• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Bg 12   ciclo celular
 

Bg 12 ciclo celular

on

  • 3,912 views

 

Statistics

Views

Total Views
3,912
Views on SlideShare
2,517
Embed Views
1,395

Actions

Likes
0
Downloads
179
Comments
0

5 Embeds 1,395

http://11biogeogondomar.blogspot.com.br 521
http://11biogeogondomar.blogspot.com 517
http://11biogeogondomar.blogspot.pt 354
http://11biogeogondomar.blogspot.com.ar 2
http://11biogeogondomar.blogspot.fr 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Bg 12   ciclo celular Bg 12 ciclo celular Presentation Transcript

    •  As células de um indivíduo possuem todas o mesmo material genético. Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    •  As células, para além de serem as unidades básicas da vida, asseguram a continuidade dessa mesma vida, na medida em que se dividem e originam novas células. Nuno Correia 10/11
    •  Quando as células se dividem, cada célula origina, em regra, duas células-filhas que são geneticamente iguais à célula-mãe. Nuno Correia 10/11
    •  Crescer  Reconstituir  Reproduzir Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    •  Nos organismos unicelulares, como as bactérias ou as leveduras, cada divisão celular corresponde à reprodução. Nuno Correia 10/11
    •  A informação genética é autoduplicada e as cópias rigorosamente distribuídas por cada uma das células-filha através de um "bailado" sequenciado e rigoroso de moléculas de DNA. Nuno Correia 10/11
    •  Como é que moléculas tão extensas como as de DNA se movimentam durante a divisão celular, sem se quebrarem ou emaranharem? Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    •  Indique o nome da estrutura ao nível da qual se ligam entre si os cromatídios de um cromossoma.  Descreva a constituição básica de um cromatídio.  Sugira uma explicação para a modificação dos cromossomas da forma distendida para a forma condensada, durante a vida de uma célula.  Sob que forma é que lhe parece previsível que o material genético se apresente no momento da divisão celular? Nuno Correia 10/11
    •  Centrómero. Nuno Correia 10/11
    •  DNA e proteínas. Nuno Correia 10/11
    •  Há uma espiralização do DNA - e, graças às proteínas, a molécula - -fica profundamente condensada, reduzindo o seu tamanho. Nuno Correia 10/11
    •  Na forma condensada. Nuno Correia 10/11
    •  O conjunto de transformações que decorrem desde a formação de uma célula até ao momento em que ela própria, por divisão, origina duas células-filhas constitui um processo dinâmico e contínuo a que se chama ciclo celular. Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    • G1 Interfase S Ciclo G2 Celular Mitose Fase Mitótica Citocinese Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    •  Na fase G1 cada cromossoma é constituído por um cromatídio ao passo que na fase G2 cada cromossoma é constituído por dois cromatídios.  Na fase G2 os centríolos encontram-se duplicados" -havendo por isso dois pares-enquanto que na fase G1 só há um par. Nuno Correia 10/11
    •  As células possuem numerosos filamentos cilíndricos, constituídos por uma proteína.  Nas células animais, o centro organizador de microtúbulos é constituído pelo centrossoma, que inclui os centríolos dispostos perpendicularmente. Nuno Correia 10/11
    •  Os centríolos são estruturas cilíndricas constituídas por microtúbulos altamente organizados, possuindo cada centríolo nove conjuntos de três microtúbulos. Nuno Correia 10/11
    • FASE MITÓTICA Nuno Correia 10/11 • MITOSE •CITOCINESE
    •  Conjunto de transformações durante as quais o núcleo das células eucarióticas se divide.  As células reorganizam os seus microtúbulos na forma de um fuso bipolar estando o MTOC nos pólos do fuso.  Embora a mitose seja um processo contínuo, nela distinguem-se, convencionalmente, quatro estádios. Nuno Correia 10/11
    •  A mais longa da mitose;  os cromossomas assumem, um aspecto mais curto e espesso - condensação da cromatina (DNA e proteínas associadas).  Visualizam-se os dois cromatídeos-irmãos  Os centrossomas, já duplicados, começam a migrar para pólos opostos da célula  O nucléolo dissipa-se até desaparecer  A membrana nuclear desorganiza-se. Nuno Correia 10/11
    •  A célula encontra-se sem membrana nuclear  os microtúbulos vão crescendo a partir dos centrossomas, localizados em pólos opostos da célula.  Forma-se assim um fuso acromático que obriga a um posicionamento dos cromossomas no plano equatorial do fuso (placa equatorial ou mitótica). Nuno Correia 10/11
    •  Após a replicação do DNA, os dois cromatídeos-irmãos permanecem ligados, por acção de proteínas (coesinas).  Na metáfase são removidas na quase totalidade.  Na região do centrómero é mantida a coesão até ao início da anáfase, quando uma enzima faz a hidrólise destas proteínas, e estas, ao serem degradadas, libertam os cromatídeos-irmãos. Nuno Correia 10/11
    •  É a etapa mais curta da mitose.  Inclui acontecimentos determinantes no sucesso deste processo.  Assegura uma separação definitiva e rigorosa dos cromatídeos-irmãos. Nuno Correia 10/11
    •  Quando os dois conjuntos de cromossomas atingem os pólos opostos da célula, inicia-se a telófase.  Nesta altura, os cromossomas descondensam-se.  A membrana nuclear reorganiza-se e os nucléolos reaparecem. Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    •  A citocinese, divisão do citoplasma, depende da formação de um anel de contracção (estrutura composta por filamentos de acti-na e miosina, proteínas estruturais) ligado à face citoplasmática da membrana plasmática e a meio da distância entre os dois centrossomas Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11
    • Nuno Correia 10/11