predicativo do complemento direto  Função sintática que atribui propriedades ao complemento direto, exigida por alguns verbos transitivos-predicativos (achar, chamar, considerar, julgar, tratar, eleger, nomear…) e desempenhada por grupos nominais, adjetivais ou preposicionais. Exemplos: Muftar nomeou Yussuf seu lugar-tenente. Os automobilistas consideraram a situação irritante.
  21. 21. Modificador do grupo verbal Função sintática desempenhada por grupos adverbiais, preposicionais ou orações e que não é exigida pelo grupo verbal com que se relaciona. • valor temporal Ex.: Ontem li o conto. • valor espacial (ou locativo) Ex.: Os mouros atacaram os automobilistas na avenida. • valor modal (ou de modo) Ex.: Os polícias esconderam-se rapidamente.
  22. 22. Modificador do nome Funções sintáticas no grupo nominal complemento do nome
  23. 23. Modificador do nome Função sintática desempenhada por grupos nominais, adjetivais, preposicionais ou alguns tipos de orações e que não é exigida pelo nome com que se relaciona. Ex.: Muftar, o chefe da tropa, mandou atacar. Levantou uma bandeira verde. A polícia de choque varreu à bastonada as pessoas da cidade. O soldado que estava parado levou com uma pedra.
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×