• Save
2012 02-23 one talk mario alves
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

2012 02-23 one talk mario alves

on

  • 757 views

 

Statistics

Views

Total Views
757
Views on SlideShare
757
Embed Views
0

Actions

Likes
1
Downloads
0
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

2012 02-23 one talk mario alves Presentation Transcript

  • 1. mobilidade sustentável investimento emordenamento restrição transportes do ao públicos território automóvel e não motorizado
  • 2. uma cidadede bairros:desenhourbanoe medidasde acalmiatráfego
  • 3. coesão social,segurança rodoviáriae qualidade ambiental
  • 4. % morte do peão 100 80 60 40 20 10 20 30 40 50 60 70 80 Km/h Impacto
  • 5. zonas 30
  • 6. vias de perímetro (função mais corredor)vias de internas (função mais estadia)
  • 7. hardware
  • 8. 2,75
  • 9. ruas mistas
  • 10. vias de perímetro (função mais corredor)vias de internas (função mais estadia)
  • 11. tipologias de percursos
  • 12. Tipologias de Percursos CicláveisDefinições A) Coexistência Integração B) Faixas de Bicicleta C) Pistas de Bicicleta Segregação
  • 13. C BA
  • 14. Reduzir a quantidade de tráfego:Poderá o tráfego no percursociclável ser diminuído?
  • 15. Reduzir a velocidade de circulação:É possível a implementação de medidas deacalmia de tráfego de forma a tornar ocomportamento dos condutores e velocidadedos automóveis mais segura para os ciclistas?
  • 16. Tratamento de cruzamentos e gestão detráfego:Será necessário redesenhar alguns doscruzamentos ou troços de forma a melhorar aintegração das bicicletas com o resto dotráfego?
  • 17. Redistribuição do Espaço dedicado aoautomóvel:Pode a largura da via ser reduzida de forma acriar mais espaço para a bicicleta?
  • 18. Implementação de Faixas Cicláveis ouPistas Cicláveis:Depois de se ter considerado todas as soluçõesapontadas acima, são necessárias faixas oupistas cicláveis?
  • 19. hierarquia de decisão1. Reduzir a quantidade de tráfego?2. Reduzir a velocidade de circulação?3. Tratamento de cruzamentos e gestão de tráfego?4. Redistribuição do espaço dedicado ao automóvel?5. Faixas Cicláveis ou Pistas Cicláveis?
  • 20. planeamentomonomodal vsmultimodal
  • 21. visão medidas planeamento
  • 22. integração / segregação
  • 23. pistas cicláveis
  • 24. “Uma Pista Ciclável paralela a uma via é extremamente perigosa. Utilizar a bicicleta neste tipo de via é análogo a utilizar o passeio. Quando este tipo de pista é só num dos lados da via, metade dos ciclistas andam contra o sentido do tráfego motorizado, tornando os cruzamentos mais perigosos.”Schimek, Paul, MIT The Dilemmas of Bicycle Planning, 1996
  • 25. “…em países e cidades que estão neste momento acomeçar a construir ciclovias, Pistas Cicláveis Bi-direccionais devem ser evitadas em arruamentosurbanos.”Eero Pasanen, The risks of cycling, Helsinki City PlanningDepartment, 2001, Helsínquia, Finlândia.
  • 26. a utilização do passeio
  • 27. segurança
  • 28. P. L. Jacobsen "Safety in numbers: more walkers and bicyclists, safer walking and bicycling" Inj. Prev., Sep. 01, 2003 9: 205-209.
  • 29. a forma mais eficiente, segurae com benefícios para todos deencorajar o uso da bicicleta é…
  • 30. …diminuir o número e avelocidade dos automóveis….
  • 31. …e encorajar o uso dabicicleta…
  • 32. encorajar o uso da bicicleta = rede de pistas cicláveis a bicicleta é um veículo pensar cidade
  • 33. hardwaresoftwaremindware
  • 34. source: fgm-amor
  • 35. educar, educar, educar…
  • 36. autonomiaédivertida…
  • 37. exemplo…
  • 38. educar, planear e liderar pelo exemplo…