Your SlideShare is downloading. ×
0
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

783

Published on

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO ESCOLAR - EDUCACIONAL, UMA SOLUÇÃO POSSÍVEL. PROF. PAULO DAVID - COORDENADOR PEDAGÓGICO

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO ESCOLAR - EDUCACIONAL, UMA SOLUÇÃO POSSÍVEL. PROF. PAULO DAVID - COORDENADOR PEDAGÓGICO

Published in: Education
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
783
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
27
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Etapas do Planejamento Estratégico
  • 2.  DIAGNÓSTICO ESTRATÉGICO Determinante da situação atual, de como está a instituição de ensino. Divide-se em dois momentos: FUNDAMENTOS; ANÁLISE e ALINHAMENTO
  • 3.   NEGÓCIO Focado nos benefícios esperados pelos clientes, para o hoje e para o futuro. Definindo o seu negócio a instituição estará identificando o seu diferencial competitivo. MISSÃO Contempla as necessidades sociais que a instituição de ensino atende, suas habilidades e seu foco de atuação. Serve de alicerce para o desenvolvimento e definições das políticas e diretrizes organizacionais, é objetiva e específica.
  • 4.  • • • • PRINCÍPIOS Compromissos assumidos pela instituição de ensino; Comportamentos para cumprir a missão. Carta magna da instituição; Lembrados facilmente pelos profissionais. EXEMPLOS: • • • Compromisso com a qualidade; Ética em todas as ações; Estímulo à reflexão crítica e construtiva.
  • 5. ANÁLISE DO AMBIENTE a) Externos: Compreensão holística das ameaças e oportunidades. b) Concorrência: O sucesso de uma estratégia está diretamente atrelado às nossas competências, e não ao insucesso das outras escolas. c)Internos: Forças e fraquezas dos processos acadêmicos e administrativos: tecnologia, estrutura, marketing, finanças e pessoas. d) Clientes: Compreende a satisfação dos clientes.
  • 6. COMPETÊNCIAS COMPETITIVAS Capacidade de oferecer valor aos clientes  Conhecimentos saber  Habilidades fazer  Atitudes comportar-se  Motivações querer As competências levam ao sucesso!    ALINHAMENTO Integração das informações obtidas, formando um conjunto que nortearão a composição da estratégia
  • 7. ESTRATÉGIAS: FOCO E POSICIONAMENTO     VISÃO Desejo e a intenção do direcionamento da instituição para o futuro. Projeta resultados a longo prazo: * Racional>Fruto de uma análise apurada de aonde se quer chegar. * Emocional> Compromissos internos perante o sonho desejado. Cadeia positiva e sinérgica em prol do futuro a ser alcançado. exemplo: Ser referencial de excelência na educação básica.
  • 8. PERSPECTIVAS EQUILIBRADAS  Direcionamento e foco de atenção: *Financeira> Planejamento estratégico e Plano orçamentário direcionado para o alcance da visão desejada. *Cliente e Mercado a)Identificação do público alvo; b)Compreender o que o cliente e o mercado esperam; c)Estabelecimento de metas relacionadas a satisfação dos clientes; d) Utilização de pesquisas. 
  • 9. *Processos internos> Qualidades superiores nos procedimentos acadêmicos e administrativos. Exemplos: Currículos e protocolos *Tecnológico> Fator que mais acirra a concorrência- decai a vantagem competitiva das escolas tradicionais. *Aprendizado e Crescimento> A instituição como empresa deveria ser modelo de aprendizagem para toda a comunidade.investimento nas ações de formação acadêmica e administrativa.
  • 10.  OBJETIVOS ESTRATÉGICOS * Resultados que se deve alcançar  Pontos de referência: alto desempenho,de dois a cinco anos;  Constituir desafios;  Rotina de atividades;  Considerar o custo para a concretização e benefícios a serem obtidos;  Relacionar com as perspectivas equilibradas;  Análise do impacto: reduzido, moderado ou elevado.
  • 11. INDICADORES E METAS  Quantificam o desempenho dos processos, dos serviços, oferecidos e da instituição como um todo.  Ajudam a interpretar conceitos complexos,transformando-os em idéias mais simples. • Indicadores operacionais: .Números de horas de capacitação .Índice de atendimento no protocolo por número de alunos: pico e rotina .Índice de aproveitamento interno Indicadores de resultados: .Índice de satisfação dos clientes .Índice de evasão .índice de docentes doutores, mestres, especialistas e graduados 
  • 12. ESTRATÉGIAS COMPETITIVAS  Abrange a análise do que fazer e também do que não fazer para alcançar os objetivos.   Devem equilibrar de maneira, harmônica os riscos e resultados.  Considerar o impacto e as consequências que elas trarão ao próprio segmento educacional a longo prazo.
  • 13. DESDOBRAMENTO E ATIVAÇÃO PLANOS DE AÇÃO  Prevêem atividades programadas, contendo detalhamento de como deverá ser realizada e concretizada a estratégia para atingir o objetivo. É o desdobramento das estratégias para as diversas áreas da empraza a curto, média e longo prazo.  É nesta fase que se indicam os responsáveis por cada etapa do plano, os prazos e os recursos necessários para o seu cumprimento, tais como: humanos,equipamentos, financeiros...
  • 14.  Consistência e aprovação Nesta fase, o planejamento estratégico está concluído. Porém, antes de divulgá-lo e implementá-lo, seja verificada a sua consistência no âmbito interno, externo, de clientes e dos riscos. E que seja aprovado formalmente pela alta direção.
  • 15.  Divulgação  Os objetivos a serem alcançados precisam ser comunicados a todos os membros da equipe para que a estratégia da escola seja bem sucedida, é imprescindível torná-la presente nas ações do cotidiano.
  • 16.  IMPLEMENTAÇÃO  É necessário o foco e a determinação, com o foco obtém-se a atenção concentrada nos objetivos. Com a determinação surge a energia, manifestada no vigor, no compromisso profissional para a ação.
  • 17.  Acompanhamento O processo estratégico não se finda com a sua elaboração e o início da implementação. É necessário que o gestor educacional tenha um controle sistemático, acompanhando e participando ativamente no desenvolvimento dos trabalhos, realizando comparações entre as situações alcançadas e as previstas.
  • 18.  Nesta fase , considera-se o que é preciso fazer para aperfeiçoar o processo , pois todo o trabalho de planejamento necessita ser melhorado e incrementado para que, a cada ano, a equipe educacional possa formular estratégias mais condizentes com o futuro desejado.  Ao melhorar os processos ou inovar a sistemática de se fazer bem feito os gestores levarão a instituição a patamares superiores de excelência permitindo a liderança de mercado.

×