0
ou
A
V
I
S
O
S
DESTAQUE
DIA DA COMUNIDADE
Tema:Reconciliação com a Natureza
Objetivo:Que as pessoas reconheçam a Natureza ...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

29 06-2014

150

Published on

Published in: Spiritual
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
150
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
5
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "29 06-2014"

  1. 1. ou A V I S O S DESTAQUE DIA DA COMUNIDADE Tema:Reconciliação com a Natureza Objetivo:Que as pessoas reconheçam a Natureza como dom de Deus que somos chamados a proteger e a cuidar numa relação respeitosa e amiga. Slogan: “A Natureza é bela, o que tens feito por ela?” 3ª Feira, 1 de Julho Reunião do Conselho Económico e cozinheiras do CSPBunheiro, às 21h30 no Salão de S.Mateus 4ª Feira, 2 de Julho AÇÃO REFLORESTAR O ESPAÇO – pelas 18h30, em Vessadas, vamos cuidar do espaço da Comunidade, dando-lhe outra vida, plantando árvores, colocando proteções. Toda a comunidade está convidada a participar. Traz a tua pá ou enxada, e contribui para melhorar e dar vida a este espaço da Comunidade. Sábado, 5 de Julho A Catequese do próximo fim de semana será novamente em Vessadas (no local habitual do Dia da Comunidade). Nesta catequese, cada grupo vai apadrinhar uma árvore, de forma a quetodos sintam que aquele espaço também é deles... Os trabalhos deste ano catequético encerram no Dia da Comunidade. Domingo, 6 de Julho Às 11h00 – Acolhimento; 11h30 – Eucaristia; Às 12h30 – Almoço e às 15h00 – Tarde Recreativa 5ª Feira, 10 de Julho Assembleia Paroquial, às 21h00 no Salão de S.Silvestre. Por motivo de obras de remodelação e ampliação do Centro Social e Paroquial do Bunheiro, durante este período de obras o cartório será no salão de S. Silvestre às 3ªs e 5ªs feiras às 18h30. A planta da obra encontra-se na Igreja de S.Mateus. Sábado, 28 de Junho Ás 21h30, na Junta de freguesia do Bunheiro, haverá um Concerto de homenagem ao Cantor Carlos Paião, com a participação da Orquestra Filarmonia das Beiras. ENTRADA LIVRE! ESTAMOS TODOS CONVIDADOS A PARTICIPAR Semana de 29 a 05de Julho Folha Semanal nº 27/ 2014 Domingo XIII do Tempo Comum «Dou-te o que tenho: em nome de Jesus, levanta-te e anda» A Igreja que nasce de Jesus não é uma comunidade fechada em si própria, ou que vive apenas de olhos postos no céu à espera que Deus, de forma mágica, renove o mundo; mas é uma comunidade comprometida com a transformação do mundo, que testemunha – com palavras e com gestos concretos – os valores de Jesus, do Evangelho e do mundo novo.. A vida de Paulo foi, desde o seu encontro com Cristo ressuscitado na estrada de Damasco, uma resposta generosa ao chamamento e um compromisso total com o Evangelho. Por Cristo e pelo Evangelho, Paulo lutou, sofreu, gastou e desgastou a sua vida, num dom total, para que a salvação de Deus chegasse a todos os povos da terra. No final, ele sente-se como um atleta que lutou até ao fim para vencer e está satisfeito com a sua prestação. Resta-lhe receber essa coroa de glória, reservada aos atletas vencedores (e que Paulo sabe não estar reservada apenas a ele, mas também a todos aqueles que lutam com o mesmo denodo e o mesmo entusiasmo pela causa do “Reino”). O Evangelho deste domingo situa-nos no Norte da Galileia, perto das nascentes do rio Jordão, em Cesareia de Filipe. A cidade tinha sido construída por Herodes Filipe (filho de Herodes o Grande) no ano 2 ou 3 a.C., em honra do imperador Augusto. O episódio que nos é proposto ocupa um lugar central no Evangelho de Mateus. Aparece num momento de viragem, quando começa a perfilar-se no horizonte de Jesus um destino de cruz. Depois do êxito inicial do seu ministério, Jesus experimenta a oposição dos líderes e um certo desinteresse por parte do Povo. Junta de Freguesia do Bunheiro Informa-se que vai decorrer na próxima 3ª feira, dia 2, a vacinação antirrábica de canídeos. A Junta de Freguesia alerta para a obrigatoriedade desta vacina, bem como do registo e licenciamentoanual de todos os canídeos. LEITURA I – Atos 12, 1-11 LEITURA II – 2 Timóteo 4,6-8 SALMO: 33 Refrão: O Senhor libertou-me de todos os meus temores Aclamação ao Evangelho - Mt 16, 18 ALELUIA. Tu és Pedro e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja e as portas do inferno não prevalecerão contra ela. EVANGELHO– Mt 16, 13-19
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×