Joao Andre e Bruno, 6ºD
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Joao Andre e Bruno, 6ºD

on

  • 1,716 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,716
Views on SlideShare
1,694
Embed Views
22

Actions

Likes
0
Downloads
2
Comments
0

5 Embeds 22

http://sitiodasciencias.blogspot.com 7
http://sitiodasciencias.blogspot.pt 6
http://www.slideshare.net 4
http://sitiodasciencias.blogspot.com.br 4
http://sitiodasciencias.blogspot.com.es 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Joao Andre e Bruno, 6ºD Joao Andre e Bruno, 6ºD Presentation Transcript

  • SISTEMA RESPIRATÓRIO
  • DINÂMICA DA RESPIRAÇÃO
    A Inspiração
    Quando inspiramos, o diafragma contrai e desce.
    Os músculos intercostais contraem .
    As costelas e o esterno sobem, o que faz com que os pulmões se distendam.
    A caixa torácica aumenta de volume e o ar entra para dentro dos pulmões
  • DINÂMICA DA RESPIRAÇÃO
    A Expiração
    O diafragma relaxa e sobe.
    Os músculos intercostais relaxam.
    As costelas e o esterno descem o que faz com que os pulmões se contraiam.
    A caixa torácica diminui de volume e o ar sai dos pulmões
  • Constituição do Ar
    O ar é uma mistura de vários gases:
    Azoto
    Oxigénio
    Dióxido de carbono
    Vapor de Água
    Outros Gases …
  • Constituição do Ar inspirado
    78% é azoto.
    21% é oxigénio.
    0,04% é dióxido de carbono.
    0,96% é vapor de água.
  • Constituição do Ar expirado
    78% é azoto.
    16% é oxigénio.
    1,6% é vapor de água.
    4,4% é dióxido de carbono.
  • Conclusões sobre a constituição do ar
    Nós expiramos e inspiramos a mesma concentração de azoto, o que significa que não o utilizamos.
    Inspiramos uma maior concentração de oxigénio do que a que expiramos, o que quer dizer, que o oxigénio em falta é utilizado pelo nosso corpo.
    Inspiramos uma menor concentração de dióxido de carbono do que a que expiramos, o que quer dizer, que o nosso corpo o produz, acontecendo o mesmo com o vapor de água.
  • Cuidados a ter com os pulmões
    Para não termos problemas pulmonares, devemos:
    Prevenir constipações
    Praticar exercícios respiratórios(ex: natação)
    Evitar ambientes poluídos.
    Não fumar
    Inspirar pelo nariz e não pela boca.
    Arejar habitações.
  • Questões
    O azoto é utilizado pelo nosso corpo?
    O que acontece ao diafragma quando expiramos?
    O que acontece ao esterno quando inspiramos?
    Dá dois exemplos de gases que constituam o ar?
  • Trabalho realizado por:
    João André e Bruno, 6ºD
    Escola EB 2,3 Gil Vicente