Aula de 17. Modulo I. Ações de Apoio a Célula de Evangelismo. Parte I

  • 119 views
Uploaded on

CÉLULA DE CAPACITAÇÃO …

CÉLULA DE CAPACITAÇÃO

CURSO:

MODULO I - LÍDER DE CÉLULA DE EVANGELISMO.

More in: Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
119
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
14
Comments
0
Likes
1

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. FATOR CELULAR 1.Célula de capacitação CÉLULA DE CAPACITAÇÃO
  • 2. O quê é Célula de Capacitação? CÉLULA DE CAPACITAÇÃO
  • 3. Essa célula é semanal nos horários das 15h00 e as 20h00 Duração 1h30 O quê é célula de capacitação? É reunião semanal de todos os discípulos (as) para serem ensinados na igreja (templo). CÉLULA DE CAPACITAÇÃO
  • 4. A CÉLULA DE CONSOLIDAÇÃO E LIDERANÇA Trás ensinamento, porém também trata de assuntos sobre projetos, metas e o que vamos realizar na igreja. A CÉLULA DE CAPACITAÇÃO Trata apenas do ensino da palavra e está dividida em temas para facilitar a compreensão . CÉLULA DE CAPACITAÇÃO
  • 5. A IMPORTÂNCIA DA CAPACITAÇÃO CAPACITAÇÃO SIGNIFICA TORNAR-SE APITO PARA REALIZAÇÃO DE ALGO ATRAVÉS DO ENSINO E PRÁTICA. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO
  • 6. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO Aula anterior: A Célula de Evangelismo e sua estrutura. Parte IV
  • 7. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO Lemos a Palavra em Atos dos Apóstolos 2.42,46,47; 5.42 Na parte I, II e III falamos sobre Horário, Orações, Quebra-gelo, Louvor, Edificação da Palavra e o Compartilhar da Palavra que dentro da estrutura de um Célula de Evangelismo são elementos importantíssimos, porém ainda temos o vinculo participativo e a confraternização para abordarmos e concluirmos essa etapa de conhecimento sobre a Estrutura da Célula de Evangelismo e cumprir com eficiência o propósito de interação mutua, o alcançar de vidas, o amadurecimento da liderança e membros, ou seja, torna acessível a capacitação de todos a realização desta ferramenta abençoada e cumprir o Ide de Jesus (Mateus 28.19, 20). OBJETIVO; Estrutura; Vínculo participativo e a Confraternização; Entendendo o Vínculo participativo; Apresentação, Testemunho, Apelo, Oferta e a Ceia do Senhor; Confraternização; Cuidados na Confraternização; Conclusão.
  • 8. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO CONCLUÍMOS QUE: A estrutura da Célula de Evangelismo que é formada do Horário, Oração, Quebra-Gelo, Louvor, Edificação da Palavra e o Compartilhar da Palavra abordados nas aulas anteriores são complementados na última aula que tratou do Vínculo Participativo e a Confraternização que concluem a Estrutura da Célula de Evangelismo fornecendo para o desfecho de nosso tema os aspectos que tornam na aproximação a oportunidade da concretização do propósito da reunião que é de alcançar vidas, crescer na fé e se ajudar mutuamente.
  • 9. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO Efésios 4.15,16. Pelo contrário, falando a verdade com espírito de amor, cresçamos em tudo até alcançarmos a altura espiritual de Cristo, que é a cabeça. É ele quem faz com que o corpo todo fique bem ajustado e todas as partes fiquem ligadas entre si por meio da união de todas elas. E, assim, cada parte funciona bem, e o corpo todo cresce e se desenvolve por meio do amor.
  • 10. TEMA DA AULA CÉLULA DE CAPACITAÇÃO Ações de apoio a Célula de Evangelismo. Parte I
  • 11. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO AÇÕES DE APOIO A CÉLULA DE EVANGELISMO Objetivando a fixação do sentido da Célula de Evangelismo que é a ideia de corpo, ou seja, o fazer parte do Corpo de Cristo inserimos nesta aula a visão acertada que a Célula de Evangelismo não acontece somente no dia e horária determinados para a reunião, mas é uma construção que necessita também de fatores externos. Tais fatores envolvem orações intercessórias e jejum, evangelismo (convite aos não cristãos), contato pessoal e impessoal e reuniões organizacionais (líder e membros; Supervisor e líder; participação na Célula de Consolidação e Liderança).
  • 12. TEXTO REFLEXIVO CÉLULA DE CAPACITAÇÃO Um belo prédio em sua inauguração é admirado, porém muitos de seus admiradores não participaram passo a passo de sua fundação até a conclusão e desconhecem que para chegar ao ponto de ser admirado foi necessário o empenho da equipe de profissionais, a busca de materiais externos, o investimento de tempo, força humana e de administração financeira. A Célula de Evangelismo é maravilhosa e ao ser realizada dentro de sua estrutura organizacional também provoca admiração, mas para que ela aconteça é necessário um trabalho construtivo que envolve os fatores relacionados no tópico anterior e que serão estudados na aula de hoje.
  • 13. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO Objetivo: A aula de hoje trás uma abordagem relacionada as ações de apoio a Célula de Evangelismo que fornecem a possibilidade de sua realização e ampliação visando o alvo da multiplicação.
  • 14. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO ORAÇÕES INTERCESSÓRIAS E JEJUM A realização da Célula de Evangelismo não é algo de ordem puramente física, ou seja, não é apenas uma reunião de pessoas, mas a reunião de membros do Reino dos Céus, de membros do Corpo de Cristo com a intenção de fortalecer e ajudar mutuamente uns aos outros e ainda alcançar vidas que não conhecem o Evangelho e por isso, temos uma reunião de ordem também espiritual que provocará o contra ataque das forças de oposição a Salvação. Para vencer as oposições malignas é necessário entrar pelo caminho da oração e o Líder de Célula é figura elementar para tal realização e ainda, para incentivar os demais membros de sua Célula a também buscarem a Deus intercessoriamente a favor da Célula de Evangelismo, dos novos convertidos, para que visitantes possam vir e também retornar.
  • 15. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO ORAÇÕES INTERCESSÓRIAS E JEJUM Além do ensino da Célula TSD o líder deve estar presenta na Célula de Intercessão e de preferência juntamente com os membros de sua Célula para que em equipe possam interceder a favor dos projetos e a favor da vidas. O ditado popular cristão que fala “A oração é a chave da vitória” apesar de não estar escrito na Bíblia tem um embasamento fundado na visão bíblica de que todo cristão deve perseverar e buscar a Deus em oração. Também se faz necessário lembrar que a Prática do Jejum (Lembre-se que é uma das lições do Manual de Acompanhamento Pessoal e formação de discípulos) é uma ferramenta importantíssima para o avanço do Evangelho que foi praticado desde tempos antigos (pelo povo israelita) e adotado pelos cristãos. O Jejum ajuda a orar melhor e cada líder com seus liderados devem ter o hábito de buscar a Deus também em jejum. Estas duas ferramentas (Oração intercessória e Jejum) colaboram eficazmente para derrotar as forças das Trevas e proporcionam a cada cristão a oportunidade de aproximar-se mais ainda de Deus.
  • 16. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO CUIDADOS NAS ORAÇÕES INTERCESSÓRIAS E JEJUM 1. Lutamos contra forças que não vemos fisicamente, mas Deus as conhece e através das orações e jejum serão derrotadas; 2. Todo cristão deve orar diariamente na presença de Deus e o líder da Célula de Evangelismo deve incentivar tal hábito a todos membros e aqueles que iniciarem na fé; 3. O líder deve ser o primeiro a participar dos propósitos de oração e incentivar os demais; 4. O líder deve incentivar a todos a apresentarem nomes de pessoas para orar e jejuar a favor delas; 5. Todos na Célula devem orar e jejuar pelos projetos realizados na propria Célula que participam e também pelos projetos do ministério em geral; 6. A Célula de Intercessão tem o proposito de apresentar 01 (uma) hora de oração (Pense nisso: Este período de oração proporcionará a oportunidade de aprendizado para os novos membros da Célula de Evangelismo); 7. O jejum pode ser total ou parcial conforme é ensinado a todos em nosso ministério; 8. Sempre ensine que o jejum deve ser acompanhado da oração;
  • 17. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO Evangelismo (convite aos não cristãos), Contato pessoal e impessoal É importantíssimo o líder compreender que a Salvação é para todos e que sua contribuição para atrair pessoas para o Reino do Céu é necessária e o retransmitir aos membros da Célula tal visão é uma tarefa que não deve ser negligenciada. A atitude de evangelizar é a resposta do sentimento de compaixão por aqueles que ainda não tiveram seus pecados perdoados pelo sacrifício de Cristo no Calvário. Geralmente começa-se tal trabalho entre os familiares e amigos de cada membro da Célula e estende-se a colegas e conhecidos. É necessário também entender que dificilmente pessoas irão a Célula de Evangelismo se não forem convidadas. Assim, todos (inclusive o líder) devem ter o propósito de convidar e insistir para trazer na Célula de Evangelismo pessoas que irão conhecer a Palavra de Deus.
  • 18. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO Cuidados no Evangelismo 1. A evangelização é um trabalho de todos (líder e membros); 2. Incentive a escolha de pelo menos três pessoas para iniciar o propósito de oração e jejum a favor de sua vinda na Célula; 3. Existem pessoas mais dispostas a ouvir a mensagem do Evangelho; 4. Pessoas mais resistentes devem ser trabalhadas num período maior de oração e jejum; 5. Evite convidar pessoas em cima da hora; 6. Nunca fale com uma pessoa somente para pregar o Evangelho; 7. Atenção: “Isso não significa nunca falar”; 8. Eventos fora da Célula de Evangelismo são ocasiões boas para evangelizar.
  • 19. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO O contato pessoal significa que uma pessoa deve se aproximar de outra pessoa, e esta proximidade será uma arma eficaz para atrair aqueles que receberão a salvação pelo poder do Evangelho, ou seja, é necessário ir até onde está essa pessoa (casa, escola, trabalho) e conversar, criar vinculo. Convidar a pessoa para um lanche ou café... Aos apaixonados por jogos talvez também jogar (futebol, vôlei, videogame etc)... Os contatos impessoais (telefone, celular, e-mail, whatsApp, facebook etc) devem ser um complemento, pois a impessoalidade em demasia tem impedido muitos de crescer na fé e de se aproximar de Cristo. Na visão celular o contato pessoa e impessoal andam juntos e não separados. Contato pessoal e impessoal
  • 20. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO Cuidados e Objetivos no Contato pessoal e impessoal 1. Estabelecer vínculo; 2. Criar amizade; 3. Apresentar Cristo; 4. Convidar para Célula de Evangelismo; 5. Os contatos impessoais são um complemento do pessoal; 6. Usar os meios de comunicação ajudam neste propósito; 7. Equilíbrio na conversa; 8. Equilíbrio ao estar na casa de alguém; 9. Saber quando e como falar.
  • 21. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO Reflexão sobre a virtude de visitar (contato pessoal e impessoal) É importante entender que o contato pessoal manifestado pela atitude de visitar membros da Célula de Evangelismo e pessoas com o objetivo de leva-las a Cristo é fundamental para o progresso da reunião e um dos passos fundamentais para alcançar a multiplicação, pois sem contato com aqueles que não conhecem a o Evangelho não haverá conversões e consequentemente não haverá a multiplicação da Célula e sua tendência será a estagnação.
  • 22. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO CONCLUSÃO Pensar que a Célula se resume apenas no horário semanal de reunião é perder o foco e estar fadado a não atingir a multiplicação. Entender e praticar as ações de apoio na Célula de Evangelismo colaboram para que a reunião proposta seja realizada com eficácia.
  • 23. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO Atividade interativa na sala de aula Em grupo de até 04 (quatro) pessoas: Juntos reflitam e respondam: 1)Descreva a importância do Evangelismo e o Contato pessoal e impessoal.
  • 24. CÉLULA DE CAPACITAÇÃO NÃO SE ESQUEÇAM QUE VOCÊS TEM OS SEGUINTES TRABALHOS INTERDISCIPLINARES: 1.LER O CAPITULO 03 DE 1 TIMOTEO e FAZER RESUMO DIZENDO O QUE ENTENDEU. 2.LER O CAPITULO 18 DE ÊXODO DO VERSÍCULO 1 AO 17 (ÊX. 18.1-17) e FAZER RESUMO e ESCREVER EM SEGUIDA O QUE ENTENDEU. 3.FAZER RESUMO DAS AULAS DE 05 À 08 e AO FINAL ESCREVER O QUE ENTENDEU. 4.FAZER UMA REDAÇÃO SOBRE “A IMPORTÂNCIA DO DISCIPULADO E COMO DISCIPULAR BENEFICIA O CRESCIMENTO E FORTALECIMENTO DA IGREJA DE CRISTO.” 5.FAZER UMA REDAÇÃO SOBRE “A CÉLULA DE EVANGELISMO E A IMPORTÂNCIA DA MULTIPLICAÇÃO PARA CONCRETIZAÇÃO DO PROPÓSITO DO REINO.” 6.ATIVIDADE EM SALA DE AULA (REALIZAR CÉLULA DE EVANGELISMO) OBS: “ESSES TRABALHOS EQUIVALEM A 5 (CINCO) HORAS CADA, SOMANDO 30 HORAS”