Pintar as Histórias
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Pintar as Histórias

on

  • 2,467 views

 

Statistics

Views

Total Views
2,467
Views on SlideShare
2,464
Embed Views
3

Actions

Likes
0
Downloads
9
Comments
0

1 Embed 3

http://10inuria.blogspot.com 3

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Pintar as Histórias Pintar as Histórias Presentation Transcript

    • Escola Secundária de Bocage Curso Profissional: Técnico de Apoio à Infância Disciplina: T.P.I.E. Professora: Fátima Campos Trabalho Realizado por: Ana Brito, 10ºI nº2 Andreia Andrade, 10ºI nº4 Nábila Inglês, 10ºI nº14 Núria Cepeda, 10ºI nº15 Soraia Oliveira, 10ºI nº20 Setúbal, 29 de Abril de 2009 Ano Lectivo: 2008/2009 Pintar as Histórias
    • Introdução…………………………………………………………………….3 Pequeno resumo da biografia de Alain Corbel…………………………...4 André Neves………………………………………………………………….5 Carla Antunes………………………………………………………………...6 Fábio Sgroi……………………………………………………………………8 Gonzalo Cárcamo……………………………………………………………9 Rebecca Dautremer………………………………………………………..10 Roger Mello………………………………………………………………....11 José M. Ribeiro……………………………………………………………..12 José de Lemos……………………………………………………………...13 Júlio Vanzeler……………………………………………………………….14 Vídeo (com ilustrações de todos os ilustradores referidos)…………..15 Conclusão…………………………………………………………………..16 Bibliografia………………………………………………………………….17
    • Introdução Com esta apresentação pretendemos dar a conhecer aos nossos colegas alguns dos ilustradores/as portugueses não só como também de outras nacionalidades. Estes conhecimentos vão ser feitos através de um pequeno resumo da biografia de cada um e de imagens das suas obras de arte, ou seja, ilustrações.
    • Alain Corbel Alain nasceu na Bretanha, em 1965 e actualmente habita desde alguns anos em Portugal. Decidiu tornar-se ilustrador quando se a percebeu que era uma prática bastante flexível de acompanhar o viajante nas suas deambulações geográficas, um meio de transporte para viajar pelo país sem limites de imagens e de relatos.
    • André Neves André neves nasceu no Recife e actualmente mora em Porto Alegre. Iniciou os seus estudos de artes plásticas no ano de 1995. É arte-educador e promove palestras e oficinas sobre Literatura Infantil e Juvenil. Os seus livros são: A escola no pé das andorinhas, Dança na praça, Maria Peçonha, O armário do João-de-Barro, O monstro monstruoso da caverna cavernosa, Os deuses e seus enigmas, entre outros.
    • Carla Antunes Nasceu em 1974 na cidade de Lisboa. Tornou-se ilustradora porque não conseguiu ser fada. Tem dois grandes sonhos, conhecer um anjo e poder andar descalça nas nuvens. Os seus livros são: O ratinho Torto; A princesa Esbrenhenxa; Os papagaios do Rei ; entre outros. O seu contacto é: [email_address] .
    • Fábio Sgroi Fábio Sgroi nasceu em 1973, na cidade de São Paulo, Brasil. Começou a trabalhar profissionalmente aos 16 anos de idade. mais tarde, iniciou a carreira de ilustrador, tendo os primeiros trabalhos publicados em livros didácticos. Em 2008 escreveu e ilustrou O Livro do Lobisomem , primeiro título lançado pela editora Letra Ilustrada, cujo foco é a publicação de livros voltados para o público infantil e juvenil. Outros livros são: Salada de letras; Quatro pratos; "Por favor...“, etc. O seu contacto é: [email_address]
    • Gonzalo Cárcamo Gonzalo Cárcamo nasceu em 1954, na cidade do Chile. O ilustrador é também caricaturista e artista plástico, com uma enorme experiência na técnica da aguarela. Realizou algumas exposições de pintura no Brasil, Espanha e na sua terra natal. Como ilustrador, contribuiu em diversos livros para várias editoras no Brasil, sendo estes de Gabriel Garcia Marquez, Machado de Assis, Eça de Queiroz. No ano 2000 lançou o seu primeiro livro como autor: Modelo vivo, natureza morta , pela editora Paulus. Uma história comovente, contada apenas com imagens.
    • Rebecca Dautremer Apoiada em textos de altíssima qualidade literária onde não raro se recupera a temática ausente da actual literatura para a infância, como a perda, o abandono ou a morte. Dautremer abre-nos um mundo cuja densidade, corpo, força e quase obscuridade nos fascinam, provenientes não só dos materiais com que é elaborado o seu trabalho, mas também dos espaços vastos e texturados, povoados por figuras encantatórias, envoltas em tecidos umas vezes dramáticos, compactos e carregados, outras vezes de uma leveza insuspeitada e mesmo com uma delicadeza oriental.
    • Roger Mello nasceu em Brasília, em 20 de novembro de 1965. As suas ilustrações são com cores fortes e quentes preenchem traços carregados de dramaticidade e espírito lúdico. usa traço e palavras para narrar os medos e sonhos que preenchem a noite do menino João. Com texto sensível e desenhos primorosos, Roger borda um mundo repleto de peixes, lagos, conchas, redes de pesca e cantigas de ninar. Roger Mello
    • José M. Ribeiro José Miguel Ribeiro nasceu em 1966 na Amadora. Licenciou-se em Artes Plásticas – Pintura na Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa e começou a trabalhar como ilustrador no em 1990.
    • José de Lemos José de Lemos nasceu no dia 23 de Abril, em 1910 Na cidade de Lisboa. Os seus desenhos são baseados no traço simples, mas pormenorizado e cheio de humor. Recebeu por duas vezes o Prémio Maria Amália Vaz de Carvalho: com O Sábio Que Sabia Tudo e Outras Histórias, em 1944, e Histórias e Bonecos, em 1947. No entanto escreveu também O Compadre Simplório Tem os Pés Tortos e Outras Histórias, (contos), Edições Ática, Lisboa, Histórias de Pessoas e Bichos, (contos), Edições Ática, Lisboa.
    • Júlio fez o curso de Design e Ilustração do CITEM, onde depois deu aulas de ilustração e desenho de figura. Colabora habitualmente com o Teatro e Marionetas do Porto como ilustrador e designer de marionetas. No início, o seu meio de escolha era a aguarela, no entanto mais tarde surge os meios digitais, sendo estes a abrirem-lhe oportunidades. O estilo e traço específicos podem variar, bem como a temática e o público-alvo do produto final, mas raramente surgem dúvidas de que estamos diante de algo a 100% Vanzeler. Júlio Vanzeler
    •  
    • Conclusão Com esta apresentação e com a crítica feita ao artigo “A ilustração é uma Profissão”, concluímos que ser ilustrador é uma profissão muito linda, pois não é qualquer pessoa que faz uma ilustração , uma vez que para tal é preciso ter um dom especial, imaginação, criatividade e um bom sentido de humor. Esta profissão na maior parte das vezes passa-nos ao lado, no entanto a função destes é muito importante numa história ou ate mesmo num pequeno texto.
    • Bibliografia http://html.editorial-caminho.pt/show_autor__q1area_--_3Dcatalogo__--_3D_obj_--_3D31788__q236__q30__q41__q5.htm http://pt.wikipedia.org/wiki/Usuário:André_Neves http://www.carlaantunes.com/ http://etablissements.ac-amiens.fr/0601178e/quadriphonie/spip.php?article1306