• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Gonorreia
 

Gonorreia

on

  • 11,682 views

trabalho sobre gonorreia

trabalho sobre gonorreia

Statistics

Views

Total Views
11,682
Views on SlideShare
11,677
Embed Views
5

Actions

Likes
3
Downloads
337
Comments
3

2 Embeds 5

http://www.slashdocs.com 4
http://www.docshut.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel

13 of 3 previous next Post a comment

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Gonorreia Gonorreia Presentation Transcript

    • A Gonorreia, é uma doençasexualmente transmissível (DST). A doença pode afetar todas aspartes do corpo embora apareça primeironas áreas genitais. A gonorreia pode afectar homens emulheres. Os recém-nascidos podem serinfectados à nascença com possíveis danosoculares.
    • A gonorreia é uma doença sexualmentetransmissível (DST), causada por uma bactéria(Gonococo). A bactéria cresce e multiplica-sefacilmente em áreas quentes e húmidas(sistema reprodutor) como no colo do útero, noútero e nas trompas de falópio na mulher; e nauretra (homens e mulheres). A bactériatambém pode desenvolver-se na faringe, olhose ânus.
    • A gonorreia transmite-se através doacto sexual desprotegido. O Gonococo não ultrapassa a placenta eportanto não é transmitido da mãe parafilho, mas ao nascer por parto normal, acriança pode entrar em contato comsecreções maternas contaminadas e adquiriruma infecção ocular pelo Gonococo.
    • Após a contaminação (5 a 10 dias) os sintomascomeçam a surgir. Sintomas no Homem:→ Ardência ao Urinar ( devido à existência dabactéria na uretra);→ Febre baixa;→Disúria ao Urinar (dificuldades para urinar esensação de dor ao urinar, devido à ardência);→ Dor e Sangramento no Ânus;→ Inflamação na Garganta;→ Corrimento Amarelado;→ Sangue na Urina.
    • Corrimento Amarelado
    • Inflamação do Ânus
    • Sintomas na Mulher:grande parte das mulheresapresentam-se assintomáticas, ou desenvolvem sintomas leves.Esse facto é de grande importância, uma vez que estas mulherespodem desenvolver complicações sérias, e tornam-se fontes detransmissão. Existem sempre exepções, podendo surgir:→ Cervicite (irritação/inflamação no Colo do Útero);→ Corrimento Vaginal;→ Dor e ardência ao urinar;→ Incontinência urinária;→ Dores abdominais e pélvicas;→ Dor e Sangramento no Ânus;→ Inflamação na Garganta;→ Dor e Sangramento no Ânus;→ Dor na relação sexual.
    • Corrimento Vaginal
    • Na maior parte das vezes a gonorreiaé diagnosticada a partir da análise doCorrimento ou de outras secreções. Algumas vezes quando a gonorreia jáse alastrou pelo corpo, é possíveldiagnosticar a doença a partir da análisedo sangue (pois a gonorreia alastra-se pelocorpo humano através da circulação).
    • A Gonorreia pode causar consequênciasgraves: Consequências no Homem:→ Prostatite ( Inflamação da próstata);→Epididimite (Inflamação dos Testículos eEpidídimo);→ Infertilidade (raro);→ Estreitamento da Uretra. Consequências na Mulher:→ Inflamação mortal da cavidade abdominal;→ Infertilidade;→ Difusão da Infecção (Útero, Trompas de Falópio eOvários).→ Vulva sensível e exposta a novas infecções.
    • Se a gonorreia não for tratada, a bactéria pode disseminar-se através da circulação e afecta a pele, cérebro, olhos, faringe e ossos. Neste caso aEpididimite (homem) bactéria afectou os ossos orginando artrite (inflamação dos ossos).
    • A gonorreiaafectou os olhos. Bactéria Gonococo.
    • Durante a gravidez, o risco encontra-seno aumento das chances de aborto espontâneoe parto prematuro. Se durante o parto (normal) a criançaentrar em contacto com secreções maternascontaminadas, este (criança) pode desenvolveruma doença ocular que pode provocar a cegueira. A doença ocular pode ser tratada(tratamentos, antibióticos).
    • Ampicilina, antibiótico utilizado paratratar a gonorreia.
    • → Abstinência Sexual;→ Diminuição do n.º de parceiros sexuais;→ Utilizar preservativo durante o actosexual;→ Não partilhar toalhas nem objetospessoais íntimos.
    • O tratamento da gonorreia faz-se através daadministração de antibióticos adequados durante umperíodo de tempo que varia com o tipo de infecçãopresente. Hoje é possível tratar a infecção delocalização exclusivamente genital (a maisfrequente) com uma dose única de antibiótico, o quetorna o tratamento fácil e pouco dispendioso. O tratamento é mais rápido no homem (7semanas) do que na mulher (10 semanas).
    • A gonorreia é uma uma doença que afecta os homenscomo as mulheres, através do acto sexual (desprotegido) eatravés do parto (normal e causa danos oculares na criança). Os sintomas surgem alguns dias após o actosexual, estes sintomas são mais visíveis no homem do que namulher (fazendo com que a doença seja descoberta maistarte no caso das mulheres). O diagnóstico é feito através da análise dosCorrimentos (um dos sintomas da gonorreia) ou através daanálise de sangue. A gonorreia provoca consequências (que podem sermortais no caso da mulher, inflamação da cavidadeabdominal), uma das consequências, no caso do homem é ainfertilidade.
    • Durante a gravidez a gonorreia podeprovocar o aborto espontâneo ou parto prematuro.Quando ocorre o parto (normal) a criança podeentrar em contacto com secreçõescontaminada, essas secreções podem provocarcegueira. A melhor forma de prevenir esta infecção éutilizar o preservativo durante o acto sexual. A gonorreia pode ser tratada através daadministração de antibióticos.
    • Webgrafia:http://www.saudenainternet.com.br/portal_saude/dst---o-que-e-gonorreia-.phphttp://tododiasaude.com/gonorreia-dst-saiba-dos-sintomas-em-homem-mulheres-gravidas-e-recem-nascidos/http://www.sitecurupira.com.br/dst/dst_gonorreia.htmhttp://clubedasaude.no.sapo.pt/dst.htmhttp://www.copacabanarunners.net/gonorreia.htmlhttp://www.medipedia.pt/home/home.php?module=artigoEnc&id=664http://pt.wikipedia.org/wiki/Gonorreiahttp://www.medicoassistente.com/varios/gonorreia