Literatura Infantil - Mitologia Grega

16,990 views
16,966 views

Published on

Published in: Education
0 Comments
9 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
16,990
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1,026
Actions
Shares
0
Downloads
160
Comments
0
Likes
9
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Literatura Infantil - Mitologia Grega

  1. 1. Mitos são histórias criadas paraexplicar o porquê de algo até entãoinexplicável; a mitologia grega é umconjunto de contos criados no períodoClássico explicando toda a origem domundo, dos seres, de tudo em geral. KIMMEL,Eric A.
  2. 2. "O que é, o que é: de manhã tem quatro patas, aomeio-dia duas e à noite três?".Na história contada pelos gregos antigos, isso nãoera uma brincadeira de criança: quem matasse acharada salvaria uma cidade. Foi o que fez Édipo,um dos heróis mais famosos de todos os tempos.Talvez o mais triste também, pois havia um grandeenigma em sua própria vida e este ele nãoconseguiu decifrar. Sua história é emocionante,assim como a de todos os personagens da mitologiagrega.(In Contos e lendas da Mitologia Grega)
  3. 3. Pode-se dizer que os gregos da Antiguidade tinhamcerta "queda" pela cultura: no teatro, nas artes esobretudo na religião e nos mitos, a civilização gregafoi mesmo o berço do Ocidente. Entre as muitasinfluências presentes até hoje em nosso cotidiano,estão as histórias da mitologia grega, com seusdeuses conhecidos de todos nós: a temível Medusa,a sábia Atena, o corajoso Perseu. Parte do universodos quadrinhos, desenhos animados e filmes deação, esses super-heróis são tão antigos quantoatuais.
  4. 4. A mitologia grega continua por toda parte.Está na literatura, no cinema, na música, nadança, no teatro, na filosofia, na língua queusamos diariamente. A palavracronômetro, por exemplo, contém o nomedo deus do tempo, Crono, que se tornou osenhor todo-poderoso do universo. Crono éo mais novo dos irmãos Titãs, seis gigantesdotados de uma força descomunal.
  5. 5. Curiosidades:Titanic traduz-separa o portuguêscomo Titânico.Titânico é relativo aos Titãs esignifica gigantesco.Os Titãs são osfilhos da Terra.Terra é Geia ou Gaia em grego e Gigante é os filhos deGaia. Os Gigantes que declararam guerra aos Deuses.Não foi por coincidência que o navio Titanic recebeuesse nome: imaginava-se que nada poderia destruí-lo...
  6. 6. Nova edição de "O Ladrão de Raios" tem capa inspir
  7. 7. Percy Jackson é filho de um deus. Ele está prestes a ser expulso do colégio... de novo. Mas,aos 12 anos, esse é apenas mais um de seus problemas: além do transtorno do déficit deatenção e da dislexia, parece que, ultimamente, criaturas fantásticas e deuses do Olimposaltam dos livros de mitologia diretamente para a realidade. E ao que tudo indica estãoaborrecidos. O raio-mestre de Zeus foi roubado, e é Percy quem deve resgatá-lo. Pararestaurar a paz no Olimpo, ele e seus amigos heróis precisarão fazer mais que capturar overdadeiro ladrão: Percy terá de encarar o pai, resolver o enigma do Oráculo e desvendaruma traição mais ameaçadora que a fúria dos deuses.O autor conjuga lendas da mitologia grega com aventuras no século 21. Nelas, os deuses doOlimpo continuam vivos, ainda se apaixonam por mortais e geram filhos metade deuses,metade humanos, como os heróis da Grécia antiga.Marcados pelo destino, eles dificilmente passam da adolescência. Poucos conseguemdescobrir sua identidade. O garoto-problema Percy Jackson é um deles. Tem experiênciasestranhas em que deuses e monstros mitológicos parecem saltar das páginas dos livros diretopara a sua vida. Pior que isso, algumas dessas criaturas estão bastante irritadas. Um artefatoprecioso foi roubado do Monte Olimpo e Percy é o principal suspeito.Para restaurar a paz, ele e seus amigos --jovens heróis modernos-- terão de fazer mais do quecapturar o verdadeiro ladrão. Precisam elucidar uma traição mais ameaçadora que a fúria dosdeuses.Edição comemorativa que traz nova capa com imagem do filme "O Ladrão de Raios".
  8. 8. "O Mar de Monstros" é o segundo volume da série Percy Jackson e os Olimpianos, best-seller do The New York Times. Nessa nova aventura, Percy e seus amigos estão em busca do Velocino de Ouro, único artefato mágico capaz de proteger da destruição seu lugar predileto e, até então, o mais seguro do mundo: o Acampamento Meio-Sangue. Com o envenenamento da árvore de Thalia por um inimigo misterioso, as fronteiras mágicas que protegem o Acampamento estão ameaçadas, e é preciso buscar o antídoto. Assim, nossos heróis partem em uma arriscada e incrível viagem pelo Mar de Monstros, localizado nas"O humor, os coordenadas 30-31-75-12: uma referência ao Triângulocombates com das Bermudas. Lá, enfrentam seres fantásticos e muitosespadas e o perigos e situações inusitadas, que põem à prova seuritmo heroísmo e sua herança - quando Percy irá questionar seassombroso ser filho de Poseidon é uma honra ou uma terrívelvão manter a maldição. Combinando fatos contemporâneos comgarotada mitologia, fantasia com erudição, O Mar de Monstrosvidrada." diverte, encanta e ensina pais e filhos.Publishers Weekly
  9. 9. No terceiro livro da série "Percy Jackson e osOlimpianos", um chamado do amigo Groverdeixa Percy a postos para mais uma missão:dois novos meio-sangues foram encontrados, esua ascendência ainda é desconhecida.Como sempre, Percy sabe que precisará contarcom o poder de seus aliados heróis, com sualeal espada Contracorrente... e com umacaroninha da mãe.O que eles ainda não sabem é que os jovensdescobertos não são os únicos em perigo:Cronos, o Senhor dos Titãs, arquitetou um deseus planos mais traiçoeiros, e os meio-sanguesestarão frente a frente com o maior desafio desuas vidas: a maldição do Titã.
  10. 10. O Monte Olimpo está em perigo. Cronos, o perverso titã que foi destronado e feito em pedaços pelos doze deuses olimpianos, prepara um retorno triunfal. O primeiro passo de suas tropas será atacar e destruir o campo de treinamento dos heróis, filhos de deuses com mortais, que desde a Grécia Antiga combatem na linha de frente em defesa dos olimpianos. Para assegurar que esse refúgio de semideuses - o Acampamento Meio-Sangue - não seja invadido, Percy Jackson e um jovem ciclope, ambos filhosCom mais de 150 de Poseidon, Annabeth Chase, filha de Atena, e Grover, ummil exemplares sátiro, são destacados para uma importante missão: detervendidos em todo as forças de Cronos antes que se aproximem doo país e prestes aestrear nos acampamento. Para isso, será preciso sobreviver aocinemas, a série emaranhado de corredores do temido Labirinto de Dédalo -Percy Jackson e um interminável universo subterrâneo que, a cada curva,os Olimpianos revela as mais aterrorizantes surpresas.chega agora a seuaguardado quartovolume: "ABatalha doLabirinto".
  11. 11. Os meios-sangues passaram o ano inteiro preparando-se para a batalha contra os titãs, e sabem que as chances de vitória são pequenas. O exército de Cronos está mais poderoso que nunca, e cada novo deus ou semideus que se une à causa confere mais força ao vingativo Senhor do Tempo. Enquanto os olimpianos se ocupam de conter a fúria do monstro Tifão, Cronos avança emPercy Jackson é o filho de direção à cidade de Nova York, onde o MontePoseidon e um semideus. Olimpo está precariamente vigiado.Mas ele é um adolescente Agora, apenas Percy Jackson e seu exército dequase normal que enfrentaas dificuldades de ser filho de heróis podem detê-lo. Nesse quinto livro da série,um deus grego nos dias de o combate que pode acarretar o fim da civilizaçãohoje. A série que conta suas ocidental ganha as ruas de Manhattan, e Percy temaventuras, a terrível sensação de que sua luta, na verdade, é"Percy Jackson e os Olimpianos", é best-seller mundial e deu contra o próprio destino. Revelada a sinistraorigem ao filme profecia acerca do décimo sexto aniversário do"Percy Jackson e o Ladrão de Raios" ele enfim encontra seu verdadeiro caminho. herói,, baseado no primeiro livro.
  12. 12. Rick Riordan, o autor da série "PercyJackson e os Olimpianos", assinaagora o guia para todos os fãs: "OsArquivos do Semideus".Além de três histórias inéditas comPercy e seus companheiros, o livrotraz jogos, perfis ilustrados,entrevistas com os principaispersonagens da saga, o mapa oficialdo Acampamento Meio-Sangue edicas de como se preparar para umatemporada de treinamento -incluindo uma espiada exclusiva noque Annabeth Chase leva em suamala.
  13. 13. O mito é antigo, mas oautor, professor titular daUSP, transpôs a históriapara a atualidade, pararefletir, em linguagemsatírica e iconoclasta,sobre as terríveisdesgraças que se abatemconstantemente sobre aHumanidade, desde que omundo é mundo.
  14. 14. Cassandra avisou - Tróia vai serdestruída!. E diz a lenda que osgregos arrasaram completamenteessa cidade misteriosa. Mas a históriapoderia ser diferente. Poderiamesmo? Sim, bastava que o reiPríamo tivesse acreditado em suafilha Cassandra. Mas, por que ele nãoacreditou? Por que ele não viu o quepara Cassandra era tão claro?Porque houve intervenção divina.Leia essa história para entendercomo os deuses gregos armavamterríveis vinganças para os humanosque se recusavam a satisfazer osdesejos divinos.
  15. 15. Neste livro o autor cita asexplicações para o amor.
  16. 16. O mito de Orfeu é uma história poética.Tanto que a autora, através de um diálogode jovens, relaciona o dramático amor daspersonagens com a poesia de FernandoPessoa. Em Orfeu e Eurídice - canto epoesia encarnados, a autora mostra,através de uma disputa entre jovens,como o conhecimento desse mito é útilpara se compreender a importância e aforça da poesia, para poetas doModernismo português (movimento doOrpheu) como Fernando Pessoa, AlmadaNegreiros e Mário de Sá-Carneiro.
  17. 17. Pensando nos novos leitores,Heloisa Prieto, formada em letras emestra em semiótica, somou oprazer de contar histórias com acuriosidade característica dainfância. O resultado é o livro"Divinas Aventuras: Histórias da Mit.O volume mostra a atualidade dosmitos gregos, presentes nos filmes,nos desenhos e disfarçados nosheróis das histórias em quadrinhos.A autora introduz os pequenos emum mundo de guerreiros valorosos,monstros terríveis e deusesvaidosos, e ainda ensina a respeitaras diferenças culturais.
  18. 18. A temível Medusa era inicialmente uma belíssima jovemapaixonada por Posêidon. Enfeitiçada por Atena, transforma-se em monstro. O fruto de seu amor impossível, entretanto,será Pégaso, o cavalo alado da luz, protetor de corajososguerreiros como Perseu.Mostrando a atualidade da mitologia grega e sua presençacamuflada no universo dos quadrinhos, desenhos animadose filmes de ação, a autora convida seus leitores para umencontro surpreendente com Apolo, Atena, Hermes,Posêidon, Zeus e outros deuses.Cada um narra suas peripécias, mas, como a convivênciaentre eles nem sempre é pacífica, as versões para cadahistória se contradizem.
  19. 19. Atendendo a pedidos de inúmeros leitores eprofessores ela apresenta mais oito:Taurus, Ariadne, Ícaro, Dafne, Asclépio,Prometeu, Cassandra e Sísifo. Mas não setrata apenas de uma sequência. No casodeste segundo volume, a autora optou pornarrar os mitos mais trágicos. E, enquantoem Divinas aventuras os próprios deusescontam suas peripécias, desta vez éCronos, o deus do tempo, o grandenarrador. Ao final, um glossário apresentasucintamente a vida dos principaispersonagens do livro.
  20. 20. Todas as grandes histórias da mitologiagrega estão reunidas neste livro, que, aexemplo dos outros volumes da ColeçãoContos e Lendas, também traz umapêndice para auxiliar nacontextualização histórica das narrativasapresentadas.
  21. 21. Como é que os antigos gregospassavam seus dias? Comocultivavam azeitonas econstruíam cidades? Comoestabeleceram a democracia?Por que tinham tanto orgulhode sua civilização? De queforma ficamos sabendo arespeito de seu modo devida? Esse livro resgata asdiversas manifestações docotidiano humano na GréciaAntiga.
  22. 22. Meu nome é Eric A Kimmel e nasci em 1946. Sou americano,judeu e escritor de livros infanto-juvenis, sendo que já tenho maisde 50 obras publicadas. Falarei de uma de minhas obras quemais fico lisonjeado até hoje por críticas positivas, por se tratarde um assunto que foi o início de toda a literatura, principalmentena Europa: os mitos gregos.E essa obra de minha autoria reúne treze mitos recontados pormim e ilustrados por Pep Montserrat, que trabalhou juntamentecomigo. Na versão em português a obra foi traduzida por MonicaStahel.Resolvi escrever uma obra sobre mitos gregos por três motivos.Em primeiro lugar, pela beleza das histórias que foram passadashereditariamente e sempre possuem heróis lutando para o bem.Em segundo, os mitos estão presentes em toda nossalinguagem, como por exemplo o termo "narcisismo" que seorigina do mito de Narciso, que está contado em minha obra. Emterceiro lugar, os mitos são estímulos para a imaginação humana,fortalecendo nossas ideias e conectando a fatos do nossocotidiano.
  23. 23. Neste livro a autora traz aexplicação das estações doano pela imaginação dosantigos gregos.
  24. 24. É a história do grande heróigrego celebrado por Homerona sua Ilíada. Através destahistória, o leitor conhecerá aparticipação de Aquiles naGuerra de Tróia e conheceráo significado da expressão -o calcanhar de Aquiles -empregada ainda hoje.
  25. 25. Terminada a Guerra de Tróia,Ulisses volta com seuscompanheiros para sua cidade,Ítaca, mas teve de passar pormuitas aventuras, atédesembarcar numa ilha habitadapor uma linda feiticeira chamadaCirce, que se apaixonou por ele,e Ulisses não tinha meios defugir dessa paixão.
  26. 26. Prometeu era um titã, criatura gigante eimortal. Quando houve a terrível guerraentre deuses e titãs, fingiu estar ao ladodos deuses, ganhando sua proteção.Alguns anos depois, porém, roubou-lhes ofogo e entregou-o aos homens, pelos quaistinha imenso carinho, pois os haviamodelado, um a um, com barro e lágrimas.Por sua desobediência, foi acorrentado noMonte Cáucaso por 300 anos. Suamaldição era ser torturado, todos os dias,por uma águia que lhe destruía o fígado. Airresistível Pandora e sua caixa foram asarmadilhas enviadas por Zeus a Epimeteu,irmão de Prometeu, para castigar a todos.
  27. 27. Abandonado ao nascer por suamãe, a ninfa Dríope, Pan foi criadopelo pai, o deus mensageiroHermes, no Monte Olimpo. Donode um grande par de chifres,pernas como as de um bode, epêlos grossos e negros por todo ocorpo, Pan causava arrepios atodos, em um primeiro momento.No entanto, tinha um raro eprecioso dom - o de fazer rir.Cantava, dançava e contavahistórias como ninguém... Masuma grande desilusão amorosaviria a encerrar tamanha alegria.
  28. 28. É uma história de paixões edesencontros amorososrecontada pelo publicitárioSérgio Viana. Este livroexplica o que é narcisismo,bem como por que ofenômeno da reflexão do somrecebe o nome de eco.
  29. 29. Filho da ninfa Liríope e do rioCéfiso, Narciso era a mais belacriatura em toda a Grécia. As ninfase as jovens apaixonavam-seperdidamente por ele, mas Narcisotornou-se insensível aos afetos dosdemais e só se importava com ospróprios sentimentos. O destino deNarciso é a maior lição da mitologiasobre os perigos do egoísmoexacerbado para o homem.
  30. 30. Ícaro tinha asas feitas de cerae penas. Dédalo, seu pai, já oadvertira de que se ele voassemuito perto do sol, as asasderreteriam. Mas, Ícaro estavadeterminado a planar tão altoquanto as águias, sem seimportar com o perigo. Essahistória permite ao professorcolocar as crianças emcontato com as históriasclássicas da mitologia grega.
  31. 31. Os soldados gregos lutaramdurante muitos anos para invadirTróia, sem sucesso. Até queOdisseu bolou um plano, que tinhatudo para dar certo - enganar ostroianos dando-lhes de presenteum enorme cavalo de madeira,dentro do qual os soldadosestariam escondidos. Essa históriapermite ao professor colocar ascrianças em contato com ashistórias clássicas da mitologiagrega.
  32. 32. Perseu tinha um dever - para salvarsua mãe, precisava levar a cabeçada monstruosa Medusa para omalvado rei. A tarefa não erasimples, pois qualquer um queolhasse nos olhos da Medusaimediatamente se transformava empedra. Mas com ajuda de um sábio ea intervenção de três feiticeiras,Perseu bolou um ardiloso plano paramatar a Medusa e alcançar seuobjetivo. Essa história permite aoprofessor colocar as crianças emcontato com as histórias clássicas damitologia grega.
  33. 33. Jasão vai em busca doVelocino (lã de carneiro) deOuro para poder recuperar otrono roubado por seumalvado tio. Mas antes, comajuda de Medeia, ele terá deenfrentar um exército deesqueletos malignos e umaterrível serpente.
  34. 34. O rei ordena a Belerofonte,o homem mais corajoso doreino, que mate a quimera,um monstro medonho queanda assustando seu povo.Para isso, Belerofonte vaiprecisar da ajuda dePégaso, o cavalo voador.
  35. 35. O desaparecimento da Tia Nastácia, na festa decasamento de Branca de Neve, é ponto departida para as aventuras da Turma do Sítio porduas diferentes “Grécias”: a Antiga, do tempo dePéricles e a Mitológica, do tempo do Minotauro,o monstro do Labirinto de Creta. Emília,Narizinho, Visconde e todo pessoal do Sítioconhecem lugares históricos como o MonteOlimpo e o Partenon, além de importantespersonalidades gregas, como o escultor Fídias eo pensador Sócrates, que se impressionam comas revelações sobre o futuro, contadas pela“vidente” Dona Benta.O livro, escrito porMonteiro Lobato em 1939, é adaptado agorapara os quadrinhos, que traz informações ecuriosidades sobre a época de glórias da Gréciae a importância do país para a cultura, política efilosofia de todo o mundo. A obra O Minotauro,com roteiro de Stil, está de acordo com a novaortografia da Língua Portuguesa.
  36. 36. Os doze trabalhos de Hércules é um livro infantil em dois volumes, escrito porMonteiro Lobato e publicado em 1944.Após visitar a Grécia Antiga em O Minotauro, e testemunhar a morte daHidra de Lerna, Pedrinho fica obcecado com Hércules e decide retornar comEmília e Visconde para presenciar os outros onze trabalhos do grande heróigrego. Chegando à Neméia, o trio sobe em uma árvore para evitar oLeão de Neméia, e vêem quando Hércules chega e falha nas tentativas de matara fera com flechas e clava, já que o animal é invulnerável. Sabendo como ahistória termina, eles o ajudam, gritando "sufoque-o, senhor Hércules!", o quelhes rende a amizade do herói.Através das viagens que os personagens do sítio empreendem com Hércules,Lobato não conta só os doze trabalhos, como também os principais e mais belostrechos da mitologia grega, em uma linguagem apropriada para crianças e comuma riqueza de detalhes raramente encontrada em outros livros, mesmo paraadultos. Em contraste com a versão da Disney, que suprime os adultérios etrapaças dos deuses, com o absurdo de fazer Hércules filho de Hera, emMonteiro Lobato os deuses são mostrados de forma fiel à mitologia.Dois personagens foram criados para essa obra: Meioameio, "potrinho" decentauro que faz amizade com Pedrinho; e Minervino, mensageiro dePalas Atena, que volta e meia aparece para auxiliar os protagonistas ou discutirmitologia com o Visconde. Na verdade, no final do segundo volume, Emíliapergunta o nome verdadeiro a Minervino, e ele responde: "Belerofonte

×