Infecção em ferida operatória de apendicetomia
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Infecção em ferida operatória de apendicetomia

on

  • 12,481 views

 

Statistics

Views

Total Views
12,481
Views on SlideShare
12,478
Embed Views
3

Actions

Likes
0
Downloads
32
Comments
0

1 Embed 3

http://www.slideshare.net 3

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Infecção em ferida operatória de apendicetomia Infecção em ferida operatória de apendicetomia Presentation Transcript

  • Infecção em Ferida Operatória de Apendicetomias
    • Kazemier e cols: ''edema e vermelhidão em torno da ferida ou descarga purulenta'';
    • Milewczyk e cols: ''a presença de edema, vermelhidão e descarga purulenta'‘;
    • Pedersen et al: ''descarga de pus que exigiu drenagem cirúrgica'‘.
    Definição Surg Laparosc Endosc Percutan Tech Volume 17, Number 4, August 2007
    • Morbidade: 10 %
    • - Infecção da parede abdominal
    • - Abscesso abdominal
    • - Abscessos hepáticos
    • - Fístula fecal
    Complicações Aparelho Digestivo: Clínica e Cirurgia - Julio Cesar Uili Coelho
  •  
  • Fatores de Risco para as Complicações após Apendicectomias em Adultos
    • Análise retrospectiva de 500 pacientes; submetidos à apendicectomia;
    • Hospital Regional da Asa Norte;
    • Entre janeiro de 2003 e janeiro de 2004.
    Rev bras Coloproct, 2007;27(1): 031-036.
  • Complicações pós-operatórias Rev bras Coloproct, 2007;27(1): 031-036.
  •  
  • Apendicectomia Laparoscópica Versus Aberta em Crianças
    • Meta-análise para comparar apendicectomia laparoscópica e aberto em uma população pediátrica;
    • 23 estudos incluindo 6.477 crianças (43% por via laparoscópica, 57% aberto) foram incluídos;
    • Estudos comparativos publicados entre 1992 e 2004;
    • Desfechos pós-operatório: febre, íleo, infecção ferida, formação abscesso intra-cavitário, tempo operatório e internamento hospitalar pós-operatório.
    Ann Surg 2006;243: 17–27
  • Apendicectomia Laparoscópica Versus Aberta em Crianças Ann Surg 2006;243: 17–27
  • Apendicectomia Laparoscópica Versus Aberta em Crianças
    • 13 estudos relataram a incidência de infecção pós-operatória ferida com redução estatisticamente significativa;
    • Laparoscópica 1,5% (30 de 2016 );
    • Aberta 5% (87 de 1739).
    Ann Surg 2006;243: 17–27
  • Quais as conseqüências?
    • Aumento do tempo de internação;
    • Utilização de antibióticos;
    • Empregos de exames complementares;
    • Maior custo;
    • Maior risco de resistência microbiana;
    • Maior permanência em UTI.
    Mitteldorf C. Rassaln S. Birolini D.; Infecção e Cirurgia. 2007
  • Causas e Fatores de risco
    • Fatores bacterianos;
    • Duração do procedimento;
    • Tipo de ferida;
    • Pacientes de UTIs;
    • Antibioticoterapia precedente;
    • Raspagem pré-operatória;
    • Número bacteriano, toxinas, resistência.
    Sabiston - Tratado de Cirurgia, 17º Edição
  • Causas e Fatores de risco
    • Ferida local;
    • Boa técnica cirúrgica é a melhor forma de evitar infecção;
    • Manipulação adequada dos tecidos;
    • Garantia de suprimento vascular satisfatório;
    • Controle do sangramento;
    • Prevenção de hematomas / seromas;
    • Debridamento completo de tecidos necrosados;
    • Remoção de corpo estranho desnecessário.
    Sabiston - Tratado de Cirurgia, 17º Edição
  • O que aumenta o risco de ISC?
    • Grau de contaminação
    • Tempo de cirurgia;
    • Tamanho da incisão;
    • Momento de indicação da cirurgia;
    • Maior utilização bisturi elétrico;
    • Grau de contaminação;
    • Sutura com pontos próximos e apertados;
    Mitteldorf C. Rassaln S. Birolini D.; Infecção e Cirurgia. 2007
  • Hospitais coladoradores na diminuição da ISC Dellinger et al. Am J Surg; July 2005 - Vol. 190, Issue 1, Pages 9-15