Bases Conceituais do Design | Havaianas

  • 13,620 views
Uploaded on

Slides criados para apresentação em sala de aula sobre Análise de Produto de acordo com as Bases Conceituais do Design aplicadas a um produto específico. …

Slides criados para apresentação em sala de aula sobre Análise de Produto de acordo com as Bases Conceituais do Design aplicadas a um produto específico.

Obs. Houveram algumas distorções de formatações na hora da importação para o Slideshare.

More in: Design
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
13,620
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
19

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1.  
  • 2. HISTÓRIA E EVOLUÇÃO DOS CALÇADOS
  • 3. HISTÓRIA DOS CALÇADOS              Existem evidências que mostram que a história do  sapato começa a partir de 10.000 a. C., a necessidade de calçados partiu da dificuldade de caminhar em solos frios e mais ainda em solos quentes, na época do Faraó era também símbolo de nobreza e nostalgia ao poder.
  • 4. EVOLUÇÃO DOS CALÇADOS 1. Sandália Egípcia 2.000 a.C. 2. Sandália Greco-Romana 464 a.C.
  • 5. 3. Sandália Greco-Romana 465 a.C. 4. Sapato Egípcio 800 a.C. EVOLUÇÃO DOS CALÇADOS
  • 6. 5. Sapato Português 1695 (século XVII) 6. Sapato Chinês 1730 (século XVIII) EVOLUÇÃO DOS CALÇADOS
  • 7. 7. Sapato Francês 1780 (século XVII) 8. Bota Chinesa 1815 (século XIX) EVOLUÇÃO DOS CALÇADOS
  • 8. 9. Bota Inglesa 1880 (século XIX) 10. Bota Italiana 1885 (século XIX) EVOLUÇÃO DOS CALÇADOS
  • 9. 11. Sapato Inglês 1890 (século XIX) 12. Sapato Francês 1920 (século XX) EVOLUÇÃO DOS CALÇADOS
  • 10. 13. Sapato Italiano Salvatore Ferragamo 1928 (século XX) 14. Sandália 1930 (século XX) EVOLUÇÃO DOS CALÇADOS
  • 11. 15. Sandália Anabela 1940 (século XX) 16. Sapato Scarpin Italiano 1955(século XX) EVOLUÇÃO DOS CALÇADOS
  • 12. 17. Chinelos Havaianas 1962 (século XX) EVOLUÇÃO DOS CALÇADOS
  • 13. HISTÓRIA DA MARCA
  • 14. HISTÓRIA DA MARCA 1962 1970 1980 1993 1994 2000 1997 2009 2008 2007 2004 2003 2006
  • 15. 1962 – o nascimento das Havaianas A primeira Havaianas surgiu em 1962. Foi inspirada numa típica sandália japonesa chamada Zori, feita com tiras em tecido e solado de palha de arroz. Por essa razão, o solado de borracha das Havaianas possui uma textura que reproduz grãos de arroz, um dos detalhes que a torna inconfundível. HISTÓRIA DA MARCA
  • 16. 1970 – a criação dos grandes slogans J á nessa época tentavam imitar as Havaianas. O famoso slogan “Havaianas. As legítimas.” Foi então lançado. E bastava ouvir a frase “Não deformam, não soltam as tiras e não têm cheiro.” para se lembrarem dos comerciais protagonizados pelo comediante Chico Anysio durante as décadas de 70 e 80. HISTÓRIA DA MARCA
  • 17. 1980 – indispensáveis Nesta época, já eram vendidos mais de 80 milhões de pares de Havaianas por ano. As Havaianas eram tão fundamentais na vida dos brasileiros que, na década de 80, foram consideradas como itens da cesta básica, assim como arroz e feijão HISTÓRIA DA MARCA
  • 18. 1993 – inspiração para as tops A mania de virar a parte branca das Havaianas para baixo, deixando a colorida para cima, formava uma sandália que parecia ser de uma única cor. Esta foi a inspiração para o lançamento das Havaianas Top. Inicialmente eram 8 tons hoje é composto de 80 diferentes cores. HISTÓRIA DA MARCA
  • 19. 1994 – todo mundo usa A comunicação de Havaianas passa por uma grande transformação. Na TV, pessoas famosas como Malu Mader, Bebeto, Hortência e Luana Piovani, e outros nos anos seguintes mostraram seus pés. Todo mundo já usava Havaianas. Nas Revistas a explosão das cores e as imagens divertidas dos anúncios traduziam o alto-astral da marca. Juliana Paes Lázaro Ramos HISTÓRIA DA MARCA
  • 20. 1997 – criatividade em alta A partir do final dos anos 90, as Havaianas não parou mais de inventar moda. Foram criadas novas estampas, cores e modelos – até mesmo para os que mal tinham aprendido a andar... Como as Havaianas Baby! HISTÓRIA DA MARCA
  • 21. 2000 – mania internacional As Havaianas se tornam mania internacional. Havaí, Austrália, França e não parou por aí. Estrangeiros compravam no Brasil e levavam para seus países. Viraram assunto das grandes revistas e jornais do mundo, e conquistaram algumas das vitrines mais concorridas. Hoje , podem ser encontradas em mais de 60 países. HISTÓRIA DA MARCA
  • 22. 2000 – mania internacional As Havaianas se tornam mania internacional. Havaí, Austrália, França e não parou por aí. Estrangeiros compravam no Brasil e levavam para seus países. Viraram assunto das grandes revistas e jornais do mundo, e conquistaram algumas das vitrines mais concorridas. Hoje , podem ser encontradas em mais de 60 países. HISTÓRIA DA MARCA
  • 23. 2003 – e o oscar vai para... Desde 2003 as Havaianas participa do Oscar , presenteando cada um dos indicados com sandálias exclusivas. HISTÓRIA DA MARCA
  • 24. 2004 – diamantes dão eternos, Havaianas também Nesse ano foi lançada uma edição especial de sandálias assinada pela joalheria H.Stern, com acabamento em ouro 18K e diamantes. Uma sandália que é uma jóia. HISTÓRIA DA MARCA
  • 25. 2006 – para as mulheres As Havaianas Fit vieram pra agradar ainda mais as mulheres. Com tiras mais finas e delicadas que hoje são um ícone da marca. HISTÓRIA DA MARCA
  • 26. 2007 – casa própria em NY Símbolo do alto-astral brasileiro em qualquer parte do mundo, Havaianas finca definitivamente sua bandeira nos EUA. É o início da segunda fase da explosão internacional da marca. HISTÓRIA DA MARCA
  • 27. 2008 – em madri Em acelerado ritmo da expansão internacional, Havaianas passa a atuar diretamente na Europa. O local escolhido para abrigar o escritório próprio da marca e uma equipe de diversas nacionalidades e culturas é Madri. HISTÓRIA DA MARCA
  • 28. 2009 – espaço Havaianas O ano começa com um grande acontecimento na história da marca, a abertura do Espaço Havaianas em São Paulo. Uma loja que reúne uma linha completa de sandálias, produtos exclusivos para o mercado internacional, customização e novos produtos. O Espaço havaianas transmite todo o astral e a magia da marca. O cilindro no fundo da loja exibe as bolsas Havaianas. HISTÓRIA DA MARCA
  • 29. ESPAÇO HAVAIANAS Ao chegar à loja um platô permite a visão panorâmica do Espaço Havaianas.
  • 30. Customize suas Havaianas do jeito que preferir. ESPAÇO HAVAIANAS
  • 31. Em homenagem à origem popular das Havaianas, a barraca de feira expõe as sandálias como frutas da estação. ESPAÇO HAVAIANAS
  • 32. As Tradicionais as mesmas feitas desde 1962. ESPAÇO HAVAIANAS
  • 33. Ao fundo da loja as cores vibrantes formam um arco-íris. ESPAÇO HAVAIANAS
  • 34. BASES CONCEITUAIS DO DESIGN
  • 35. ERGONOMIA
  • 36. NÍVEIS DE INFORMAÇÃO VISUAL Informação Visual Identidade do Produto Identidade do Produto
  • 37. NÍVEIS DE INFORMAÇÃO VISUAL Informação Publicitária
  • 38. FUNÇÃO Prática (uso) Estética (edição mulher maravilha) Simbólica (símbolo do Brasil)
  • 39. SEMIÓTICA - Fases do Produto e Seus Significantes INTERPRETANTE OBJETO SIGNO A Tríade Semiótica de Pierce
  • 40. A Tríade Semiótica de Pierce SIGNO Chinelo de borracha resistente e confortável de baixo custo, n ão possuíam um atrativo visual. INTERPRETANTE Pessoas de baixa renda, produto encontrado em pequenos armazéns e feiras semanais. 1ª Fase OBJETO Havaianas SEMIÓTICA - Fases do Produto e Seus Significantes
  • 41. SEMIÓTICA - Fases do Produto e Seus Significantes A Tríade Semiótica de Pierce INTERPRETANTE 1ª Fase SIGNO OBJETO
  • 42. SIGNO Chinelo de borracha resistente e confortável, adequado para praia e ligado diretamente ao lazer. Custo acessível e maior variedade de cores INTERPRETANTE Pessoas de poder aquisitivo médio que valorizam o descanso e a natureza. A Tríade Semiótica de Pierce 2ª Fase OBJETO Havaianas SEMIÓTICA - Fases do Produto e Seus Significantes
  • 43. SEMIÓTICA - Fases do Produto e Seus Significantes A Tríade Semiótica de Pierce INTERPRETANTE 2ª Fase SIGNO OBJETO
  • 44. A Tríade Semiótica de Pierce 3ª Fase OBJETO Havaianas SEMIÓTICA - Fases do Produto e Seus Significantes SIGNO Ícone do Brasil, chinelo de marca altamente conhecida em todo o mundo, pode ser usado em varias ocasiões. Encontrada em passarelas, praias e no dia-dia é um calçado fashion devido as suas estampas e modelos diferenciadas. INTERPRETANTE Pessoas de todos os lugares e rendas que usufruem do produto por estar ligado as tendências e por ser um produto fashion e de simples uso.
  • 45. SEMIÓTICA - Fases do Produto e Seus Significantes A Tríade Semiótica de Pierce OBJETO 3ª Fase SIGNO INTERPRETANTE
  • 46. SISTEMA CONSTRUTIVO Solado Tiras Encaixe Encaixe Encaixe
  • 47. TECNOLOGIA E PROCESSOS DE FABRICAÇÃO Extração de látex de uma seringueira.
  • 48. TECNOLOGIA E PROCESSOS DE FABRICAÇÃO
  • 49.