Your SlideShare is downloading. ×
áSia
áSia
áSia
áSia
áSia
áSia
áSia
áSia
áSia
áSia
áSia
áSia
áSia
áSia
áSia
áSia
áSia
áSia
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

áSia

5,070

Published on

Published in: Education
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
5,070
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
55
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. ÁSIA
  • 2. Mapa político da Ásia.
  • 3. GEOGRAFIA FÍSICA DA ÁSIA
    LOCALIZAÇÃO
    A Ásia está localizada a oeste do meridiano de Greenwich, ou seja, no oriente, o continente está situado no hemisfério norte.
    ÁREA
    De todos os continentes existentes a Ásia se estabelece como o maior, sua área é de 44 milhões de quilômetros quadrados.
  • 4. LIMITES DE FRONTEIRAS DA ÁSIA
    Os limites de fronteira que existem no continente asiático são: ao norte Oceano Glacial Ártico, ao sul Oceano Índico, a leste Oceano Pacífico, a oeste Mar Vermelho, que o separa do continente africano, o Mar Mediterrâneo e os Montes Urais que o separa da Europa.
  • 5. POPULAÇÃO DA ÁSIA
    Além de ser o maior continente do mundo, abriga cinco dos dez países mais populosos do planeta, são eles:
    - China (1,3 bilhões habitantes), - Índia (1,1 bilhão), - Indonésia (234 milhões), - Paquistão (169 milhões), - Bangladesh (150 milhões), - Japão (127 milhões).
    O produto da soma de todos os paÍses citados representa, aproximadamente, 60% do total da população do planeta.
  • 6. REGIONALIZAÇÃO DA ÁSIA
    Devido a sua extensão territorial, o continente abrange diversas características naturais, econômicas e culturais.
    Para facilitar as análises de todos os temas foi feita a regionalização do continente, a partir desse processo o continente asiático ficou dividido em Ásia boreal (onde se encontra a parte asiática da Rússia), Ásia Central (Onde está o Casaquistão, o Usbequistão, o Turcomenistão, o Quirquistão e o Tajiquistão), Oriente Médio (abriga, em grande maioria, países árabes e mulçumanos), Ásia austral (abrange a Índia e o sudeste asiático) e Extremo Oriente (composto por China, Mongólia, Taiwan, Coréia do Norte, Coréia do Sul e Japão).
  • 7. OCUPAÇÃO DA ÁSIA
    O processo de ocupação e exploração do continente asiático por parte das potências européias ocorreu no século XIX.
    No entanto, esse processo não aconteceu de maneira igual dentro da Ásia, variou de uma região para outra.
    Até o século XIX os asiáticos quase não mantinham contato com os povos europeus, salvo os viajantes comerciantes.
  • 8. EXPLORAÇÃO DOS RECURSOS NATURAIS DA ÁSIA
    A distinção em relação ao processo de exploração no interior do continente se dava diante da ocupação do Sudeste Asiático e do Oriente Médio.
    A inserção de uma nova cultura a partir da colonização européia gerou reflexos diretos no modo de vida de muitas civilizações.
  • 9. ÁSIA - AGRICULTURA
    O cultivo tradicional do arroz despertou nos europeus um grande interesse nas terras do Sudeste Asiático, no qual se desenvolvia o plantio dessa cultura há muitos séculos. Diante do interesse dos europeus nessa região da Ásia, houve muitos conflitos para determinar a posse da mesma para exploração. Com condições climáticas (quente e chuvoso) viáveis ao plantio de culturas tropicais, os europeus implantaram as plantations (monocultura de exportação). Em territórios dominados por franceses era produzido o arroz. Em domínios ingleses a extração era da seringueira e, em regiões controladas por holandeses, era desenvolvido o cultivo da cana-de-açúcar.
  • 10. ÁSIA – PROCESSOS HISTÓRICOS
    COLONIZAÇÃO
    Durante o processo de colonização da Ásia os europeus enfrentaram resistência por parte de algumas nações, dentre elas a indiana e a chinesa. Ambas possuíam uma estrutura social bastante organizada, além de um numeroso exército.
    CULTURA E RELIGIÃO
    A fidelidade aos princípios religiosos e a conduta moral das civilizações citadas, incrementou ainda mais a resistência à inserção de outra cultura.
  • 11. ÁSIA – CONFLITOS
    Apesar dos esforços dessas civilizações em proteger sua identidade e suas riquezas, as mesmas foram derrotadas pelos europeus.
    Isso é explicado pelo fato das nações européias serem experientes em combates e por possuir um exército bem treinado.
    Assim, as nações européias dominaram tais territórios e os exploraram. Após esses fatos o continente foi descolonizado após a Segunda Guerra Mundial.
  • 12. Nem mesmo a Muralha da China evitou que seu país fosse invadido e explorado pelos europeus.
  • 13. ÁSIA – INDEPENDÊNCIA
    Para estruturar as colônias européias no mundo foram necessários mais de quatro séculos, contando a partir do período das feitorias até a segunda metade do século XX. A independência do continente asiático se deu por duas causas: o enfraquecimento das nações europeias após a Segunda Guerra Mundial e a eclosão de movimentos de luta pela independência.
  • 14. O processo de descolonização asiático contou com o apoio norte-americano e soviético. Isso é explicado pelo fato de que naquele momento desenrolava-se a Guerra Fria.
    Desse modo, ambos desejavam expandir suas áreas de influência do capitalismo e do socialismo, respectivamente, isso nos países que iriam emergir com a independência.
  • 15. A descolonização asiática sucedeu quase que simultaneamente com a Segunda Guerra Mundial. Muitas colônias se tornaram independentes entre 1945 e 1950, das quais podemos citar: Índia, Paquistão, SriLanka, Filipinas, Indonésia, Vietnã, Laos.
    A China promoveu a revolução socialista, em conseqüência disso pôs fim na dominação inglesa, alemã e japonesa em seu território. Em 1945, a Coréia deixou de se submeter aos domínios japoneses.
    Essa ex-colônia japonesa se dividiu em 1948, formando dois países: Coréia do Norte e Coréia do Sul.
  • 16. O Camboja tornou-se independente da França em 1953. A Malásia e Cingapura conseguiram se libertar da colonização inglesa entre os anos de 1957 e 1965. As colônias onde hoje se encontra o Oriente Médio se submeteram aos domínios europeus por muito tempo. Países como Líbano e Síria tiveram suas independências oficializadas em 1943 e 1946, respectivamente.
  • 17. O restante dos países que integram o Oriente Médio obteve a independência somente após a Segunda Guerra Mundial. Com exceção do Irã, que teoricamente nunca foi colônia de nenhuma metrópole européia. Em razão de muitos anos de intensa exploração por parte das metrópoles européias, as colônias se tornaram independentes, no entanto herdaram muitos problemas de caráter socioeconômico, os quais são percebidos até os dias atuais.

×