Apresentacao unip 24.03.11
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Apresentacao unip 24.03.11

on

  • 1,243 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,243
Views on SlideShare
1,113
Embed Views
130

Actions

Likes
0
Downloads
8
Comments
0

1 Embed 130

http://gestaodeti.com 130

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Apresentacao unip 24.03.11 Apresentacao unip 24.03.11 Presentation Transcript

  • Prof. Vinicius Heltai 2011
  • ApresentaçãoCurso de Tecnologia – Historia, Crescimento,Mercado, Visão e Atualidade.Petróleo e Pré-Sal.Copa do Mundo 2014.Olimpíadas 2016.Acordos Bilateral Brasil x Estados Unidos.Perspectivas e Novos rumos na área tecnológica.Preparativos para os novos tempos.
  • Tecnólogos no Brasil - Historia Primeiro curso no Brasil – 1969 (Reconhecido pelo MEC 1973)FATEC – São Paulo – Construção Civil. 1970 – 1979 – Crescimento acelerado no Brasil. 1980 – 1998 – Extintos das instituições 2000 – Atuais – Ressurgimento com auto potencial. 2004 – Decreto 5.154/04 – Reconhece a Profissão 2006 – Decreto 5.773/06 – Aprimora e Fortalecimento dos cursos Superiores de Tecnologia com a Criação de diretrizes.
  • Tecnólogos no Brasil - PerfilPerfil Clássico – Pessoas que já estavam no mercado de trabalho,mas precisavam fazer um curso superior ou por não teroportunidade de ter ingressado. (maioria acima de 25 anos)Perfil Atual – Além dos alunos (perfil clássico), alunos recémformados do ensino médio, em busca de novas áreas de atuaçãoe campo de trabalho diferente dos tradicionais. 51,8% Mulheres – 48,2% Homens 16% - Entre 16 e 20 anos 51% - Menos de 25 anos 33% - Acima de 25 anos
  • Tecnólogos no Brasil - PerfilBrasil começa a se equiparar aos países como EUA e à Europa, ondeos cursos superiores de tecnologia representa mais de 50% dosalunos matriculados2010 – 8% dos alunos ingressão no curso superior de curta duração.2015 – 20% (Previsão) dos alunos ingressem no curso superior decurta duração. Elevando o Brasil próximo a países desenvolvidos. O BRASIL VEM EVOLUINDO E O PERFIL DOS PROFISSIONAIS E ESTUDANTES MUDANDO.
  • Tecnólogos no Brasil - Crescimento 2004 a 2006 – Crescimento de 96,67% no Brasil Instituições: 1.804 para 3.548 (Fonte: MEC) 1998 a 2004 – Crescimento de 395% Alunos no Estado de SP (Fonte: INEP) A necessidade de profissionais faz com que cursos novos sejam requeridos. Mão de obra em falta, significa busca de especializações, incentivo e concorrência institucionais de educação. (Lei da Oferta e da Procura)
  • Tecnólogos no Brasil - Crescimento Crescimento de 985% o numero de alunos: 1998 a 2009 - 69mil para 680mil Alunos.“Esse aumento da procura e da oferta de cursos superiores de tecnologia revela uma ruptura de padrões” Eliezer Pacheco – Secretario de Educação Profissional do MEC
  • Tecnólogos no Brasil - MercadoPesquisa do Serviço de Avaliação Institucional (SAI) em 2004: 91,6% dos Alunos Egressos - Já estavam no mercado de Trabalho 60% destes – Na área dos Cursos.“O mercado reconhece bem. Porem exige que o profissional sejacriativo, trabalhe em equipe, seja uma pessoa de fácil aceitaçãopelo grupo e auxilie na tomada de decisões.”A tendência é as empresas acompanharem os demais países navisão da preparação e o que vem a ser um tecnólogo.
  • Tecnólogos no Brasil - Mercado Dinamismo e Criatividade:O mercado tornou-se dinâmico. Os profissionais de tecnólogos são dinâmicos e o existe nichos que só os tecnólogos tem campos. “As novas profissões são mais aceitas a este modelo de curso, como gestão de rede, de games aonde os cursos de profissões tradicionais não são fortes. Nas demais profissões como direito, psicológica, engenharia, é mais difícil conquistar espaço” Elizabeth Guedes
  • Tecnólogos no Brasil - Mercado O mercado não pode esperar 4, 5, 6 anos para que possaabsorver um profissional, pois este só irá estudar as matériaspráticas de sua profissão, na maioria dos cursos de bacharéis, nos 2 últimos anos. Os cursos de tecnologia deve mudar sua grade pelo menos 20% por turma formando. O TEMPO É AGORA. OS CURSOS DE TECNOLOGIA ESTÃO SENDO SOLICITADOS. O MEIO CORPORATIVO QUER OS TECNOLOGOS
  • Tecnólogos no Brasil - Preconceito Porque essa imagem dos Tecnólogos????A situação é causada por pura falta de desinformação e confusãode décadas anteriores.a) Situação Politica e de LegislaçãoEm décadas passadas, os cursos de curta duração não eramreconhecidos como curso superior plenos (licenciatura curtas eengenharia operacional). • Menos tempo de formação. • Não permitia os egressos cursar pós-graduação e mestrado • Vistos como intermediários.
  • Tecnólogos no Brasil - Preconceitob) Problema Cultural:“Por décadas nos acostumamos que a formação de nível superiorera feita pelos bacharelados. Estabeleceu-se essa cultura. Quandoalgum aluno comentava que era tecnólogo, muitos não sabiam oque era isso. Confundiam com cursos técnicos, de formação doensino médio”. Eduardo Ehlers Diretor de graduação do Centro Universitário SENAC
  • Tecnólogos no Brasil - Preconceitoc) Fortalecimento dos Conselhos Profissionais:“Nas áreas em que não existem o conselho profissional a atuaçãonão é conflituosa. A experiência com profissionais das áreas deengenharia, arquitetura e agronomia (CREA), via de regra, nosmostra empregadores contratando tecnólogos como profissionais‘intermediários’, ‘complementares’, ou seja, estão ‘abaixo’, nãopodem assumir responsabilidades efetivas nas suas áreas deformação e compatíveis com um graduado” Décio Moreira Presidente do Sindicato dos Tecnólogos do Estado de São Paulo
  • Tecnólogos no Brasil - PreconceitoOs cursos de tecnologia são reconhecidos comocurso superior sim, dando a plena possibilidadedos egressos em especializarem com cursos depós-graduação e os seus avanços como umagraduação de bacharelado. E o mercado esta com tudo para a categoria
  • O PETROLEO É NOSSO !!!!REVITALIZAÇÃO DO SETOR ENERGETICO
  • “A autossuficiência do petróleo, alcançada recentemente é mais uma vitória da Petrobrás e do Brasil.” Fonte: Revista Brasileira de Energia, Vol. 8 | Nº 1, da SBPE
  • PRODUÇÃO BARRIL/DIA NO BRASIL
  • Descoberta do Pré-Sal
  • Descoberta de Petróleo no Pré-SalO mercado de trabalho para a área petrolífera está emplena expansão.Estima-se que até o setor deva abrir 260 mil novasvagas diretas e mais de 1 milhão de vagas indiretas,devido a descoberta de um grande volume de petróleoe gás natural na camada pré-sal.
  • COPA DO MUNDO NO BRASIL“BRASIL UM CANTEIRO DE OBRAS”
  • Infraestrutura no Brasil para Copa Criação e reforma de estádios pelo Brasil
  • Infraestrutura no Brasil para Copa “Mesmo com obras aeroportos não comportam demanda. “Estudo mostra que 16 terminais estarão saturados logo após reformas para o Mundial de 2014
  • Infraestrutura no Brasil para CopaTransporte em massa é problema na atualidade Na Copa de 2014 a tendência é piorar.
  • OLIMPIADAS RIO 2016O QUE MUDA PARA OS TECNOLOGOS?
  • Empresas já estão de olho... Patrocinadores e Empresas envolvidas Nenhuma empresa “joga” dinheiro fora.As empresas INVESTEM, para obter LUCROS.
  • “O BRASIL CORRE RISCO DE SOFRERUM APAGÃO NO DESENVOLVIMENTO” Fonte: Folha de São Paulo
  • “O Brasil pode não dar conta do volume de investimento programado para à exploração do pré-sal e realização da copa do mundo e olimpíadas” Fonte: Revista EXAME
  • Hoje há um déficit espantoso de profissionais na área técnicaNo Brasil a maior preocupação dos empresários e governo é em profissionais necessários. E quem são as “bolas da vez”? O que se deve fazer?
  • Campanhas nas escolas atraindo o interesse pelas profissões. Capacitações de Mão de Obra especializadas e abertura de novos cursos, de acordo com a necessidades das empresas industriais.
  • QUE TAL UMA COPA DO MUNDO E OLIMPIADAS NO CURRICULUM ?
  • ACORDOS BILATERAISENTRE BRASIL X EUA
  • ACORDOS PROPOSTOSOLIMPIADAS E COPA - Ações de promoção e divulgação da Copa2014 e das Olimpíadas de 2016 nos EUA foram tratadas entre oscontinentes. EUA cedendo tecnologia e conhecimento e Brasilaprimorando divulgação e melhorando os eventos.ENERGIA RENOVÁVEL – Na área energética, ambos os paísesacordaram tratados voltados para pesquisa e produção deenergia de fonte renovável, como etanol e biodiesel.MERCADO – Reunião entre empresários brasileiros e americanosmostram interesse em participação americana no Brasil emtroca, empresas Brasileiras ganhando “fatia” do mercadoamericano nos seus produtos e serviços.
  • Otimismo...“O futuro chegou para o Brasil, que agora ocupa umlugar proeminente no mundo como grande potênciaeconômica e financeira.” Barack Obama – março 2011
  • Já tem Cliente interessado.....“Queremos oferecer tecnologia e apoio para explorarestar reservas petrolíferas de maneira segura e, quandoestiverem prontos para começar a vender, queremos serum de seus melhores clientes” David Sandalow – Subsecretario de Energias dos EUA“Nós não queremos apenas comprar produtosamericanos, nós queremos vender para os EstadosUnidos” Robson Andrade – Presidente da CNI
  • Domínio da Língua InglesaEmpresas globalizadas exigem domínio do inglês.
  • Reciclagem e TreinamentosAprender novas técnicas é continuar a ser um tecnólogo. Conhecimento é diferencial. (Feedback Pessoal)
  • Liderança e DestaqueUm crescimento acelerado não ocorre para sempre.Os mais qualificados e preparados devem se destacar para manter seu crescimento.
  • Invista em você mesmo... Aprenda... Se você estiver confortável no seu trabalho.Significa que você se tornou uma pessoa mediana, e que sempre terá resultados medianos. Você poderia estar produzindo muito mais. Tudo começa com pequenas atitudes. Dedique 1 horas por semana para aprender algo novo.Depois de um anos, você terá aprendido 52 “coisas novas”
  • “Faça o que goste e nunca ira trabalhar” Não diferencie “VIDA PESSOAL” e “VIDA PROFISSIONAL”.Você tem apenas uma vida e esse é o segredo da realização pessoal. Faça o que te motive, o que dê prazer. Não arrisque sua vida trabalhando duro por alguém, TRABALHE POR VOCÊ! Você não esta vendendo seu tempo esta investindo. A motivação financeira é uma parte importante, mas não será ela que irá te dar a energia que precisa.
  • “Faça o que goste e nunca ira trabalhar” Qualquer profissional ou empreendedor de sucesso. Eles são motivados por uma ideia, uma paixão. O RESTO É CONSEQUÊNCIA O sucesso só depende da paixão e da vontade de todos vocês. A situação esta favorável, o “vento” sopra a favor. Boa sorte.... Prof. Vinicius Heltai
  • OBRIGADOVinicius Heltaivinicius@heltai.com.br www.heltai.com.br