• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Livro aspectos da história das juventudes brasileiras  volume 7 org otávio luiz machado
 

Livro aspectos da história das juventudes brasileiras volume 7 org otávio luiz machado

on

  • 473 views

 

Statistics

Views

Total Views
473
Views on SlideShare
473
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
5
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Livro aspectos da história das juventudes brasileiras  volume 7 org otávio luiz machado Livro aspectos da história das juventudes brasileiras volume 7 org otávio luiz machado Document Transcript

    • 1 OTÁVIO LUIZ MACHADO (ORG.) ASPECTOS DA HISTÓRIA DAS JUVENTUDES BRASILEIRAS(1930-1985): UM RESGATE HISTÓRICO SEM PÁGINA VIRADA VOLUME 7: 2012 e primeiros registros de 2013 PROPEJEC
    • 2 PRODUÇÃO DO LIVRORevisão: Otávio Luiz MachadoCapa: Propejec/designCréditos das Fotos: Otávio Luiz Machado____________________________________________Machado, Otávio Luiz (org.). ASPECTOS DA HISTÓRIA DAS JUVENTUDES BRASILEIRAS (1930-1985) – VOLUME 7 (2012-início 2013)/ Otávio Luiz Machado. - Recife: PROPEJEC, 2013. CONTATOS:CARTA PARA: Caixa Postal 7828. CEP: 50.670-000. Recife-PEFONES: 55 (81) 8762-5471 Ou 9941-6854E-MAILS: otaviomachado3@yahoo.com.br ou otaviomachado3@gmail.comBLOG: http://movimentosjuvenisbrasileiros1.blogspot.comTWITTER: http://twitter.com/otaviomachado3FACEBOOK: http://www.facebook.com/profile.php?id=100000003300640
    • 3 AGRADECIMENTOS Um trabalho de tamanha dimensão não se faz sozinho. O ato deagradecer é um demonstrativo de que tantas outras pessoas foramimportantes para a sua plena realização. Na impossibilidade deregistrar todos os nomes (o que poderia gerar esquecimentos injustosnessa hora), o que faço inicialmente é dizer o meu muito obrigado atodos os estudantes que participaram ativamente ou mesmoindiretamente em vários projetos, cujos nomes já estão registrados emtantos outros trabalhos que produzimos, o que também vale aoscolaboradores, interlocutores, apoiadores, depoentes e pessoas dediversas instituições que nos ajudaram a localizar os Documentos.Cabe registrar que boa parte do que é apresentado aqui veio dearquivos particulares, o que só aumenta a nossa responsabilidadecom a sua publicização. Aqui poderia falar da emoção de ter o acesso pessoalmente juntoàs pessoas ou de ter a grata satisfação de receber correspondênciascom o envio de diversos documentos doados aos nossos projetos.Lembro-me da emoção de abrir algumas correspondências vindas emSedex na qual estavam muitos Documentos de rara e preciosa lavra.São gestos de confiança ou até de carinho que aumenta a nossamotivação e explica um pouco a longevidade do nosso trabalho, quenunca deixou de contribuir e de atuar, tornando-se uma porta deentrada para um suporte a tantos outros trabalhos. Não foi por acaso que construímos um trabalho que se configuracomo o mais vigoroso no resgate da história das juventudesbrasileiras, sendo um esforço coletivo que conseguimos agrupar eexpandir para todo o Brasil. Muito ainda precisa ser feito para que osbrasileiros e brasileiras conheçam a história dos movimentos juvenise das juventudes em tantas outras particularidades.
    • 4 SUMÁRIO GERAL COM TODOS OS VOLUMES VOLUME 1AGRADECIMENTOSSUMÁRIOAPRESENTAÇÃOINTRODUÇÃODOCUMENTO DO CENTRO ACADÊMICO CLORINDO BURNIERDA ESCOLA DE ENGENHARIA DE JUIZ DE FORA, 1932 [SOBRE AREGULAMENTAÇÃO DA PROFISSÃO DE ENGENHEIRO]UM DOS DOCUMENTOS DO DIRETÓRIO ACADÊMICO DAESCOLA DE ENGENHARIA DA UNIVERSIDADE DE MINASGERAIS (ATUAL UFMG). EM DESTAQUE A REFORMA DAEDUCAÇÃO SUPERIOR, 1933TEXTO PRÉ-HISTÓRIA DA U.N.E. E SUA FUNDAÇÃO,INSTALAÇÃO E CONSOLIDAÇÃO (BASEADA EM MINHAS
    • 5MEMÓRIAS, NO LIVRO “O PODER JOVEM” DE ARTHURPOERNER E NA MEMÓRIA DE DANTE VIGGIANI), POR IRUNSANT´ ANNAESTATUTOS DO CONSELHO NACIONAL DE ESTUDANTES DAUNE, 1937RESOLUÇÕES DA ASSEMBLÉIA DO CONSELHO NACIONALDOS ESTUDANTES, PROGRAMA PARA O PERÍODO DE 1939-40REPRODUÇÃO DA CARTA DA CASA DO ESTUDANTE SEDESLIGANDO DA UNE, 1940DECRETO LEI N. 4.105, QUE RECONHECE A UNIÃO NACIONALDOS ESTUDANTES (1942)JORNAL O POLITÉCNICO ESCOLA POLITÉCNICA DA USP. EMDESTAQUE A LUTA PELA AUTONOMIA DA UNIVERSIDADE,1946NOTA DO PRESIDENTE DA UNE (ROBERTO GUSMÃO) LIDANO CONGRESSO NACIONAL BRASILEIRO EM 03/10/1947CONSTITUIÇÃO DA UNIÃO DOS ESTUDANTES DEPERNAMBUCO (UEP), 1949
    • 6DESTAQUE DE UM DOS CONGRESSOS DE ESTUDANTES DEENGENHARIA NOS ANOS 1950 – GENIVAL BARBOSAGUIMARÃESDISCURSO DE FORMATURA DE RUBENS PAIVA NA ESCOLADE ENGENHARIA DO MACKENZIE, SÂO PAULO-SP, INÍCIODOS ANOS 1950 (REPRODUÇÃO DE UMA REVISTA QUEPRESTOU UMA HOMENAGEM AO AUTOR DO DISCURSO)NOTA DA UNE SOBRE TÉRMINO DA GREVE, 1953DOCUMENTO COM HISTÓRICO DOS CONGRESSOSNACIONAIS DE ESTUDANTES DE ENGENHARIA, REVISTAACADÊMICA DA UNIVERSIDADE DO RECIFE, 1953TESE ESTUDANTIL APRESENTADA NO III CONGRESSONACIONAL DOS ESTUDANTES DE ENGENHARIA, RECIFE-PE,195TESE ESTUDANTIL APRESENTADA NO III CONGRESSONACIONAL DOS ESTUDANTES DE ENGENHARIA, RECIFE-PE,1955UMA DAS CAPAS DO JORNAL O VIBRADOR, PUC-RJ, 1956
    • 7TESE DEFENDIDA POR NELSON JANOT MARINHO (PUC-RJ) NOIV CNEE, 1956DOCUMENTO V FESTIVAL UNIVERSITÁRIO DE ARTE, 1956ANAIS DO IV CONGRESSO NACIONAL DOS ESTUDANTES DEENGENHARIA, NITERÓI-RJ, 1956DOCUMENTO LIVRO DO GRÊMIO LITERÁRIO TRISTÃO DEATAÍDE (GLTA), OURO PRETO-MG, 1952PROJETO DO REGIMENTO INTERNO DO V CONGRESSONACIONAL DOS ESTUDANTES DE ENGENHARIA, OUROPRETO-MG, 1957DOCUMENTO 2º BOLETIM INFORMATIVO DO V CONGRESSONACIONAL DE ESTUDANTES DE ENGENHARIA, 1957TESE “A PSICOLOGIA E A ESCOLA”, APRESENTADA NO VCONGRESSO NACIONAL DE ESTUDANTES DE ENGENHARIA,QUE OCORREU EM OURO PRETO-MG, 1957TESE ESTUDANTIL “CONVERSÃO DE DISTÂNCIAS...”, PORKLEBER PINTO E FABIANO SAYÃO”, APRESENTADA NO V
    • 8CONGRESSO NACIONAL DE ESTUDANTES DE ENGENHARIA,QUE ACONTECEU EM OURO PRETO-MG NO ANO DE 1957TESE ESTUDANTIL: “AEROFOTOGRAMETRIA”, DE JOSÉ JORGESEIXAS, APRESENTADA NO III CONGRESSO NACIONAL DEESTUDANTES DE ENGENHARIA, QUE ACONTECEU EM RECIFE-PE, 1955TESE ESTUDANTIL HABITAÇÃO: PROBLEMA NACIONAL DOESTUDANTE, DE JOSÉ CERQUEIRA ANTUNES, QUE FOIAPRESENTADA NO V CONGRESSO NACIONAL DOSESTUDANTES DE ENGENHARIA, REALIZADO EM OUROPRETO-MG, 1957TESE ESTUDANTIL DA NECESSIDADE DA COORDENAÇÃOENTRE OS ESTUDANTES DE ENGENHARIA, QUE FOIAPRESENTADA NO V CONGRESSO NACIONAL DOSESTUDANTES DE ENGENHARIA, REALIZADO EM OUROPRETO-MG, 1957CARTAZ DA PRIMEIRA SEMANA NACIONAL DE ESTUDANTESDE FILOSOFIA, CURITIBA-PR, 1958SÚMULA DOS NOSSOS PROBLEMAS, DIRETÓRIO ACADÊMICODA ESCOLA DE ENGENHARIA DE PERNAMBUCO, 1958
    • 9PLACA DE INAUGURAÇÃO DO RESTAURANTE DA ESCOLA DEMINAS DE OURO PRETO (REMOP), 1959LIVRETO DESTINADO AOS ESTUDANTES INTITULADO O QUEÉ A ESCOLA DE ENGENHARIA DA UNIVERSIDADE DO RECIFE,1960DISCURSO DE CELSO FURTADO PARA A TURMA DEFORMANDOS DA ESCOLA DE MINAS DE OURO PRETO, 1961DOCUMENTO A UNE E O GOLPE [SOBRE A PARTICIPAÇÃO DAUNE NA CAMPANHA DA LEGALIDADE], PORTO ALEGRE-RS,1961REPRODUÇÃO DO TEXTO “UNE E POLÍTICA EXTERNA”, UNE 25ANOS, 1960ANTEPROJETO DE REFORMA DO ESTATUTO DA UNE, DÉCADADE 1960CONSTITUIÇÃO DOS ESTUDANTES DE MINAS GERAIS, UEE-MG, 1960
    • 10DOCUMENTO COM O RELATÓRIO DA CPI DA UNE, BEASÍLIA-DF, 1962DOCUMENTOS DO VI CONGRESSO NACIONAL DOSESTUDANTES DE MEDICINA, SANTA MARIA-RS, 1961BOLETIM INFORMATIVO AOS CONGRESSISTAS DO ISEMINÁRIO NACIONAL DE REFORMA UNIVERSITÁRIA, UNE,1961REGIMENTO INTERNO DO I SEMINÁRIO DE REFORMAUNIVERSITÁRIA, UNE, 1961DOCUMENTO “PROPOSTA DA BANCADA DE SÃO PAULO AO ISEMINÁRIO NACIONAL DE REFORMA UNIVERSITÁRIA”, UNE,1961REPRODUÇÃO DA TESE DA UEE-SE AO 1 SEMINÁRIONACIONAL DE REFORMA UNIVERSITÁRIA INTITULADA“REFORMA UNIVERSITÁRIA: UMA POLÍTICA PARA AREFORMA”, UNE, 1961DOCUMENTO “CONCLUSÕES DO PRIMEIRO SEMINÁRIO DEREFORMA UNIVERSITÁRIA DA FACULDADE DE MEDICINA DAUFMG”, 1961
    • 11DOCUMENTO DA UEE-MG INTITULADO “DIRETRIZES PARAUMA REFORMA DA UNIVERSIDADE MINEIRA, 1961DOCUMENTO DA FEDERAÇÃO DOS ESTUDANTES DA UFRGSINTITULADO “REFORMA UNIVERSITÁRIA:DEMOCRATIZAÇÃO DO ENSINO”, 1961REPRODUÇÃO DA TESE APRESENTADA PELA BANCADA DESERGIPE NO I SEMINÁRIO NACIONAL DE REFORMAUNIVERSITÁRIA, UNIÃO NACIONAL DOS ESTUDANTES (UNE),1961DOCUMENTO “PROPOSTA DA BANCADA DE SERGIPE AO ISEMINÁRIO NACIONAL DE REFORMA UNIVERSITÁRIA”, UNE,1961DOCUMENTOS DA CASA DO ESTUDANTE DE OURO PRETO,1962-1963TESE APRESENTADA PELA UFF – NO II SEMINÁRIO NACIONALDE REFORMA UNIVERSITÁRIA, 1962. TÍTULO: UNIVERSIDADECOMO PARTE DE UM PROCESSO TOTAL DETRANSFORMAÇÃO DO BRASIL
    • 12DOCUMENTO DA UNIÃO DOS ESTUDANTES DO PARÁ AO IISEMINÁRIO DE REFORMA UNIVERSITÁRIA, UNE, 1962CARTA DO PARANÁ, 1962 [SOBRE OS DEBATES ACERCA DAREFORMA UNIVERSITÁRIA]TESE “REFORMA UNIVERSITÁRIA: INSTRUMENTO POLÍTICONA LUTA DO ESTUDANTE”, UNE, 1962DOCUMENTOS DA GREVE ESTUDANTIL DOS ESTUDANTESDA ESCOLA DE MINAS DE OURO PRETO-MG, 1962CAMPANHA DE ALFABETIZAÇÃO DOS ESTUDANTES DAESCOLA DE MINAS DE OURO PRETO-MG, 1962 VOLUME 2AGRADECIMENTOSSUMÁRIOAPRESENTAÇÃO
    • 13INTRODUÇÃODOCUMENTOS DO TEATRO DA ESCOLA DE MINAS DE OUROPRETO DO INÍCIO DOS ANOS 1960“ENTERRO “ SIMBÓLICO DO PROFESSOR JOAQUIM MAIAPELOS ESTUDANTES DA ESCOLA DE MINAS DE OURO PRETO,ANOS 1960PROTESTOS ESTUDANTIS DOS ESTUDANTES DA ESCOLA DEMINAS DE OURO PRETO, ANOS 1960BOLETIM DA UNIÃO DOS ESTUDANTES DE PERNAMBUCO(UEP), 1962 – TRECHOSCIRCULAR “AOS ESTUDANTES DA AMÉRICA LATINA”, FEITOPELA SECRETARIA EXECUTIVA LATINO-AMERICANA DEESTUDANTES DE ENGENHARIA, 1963DOCUMENTO UNE: LUTA ATUAL PELA REFORMAUNIVERSITÁRIA, 1963LIVRETO O QUE É A UNE, 1963
    • 14CIRCULAR DA UNE SOBRE AMPLIAÇÃO DO NÚMERO DEVAGAS NAS UNIVERSIDADES, JANEIRO DE 1964OFÍCIO-CIRCULAR DO GENERAL GUEDES FECHANDO TODOSOS DIRETÓRIOS ACADÊMICOS DO ESTADO DE MINASGERAIS, 14 DE ABRIL DE 1964MANIFESTO “AOS UNIVERSITÁRIOS”, ASSINADO PORPRESIDENTES DE UEES EM 1964DOCUMENTOS DO MOVIMENTO ESTUDANTIL NA UFPE PÓSGOLPE DE 64 (COM AS ELEIÇÕES DO DCE DA UFPE EINFORMES DOS NOMES DOS MEMBROS DAS ENTIDADESESTUDANTIS NA INSTITUIÇÃO)DOCUMENTOS DAS LIDERANÇAS ESTUDANTIS DA UFPEREQUERENDO ELEIÇÕES PARA O DCE, 1965DECRETO Nº 57.634, DE 1966, QUE SUSPENDE A UNEDECRETO Nº 58.921, DE 1966, QUE SUSPENDE A UEE-MGDESTAQUE DE UM DOS NÚMEROS DO JORNAL O MARTELO,DO DIRETÓRIO ACADÊMICO DA ESCOLA DE MINAS DE OURO
    • 15PRETO: “POLÍTICA EDUCACIONAL DO GOVÊRNO:REPRESSÃO”, 1968DOCUMENTOS FOTOS CENAS DE 1968 ATRAVÉS DA REVISTAVEJADOCUMENTO DEFENDER A UNE E REALIZAR VIGOROSASAÇÕES DE MASSAS, 1968DOCUMENTO O MOVIMENTO ESTUDANTIL E A LUTAPOPULAR, POR JEAN MARC, 1968DOCUMENTO O POVO NA LUTA DERROTA A DITADURA EEXPULSA O IMPERIALISMO, 1968DOCUMENTO PROGRAMA PARA O MOVIMENTOESTUDANTIL, 1968DECRETO Nº 64.305 - SUSPENDE A FEDERAÇÃO DEESTUDANTES DA UNB, 1969REPÚBLICA AQUARIUS DE OURO PRETO-MG, UMACONQUISTA DO MOVIMENTO ESTUDANTIL UNIVERSITÁRIO,1968-69
    • 16DESTAQUE DE UMA DAS PARTES DO LIVRO DE FORMATURADA ESCOLA DE MINAS DE OURO PRETO, EM 1969. JURAMENTODOS ENGENHEIRANDOSESTATUTO DO MOVIMENTO POR OURO PRETO, ANOS 1970INFORMATIVO SOBRE 1º SEMINÁRIO REGIONAL DEENGENHARIA CENTRO ACADÊMICO ARMANDO SALLESOLIVEIRA CAASO, ANOS 1970UM DOS NÚMEROS DO “SUPLEMENTO”: CENTROACADÊMICO SANTOS DUMONT DO INSTITUTOTECNOLÓGICO DE AERONÁUTICA (ITA), 1973DOCUMENTO ESTUDANTES DE ENGENHARIA ANALISAM OENSINO DE ENGENHARIA NO BRASIL, 1974RELATÓRIO DA CASA DO ESTUDANTE DE PERNAMBUCO 1970-74CAPA DE UM NÚMEROS DO JORNAL “O MARTELO”, DODIRETÓRIO ACADÊMICO DA ESCOLA DE MINAS DAUNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO, 1976
    • 17DOCUMENTOS DA ÉPOCA DE ZÉLIO FURTADO PRESIDENTEDO DIRETÓRIO ACADÊMICO DA FACULDADE DE DIREITO DAUFPE, RECIFE-PE, MEADOS DOS ANOS 1970REPRODUÇÃO DO JORNAL “SEMINÁRIO DOS ESTUDANTESDE ENGENHARIA, 1978PROTESTOS DOS ESTUDANTES DE OURO PRETO NOS ANOS1970ASSEMBLÉIA GERAL DOS ESTUDANTES DA UFOP NO CENTROACADÊMICO DA ESCOLA DE MINAS (CAEM), 1975 VOLUME 3AGRADECIMENTOSSUMÁRIOAPRESENTAÇÃOINTRODUÇÃOLIVRETO CAASO, 25 ANOS DE LUTA, 1978
    • 18LIVRETO 75 ANOS DO GRÊMIO POLITÉCNICO DA USP, 1978LIVRO MEMOREX: ELEMENTOS PARA A HISTÓRIA DA UNE,1978 (COM POSFÁCIO)PARTES DO LIVRO A VOLTA DA UNE: DE IBIÚNA ASALVADOR (ORGANIZADO POR LUIZ HENRIQUEROMAGNOLI E TANIA GONÇALVES), 1979CARTAZ DO I CONGRESSO DA UEE-MG, RECONSTRUÇÃO, 1979DOCUMENTO “DISCURSO DE DORALINA RODRIGUES NOCONGRESSO DE ABERTURA DA REABETURA DA UEE-MG,OURO PRETO, 1979MATÉRIA SOBRE DORALINA RODRIGUES EM CONGRESSOESTUDANTIL EM OURO PRETO-MG, 1979: “EX-DIRIGENTE DAUNE REAPARECE”DOCUMENTO “REUNIÃO DA DIRETORIA PROVISÓRIA DAUEE-MG”, EM 1979CARTAZ DO II CONGRESSO DA UEE-MG, ANOS 1980DOCUMENTO VAMOS BOTAR DE PÉ A NOSSA UEE,
    • 19JORNAL MURAL DA UEE/MG Nº 1, S.D.JORNAL PRÓ-UNE, UNIÃO NACIONAL DOS ESTUDANTES(UNE), 1979BOLETIM POR UMA NOVA UNE, 1982BOLETIM N. 5 DO 34º CONGRESSO DA UNE”, 1982JORNAL DO CENTRO DE ESTUDANTES DE ENGENHARIA DAESCOLA DE ENGENHARIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DORIO GRANDE DO SUL, 1983PROTESTOS ESTUDANTIS EM OURO PRETO-MG, 1983DOCUMENTO LIVRO A UNE CONTRA O SNI, 1987MANUAL DO XIX ECEM - ENCONTRO DE ESTUDANTES DEMEDICINA, 1988FOTOS DA MILITÂNCIA NA JUVENTUDE DO PSB EMILITÂNCIA DA JSB NAS PASSEATAS PELO IMPEACHMENTDE COLLOR NA AVENIDA PAULISTA (SP), 1992
    • 20 VOLUME 4AGRADECIMENTOSSUMÁRIOAPRESENTAÇÃOINTRODUÇÃOTRECHOS DO LIVRO UNE: REENCONTRO DO BRASIL COM ASUA JUVENTUDE, 1994ESPECIAL 40 ANOS DO MOVIMENTO DE CULTURA POPULAR(MCP) COM O LIVRO MEMORIAL DO MCP, 1986CAMPANHA SOLIDARIEDADE UFOPIANA, UFOP, OURO PRETO-MG, 1996-97ESPECIAL 20 ANOS DE CRIAÇÃO DO CENTRO DE ASSISTÊNCIAESTUDANTIL DA UFOP (REPRODUÇÃO DAS ATAS DE 1977), 1997EQUIPE PREMIADA DA UFOP NO PROGRAMA UNIVERSIDADESOLIDÁRIA, 1998
    • 21PROJETO RECONSTRUÇÃO HISTÓRICA DAS REPÚBLICASESTUDANTIS DA UFOP, 2000PROTESTO DOS ESTUDANTES DA UFOP NA REITORIA, OUROPRETO-MG, 2002 VOLUME 5DOCUMENTOS GREVE ESTUDANTIL DA FFLCH-USP, 2002(ORGANIZADO POR ROSA UDAETA)PROTESTO DOS ESTUDANTES DA UFOP NA REITORIA, OUROPRETO-MG, 2002ESPECIAL 40 ANOS DO GOLPE DE 1964:* (DOCUMENTO 1): ENCARTE DITADURA NUNCA MAIS -SOBRE 1964 NA REVISTA DA FUNDAÇÃO PERSEU ABRAMO** (DOCUMENTO 2): MATÉRIA DO IBAD SOBRE UNE*** (DOCUMENTO 3): TELEGRAMA DO MARECHAL TAURINOAO GOVERNADOR DE PERNAMBUCO EM JUNHO DE 1964(SOBRE PRESOS POLÍTICOS)
    • 22**** (DOCUMENTO 4): INFORME DO DOPS-PE INTITULADO AUNE E A REVOLUÇÃO (1964)***** (DOCUMENTO 5): ÍNDICE DOS INDICIADOS NO IPM UNE-UBES-PE****** (DOCUMENTO 6): RELAÇÃO DE ELEMENTOS COMATIVIDADES SUBVERSIVAS, 1972SEMINÁRIO MEMÓRIA DO MOVIMENTO ESTUDANTIL, RIODE JANEIRO, 2005CAMPANHA DAS REPÚBLICAS DA UFOP, OURO PRETO-MG,ANOS 2006SEMINÁRIO MOVIMENTOS ESTUDANTIS NO BRASIL EHOMENAGEM À RUI FRAZÃO SOARES, COM PALESTRA DEOTÁVIO LUIZ MACHADO, UFF, NITERÓI-RJ, 200750 ANOS DA REPÚBLICA FORMIGUEIRO DE OURO PRETO: EMDESTAQUE PROPAGANDA SOBRE A CONSTRUÇÃODAS_REPÚBLICAS ARCA E FORMIGUEIROTESE DA CORRENTE PROLETÁRIA ESTUDANTIL AOCONGRESSO NACIONAL DOS ESTUDANTES DA UNE, 2007
    • 23CONGRESSO DE ESTUDANTES DA UFPI (DEBATE DE OTÁVIOLUIZ MACHADO E DEMAIS PALESTRANTES), TERESINA-PI,2008DOCUMENTOS DE CONSTRUÇÃO DE UMA POLÍTICA DEJUVENTUDE EM PERNAMBUCO, 2007-2008RODA DE DIÁLOGODA JUVENTUDE DA ETAPAS (COM DESTAQUE PARA APALESTRA DE OTÁVIO LUIZ MACHADO SOBRE OSMOVIMENTOS JUVENIS DE 1968), RECIFE-PE, 200840 ANOS DE 1968: DEPOIMENTO DE FRANKLIN MARTINSINTITULADO “LUTAR É PRECISO E É O MAIS IMPORTANTE: AGRANDE HERANÇA DE 1968 40 ANOS DEPOISPROTESTO DOS BOLSISTAS DO PROGRAMA CONEXÕES DESABERES DA UFPE, RECIFE-PE, 2009REITORIA DA UFMA OCUPADA (03 DE JUNHO DE 2009)DIVULGAÇÃO DE LIVRO SOBRE AS REPÚBLICAS ESTUDANTISDE OURO PRETO-MG DE AUTORIA DE OTÁVIO LUIZMACHADO (ENCARTE COLORIDO SOBRE AS REPÚBLICAS),2009
    • 24ENCONTRO NACIONAL DE CASAS DE ESTUDANTES DASENCE (TAMBÉM COM A PARTICIPAÇÃO DO PROJUPE COM APRESENÇA DE OTÁVIO LUIZ MACHADO, UFPA, 200940 ANOS DA REPÚBLICA AQUARIUS DE OURO PRETO-MG:RECORDANDO O CONVITE DA REPÚBLICA AQUARIUS NOCENTENÁRIO DA ESCOLA DE MINAS DA UFOP, 1976SEMINÁRIO JUVENTUDES PERNAMBUCANAS EMPERSPECTIVA, UFPE, RECIFE-PE, OUTUBRO DE 2009(ORGANIZADO PELO PROJUPE)FOLDER DO XXII ERED/ERAJU, SÃO LUÍS-MA, 2009PALESTRA DE OTÁVIO LUIZ MACHADO PARA JUVENTUDEDO PDT NA UNIVERSIDADE LEONEL BRIZOLA, 2009PARTICIPAÇÃO DO PROJUPE (COM OTÁVIO LUIZ MACHADO)NO I COLÓQUIO NACIONAL ESTUDOS INTERDISCIPLINARESSOBRE INFÂNCIA E JUVENTUDE, UEPB, CAMPINA GRANDE-PB,2009APRESENTAÇÃO DO TRABALHO DO PROJUPE SOBREJUVENTUDES NO CONGRESSO NORDESTINO DE EXTENSÃO(CNEU), UFRPE, RECIFE-PE, 2010
    • 25REUNIÃO COM EQUIPE DO CONEXÕES DOS SABERES, 2010PROGRAMA PROJUPE VISITANDO O CASE DE JABOATÃODOS GUARARAPES , OUTUBRO DE 2010MESA SOBRE JUVENTUDES NO ENCONTRO DE CIÊNCIASSOCIAIS DA UFPE, RECIFE-PE, NOVEMBRO DE 2010PALESTRA DE OTÁVIO LUIZ MACHADO SOBRE OS 95 ANOSDO CENTRO ACADÊMICO DA ESCOLA DE MINAS DE OUROPRETO (CAEM), OURO PRETO-MG, 2010RECONSTRUÇÃO HISTÓRICA DA MILITÂNCIA DE ANTÔNIOCARLOS BICALHO LANA E SONIA MARIA ANGEL (MORTOSPELA DITADURA CIVIL-MILITAR NOS ANOS 1970), OUROPRETO, 2010 VOLUME 61º SEMINÁRIO NACIONAL JUVENTUDES ORGANIZADO PELOPROJUPE, UFPE, RECIFE-PE, ABRIL DE 2010
    • 26SEMINÁRIO NACIONAL JUVENTUDES, DEMOCRACIA,DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA DO PROJUPE, UFPE,RECIFE-PE, NOV. DE 2010SLIDES DA APRESENTAÇÃO DE HELENA ABRAMOINTITULADA JUVENTUDES E DIREITOS SOCIAIS: ANOTAÇÕESDE UMA PESQUISA, SEMINÁRIO NACIONAL JUVENTUDES,DEMOCRACIA, DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA, UFPE,RECIFE, NOVEMBRO DE 2010SLIDE DA APRESENTAÇÃO DE DENIS BERNARDES E JULIENETENÓRIO INTITULADA JUVENTUDE NO BRASIL: CONTROLE ELEGITIMIDADE (1930-1945), SEMINÁRIO NACIONALJUVENTUDES, DEMOCRACIA, DIREITOS HUMANOS ECIDADANIA, UFPE, RECIFE, NOVEMBRO DE 2010SLIDE DA APRESENTAÇÃO DE JOSÉ VIEIRA DA CRUZINTITULADA MEMÓRIAS DA JUVENTUDE UNIVERSITÁRIANO NORDESTE BRASILEIRO NOS TEMPOS DA DITADURAMILITAR, SEMINÁRIO NACIONAL JUVENTUDES,DEMOCRACIA, DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA, UFPE,RECIFE, NOVEMBRO DE 2010SLIDE DA APRESENTAÇÃO DE LEDA CRISTINA DA SILVAINTITULADA PROJETO QUÍMICA SEM FRONTEIRAS: UMACONTRIBUIÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO EDUCACIONALDA JUVENTUDE NO MUNICÍPIO DE NAZARÉ DA MATA-PE,SEMINÁRIO NACIONAL JUVENTUDES, DEMOCRACIA,
    • 27DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA, UFPE, RECIFE,NOVEMBRO DE 2010SLIDE DA APRESENTAÇÃO DA EQUIPE DO CONEXÕES DESABERES DA UFPE INTITULADA CONEXÕES DE SABERES:DIÁLOGOS ENTRE A UNIVERSIDADE E AS COMUNIDADESPOPULARES, SEMINÁRIO NACIONAL JUVENTUDES,DEMOCRACIA, DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA, UFPE,RECIFE, NOVEMBRO DE 2010PROTESTO CONTRA AUMENTO DE PASSAGENS EM RECIFE-PE,2011ENCONTRO DE BANDAS NO ALTO JOSÉ DO PINHO,FEVEREIRO DE 2011PALESTRA DE OTÁVIO LUIZ MACHADO NA FACULDADEFUNESO SOBRE JUVENTUDES, SETEMBRO DE 2011OFICINA COORDENADA PELO PROJUPE SOBRE JUVENTUDESNO CAMPUS DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO DENAZARÉ DA MATA, OUTUBRO DE 2011BATALHAS DE HIP-HOP NO PARQUE 13 DE MAIO, RECIFE-EPE,OUTUBRO DE 2011
    • 28PROTESTO DOS ESTUDANTES DO CAMPUS DAUNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO (UPE) EM NAZARÉ DAMATA-PE, 2011DOCUMENTO ESCLARECENDO O CASO USP (PRA QUEM VÊ DEFORA), NOVEMBRO DE 2011DOCUMENTO CARTA DOS ESTUDANTES EM GREVE DAUNIVERSIDADE DE SÃO PAULO AO GOVERNO DE SPDOCUMENTO HISTÓRICO: DESABAFO DE QUEM TAVA LÁ[REINTEGRAÇÃO DE POSSE DA USP]DOCUMENTO ATO OCCUPY UFPE EM REPÚDIO ÀCRIMINALIZAZÃO DXS ESTUDANTES USPAPRESENTANDO O TRABALHO DO PROJUPE SOBREJUVENTUDES NO EVENTO CTCM (EM DESTAQUE OTÁVIOLUIZ MACHADO), INSTITUTO BRENNAND, 2011PROGRAMA OPINIÃO PERNAMBUCO DA TV UNIVERSITÁRIADA UFPE (TVU) DEBATENDO O TEMA PROTAGONISMOJUVENIL, DEZEMBRO DE 2011 (COM CAMILA LAURENTINO,OTÁVIO LUIZ MACHADO, JOELSON E O APRESENTADORVALDIR)
    • 29 VOLUME 7FOTOS MOVIMENTO PUNK VIVO EM RECIFE NOS IDOS DE2012FOTOS DA CASA DO ESTUDANTE DE PERNAMBUCO, RECIFE-PE, 07 DE FEVEREIRO DE 2012CARTAZ DA CHAMADA PELO DCE DA UFRPE DO ATO DEREMATRÍCULA DO ESTUDANTE ODIJAS CARVALHO, 2012ALGUNS DOCUMENTOS DOS PROTESTOS ESTUDANTISCONTRA O AUMENTO DAS PASSAGENS DE ONIBUS, RECIFE-PE, 27 DE JANEIRO DE 2012BASTIDORES DO DOCUMENTÁRIO SOBRE O MOVIMENTOESTUDANTIL DA FACULDADE DE DIREITO DA UFPE, JULHODE 2012DOCUMENTOS DA ELEIÇÃO DO DCE DA UNIVERSIDADECATÓLICA DE PERNAMBUCO (UNICAP), OUTUBRO 2012JORNAL DO DCE ODIJAS CARVALHO DA UFRPE, JULHO-AGOSTO DE 2012TEATRO DE RUA EM RECIFE DURANTE FESTIVAL DE TEATRONACIONAL, 29 DE NOVEMBRO DE 2012ZÉ CELSO FAZENDO ATO-ARTE EM PÁTIO DA PUC-SP EMAPOIO AOS GREVISTAS, 28 DE NOVEMBRO DE 2012OCUPE TORRES DE RECIFE, 06 DE JANEIRO DE 2013
    • 302º PROTESTO CONTRA O AUMENTO DAS PASSAGENS DEÔNIBUS EM RECIFEPE, 07 DE JANEIRO DE 2013VELÓRIO E ENTERRO DO ESTUDANTE DE CIÊNCIAS SOCIAISRAIMUNDO NETO (SAMAMBAIA) NO CEMITÉRIO DE SANTOAMARO, RECIFE-PE, 08 DE JANEIRO DE 2013
    • 31 APRESENTAÇÃO Os novos volumes que se incorporam à coleção JUVENTUDES,DEMOCRACIA, DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA doPROGRAMA PLURALIDADES, JUVENTUDES, EDUCAÇÃO ECIDADANIA (PROPEJEC), como deveria não deixar de ser, apresentanovidades para o leitor ao publicizar uma documentação coletada emdiversos momentos e em vários projetos. A primeira tentativa de sistematização de parte dos Documentosaqui relacionados veio com um DVD-rom produzido pelo projeto AENGENHARIA NACIONAL, OS ESTUDANTES E A EDUCAÇÃOSUPERIOR: 1930-85 (PROENGE), sendo seguido de diversos blogscujo único objetivo era contribuir com a realização de novos projetose dar suporte às pesquisas do tema por tantas outras pessoas nofuturo. O que foi cumprido. Ao longo do livro indicamos as fontes dos quais os Documentosforam reproduzidos, como o da Escola de Minas de Ouro Preto-MG,de particulares, do Congresso Nacional, da Escola Politécnica da USP,do Centro Acadêmico Horace Lane da Escola de Engenharia doMackenzie, da Escola de Engenharia de Pernambuco, do ArquivoCentral da UFPE e da Presidência da República. Tantos outros livros da Coleção citada acima dão conta da análiseque foi feita com esses e tantos outros Documentos, o que seriaduplicar por aqui um trabalho já realizado. Eis o motivo de só sepublicar os Documentos sistematizados, sendo cada um fonte deinformações e de conhecimentos que pode ser extraída. O grande contributo do nosso trabalho é passar por toda ahistória das juventudes brasileiras, que não se resume apenas aos trêsprimeiros volumes do livro ASPECTOS DA HISTÓRIA DASJUVENTUDES BRASILEIRAS (1930-1985): UM RESGATE
    • 32HISTÓRICO SEM PÁGINA VIRADA, mas a tantos outros trabalhosjá disponíveis para consulta e download na internet. É assim que tal obra é apresentada, ou seja, aqui não se mostraapenas um aspecto de uma obra, mas de todo um trabalho que aospoucos vai sendo disponibilizado para que se produza cidadania.
    • 33 INTRODUÇÃO: UMA PÁGINA (QUASE) VIRADA NORESGATE DA HISTÓRIA MOVIMENTO ESTUDANTILBRASILEIRO “Esse Projeto é evidentemente muito importante. E no caso nosso, especialmente daqui em Pernambuco, ele colocou na ordem do dia a temática da juventude. É um projeto sistemático voltado para essa temática, nucleando pessoas, reunido material, organizando seminários e publicações. E isso realmente é novo. Ele tem trazido uma contribuição rica pelo que tem suscitado e vai suscitar” (Professor Denis Bernardes). A foto abaixo apareceu por acaso num trabalho de coleta dedados sobre a história do movimento estudantil. Na verdade, a folhanão virada foi fotografada em pleno movimento, o que a princípiopode ser só um erro durante a digitalização de documentos. Só me deparei de verdade para o significado dessa foto agora naprodução desse livro, que traz ao nosso trabalho uma reflexão sobrevirar ou não virar a página, mudar ou não mudar de uma vez atemática das pesquisas, mesmo que ainda não cheguemos naquela
    • 34fase considerada como ponto de saturação. Já faz algum tempo quetento mudar o tema do trabalho sobre as juventudes, buscando partirnão mais da história, mas do cotidiano das juventudes na cidade. Ao mesmo tempo, quando percebo que são pouquíssimas aspessoas realizando o resgate que fazemos, a impressão que vemsempre é que precisamos continuar mesmo com tantos outros temasem maior evidência no nosso cotidiano de pesquisas. Talvez adiminuição no ritmo possa ser a solução nesse momento. Mas não poderia deixar essa “diminuição” de ritmo ser celebradasem dar mais um salto ou sem fazer um balanço do que foi feito,porque falamos de um trabalho consolidado e já conhecido pordiversas pessoas e instituições. Quando trabalhamos especificamente com o tema do movimentoestudantil ficamos satisfeitos por ver uma resenha sobre o nossotrabalho publicada na Revista Crítica de Ciências Sociais, que é umadas mais importantes e conceituadas no campo das Humanas nomundo. Lá se dizia o seguinte: “O propósito de Machado e de seugrupo de pesquisa é sem dúvida um debate público da memória domovimento estudantil”. Também foi dado destaque nos veículos de comunicação paraum público maior, como é o caso do Jornal do Commercio de Recife,que o trabalho realizado abrangia uma dimensão nacional. “Aspesquisas a respeito do movimento estudantil no País encontram emPernambuco um pioneiro campo de estudos. Hoje, os estudostornaram-se referência nacional e já alcançam um espectro bem maisamplo” (janeiro de 2009). Na mesma linha foi o que analisou o Diario de Pernambuco:“Nem sempre a juventude foi uma banda numa propaganda derefrigerante. (...) Fenômenos sociais que estão no amplo levantamentofeito por um programa inédito em nível nacional” (janeiro de 2009). Um grande trabalho não só de publicações foi feito, mas deorientação de estudantes e de formação de pesquisadores sociais, oque forjou a aproximação entre ensino, pesquisa e extensão. O que
    • 35considero ser esse envolvimento dos estudantes com os nossostrabalhos um dos pontos altos de tudo que fizemos. O apoio da imprensa é outro aspecto a considerar, pois sem apublicização do que fazíamos não seria possível formar outro grandeaspecto de todo o trabalho: uma rede de colaboração altamenteprodutiva. A ida a tantos locais ou a recepção a tantas pessoas que vieramaté nós só indica que conseguimos mobilizar todo um conjunto depessoas e instituições na construção de um campo de estudos sobre ajuventude brasileira. Não só no Brasil, mas até no exterior.
    • 36
    • 37 O saldo é muito grande. Só indica que valeu e vale a pena lutarpelo que acredita. Para quem abriu campos raros, como o estudo dasmoradias universitárias no Brasil, os movimentos estudantis nasescolas de Engenharia do País, os movimentos juvenis em Recife nosanos 1970 e 1980, os protestos públicos na contemporaneidade e tantasoutras inovações, o que se pode dizer é que não existe trabalhoconcluso, porque colaborar com os próximos trabalhos é quase comose fosse uma missão. È sabido que inovamos também na divulgação científica, o querelatamos em congressos científicos internacionais um pouco dessametodologia e dos seus principais resultados. È sempre necessário efundamental inovar mesmo com muitos anos de pesquisa dosmesmos temas e com muitos resultados exitosos apresentados. Nas últimas páginas da introdução apresento algumas imagensde nossos entrevistados, que certamente são outro grande orgulho dosprojetos. À medida do possível iremos divulgando a própria históriado nosso trabalho nos próximos livros e momentos.
    • 38
    • 39
    • 40
    • 41
    • 42
    • 43
    • 44
    • 45
    • 46 FOTOS MOVIMENTO PUNK VIVO EM RECIFE 1 NOS IDOS DE 20121 Reproduzido de arquivos particulares.
    • 47
    • 48
    • 49
    • 50 FOTOS DA CASA DO ESTUDANTE DE PERNAMBUCO, RECIFE- PE, 07 DE FEVEREIRO DE 2 20122 Reproduzido de arquivos particulares.
    • 51
    • 52
    • 53
    • 54
    • 55
    • 56
    • 57
    • 58
    • 59
    • 60
    • 61
    • 62
    • 63
    • 64
    • 65
    • 66
    • 67
    • 68
    • 69
    • 70
    • 71
    • 72
    • 73
    • 74
    • 75
    • 76 CARTAZ DA CHAMADA PELO DCE DA UFRPE DO ATO DE REMATRÍCULA DO ESTUDANTE ODIJAS CARVALHO, 201233 Reproduzido de arquivos particulares.
    • 77
    • 78ALGUNS DOCUMENTOS DOS PROTESTOSESTUDANTIS CONTRA O AUMENTO DASPASSAGENS DE ONIBUS, RECIFE-PE, 27 DE 4 JANEIRO DE 20124 Reproduzido a partir de arquivos particulares.
    • 79
    • 80
    • 81
    • 82
    • 83 BASTIDORES DODOCUMENTÁRIO SOBRE O MOVIMENTO ESTUDANTIL DA FACULDADE DE DIREITO DA UFPE, 5 JULHO DE 20125 Reproduzido de arquivos particulares.
    • 84
    • 85
    • 86
    • 87
    • 88
    • 89
    • 90
    • 91
    • 92
    • 93
    • 94 DOCUMENTOS DA ELEIÇÃO DO DCE DA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PERNAMBUCO (UNICAP), OUTUBRO 6 20126 Reproduzido de arquivos particulares.
    • 95
    • 96
    • 97
    • 98
    • 99
    • 100
    • 101
    • 102
    • 103
    • 104
    • 105JORNAL DO DCE ODIJAS CARVALHO DA UFRPE, 7JULHO-AGOSTO DE 20127 Reproduzido a partir de arquivos particulares.
    • 106
    • 107
    • 108
    • 109
    • 110 TEATRO DE RUA EM RECIFE DURANTE FESTIVAL DE TEATRO NACIONAL, 29 DE 8 NOVEMBRO DE 20128 Reproduzido de arquivos particulares.
    • 111
    • 112
    • 113
    • 114
    • 115
    • 116
    • 117
    • 118
    • 119
    • 120
    • 121
    • 122
    • 123
    • 124
    • 125
    • 126
    • 127
    • 128
    • 129
    • 130
    • 131
    • 132 ZÉ CELSO FAZENDOATO-ARTE EM PÁTIO DA PUC-SP EM APOIO AOS GREVISTAS, 28 DE 9 NOVEMBRO DE 20129As fotos aqui foram reproduzidas do WWW.folha.com.br no dia desua divulgação
    • 133
    • 134
    • 135
    • 136
    • 137
    • 138 OCUPE TORRES DE RECIFE, 06 DE JANEIRO 10 DE 201310 Reproduzido de arquivos particulares.
    • 139
    • 140
    • 141
    • 142
    • 143
    • 144
    • 145
    • 146
    • 147
    • 148
    • 149
    • 150
    • 151
    • 152
    • 153
    • 154
    • 155
    • 156
    • 157
    • 158
    • 159
    • 160
    • 161
    • 162
    • 163
    • 164
    • 165
    • 166
    • 167
    • 168
    • 169
    • 170
    • 171
    • 172
    • 173
    • 174
    • 175
    • 176
    • 177
    • 178
    • 179
    • 180
    • 181
    • 182
    • 183
    • 184
    • 185
    • 186
    • 187
    • 188
    • 189
    • 190
    • 191
    • 192
    • 193
    • 194
    • 195
    • 196
    • 197
    • 198
    • 199
    • 200
    • 201
    • 202
    • 203
    • 204
    • 205
    • 206
    • 207
    • 2082º PROTESTO CONTRA O AUMENTO DASPASSAGENS DE ÔNIBUS EM RECIFEPE, 07 DE 11 JANEIRO DE 201311 Reproduzido de arquivos particulares.
    • 209
    • 210
    • 211
    • 212
    • 213
    • 214
    • 215
    • 216
    • 217
    • 218
    • 219
    • 220
    • 221
    • 222
    • 223
    • 224
    • 225
    • 226
    • 227
    • 228
    • 229
    • 230
    • 231
    • 232
    • 233
    • 234
    • 235
    • 236
    • 237
    • 238
    • 239
    • 240
    • 241
    • 242
    • 243
    • 244
    • 245
    • 246
    • 247
    • 248
    • 249
    • 250
    • 251
    • 252
    • 253
    • 254
    • 255
    • 256
    • 257
    • 258
    • 259
    • 260
    • 261
    • 262
    • 263
    • 264
    • 265
    • 266
    • 267
    • 268
    • 269
    • 270
    • 271
    • 272
    • 273
    • 274
    • 275
    • 276
    • 277
    • 278
    • 279
    • 280
    • 281
    • 282
    • 283
    • 284
    • 285
    • 286
    • 287
    • 288
    • 289
    • 290
    • 291
    • 292
    • 293
    • 294
    • 295
    • 296
    • 297
    • 298
    • 299
    • 300
    • 301
    • 302
    • 303
    • 304
    • 305
    • 306
    • 307
    • 308
    • 309
    • 310
    • 311
    • 312
    • 313
    • 314
    • 315
    • 316
    • 317
    • 318
    • 319
    • 320
    • 321
    • 322
    • 323
    • 324
    • 325
    • 326
    • 327
    • 328
    • 329
    • 330 VELÓRIO E ENTERRO DO ESTUDANTE DE CIÊNCIAS SOCIAIS RAIMUNDO NETO (SAMAMBAIA) NO CEMITÉRIO DE SANTO AMARO, RECIFE-PE, 08 12 DE JANEIRO DE 201312 Reproduzido de arquivos particulares.
    • 331
    • 332
    • 333
    • 334
    • 335
    • 336
    • 337
    • 338
    • 339
    • 340
    • 341
    • 342
    • 343
    • 344
    • 345
    • 346
    • 347
    • 348
    • 349
    • 350
    • 351
    • 352
    • 353
    • 354
    • 355
    • 356
    • 357
    • 358
    • 359
    • 360
    • 361
    • 362
    • 363
    • 364
    • 365
    • 366
    • 367