Your SlideShare is downloading. ×
Palestra abrepet
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Palestra abrepet

222
views

Published on


0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
222
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
4
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Edson Freitas PALESTRANTE Líder comunitário Presidente da Cooperativa de Catadores Comunidade Amiga Diretor da Empresa BRASILPET Presidente da ARERJ Associação dos Recicladores do Estado do Rio de Janeiro Presidente da ONG Eccovida Presidente da ABREPET Associação da Cadeia de Sustentabilidade Ambiental do PET
  • 2. SUSTENTABILIDADE X INSUSTENTABILIDADE TRIBUTOS / BUROCRACIAS / EMBALAGENS FORA DOS PADRÕES QUE INVIABILIZAM A SUSTENTABILIDADE DA CADEIA DA RECICLAGEM DO PET
  • 3. Lixo é riqueza Um estudo realizado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) aponta que, caso o Brasil reciclasse todos os resíduos que são encaminhados aos lixões e aterros, o país poderia economizar R$ 8 bilhões/ano. (Projeto:lightrecicla- http://www.youtube.com/watch?feature=player_detailpage&v=F SgaYWG6s_ )
  • 4. Reciclagem MAIS DE 2 MILHÕES DE EMPREGOS SÃO GERADOS ATRAVÉS DA RECICLAGEM 1.000 kg Reciclados poupam 20 a 30 árvores e 3,51MWh de energia 1.000 kg Reciclados poupam 1.200 kg de minérios de ferro e 5,30 MWh de energia 1.000 kg Reciclados poupam 130 litros de petróleo e 5,06 MWh de energia 1.000 kg Reciclados poupam 1.300 kg de areia e 0,64 MWh de energia
  • 5. ABREPET analisa que toda a cadeia de reciclagem de PET deve ser incentivada. A ABREPET acredita que a forma mais simples, rápida e prática de cumprir com os requisitos da PNRS pela cadeia de PETR seria tomar como o “elo final” TODA CADEIA PRODUTIVA DA RECICLAGEM DO PET.
  • 6. Como a cadeia do PETR pode promover a sustentabilidade: A cadeia de PETR (grau alimentício) fecha o ciclo da reciclagem preservando os recursos naturais não renováveis. BOTTLE TO BOTTLE CICLO FECHADO DAS EMBALAGENS DE PET. É a única cadeia SUSTENTÁVEL!
  • 7. Mas somente a Cadeia PETR conseguiria dar conta do volume de garrafas pós consumo? Atualmente a cadeia de PETR possui uma grande déficit devido a grande quantidade de garrafas pós consumo que estão migrando para outros produtos ecologicamente correto “mais não sustentáveis”. Além disso, o principal fator inibidor de crescimento é justamente a falta de garrafas pós consumo.
  • 8. Como reparar uma injustiça? POLUIDOR RECEBE INCENTIVOS E O DESPOLUIDOR?
  • 9. Como o governo poderia ajudar a cadeia de PETR? Hoje, as empresas de reciclagem estão enquadradas como poluidoras, inclusive na forma tributária. Exemplo: Taxa do IBAMA (empresa potencialmente poluidora), quando na verdade nossa atividade é de despoluir com a retiradas de milhares de toneladas de materiais recicláveis do meio ambiente. Incentivar toda a cadeia da reciclagem especialmente a do ciclo fechado do pet “SUSTENTÁVEL” ATRAVÉS DO PROCESSO BOTTLE TO BOTTLLE (garrafa para garrafa grau alimentício) que ajuda na preservação dos recursos naturais não renováveis.
  • 10. Cobrar maior agilidade dos Órgãos Públicos para licenciamentos e homologações, promovendo um processo mais simplificado e menos burocrático. Incentivos fiscais com a continuação de crédito de tributos para toda a cadeia. Trabalhando com a tão sonhada “Sustentabilidade Tributária”.
  • 11. Criar um plano de metas para a utilização obrigatória do PETR pelas empresas poluidoras. O governo poderia colocar metas ao longo dos anos obrigando as empresas poluidoras a utilizar uma % de PETR (crescente ao longo dos anos) na fabricação das garrafas. E, as empresas que descumprirem isso seriam taxadas, seria o “IMPOSTO VERDE”. Tal recurso poderia ser destinado a fomentação da cadeia PETR. EX. PROJETO PET LEGAL : Que multa quem só utiliza matéria prima virgem e incentiva as empresas que utilizam matéria prima reciclada nas suas embalagens.
  • 12. PREFORMA CONSUMIDOR PÓS CONSUMO LIXÃO COOPERADO FLAKE CICLO INFINITO DO PET BOTTLE TO BOTTLE POLÍTICA DE RECICLAGEM SUSTENTÁVEL POUPA RECURSOS NATURAIS IMPOSTOS IMPOSTOS IMPOSTOS IMPOSTOS IMPOSTOS IMPOSTOS A NÃO CONTINUIDADE DO CRÉDITO TRIBUTÁRIO VEM INVIABILIZANDO O CICLO DA SUSTENTABILIDADE.
  • 13. NÃO SUSTENTÁVEIS UTILIZA RECURSOS NATURAIS FLAKE SUSTENTÁVEIS CAMINHO DO CICLO FECHADO DAS EMBALAGENS PET
  • 14. Edson Freitas Presidente abrepet@gmail.com www.abrepet.com.br