Slide ot cinema
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Like this? Share it with your network

Share
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
3,633
On Slideshare
3,267
From Embeds
366
Number of Embeds
3

Actions

Shares
Downloads
115
Comments
0
Likes
2

Embeds 366

http://oficinapedagogicasjbv.blogspot.com.br 228
http://oficinapedagogicasjbv.blogspot.com 123
http://oficinapedagogicasjbv.blogspot.ru 15

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Projeto O Cinema vai à Escola o uso da linguagem cinematográfica na educação
  • 2.
    • .
  • 3.
    • . Atenção !!!!!!
    • Luz...
    • Câmera...
    • Ação !!!!!!
  • 4.
    • .
  • 5. Objetivo Geral
    • Democratizar o acesso dos educandos e educadores do Ensino Médio à produção cinematográfica, por meio de filmes de diferentes categorias/ gêneros e de materiais de apoio à prática pedagógica.
  • 6.
    • Dessa forma, pretende-se contribuir para :
    • A formação crítico-reflexiva de jovens e do jovem-adulto;
    • A ampliação do seu repertório cultural;
    • O desenvolvimento da sua competência leitora;
    • O diálogo entre o currículo escolar e as questões socioculturais mais amplas entre outras possibilidades.
  • 7.
    • Objetivos Específicos
    • Conhecer o cinema e sua linguagem como um elemento construtivo da formação do sujeito no mundo contemporâneo;
  • 8.
    • - Analisar produções cinematográficas estabelecendo o diálogo entre a linguagem cinematográfica, os conhecimentos adquiridos ao longo da escolaridade básica e os demais conhecimentos;
  • 9.
    • - Incorporar novas práticas ao seu repertório cultural, ampliando assim a sua potencialidade no exercício de uma cidadania mais propositiva na vida e no trabalho
  • 10.  
  • 11.  
  • 12. Critérios de seleção dos filmes
    • Princípios norteadores:
    • Produção de diferentes épocas/escolas cinematográficas/países;
    • Diversidade de gêneros;
    • Filmes que não tenham sido exibidos exaustivamente pela televisão
  • 13.
    • Aspectos curriculares e pedagógicos:
    • Temas transversais;
    • Interesse e necessidade do público jovem e jovem adulto;
    • Currículo proposto;
    • Possíveis tratamentos didáticos dos filmes.
  • 14.
    • Aspectos técnicos
    • Duração dos filmes e equipamento das escolas.
  • 15.  
  • 16. Seleção do conjunto de 21 filmes em dvd
    • A definição dos critérios de escolha dos filmes considerou o interesse e as necessidades do público jovem e jovem adulto, tendo em vista o currículo do Ensino Médio e a prática docente.
  • 17.
    • Os dados da consulta, por amostragem, aplicada na rede estadual aos alunos do Ensino Médio, em 2007, revelaram a preferência dos seguintes temas e assuntos de filmes:
  • 18.
    • • ética e cidadania • meio ambiente • sexualidade • educacionais • drogas • violência • históricos • preconceito • conflitos da adolescência • reflexões sobre a realidade • saúde e qualidade de vida
  • 19. PRODUÇÃO DE MATERIAIS DE APOIO DIDÁTICO
    • Caderno de Cinema do Professor
    • Esta publicação trata de alguns referenciais teóricos e de orientações didático-metodológicas para o trabalho com a linguagem cinematográfica na escola, por meio de textos produzidos por especialistas e entrevistas com cineastas e educadores. Além disso, oferece informações técnicas como sinopses e créditos dos filmes, glossário e referências bibliográficas.
  • 20. Vídeo: Luz, Câmera... Educação!
    • Integra o conjunto do primeiro kit, um DVD com vídeo especialmente produzido para o projeto, que aborda a linguagem cinematográfica, seus códigos e artifícios, com o intuito de apurar o olhar reflexivo do aluno espectador.
  • 21.
    • A partir de uma cena original, são desvelados e analisados vários aspectos de uma produção cinematográfica, tais como o uso da câmera, das lentes, da iluminação, a direção de arte, o figurino, o som direto, a trilha, a montagem, a dramaturgia entre outros.
  • 22.
    • Dessa forma, o principal objetivo desse vídeo é favorecer o uso da linguagem cinematográfica na escola, transformando o trabalho pedagógico em oportunidades para que os alunos possam aprender uma das principais linguagens que fazem parte da cultura contemporânea.
  • 23. OS FILMES
  • 24.  
  • 25.
    • A General
    • Ladrões de Bicicleta
    • Fahrenheit
    • Inocência
    • Nas Montanhas dos Gorilas
    • Trem da Vida
    • O Povo Brasileiro
  • 26.
    • 8. Balzac e a Costureirinha Chinesa
    • 9. Sob a Névoa da guerra
    • 10. Em busca da terra do Nunca
    • 11. O Banheiro do Papa
    • 12. Apenas uma vez
    • 13. Bem-Vindo a São Paulo
    • 14. Donkey Xote
    • 15. Mutum
  • 27.
    • 16. O Sonho de Cassandra
    • 17. Um Beijo Roubado
    • 18. A Partida
    • 19. Gran Torino
    • 20. Rebobine, Por Favor
    • 21. Palavra (En)Cantada
  • 28. DADOS DA AVALIAÇÃO DO PRIMEIRO KIT DO PROJETO
  • 29.  
  • 30.  
  • 31.  
  • 32.  
  • 33.  
  • 34.  
  • 35.  
  • 36.  
  • 37.  
  • 38.  
  • 39.  
  • 40.  
  • 41.  
  • 42.  
  • 43.  
  • 44.  
  • 45.  
  • 46.  
  • 47.  
  • 48.  
  • 49.  
  • 50. O TRABALHO COM OS FILMES
  • 51. Palavra (em) cantada
  • 52.
    • Palavra (En)Cantada (Pág. 128)
    • O Filme
    • Palavra (En)Cantada faz uma viagem pela história do cancioneiro brasileiro e a ligação quase umbilical entre as letras e as músicas. Dos poetas provençais ao rap, do carvanal de rua aos poetas do morro, da bossa nova ao tropicalismo, apresenta depoimentos de grandes nomes da nossa cultura, performances musicais e uma surpreendente pesquisa de imagens.
  • 53.
    • Curiosidades
    • A maioria das entrevistas foi realizada na casa dos entrevistados, em atmosfera intimista, com o registro de declamações e canções especialmente para o documentário
    • A partir da ideia sugerida por Lenine, de que os compositores brasileiros são descendentes diretos do trovador, o filme lança o olhar sobre diversos aspectos da formação cultural brasileira.
  • 54.
    • Algumas possibilidades de trabalho com o filme
    • Áreas curriculares: Linguagens e Códigos / Ciências Humanas
    • Sugestão de disciplinas: Língua portuguesa, Arte/Música, História, Sociologia e Filosofia
    • Temas: Pluralidade Cultural – História da MPB, linguagem e sociedade
  • 55.
    • Considerações preliminares
    • Este filme (gênero documentário) traz recortes sobre a canção popular brasileira e procura demonstrar continuidades e rupturas em relação a antigas heranças culturais brasileiras do Brasil (Séc. XX aos dias atuais). Participam grandes nomes da música brasileira (Chico Buarque, Lenine, Maria Bethania e outros).
    • Busca dialogar sobre especificidades da canção brasileira.
  • 56.
    • Atividades
    • Preparando para ouvir
    • Diálogo entre dois filmes
    • Viajando no tempo
    • Os poemas e as pessoas
    • Os caminhos musicais do Brasil
    • Produzir fotos e vídeos a partir de uma canção
    • Um poema que virou canção
    • Reflexões poéticas e filosóficas
    • Semear poemas
    • Instalando poesia
    • Uma noite poética
  • 57.
    • Diálogo entre dois filmes
    • Revendo o filme Língua, Vidas em Português (1º acervo), proponha as seguintes questões para análises comparativas:
    • Quais as diferenças e semelhanças? Como a língua portuguesa é apresentada nesses filmes?
    • Quais são as etapas necessárias para se fazer um documentário? Para essa questão, os textos do Caderno de Cinema do Professor poderão trazer muitos subsídios.
  • 58.
    • Diálogo entre dois filmes
    • Assista ao making of de cada filme para compreender melhor o processo de elaboração de cada um, as matérias-primas utilizadas e as conclusões a que cada diretor chegou.
  • 59. Rebobine, por favor
  • 60.
    • Gênero: Comédia
    • Duração: 120 minutos
    • Lançamento: 2008
    • Classificação etária: livre
  • 61.
    • O filme
    • Jerry Gerber decide sabotar a usina elétrica de sua cidade, já que acredita que ela está derretendo seu cérebro. Para tanto, ele conta com a ajuda de Mike, seu melhor amigo, que trabalha em uma antiga locadora de fitas VHS. A tentativa de invasão dá errado, o que faz com que Jerry leve um grande choque.
  • 62.
    • A partir de então ele fica magnetizado, sem perceber. Ao entrar na locadora onde Mike trabalha, Jerry, sem querer, desmagnetiza todos os filmes disponíveis.Com Elroy Fletcher, dono de locadora, viajando, cabia a Mike cuidar do local. Desesperado, ele decide rodar os filmes por conta própria, juntamente com Jerry.
  • 63.
    • Áreas curriculares : Linguagens e Códigos, Ciências Humanas e Ciências da Natureza
    • Sugestão de Disciplinas : Língua Portuguesa, Inglês, Arte, História,Geografia, Sociologia, Física, Química.
    • Tema : Pluralidade Cultural, Trabalho e Consumo: memória, indústria, direitos autorais.
  • 64.
    • Vejamos o caderno de cinema do professor, volume 4:
    • Página 122 – Orientações Preliminares;
    • Página 123,124,125 e 126 – Atividades;
    • Página 127 – Outras sugestões de atividades;
  • 65.  
  • 66. É no caminhar que se chega ao destino...
    • Nas últimas páginas do caderno de cinema do professor, consta uma lista de outros 100 filmes que consideramos representativos.
    • Cabe lembrar que, na eventualidade de utilização destes filmes nas escolas, aconselha-se verificar sua duração, a classificação etária e sua pertinência quanto aos interesses dos alunos e ao currículo do Ensino Médio.
  • 67.
    • “ E o cinema nada mais do que cachoeira. Deve ter dinamismo, beleza, continuidade eterna”
    • Humberto Mauro
  • 68.  
  • 69.