Your SlideShare is downloading. ×
LF_fevereiro2011
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Introducing the official SlideShare app

Stunning, full-screen experience for iPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

LF_fevereiro2011

184
views

Published on

Published in: Economy & Finance

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
184
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. PARANÁ PARANÁ BANCO S.A. Monitoramento de Rating A LFRating comunica ao Paraná Banco S.A. e ao mercado que, em reunião de Comitê realizada no dia 02 de fevereiro de 2011, foi confirmada a nota A+ atribuída ao referido banco no Relatório de Rating emitido em 11 de junho de 2010 . A confirmação está baseada na avaliação dos aspectos econômico-financeiros do Paraná Banco no terceiro trimestre de 2010, assim como nas demais informações que temos conhecimento até o momento da divulgação deste Relatório, cujos principais pontos descrevemos a seguir.Fevereiro de 2011, com dados contábeis do terceiro trimestre de 2010
  • 2. MONITORAMENTO DE RATING Rua Araújo Porto Alegre, 36/8 parte Rio de Janeiro - RJ Tel.: (55) 21-2210-2152 Fax: (55) 21-2240-2828 PARANÁ e-mail: info@lfrating.com PARANÁ BANCO S.A. A+ PRINCIPAIS EVENTOS NÃO FINANCEIROS 1 Olhando estritamente para o terceiro trimestre de 2010, verificou-se a manutenção do curso de crescimento das operações de crédito ao consumo, a plena atividade do crédito consignado em folha de pagamento, a movimentação dos bancos de grande porte para elevar suasAs instituições financeirasclassificadas nesta faixa participações junto ao segmento de middle e a vasta oferta de recursos externos para empresasoferecem boa segurança para e instituições financeiras brasileiras.honrar compromissosfinanceiros regulares. O rating 2 Os nove primeiros meses de 2010 refletiram a retomada do crescimento brasileiro e odesta faixa indica instituições mercado bancário participou deste movimento ampliando a oferta de crédito e os prazoscom adequada política de de concessão destes. Também neste período os spreads praticados junto aos clientescrédito, mas que possuem umaou mais áreas com fragilidades, corporativos encolheram, assim como as garantias, cujo nível de exigência também decresce.com condições, no entanto, desuperá-las no curto prazo. As 3 Ressalta-se o impacto dos contratempos enfrentados pelo Banco Panamericano, os quaisinstituições classificadas nesta ainda seguem em apuração, enquanto suas consequências são sentidas por players de similarfaixa estão mais vulneráveis a porte e atividade, em especial os voltados para o varejo massificado e que se utilizam demudanças adversas das cessão de créditos como instrumento de funding. Outro aspecto que veio à tona para oscondições econômicas e controladores das instituições financeiras brasileiras é a eficácia dos seus sistemas de controlesregulatórias do que aquelas dasfaixas superiores. internos, fato que tem levado alguns destes a contratar empresas especializadas de auditoria para avaliações adicionais às obrigatórias. 4 Passado o momento inicial, observa-se uma marcha para regularização de oferta e custos deO monitoramento de rating da recursos a serem captados através de cessões de crédito, ao mesmo tempo que outras açõesLFRating reflete um acompanha- foram implementadas pelas autoridades monetárias brasileiras, com vistas não só a umamento simplificado das atividades melhor adequação do sistema bancário à realidade e riscos do mercado, em especial a umdo banco, onde os principais maior casamento entre ativos e passivos, como também para atuar na contenção de eventuaisacontecimentos que envolveram a movimentos inflacionários decorrentes da elevação dos níveis de demanda no mercadoinstituição financeira no trimestre interno, visto que as recentes reuniões do COPOM optaram por manter inalterada a taxasão avaliados, assim como suas básica de juros brasileira e o mercado de crédito encontra-se muito aquecido.demonstrações financeiras parciais,de forma a servirem de base para 5 Importantes medidas anunciadas pelo BACEN devem ser destacados por seu impactomanutenção ou modificação da direto na atividade bancária brasileira: i) ampliação do requerimento de capital para operaçõesnota atribuída no último Relatório. de crédito a pessoas físicas; ii) elevação do depósito compulsório sobre depósitos à vista e a prazo; iii) extinção gradual dos Depósitos a Prazo com Garantia Especial - DPGE; iv) expansão do limite de garantia prestada pelo FGC para depósitos; v) retirada do recolhimentoAnalistas do depósito compulsório das captações via Letras Financeiras.Joel Sant’Ana Junior 6 Através da Circular no. 3.515, de 3 de dezembro de 2010, o BACEN alterou a Circular no.(55) 21-2210-2152 3.360, de 12 de setembro de 2007, elevando o requerimento de capital para operações dejoel@lfrating.com crédito para pessoas físicas de 11% para 16,5%. Tal elevação se aplica ao crédito pessoal e para consumo, cujos prazos sejam superiores a 24 meses, e para o crédito consignadoHelio Darwich concedido em mais de 36 parcelas. Para o CDC e leasing de veículos a exigência se dá em(55) 21-2210-2152 função do prazo e do percentual financiado. Tal majoração não se aplica a operações dehelio@lfrating.com crédito rural, habitacional e ao financiamento ou arrendamento mercantil de veículos de carga. FEVEREIRO DE 2011 REFERENTE A DADOS As informações utilizadas na realização deste rating são consideradas fidedignas, mas LFRating não pode garantir sua exatidão CONTÁBEIS DO TERCEIRO e integridade. Todos os dados foram verificados quanto à consistência e coerência, mas a visita de due diligence não se constituiu em uma auditoria local para confirmar a existência de ativos ou numerário declarados. Este rating, também, não se constitui em uma TRIMESTRE DE 2010 recomendação de investimento, com as perdas e ganhos correndo por risco do aplicador. Número seqüencial deste monitoramento: 4/7 2/12
  • 3. MONITORAMENTO DE RATING Rua Araújo Porto Alegre, 36/8 parte Rio de Janeiro - RJ Tel.: (55) 21-2210-2152 Fax: (55) 21-2240-2828 PARANÁ e-mail: info@lfrating.com PARANÁ BANCO S.A. A+ 7 Quanto à elevação do compulsório sobre depósitos, esta terá baixo impacto nas instituições de pequeno e médio porte, as quais, em linhas gerais, possuem Patrimônio Líquido inferior a R$ 2 bilhões. Por outro lado, estima-se uma retirada de recursos do mercado na ordem de R$ 61 bilhões, com impacto direto na liquidez e custo do dinheiro nas operações de créditoAs instituições financeiras e interbancário.classificadas nesta faixaoferecem boa segurança para 8 Ao final de nov.10 o estoque de DPGE atingiu a marca de R$ 18 bilhões, sendo esse aindahonrar compromissos um eficiente instrumento para o equilíbrio da estrutura passiva de inúmeros bancos definanceiros regulares. O ratingdesta faixa indica instituições pequeno porte, estando alguns deles tomados na totalidade de seu limite nesta modalidadecom adequada política de de funding. Tal depósito tem sido pouco utilizado por instituições que possuem alternativascrédito, mas que possuem uma de captação dentro e fora do Brasil, uma vez que sua taxas permaneceram altas, o que elevaou mais áreas com fragilidades, seu custo quando somadas ao recolhimento de 1% a.a. para o FGC, inerente a estacom condições, no entanto, de modalidade de captação. Por decisão do Conselho Monetário Nacional, através da Resoluçãosuperá-las no curto prazo. Asinstituições classificadas nesta 3.931, de 3 de dezembro de 2010, que alterou a Resolução 3.692, de 26 de março de 2009,faixa estão mais vulneráveis a esta modalidade de captação será extinta de forma gradativa, com redução de 20% do limitemudanças adversas das de emissão de cada instituição, ano após ano, entre 2012 e janeiro de 2016.condições econômicas eregulatórias do que aquelas das 9 A retirada do compulsório sobre as captações via Letras Financeiras se mostrou comofaixas superiores. importante iniciativa, com impacto direto no cenário de captação de recursos por parte de instituições financeiras brasileiras. Criada em dez.09 pela MP 472 e regulamentada em fev.10, a Letra Financeira até então não se mostrou atrativa ou viável para os bancos brasileirosO monitoramento de rating da de pequeno e médio porte, sendo grande parte dos R$ 21 bilhões emitidos em 2010LFRating reflete um acompanha- oriundos de players de grande porte. Uma vez que essa tem prazo mínimo de emissão demento simplificado das atividades dois anos e não possui mecanismo de recompra antecipada, cabe a ela o papel de substituirdo banco, onde os principais gradativamente o DPGE, servindo também como parâmetro de custo para o balizamentoacontecimentos que envolveram a das taxas de captação de recursos no exterior. Releva-se ainda que a retirada do compulsórioinstituição financeira no trimestre tem impacto direto na taxa que poderão ser oferecidas essas Letras ao mercado.são avaliados, assim como suas 10 A expansão de R$ 60 mil para R$ 70 mil do valor máximo de garantia proporcionada pelodemonstrações financeiras parciais, FGC para depósitos à vista ou sacáveis mediante aviso prévio, depósitos em contas-correntesde forma a servirem de base para de depósito para investimento, depósitos de poupança e depósitos a prazo, com ou semmanutenção ou modificação da emissão de certificado, também foi instituída através da Resolução 3.931, de 3 de dezembronota atribuída no último Relatório. de 2010. Tal medida não deixa de ser importante, porém pouco será relevante no contexto dos bancos de pequeno e médio porte.Analistas 11 Como mencionado em relatórios anteriores, o Conselho Monetário Nacional, através daJoel Sant’Ana Junior Res.3.895 de 29.jul.10, adiou para o exercício de 2012 a adoção pelas instituições financeiras(55) 21-2210-2152 de novas regras para classificação, registro contábil e divulgação das operações de venda/joel@lfrating.com transferência de ativos, as quais trarão de volta para seus ativos operações de crédito cedidas com cláusula de coobrigação e alterarão seus critérios de apuração de resultados.Helio Darwich(55) 21-2210-2152 12 Cabe ainda mencionar novamente as regras de regulação mais rígidas, anunciadas pelohelio@lfrating.com Comitê de Supervisão de Basileia, sintetizadas no que será chamado de Basileia III, já estão sendo discutidas no contexto dos bancos brasileiros. Apesar do aumento de sua alavancagem em operações de crédito, esses bancos têm mostrado estruturas conservadoras na relação FEVEREIRO DE 2011 REFERENTE A DADOS As informações utilizadas na realização deste rating são consideradas fidedignas, mas LFRating não pode garantir sua exatidão CONTÁBEIS DO TERCEIRO e integridade. Todos os dados foram verificados quanto à consistência e coerência, mas a visita de due diligence não se constituiu em uma auditoria local para confirmar a existência de ativos ou numerário declarados. Este rating, também, não se constitui em uma TRIMESTRE DE 2010 recomendação de investimento, com as perdas e ganhos correndo por risco do aplicador. Número seqüencial deste monitoramento: 4/7 3/12
  • 4. MONITORAMENTO DE RATING Rua Araújo Porto Alegre, 36/8 parte Rio de Janeiro - RJ Tel.: (55) 21-2210-2152 Fax: (55) 21-2240-2828 PARANÁ e-mail: info@lfrating.com PARANÁ BANCO S.A. A+ crédito/capital. As novas regras serão implantadas de forma gradual até 2019 e devem elevar, em termos mundiais, o atual nível mínimo de Basileia de 8% para 13%. Esses novos parâmetros são decorrentes das elevações de exigibilidades mínimas de capital de alta qualidade de 2% para 4%, do chamado Tier I de 4% para 6% e da constituição dos intituladosAs instituições financeiras colchão de conservação e colchão contracíclico.classificadas nesta faixaoferecem boa segurança para 13 O Paraná Banco segue com relevante peso do segmento de varejo massificado em suahonrar compromissos concessão de crédito, o qual responde por aproximadamente 85% de sua carteira retida. Porfinanceiros regulares. O rating outro lado, intensificaram-se os esforços para o crescimento das operações de créditodesta faixa indica instituições corporativo, as quais já representam 12,5% dos créditos concedidos pela Instituição e quecom adequada política de são distribuídas através de sete plataformas, a saber: i) Curitiba; ii) São Paulo; iii) Pontacrédito, mas que possuem umaou mais áreas com fragilidades, Grossa; iv) Maringá; v) Londrina; vi) Joinville e vii) Florianópolis.com condições, no entanto, de 14 As operações de crédito consignado em folha de pagamento, originadas junto a 158 códigossuperá-las no curto prazo. As ativos (o Banco possui outros 538 bloqueados), são distribuídas através de 447instituições classificadas nesta correspondentes bancários ativos e pelos chamados canais próprios, compostos por lojasfaixa estão mais vulneráveis amudanças adversas das próprias e correspondentes franqueados da J.Malucelli Agenciamento e Serviços, os quaiscondições econômicas e totalizam, respectivamente, 14 e 84 unidades.regulatórias do que aquelas dasfaixas superiores. 15 Com relação às atividades de seguros, além da mencionada sinergia com o crédito corporativo do Banco, observa-se relevante contribuição da JM Seguradora e JM Re no resultado do Paraná Banco, que em set.10 era controlador integral de ambas as Companhias, equivalenteO monitoramento de rating da a 51,5% do lucro líquido obtido pela Instituição nos nove primeiros meses de 2010.LFRating reflete um acompanha- 16 Em 26.jul.10, a controlada Tresor Holdings realizou uma assembleia geral onde foi aprovadamento simplificado das atividades a cisão parcial da parcela do patrimônio da Companhia no valor de R$ 19,8 milhões,do banco, onde os principais representado por 1.264.138 ações da J. Malucelli Seguradora S.A a ser incorporada pela J.acontecimentos que envolveram a Malucelli Participações em Seguros e Resseguros S.A. Em decorrência da cisão, a J. Malucelliinstituição financeira no trimestre Participações em Seguros e Resseguros S.A incorporou o acervo cindindo e aumentou seusão avaliados, assim como suas capital social no mesmo montante. Nessa mesma data, o Banco aumentou o capital da J.demonstrações financeiras parciais, Malucelli Participações em Seguros e Resseguros S.A., transferindo suas ações de emissão dade forma a servirem de base para J Malucelli Seguradora de Crédito S.A., no montante de R$ 19,8 milhões, e suas ações da J.manutenção ou modificação da Malucelli Seguradora S.A., no montante de R$ 161,4 milhões.nota atribuída no último Relatório. 17 Em 04.nov.10 foi levado a público o Fato Relevante referente à parceria estratégica firmada entre o Paraná Banco e a Travelers Companies voltada para investimentos de R$ 625Analistas milhões na J. Malucelli Participações em Seguros e Resseguros. O Banco, em conjunto com sua controlada, a J. Malucelli Participações em Seguros e Resseguros S.A., celebrou umJoel Sant’Ana Junior Contrato de Subscrição com a Travelers Brazil Acquisition LLC, sociedade detida pela(55) 21-2210-2152 seguradora americana sediada em Nova York, The Travelers Companies, Inc.joel@lfrating.com 18 A operação visa uma parceria entre as partes por meio de uma capitalização da holding deHelio Darwich seguros J. Malucelli Participações em Seguros e Resseguro e será implementada através da(55) 21-2210-2152 participação da Travelers em 43,4% do capital votante da J. Malucelli Participações em Seguroshelio@lfrating.com e Resseguros, mediante o referido investimento de R$ 625 milhões. Previamente ao acordo, as companhias de seguro J. Malucelli foram avaliadas em R$ 925 milhões. A Travelers terá a opção, pelo prazo de 18 meses após a conclusão da operação, de aumentar sua participação FEVEREIRO DE 2011 REFERENTE A DADOS As informações utilizadas na realização deste rating são consideradas fidedignas, mas LFRating não pode garantir sua exatidão CONTÁBEIS DO TERCEIRO e integridade. Todos os dados foram verificados quanto à consistência e coerência, mas a visita de due diligence não se constituiu em uma auditoria local para confirmar a existência de ativos ou numerário declarados. Este rating, também, não se constitui em uma TRIMESTRE DE 2010 recomendação de investimento, com as perdas e ganhos correndo por risco do aplicador. Número seqüencial deste monitoramento: 4/7 4/12
  • 5. MONITORAMENTO DE RATING Rua Araújo Porto Alegre, 36/8 parte Rio de Janeiro - RJ Tel.: (55) 21-2210-2152 Fax: (55) 21-2240-2828 PARANÁ e-mail: info@lfrating.com PARANÁ BANCO S.A. A+ para até 49,9% do capital votante da Companhia. Ressalta-se que a conclusão da operação está sujeita à autorização da SUSEP (Superintendência de Seguros Privados) e de autoridades do sistema brasileiro de defesa da concorrência. 19 O Banco já realizou sete programas de recompra de ações e o seu oitavo segue em andamento.As instituições financeirasclassificadas nesta faixa Através destes, até 30.set.10 a Instituição havia adquirido junto ao mercado 22.923.800oferecem boa segurança para ações de emissão própria (BM&FBovespa: PRBC4), a um custo médio de R$ 7,15, o quehonrar compromissos representou um desembolso de R$ 164 milhões. Do total de papéis adquiridos, 21.971.300financeiros regulares. O rating já foram cancelados, mediante absorção de recursos consignados na Reserva de Lucros.desta faixa indica instituiçõescom adequada política de 20 As ações do Paraná Banco estão enquadradas no Nível 1 de Práticas de Governançacrédito, mas que possuem uma Corporativa da BM&FBovespa e listadas nos Índices IGC (Índice de Ações comou mais áreas com fragilidades, Governança Corporativa Diferenciada) e ITAG (Índice de Ações com Tag Along Diferenciadocom condições, no entanto, desuperá-las no curto prazo. As - 100% de tag along para ações preferenciais). O Banco possui também um programa deinstituições classificadas nesta ADR e o free float de suas ações preferenciais era de 25,4% ao final de set.10.faixa estão mais vulneráveis amudanças adversas dascondições econômicas e PRINCIPAIS EVENTOS FINANCEIROS DO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2010regulatórias do que aquelas dasfaixas superiores. 1 Ao final de set.10, o Paraná Banco possuía um caixa livre igual a R$ 508,4 milhões, o equivalente a 62,3% de seu Patrimônio Líquido. Tal nível se mostra satisfatório no caso da Instituição, que possui elevado Índice de Basileia e tem seus prazos de captação alinhadosO monitoramento de rating da com vencimentos de sua carteira de crédito.LFRating reflete um acompanha- 2 Ao final do 3o.trim.10, os Ativos do Paraná Banco elevaram-se o equivalente a 31,6%, semento simplificado das atividades comparados aos montantes observados emdo banco, onde os principais Distribuição das Operações de Crédito 30.set.09. As operações de crédito retidas, livres deacontecimentos que envolveram a 0,1% PDD, representavam 58,5% dos ativos, após um 3,6% Conta Garantidainstituição financeira no trimestre 3,3% 8,3% crescimento de 31,3% entre set.09 e set.10, devendo,são avaliados, assim como suas Capital de Giro ainda, para efeito de análise, ser considerado odemonstrações financeiras parciais, Crédito Consignado montante de créditos cedidos com coobrigação, quede forma a servirem de base para Financiamentos era de R$ 37,7 milhões ao final do 3o.trim.10. Cabemanutenção ou modificação da Outros ressaltar que o Banco possui um total em limitesnota atribuída no último Relatório. 84,7% para cessão de créditos junto a outras instituições financeiras em valor pouco superior a R$ 1 bilhão.Analistas 3 As operações de crédito consignado representavam, ao final do 3o.trim.10, 84,7% do total dos créditos concedidos pelo Banco. Quanto à concentração, o maior devedor representavaJoel Sant’Ana Junior 0,7% da carteira, enquanto os 10, 50 e 100 maiores representavam, respectivamente, 3,7%,(55) 21-2210-2152 7,1% e 8,9%. Tal concentração pode ser Concentração de Crédito da Carteira Retidajoel@lfrating.com considerada baixa, mostrando apenas pequena elevação em sua ponta superior por conta de 8,9%Helio Darwich 7,1%(55) 21-2210-2152 operações de crédito corporativo, operações 5,0%helio@lfrating.com estas cujo crescimento é uma estratégia ditada 3,7% pela Diretoria da Instituição e que respondiam pelo equivalente a 11,9% de sua carteira retida 10 maiores 20 maiores 50 maiores 100 maiores FEVEREIRO DE 2011 no período em questão. REFERENTE A DADOS As informações utilizadas na realização deste rating são consideradas fidedignas, mas LFRating não pode garantir sua exatidão CONTÁBEIS DO TERCEIRO e integridade. Todos os dados foram verificados quanto à consistência e coerência, mas a visita de due diligence não se constituiu em uma auditoria local para confirmar a existência de ativos ou numerário declarados. Este rating, também, não se constitui em uma TRIMESTRE DE 2010 recomendação de investimento, com as perdas e ganhos correndo por risco do aplicador. Número seqüencial deste monitoramento: 4/7 5/12
  • 6. MONITORAMENTO DE RATING Rua Araújo Porto Alegre, 36/8 parte Rio de Janeiro - RJ Tel.: (55) 21-2210-2152 Fax: (55) 21-2240-2828 PARANÁ e-mail: info@lfrating.com PARANÁ BANCO S.A. A+ 4 A carteira própria de Títulos de Renda Fixa seguiu a tendência observada nos últimos trimestres e elevou-se 74,4% entre set.09 e set.10, enquanto seu Ativo Permanente atingiu a marca de R$ 316,4 milhões, montante 22,2% superior ao observado ao final do 3o.trim.09 e composto majoritariamente por investimentos em empresas do ramo segurador doAs instituições financeiras Grupo e pelos resultados acumulados por essas Companhias.classificadas nesta faixaoferecem boa segurança para 5 Ao final de set.10 o Paraná Banco possuía Depósitos Totais em montante próximo a R$honrar compromissos 1,4 bilhão, valor 52% superior ao observado Estrutura de Captação por Clientefinanceiros regulares. O rating ao final do 3o.trim.09. Quanto à origem, 11%desta faixa indica instituições Pessoa Física provinha de Pessoas Jurídicas, seguidas peloscom adequada política decrédito, mas que possuem uma 29,8% Clientes Institucionais e Instituições Pessoa Jurídicaou mais áreas com fragilidades, 44,6% Financeiras, com, respectivamente, 45% ecom condições, no entanto, de Instituições Financeiras 15%. Quanto ao DPGE, foram captadossuperá-las no curto prazo. As 10,7% Investidores Institucionais apenas R$ 124,1 milhões através destainstituições classificadas nesta 14,8% modalidade, o equivalente a 7,8% do seufaixa estão mais vulneráveis amudanças adversas das limite de R$ 1,6 bilhão.condições econômicas e 6 Quanto à concentração de depósitos, esta pode Concentração de Depósitosregulatórias do que aquelas dasfaixas superiores. ser considerada de baixa para média, uma vez 65,3% 76,1% que ao final de set.10 o maior depositante 48,4% representava 9,1% dos recursos confiados ao 34,7% Banco, enquanto os 10, 50 e 100 maioresO monitoramento de rating da equivaliam a, respectivamente, 34,7%, 65,3%LFRating reflete um acompanha- e 76,1%. 10 maiores 20 maiores 50 maiores 100 maioresmento simplificado das atividadesdo banco, onde os principais Estrutura de FUNDING 7 O Banco emitiu em dez.09 Eurobonds noacontecimentos que envolveram a montante de US$ 100 milhões, com vencimentoinstituição financeira no trimestre 14,1% 2,3% em dez.12. Tais recursos externos se juntam aosão avaliados, assim como suas Depósitos montante de R$ 35 milhões captados em ago.08demonstrações financeiras parciais, Medium Term Notes (vencimento em ago.11) e ao final do 3o.trim.10 Cess ão de Créditode forma a servirem de base para equivaliam a aproximadamente R$ 230 milhões.manutenção ou modificação da 83,6% Tais captações possuem hedge cambial contratadosnota atribuída no último Relatório. através de operações de derivativos. 8 Ao final dos nove primeiros meses do exercício de 2010, as Receitas da Atividade FinanceiraAnalistas do Paraná Banco apresentaram-se 9,8% inferiores às de igual período do exercício de 2009. Suas Despesas da Atividade Financeira, porém, elevaram-se 14,8% no período em questão,Joel Sant’Ana Junior o que levou o Banco a apresentar um Resultado da Atividade Financeira 41,1% menor.(55) 21-2210-2152 9 Os resultados oriundos de participações em empresas, leia-se companhias Seguradora ejoel@lfrating.com Resseguradora, mantiveram-se estáveis, com uma pequena elevação de 1,2% em relação aHelio Darwich igual período de 2009, atingindo a marca de R$ 30,4 milhões, o que representou 51,5% do(55) 21-2210-2152 resultado líquido do Banco neste período.helio@lfrating.com 10 A Instituição acumulou até o final do 3o.trim.10 um Lucro Líquido Ajustado igual a R$ 58,8 milhões, valor 24,2% inferior ao observado em igual período de 2009. Ainda neste FEVEREIRO DE 2011 REFERENTE A DADOS As informações utilizadas na realização deste rating são consideradas fidedignas, mas LFRating não pode garantir sua exatidão CONTÁBEIS DO TERCEIRO e integridade. Todos os dados foram verificados quanto à consistência e coerência, mas a visita de due diligence não se constituiu em uma auditoria local para confirmar a existência de ativos ou numerário declarados. Este rating, também, não se constitui em uma TRIMESTRE DE 2010 recomendação de investimento, com as perdas e ganhos correndo por risco do aplicador. Número seqüencial deste monitoramento: 4/7 6/12
  • 7. MONITORAMENTO DE RATING Rua Araújo Porto Alegre, 36/8 parte Rio de Janeiro - RJ Tel.: (55) 21-2210-2152 Fax: (55) 21-2240-2828 PARANÁ e-mail: info@lfrating.com PARANÁ BANCO S.A. A+ período observou-se uma estabilidade em suas despesas de custeio, com o pequeno recuo de 4,1% em relação às registradas nos nove primeiros meses de 2009. 11 Apesar do resultados positivos apresentados pelo Paraná Banco, os sucessivos programas de recompra de ações de emissão própria e sua política de distribuição de dividendosAs instituições financeirasclassificadas nesta faixa fizeram com que o avanço no valor de seu Patrimônio Líquido fosse de apenas 0,7% entreoferecem boa segurança para 30.set.09 e 30.set.10, mantendo-se seu Capital Social inalterado neste intervalo de tempo.honrar compromissosfinanceiros regulares. O rating 12 Os índices de rentabilidade calculados sobre Ativos e Patrimônio Líquido (ROA e ROE)desta faixa indica instituições acumulados nos últimos 12 meses registraram, respectivamente, 3,9% e 10,9%, estáveiscom adequada política de em relação ao passado recente da Instituição, refletindo o bom nível de rentabilidade dascrédito, mas que possuem uma operações ativas e sua baixa alavancagem.ou mais áreas com fragilidades,com condições, no entanto, de 13 Ao final do 3o.trim.10 o Índice de Basileia do Paraná Banco era igual a 33,2%, já contempladosuperá-las no curto prazo. As o conceito de Basileia II, o qual incorporou novos fatores de risco para fins de exigência de capitalinstituições classificadas nesta mínimo. Tal nível pode ser considerado como muito confortável para a Instituição, possibilitandofaixa estão mais vulneráveis amudanças adversas das a esta amplo crescimento de sua carteira de crédito.condições econômicas eregulatórias do que aquelas dasfaixas superiores.O monitoramento de rating daLFRating reflete um acompanha-mento simplificado das atividadesdo banco, onde os principaisacontecimentos que envolveram ainstituição financeira no trimestresão avaliados, assim como suasdemonstrações financeiras parciais,de forma a servirem de base paramanutenção ou modificação danota atribuída no último Relatório.AnalistasJoel Sant’Ana Junior(55) 21-2210-2152joel@lfrating.comHelio Darwich(55) 21-2210-2152helio@lfrating.com FEVEREIRO DE 2011 REFERENTE A DADOS As informações utilizadas na realização deste rating são consideradas fidedignas, mas LFRating não pode garantir sua exatidão CONTÁBEIS DO TERCEIRO e integridade. Todos os dados foram verificados quanto à consistência e coerência, mas a visita de due diligence não se constituiu em uma auditoria local para confirmar a existência de ativos ou numerário declarados. Este rating, também, não se constitui em uma TRIMESTRE DE 2010 recomendação de investimento, com as perdas e ganhos correndo por risco do aplicador. Número seqüencial deste monitoramento: 4/7 7/12
  • 8. ESTRUTURA PATRIMONIAL R$ 30.SET.10 31.DEZ.09 30.SET.09 31.DEZ.08 30.SET.08 31.DEZ.07 TOTAL DE ATIVOS 2.542.953.483 2.157.590.502 1.932.927.359 1.645.279.606 1.886.788.852 1.517.217.678 DISPONIBILIDADES 254.399 171.899.431 149.615 269.964 66.516.773 428.353 APLICAÇÕES INTERFINANCEIRAS 40.225.958 47.855.732 104.839.106 84.913.513 6.067.939 306.685.489 Aplicações em Mercado Aberto 25.001.463 44.033.006 96.628.974 70.559.764 0 155.917.963 Aplicações em CDI 15.224.495 3.822.726 8.210.132 14.353.749 6.067.939 150.767.526 TÍTULOS E DERIVATIVOS 572.138.053 317.487.228 328.060.723 327.236.787 246.959.808 145.864.985 Títulos de Renda Fixa - Carteira Própria 544.790.330 304.425.005 295.206.601 254.958.635 152.755.177 66.096.891 Fundos de Investimentos 24.364.154 10.259.465 18.815.163 61.195.029 78.640.114 79.768.095 RELAÇÕES ENTRE BANCOS E AGÊNCIAS 598.809 98.741 377.805 7.301 655.700 10.976 OPERAÇÕES DE CRÉDITO E LEASING 1.488.492.169 1.239.864.750 1.133.869.810 916.304.748 1.222.234.347 926.299.584 Empréstimos e Títulos Descontados 1.497.588.844 1.221.769.337 1.165.650.370 929.632.531 1.243.490.905 932.710.235 PARANÁ BANCO S.A. Provisão para Créditos em Atraso (59.660.327) (59.778.291) (50.545.851) (38.264.211) (35.849.330) (29.018.774) PARANÁ OUTROS CRÉDITOS 38.714.045 35.034.217 38.166.733 26.841.060 37.239.803 14.409.268 OUTROS VALORES E BENS 86.167.884 71.226.979 68.501.871 60.268.135 82.921.432 59.767.474 ATIVO PERMANENTE 316.362.168 274.123.425 258.961.696 229.438.098 224.193.051 63.751.550 TOTAL DE PASSIVOS 2.542.953.483 2.157.590.502 1.932.927.359 1.645.279.606 1.886.788.852 1.517.217.678 DEPÓSITOS TOTAIS 1.373.056.651 980.919.090 903.053.931 646.945.110 845.638.894 577.932.232 Depósitos à Vista 12.954.619 13.396.168 5.798.587 8.222.695 4.168.415 1.650.106 Depósitos Interfinanceiros 179.825.157 137.513.604 147.401.171 65.571.102 96.613.913 63.559.864 Depósitos a Prazo 1.180.276.876 829.945.083 749.805.734 572.879.628 744.851.457 512.622.991 CAPTAÇÕES NO MERCADO ABERTO 2.969.868 2.801.881 13.997.855 5.997.511 15.502.049 1.385.876 Carteira Própria 2.969.868 2.801.881 13.997.855 5.997.511 15.502.049 1.385.876 REC. ACEITES CAMBIAIS E DEBÊNTURES 232.264.671 235.366.104 63.446.478 97.680.361 120.402.221 56.921.720 RELAÇÕES ENTRE BANCOS E AGÊNCIAS 97.378 5.163 802.195 3.286 255.624 19.694 OUTRAS OBRIGAÇÕES 64.931.333 134.758.955 122.039.717 83.879.580 88.631.956 121.549.886 PATRIMÔNIO LÍQUIDO 816.705.490 788.781.919 811.069.675 806.649.073 807.878.470 749.636.938 Capital Social 763.866.648 763.866.648 763.866.648 763.866.648 763.866.648 699.850.976 Lucros Acumulados 23.974.666 27.695.496 14.236.504 18.862.337 14.269.278 24.343.691 Coobrigações e Riscos por Garantias Prestadas 54.515.438 119.664.338 161.837.073 224.644.106 13.951.717 42.949.085 Responsabilidades por Garantias Prestadas 16.829.710 17.436.080 19.394.758 4.181.392 4.128.032 531.590 Créditos em Write Off 162.983.780 120.182.649 111.754.481 74.616.209 70.204.611 57.499.4348/12
  • 9. DEMONSTRATIVO DE RESULTADOS R$ JAN-SET/10 JAN-DEZ/09 JAN-SET/09 JAN-DEZ/08 JAN-SET/08 JAN-DEZ/07 RECEITAS DA ATIVIDADE FINANCEIRA 202.307.334 307.490.246 224.376.422 351.804.003 240.910.646 294.326.983 RECEITAS DE OPERAÇÕES DE CRÉDITO 163.612.202 259.206.741 185.728.646 300.165.767 208.004.191 234.003.864 CRÉDITOS RECUPERADOS 4.922.156 5.530.461 4.008.685 6.229.357 5.030.683 4.042.433 RECEITAS DE TESOURARIA 33.772.976 42.753.044 34.639.091 45.408.879 27.875.773 56.280.686 PARANÁ BANCO S.A. GANHOS COM TÍTULOS E DERIVATIVOS 28.880.771 37.872.095 31.023.077 34.164.480 18.003.646 25.161.962 DESPESAS DA ATIVIDADE FINANCEIRA (144.051.056) (169.756.856) (125.482.546) (161.082.583) (110.981.498) (111.874.521) PARANÁ DESPESAS DE CAPTAÇÃO - DEPÓSITOS (82.956.218) (84.417.193) (61.900.245) (125.239.906) (84.063.501) (62.904.193) PERDAS COM TÍTULOS (33.298.650) (29.911.866) (27.380.618) (2.437.377) (2.426.755) (21.478.268) PROVISÃO PARA CRELI (27.796.188) (55.427.797) (36.201.683) (33.405.301) (24.491.242) (27.492.060) RESULTADO DA ATIVIDADE FINANCEIRA 58.256.277 137.733.390 98.893.876 190.721.420 129.929.149 182.452.462 DESPESAS TRIBUTÁRIAS (4.233.976) (9.374.068) (6.951.095) (12.101.803) (8.633.140) (15.049.724) RESULTADO DE PARTICIPAÇÕES 30.432.630 44.929.081 30.057.161 22.814.967 17.653.952 4.605.890 RECEITAS DE SERVIÇOS 2.251.930 3.972.752 3.135.694 7.668.036 6.511.250 9.641.130 DESPESAS DE CUSTEIO (51.295.897) (76.030.090) (53.514.303) (124.458.399) (80.809.919) (118.607.971) OUTROS RESULTADOS OPERACIONAIS 20.884.466 (42.320.298) (24.884.228) (39.860.939) (24.937.721) (14.086.335) OUTROS RESULTADOS NÃO OPERACIONAIS 39.898 5.110.451 5.079.313 108.000 81.000 97.625 PROVISÃO PARA IR E CS (8.385.997) (1.902.310) (5.655.505) (4.460.143) (5.912.947) (14.034.376) PARTICIPAÇÃO NOS LUCROS 0 (2.838.094) (339.091) (3.306.919) (1.350.461) (1.802.751) LUCRO LÍQUIDO DO PERÍODO 47.949.332 59.280.814 45.821.823 37.124.221 32.531.162 33.215.950 LUCRO LÍQUIDO AJUSTADO 58.827.048 107.196.297 77.627.309 78.513.242 62.520.475 63.898.264 DEPRECIAÇÃO E AMORTIZAÇÃO - DRE (5.387.347) (10.543.333) (7.895.012) (444.958) (322.255) (309.878) JUROS SOBRE O CAPITAL (10.877.716) (47.915.483) (31.805.487) (41.389.021) (29.989.313) (30.682.314)9/12
  • 10. HIGHLIGHTS SET.10 DEZ.09 SET.09 DEZ.08 SET.08 DEZ.07 CAPACIDADE DE PAGAMENTO CAIXA LIVRE - R$ mil 508.410 410.075 318.348 274.571 146.220 309.651 CAIXA LIVRE EM RELAÇÃO AO PATRIMÔNIO LÍQUIDO 62,3% 52,0% 39,3% 34,0% 18,1% 41,3% LIQUIDEZ DE CURTO PRAZO 0,67 0,82 0,77 0,97 0,63 1,14 SOLVÊNCIA 1,29 1,38 1,49 1,69 1,54 1,89 GERAÇÃO DE CAIXA - R$ mil 32.107 34.868 24.435 16.233 19.658 34.067 MARGEM DE CONTRIBUIÇÃO 33,4% 45,8% 44,3% 45,6% 38,0% 63,5% MARGEM FINANCEIRA - R$ mil 43.026 109.849 51.783 111.871 42.165 110.666 QUALIDADE DO CRÉDITO QUALIDADE DA CARTEIRA 8,09 7,88 7,71 7,67 8,00 8,12 INADIMPLÊNCIA CONTÁBIL SOBRE OPERAÇÕES DE CRÉDITO 7,9% 9,0% 10,6% 10,4% 9,1% 8,2% INADIMPLÊNCIA REAL SOBRE OPERAÇÕES DE CRÉDITO (1) 7,7% 8,3% 9,5% 8,4% 9,0% 7,9% INADIMPLÊNCIA TOTAL SOBRE PATRIMÔNIO LÍQUIDO 14,9% 14,8% 15,5% 12,3% 14,1% 10,5% PARANÁ BANCO S.A. PROVISÃO/INADIMPLÊNCIA 49,4% 51,5% 40,6% 38,7% 31,5% 37,0% PARANÁ RENTABILIDADE - % RENTABILIDADE ÚLTIMOS 12 MESES - ROE 10,9% 13,3% 11,6% 9,6% 12,0% 15,5% RENTABILIDADE ÚLTIMOS 12 MESES - ROA 3,9% 5,6% 4,9% 5,0% 5,7% 5,7% SPREAD MÉDIO 0,4% 0,9% 0,7% 0,5% 0,4% 0,7% ATIVOS QUE GERAM JUROS EM RELAÇÃO AO ATIVO TOTAL 82,6% 74,4% 81,1% 80,7% 78,2% 90,9% PASSIVOS QUE PAGAM JUROS EM RELAÇÃO AO PASSIVO TOTAL 63,6% 55,9% 50,8% 45,1% 52,1% 42,5% EFICIÊNCIA - R$ mil (exceto Índice ) ÍNDICE DE EFICIÊNCIA 0,54 0,66 0,76 0,76 0,70 0,73 OPERAÇÕES DE CRÉDITO POR UNIDADE DE PRODUÇÃO 1.488.492 1.239.865 1.133.870 916.305 1.222.234 926.300 DEPÓSITOS POR UNIDADE DE PRODUÇÃO 1.373.057 980.919 903.054 646.945 845.639 577.932 LUCRO LÍQUIDO POR UNIDADE DE PRODUÇÃO (*) 29.414 29.569 21.784 15.993 19.541 33.900 OPERAÇÕES DE CRÉDITO POR FUNCIONÁRIO 8.457 6.358 6.999 4.848 3.892 2.387 DEPÓSITOS POR FUNCIONÁRIO 7.801 5.030 5.574 3.423 2.693 1.490 LUCRO LÍQUIDO POR FUNCIONÁRIO (*) 167,12 151,64 134,47 84,62 62,23 87,37 ALAVANCAGEM DOS PASSIVOS SOBRE O PATRIMÔNIO LÍQUIDO 2,11 1,74 1,38 1,04 1,34 1,02 DA CARTEIRA DE CRÉDITO SOBRE O PATRIMÔNIO LÍQUIDO 1,82 1,57 1,40 1,14 1,51 1,24 DO IMOBILIZADO SOBRE O PATRIMÔNIO LÍQUIDO 0,39 0,35 0,32 0,28 0,28 0,09 DO TOTAL RECURSOS EXTERNOS SOBRE O PATRIMÔNIO LÍQUIDO 0,28 0,30 0,08 0,12 0,15 0,08 ÍNDICE DE RISCO BASEADO EM ATIVOS - RBA - BASILÉIA 33,2% 38,9% 34,5% 56,7% 49,0% 67,6% PATRIMÔNIO LÍQUIDO REAL - R$ mil (**) 789.389 759.875 788.817 789.267 794.146 741.043 (*) Lucro Líquido Trimestral Ajustado10/12 (**) Ajustado por despesas diferidas, ágios e deságios, créditos tributários e excesso de provisionamento (1) inclui créditos cedidos com coobrigação
  • 11. MONITORAMENTO DE RATING Rua Araújo Porto Alegre, 36/8 parte Rio de Janeiro - RJ Tel.: (55) 21-2210-2152 Fax: (55) 21-2240-2828 PARANÁ e-mail: info@lfrating.com PARANÁ BANCO S.A. A+ INFORMAÇÕES NECESSÁRIAS DO AVALIADOR - LFRating LFRating foi criada em 2002 como complemento dos serviços de avaliação de instituiçõesAs instituições financeiras financeiras e não financeiras que a Lopes Filho & Associados já realizava há 26 anos. É formadaclassificadas nesta faixa por profissionais de elevada experiência em avaliação corporativa, que uniram seus conheci-oferecem boa segurança parahonrar compromissos mentos para prover o mercado brasileiro de serviços de análise de risco de todas as modalida-financeiros regulares. O rating des, baseados em três princípios fundamentais.desta faixa indica instituições · independência entre o processo e o objeto de classificação;com adequada política de · transparência dos fundamentos da classificação; ecrédito, mas que possuem uma · capacidade técnica e ética irreprovável de todos os envolvidos na classificação.ou mais áreas com fragilidades,com condições, no entanto, de LFRating produz ratings de emissões de empresas nacionais, utilizando-se da expertise de seussuperá-las no curto prazo. As analistas e de uma cultura formada ao longo de 32 anos em trabalhos de análises e avaliações deinstituições classificadas nesta empresas, bancos e fundos de investimentos para os mais diversos propósitos.faixa estão mais vulneráveis amudanças adversas das Um rating emitido por LFRating é o resultado de uma criteriosa análise que envolve:condições econômicas e · uma definição precisa dos riscos envolvidos no objeto avaliado;regulatórias do que aquelas dasfaixas superiores. · a análise detalhada de uma extensa gama de informações estruturais, estratégicas e econômi- co- financeiras; · um pormenorizado trabalho de due diligence, incluindo abrangente entrevista com os dirigen- tes e responsáveis pela emissão e pela administração das garantias; eO monitoramento de rating da · um capacitado comitê de avaliação que definirá o rating adequado para expressar o entendi-LFRating reflete um acompanha- mento da LFRating sobre o risco de crédito do avaliado.mento simplificado das atividadesdo banco, onde os principais A equipe de análise é especializada e formada por:acontecimentos que envolveram ainstituição financeira no trimestre Cristina Meyer (empresas e títulos) Flávia Marins (cooperativas)são avaliados, assim como suas Graça Paiva (empresas e títulos)demonstrações financeiras parciais, Helio Darwich (bancos)de forma a servirem de base para Hugo Azevedo (títulos)manutenção ou modificação da João Batista Simões (empresas e títulos)nota atribuída no último Relatório. Joel Sant’Ana Júnior (empresas, títulos, fundos e cooperativas) José Luiz Marques da Silva (empresas e títulos) Julio Flávio Souza Lima (bancos)Analistas Rodrigo Pires (empresas, títulos e fundos) Rubem Crusius (empresas e títulos)Joel Sant’Ana Junior(55) 21-2210-2152 O Comitê de Rating é presidido por Joel Sant’Ana Junior e formado por pelo menos doisjoel@lfrating.com analistas envolvidos na avaliação em questão, além de dois outros componentes, no mínimo. A escala utilizada para classificação de emissões diversas é baseada em nossa experiência eHelio Darwich ajustada ao longo do tempo por fatos concretos que alterem a estrutura do Sistema Financeiro(55) 21-2210-2152 Nacional ou da Economia Brasileira.helio@lfrating.com FEVEREIRO DE 2011 REFERENTE A DADOS As informações utilizadas na realização deste rating são consideradas fidedignas, mas LFRating não pode garantir sua exatidão CONTÁBEIS DO TERCEIRO e integridade. Todos os dados foram verificados quanto à consistência e coerência, mas a visita de due diligence não se constituiu em uma auditoria local para confirmar a existência de ativos ou numerário declarados. Este rating, também, não se constitui em uma TRIMESTRE DE 2010 recomendação de investimento, com as perdas e ganhos correndo por risco do aplicador. Número seqüencial deste monitoramento: 4/7 11/12
  • 12. MONITORAMENTO DE RATING Rua Araújo Porto Alegre, 36/8 parte Rio de Janeiro - RJ Tel.: (55) 21-2210-2152 Fax: (55) 21-2240-2828 PARANÁ e-mail: info@lfrating.com PARANÁ BANCO S.A. ESCALA DE CLASSIFICAÇÃO DE RATING – INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS A+ NOTA CONCEITO - MOEDA NACIONAL As instituições financeiras classificadas nesta faixa oferecem a mais alta segurança para honrar compromissos financeiros regulares. O rating desta faixa indica instituições comAs instituições financeirasclassificadas nesta faixa AAA fortes bases patrimoniais, excelente política de crédito e histórico de resultados acima da média da indústria financeira. Sua capacidade de geração de caixa é diferenciada e não éoferecem boa segurança para seriamente afetada por mudanças nas condições econômicas e regulatórias possíveis dehonrar compromissos serem previstas.financeiros regulares. O ratingdesta faixa indica instituições As instituições financeiras classificadas nesta faixa oferecem alta segurança para honrarcom adequada política de compromissos financeiros regulares. O rating desta faixa indica instituições com saudávelcrédito, mas que possuem umaou mais áreas com fragilidades, AA política de crédito e sem problemas significativos. As instituições classificadas nesta faixa, no entanto, estão mais vulneráveis a mudanças adversas das condições econômicascom condições, no entanto, de e regulatórias do que aquelas da faixa superior.superá-las no curto prazo. Asinstituições classificadas nesta As instituições financeiras classificadas nesta faixa oferecem boa segurança para honrarfaixa estão mais vulneráveis a compromissos financeiros regulares. O rating desta faixa indica instituições com adequadamudanças adversas das política de crédito, mas que possuem uma ou mais áreas com fragilidades, com condições,condições econômicas e A no entanto, de superá-las no curto prazo. As instituições classificadas nesta faixa estãoregulatórias do que aquelas das mais vulneráveis a mudanças adversas das condições econômicas e regulatórias do quefaixas superiores. aquelas das faixas superiores. As instituições financeiras classificadas nesta faixa oferecem moderada segurança para honrar compromissos financeiros regulares. O rating desta faixa indica instituições queO monitoramento de rating da possuem algumas áreas que precisam ser melhor desenvolvidas. Estas instituições, noLFRating reflete um acompanha- BBB entanto, são consideradas capazes de fazê-lo no médio prazo, embora mudanças adversasmento simplificado das atividades nas condições econômicas e regulatórias possam prejudicar sua capacidade de honrardo banco, onde os principais compromissos financeiros.acontecimentos que envolveram a As instituições financeiras classificadas nesta faixa apresentam perda de alguns fatores deinstituição financeira no trimestre proteção financeira que podem resultar em inadequado nível de segurança para honrarsão avaliados, assim como suas BB compromissos financeiros regulares. O rating desta faixa indica instituições que dependem de mudanças favoráveis no ambiente econômico e regulatório que lhes permita honrardemonstrações financeiras parciais, compromissos de maneira periódica.de forma a servirem de base paramanutenção ou modificação da As instituições financeiras classificadas nesta faixa apresentam baixa capacidade paranota atribuída no último Relatório. honrar compromissos financeiros regulares. A capacidade de gerar caixa está seriamente B afetada por várias fragilidades em várias áreas. Ainda que estas instituições possam estar honrando os compromissos nas datas pactuadas, a continuidade deste procedimento depende grandemente de mudanças favoráveis nas condições econômicas e regulatórias,Analistas além de algum suporte externo.Joel Sant’Ana Junior As instituições financeiras classificadas nesta faixa apresentam elevado risco de não(55) 21-2210-2152joel@lfrating.com C honrarem compromissos financeiros. O rating desta faixa indica instituições com muitos sérios problemas e, a menos que algum suporte externo seja providenciado, elas não terão capacidade de honrar os compromissos financeiros assumidos.Helio Darwich As instituições financeiras classificadas nesta faixa estão inadimplentes ou muito próximas(55) 21-2210-2152 de não honrarem compromissos financeiros. O rating desta faixa indica instituições comhelio@lfrating.com D graves problemas de geração de caixa, exigindo imediato suporte externo de grande capacidade financeira. Obs.: Com o objetivo de diferenciar os bancos que apresentam diferenças sensíveis dentro do mesmo segmento de rating, FEVEREIRO DE 2011 LFRating acrescenta sinais de + ou – ao lado de cada nota entre AA e B. REFERENTE A DADOS As informações utilizadas na realização deste rating são consideradas fidedignas, mas LFRating não pode garantir sua exatidão CONTÁBEIS DO TERCEIRO e integridade. Todos os dados foram verificados quanto à consistência e coerência, mas a visita de due diligence não se constituiu em uma auditoria local para confirmar a existência de ativos ou numerário declarados. Este rating, também, não se constitui em uma TRIMESTRE DE 2010 recomendação de investimento, com as perdas e ganhos correndo por risco do aplicador. Número seqüencial deste monitoramento: 4/7 12/12