• Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
10,469
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
426
Comments
0
Likes
2

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. MECÂNICA CLÁSSICA AS LEIS DE NEWTON
  • 2. FORÇA Em física clássica, a força (F) é aquilo que pode alterar o estado de repouso ou de movimento de um corpo, ou de deformá-lo.
  • 3. FORÇA Detectamos uma força através de seus efeitos. Estes podem ser: A variação no módulo da velocidade do corpo (por exemplo, quando se dá um chute numa bola em repouso); Uma alteração na direção e sentido do movimento do corpo (no "efeito“ de uma bola); Uma deformação no corpo em que é aplicada a força (deformação momentânea da bola quando é chutada).
  • 4. 1ª Lei de Newton - Princípio da Inércia “Quando a resultante das forças que atuam sobre um corpo for nula, esse corpo permanecerá em repouso ou em movimento retilíneo uniforme”. A expressão “resultante das forças que atuam sobre um corpo for nula” é, para nós, sinônimo de equilíbrio. R = 0 => equilíbrio
  • 5. 1ª Lei de Newton - Princípio da Inércia “Quando a resultante das forças que atuam sobre um corpo for nula, esse corpo permanecerá em repouso ou em movimento retilíneo uniforme”. No enunciado da lei, Newton apresenta, em primeira análise, dois fatos decorrentes da situação “resultante das forças nula” (R = 0): • O corpo permanece em repouso. • O corpo permanece em movimento retilíneo uniforme.
  • 6. O que é movimento retilíneo uniforme?????  Movimento: variação de posição espacial de um objeto ou ponto material no decorrer do tempo.  Retilíneo: Que segue a direção da linha reta  Uniforme: Constante
  • 7.  Galileu, estudando uma esfera em repouso sobre um plano horizontal, observou que, empurrando-a com determinada força, ela se movimentava.  Cessando o empurrão (força), a esfera continuava a se mover até percorrer determinada distância. Verificou, portanto, que a esfera continuava em movimento sem a ação de uma força e que a esfera parava em virtude do atrito entre a esfera e o plano horizontal.  Polindo o plano horizontal, observou que o corpo se movimentava durante um percurso maior após cessar o empurrão. Se pudesse eliminar completamente o atrito, a esfera continuaria a se movimentar, por inércia, indefinidamente, sem retardamento, isto é, em movimento retilíneo e uniforme.
  • 8. A figura acima representa uma nave espacial livre de ações gravitacionais significativas do resto do universo. Com seus motores desligados, a força propulsora da nave é nula, porém ela mantém o seu movimento com velocidade constante, segundo o princípio da inércia.
  • 9. 1ª Lei de Newton - Princípio da Inércia A tendência que um corpo possui de permanecer em repouso ou em movimento retilíneo e uniforme, quando livre da ação de forças ou sujeito a forças cuja resultante é nula, é interpretada como uma propriedade que os corpos possuem denominada inércia. Referencial inercial é aquele para o qual vale o princípio da inércia. Quando maior a massa de um corpo maior a sua inércia, isto é, maior é sua tendência de permanecer em repouso ou em movimento retilíneo e uniforme. Portanto, a massa é a constante característica do corpo que mede a sua inércia. Um corpo em repouso tende, por sua inércia, a permanecer em repouso. Um corpo em movimento tende, por sua inércia, a manter constante sua velocidade.