Your SlideShare is downloading. ×
Projeto de Pesquisa: "Metadesign - Pesquisa empírica sobre a infra-estrutura social e técnica em projetos de Open Design"
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Introducing the official SlideShare app

Stunning, full-screen experience for iPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Projeto de Pesquisa: "Metadesign - Pesquisa empírica sobre a infra-estrutura social e técnica em projetos de Open Design"

2,938
views

Published on

A pesquisa sugerida neste projeto busca responder a seguinte questão: Como é a infra-estrutura social e técnica que dá suporte à colaboração em projetos de Open Design? …

A pesquisa sugerida neste projeto busca responder a seguinte questão: Como é a infra-estrutura social e técnica que dá suporte à colaboração em projetos de Open Design?

A questão surge da evolução natural de uma pesquisa anterior a respeito do Design de plataformas de colaboração para criação de conteúdo.

No percurso da investigação serão estudadas plataformas de colaboração utilizadas em projetos de Software Open Source, campo original deste modelo de produção distribuída. Isto estabelece a multidisciplinaridade da pesquisa, pelo envolvimento entre as áreas de Software e Design no âmbito das redes de colaboração.

A pesquisa tem como objetivo maior a identificação de padrões no Design de platafor-mas de colaboração utilizadas para a produção de artefatos tangíveis. Mas passará por um estudo para melhor definição dos conceitos de Metadesign, Open Design e Open Innovation, e tem como objetivo complementar propor um modelo de software que dê suporte a atividade de Open Design.

A pesquisa se fundamenta nas teorias de P2P de Bauwens (2006), na produção social de Benkler (2006), nos estudos sobre Open Design desenvolvidos no Institute for Technology and Innovation Management da Universidade de Tecnologia de Hamburgo (TIM-TUHH), liderado por Cornelius Herstatt , e nas pesquisas sobre Metadesign do Center for LifeLong Learning and Design da Universidade do Colorado (L³D), dirigido por Gerhard Fischer.

Propomos uma pesquisa empírica, a ser realizada através de estudos de casos de Soft-ware Open Source e Open Design. Analisando as evidências encontradas de acordo com as propostas de metodologia apresentadas pelo quadro teórico.

Como resultado esperamos contribuir para a pesquisa do Metadesign pelo estudo de novos casos, preferencialmente locais, em relação às principais teorias desse campo de es-tudo de forma complementar a estudos já conhecidos.
Procuramos também exercitar a colaboração entre as áreas de Software e Design, para contribuir com a expansão do modelo Open Source para as mais diversas áreas de atuação do homem, sobretudo o Design de Produtos.

Published in: Design, Technology, Business

1 Comment
4 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
2,938
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
80
Comments
1
Likes
4
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. PROJETO DE PESQUISA DE MESTRADO PROGRAMA DE ESTUDOS PÓS-GRADUADOS EM TECNOLOGIAS DA INTELIGÊNCIA E DESIGN DIGITAL - PUC SP LINHA DE PESQUISA: INTELIGÊNCIA COLETIVA E AMBIENTES INTERATIVOS ORIENTADOR: PROF. DR. ÍTALO SANTIAGO VEGA MESTRANDO: NIVALDO AUREO NASCIMENTO DA SILVA São Paulo, 11 de Junho de 2010.
  • 2. SUMÁRIO Sumário.......................................................................................................................2 1 Resumo....................................................................................................................4 2 Projeto de Pesquisa................................................................................................6 2.1 Linha de Pesquisa..................................................................................................6 2.2 Título.......................................................................................................................6 2.3 Introdução..............................................................................................................6 2.4 Questão da pesquisa.............................................................................................7 2.5 Estado da arte........................................................................................................7 2.6 Justificativa.............................................................................................................9 2.7 Objetivos.................................................................................................................9 2.8 Hipóteses..............................................................................................................10 2.9 Fundamentação teórica.......................................................................................10 2.10 Metodologia........................................................................................................10 2.10.1 Estudo de caso exploratório.....................................................................................................10 2.10.2 Estudos de caso descritivos:....................................................................................................11 2.11 Cronograma........................................................................................................11 2.12 Bibliografia..........................................................................................................12 2.12.1 Inicial........................................................................................................................................12 2.12.2 A ser consultada durante o desenvolvimento...........................................................................13
  • 3. 1 RESUMO Metadesign: Pesquisa empírica sobre a infra-estrutura social e técnica em projetos de Open Design. A pesquisa sugerida neste projeto busca responder a seguinte questão: Como é a infraestrutura social e técnica que dá suporte à colaboração em projetos de Open Design? A questão surge da evolução natural de uma pesquisa anterior a respeito do Design de plataformas de colaboração para criação de conteúdo. No percurso da investigação serão estudadas plataformas de colaboração utilizadas em projetos de Software Open Source, campo original deste modelo de produção distribuída. Isto estabelece a multidisciplinaridade da pesquisa, pelo envolvimento entre as áreas de Software e Design no âmbito das redes de colaboração. A pesquisa tem como objetivo maior a identificação de padrões no Design de plataformas de colaboração utilizadas para a produção de artefatos tangíveis. Mas passará por um estudo para melhor definição dos conceitos de Metadesign, Open Design e Open Innovation, e tem como objetivo complementar propor um modelo de software que dê suporte a atividade de Open Design. A pesquisa se fundamenta nas teorias de P2P de Bauwens (2006), na produção social de Benkler (2006), nos estudos sobre Open Design desenvolvidos no Institute for Technology and Innovation Management da Universidade de Tecnologia de Hamburgo (TIM-TUHH), |4
  • 4. liderado por Cornelius Herstatt , e nas pesquisas sobre Metadesign do Center for LifeLong Learning and Design da Universidade do Colorado (L³D), dirigido por Gerhard Fischer. Propomos uma pesquisa empírica, a ser realizada através de estudos de casos de Software Open Source e Open Design. Analisando as evidências encontradas de acordo com as propostas de metodologia apresentadas pelo quadro teórico. Como resultado esperamos contribuir para a pesquisa do Metadesign pelo estudo de novos casos, preferencialmente locais, em relação às principais teorias desse campo de estudo de forma complementar a estudos já conhecidos. Procuramos também exercitar a colaboração entre as áreas de Software e Design, para contribuir com a expansão do modelo Open Source para as mais diversas áreas de atuação do homem, sobretudo o Design de Produtos. Palavras chave: Metadesign, Open Design, Open Innovation, Open Source Software, produção social, inteligência coletiva. |5
  • 5. 2 PROJETO DE PESQUISA 2.1 Linha de Pesquisa Inteligência Coletiva e Ambientes Interativos 2.2 Título Metadesign: Pesquisa empírica sobre a infra-estrutura social e técnica em projetos de Open Design. 2.3 Introdução Ao fim de meu curso de graduação em Design, realizei como Trabalho de Conclusão de Curso uma pesquisa sobre o tema “Design de Mídias Sociais – o papel do design na criação de ferramentas de Inteligência Coletiva”1. O resultado foi a apresentação de técnicas de Design para construção de infra-estruturas de suporte a criação coletiva de conteúdo, considerando os princípios da Inteligência Coletiva. Este projeto dá continuidade à pesquisa sobre a questão do design de infra-estruturas de colaboração, mas agora com foco no design de estruturas para o Design de artefatos tangíveis e não mais simplesmente conteúdo. Este processo de Design do Design é o domínio do Metadesign (GIACCARDI 2005). 1 Disponível em <http://socialmedia.wiki.br> |6
  • 6. O Metadesign está diretamente ligado a novos modelos de produção descentralizada, inaugurados pelas comunidades de desenvolvimento de Software Open Source, e que hoje chega ao mundo dos artefatos tangíveis. Esses modelos pós-industriais de divisão do trabalho parecem permitir formas mais produtivas de colaboração, tirando a participação do usuário final de uma posição marginal, e trazendo-a para o centro do processo, como estratégia para construção de sistemas complexos. Esta pesquisa propõe uma colaboração multidisciplinar entre as disciplinas de Software e Design para investigar como as dinâmicas sociais e configurações técnicas das plataformas de colaboração típicas de projetos de Software Open Source, permitem o desenvolvimento de projetos de Open Design. 2.4 Questão da pesquisa Como é a infra-estrutura social e técnica que dá suporte à colaboração em projetos de Open Design? 2.5 Estado da arte É farta a pesquisa sobre a nova configuração sócio-econômica trazida pela colaboração e organização em rede de nossas sociedades. Entre tantas referências destacamos no contexto deste projeto: Pierre Levy (2000) propõe o cenário da Inteligência Coletiva como objetivo do processo de evolução humano iniciado com as novas tecnologias de comunicação e informação. Yochai Benkler (2006) apresenta uma visão esclarecedora sobre como já superamos a era da informação, entrando em uma era da informação em rede, onde a produção de informação, conhecimento e cultura escapa do domínio da elite industrial. |7
  • 7. Michel Bauwens (2006), em sua Teoria do P2P, desenvolveu um framework conceitual que busca explicar os novos processos sociais dessa “nova e transformadora dinâmica humana”. Nos domínios específicos deste projeto, Metadesign e Open Design foram encontrados alguns focos de pesquisa: No Center for LifeLong Learning and Design da Universidade do Colorado (L³D), o diretor Gerhard Fischer e seus colaboradores possuem uma série de artigos publicados onde desenvolvem o conceito de Metadesign e cultura da participação (FISCHER 2004). Massimo Menichinelli, jovem pesquisador italiano, também desenvolve pesquisa sobre Metadesign, e possui uma interessante proposta de método de desenvolvimento de atividades colaborativas chamado Open P2P Design. (MENICHINELLI 2010) O Institute for Technology and Innovation Management da Universidade de Tecnologia de Hamburgo (TIM-TUHH), liderado por Cornelius Herstatt desenvolve uma pesquisa muito consistente sobre Open Design, tendo diversas publicações explorando diferentes aspectos do tema por diferentes estratégias de investigação. (BALKA, RAASCH e HERSTATT 2009) O conceito de Open Innovation, análogo aos anteriores, é o foco das pesquisas de Eric Von Hippel e Thomas W. Malone, da MIT Sloan School of Management, e Henry Chesbrough, da Haas School of Business de Berkeley, Universidade da California. No Brasil, Caio Adorno Vassão é o mais relevante pesquisador em Metadesign encontrado. Na área de Software Open Source contamos com as autoridades no assunto Richard Stalmann e Eric Raymond, e também com Ko Kuwabara, que pesquisa a estratégia do Open Source como forma de lidar com a complexidade de nossos dias (KUWABARA 2000), e Eric Scharff, que propõe um framework conceitual para o desenvolvimento de Software Open Source (SCHARFF 2002). |8
  • 8. 2.6 Justificativa A pesquisa proposta aqui se encaixa em uma área recente e promissora, que envolve diretamente o campo do Metadesign e indiretamente os campos do Open Design e Open Innovation, todos com poucas pesquisas publicadas apesar da boa produtividade dos poucos grupos dedicados a ela.2 As áreas são ainda mais carentes se consideramos as pesquisas produzidas no Brasil. Este projeto de pesquisa se propõe a colaborar com o estudo do Metadesign através de a) uma investigação multidisciplinar que envolve os domínios do Design e do Software, no âmbito das redes de colaboração, b) estudo de casos locais de Open Design e c) estabelecimento inter-relações e comparações entre as principais linhas de pesquisa da área de Metadesign. 2.7 Objetivos Objetivo Imediato: •Conhecer mais profundamente as pesquisas atuais nas áreas do Metadesign e Open Design, construindo um background conceitual que dê suporte à pesquisa. Objetivo Final: •Identificar padrões no projeto de plataformas de Open Design. •Analisar como as plataformas estudadas dão suporte aos conceitos apontados pelo quadro teórico. Objetivo Complementar: •A partir dos resultados da pesquisa e análise, propor um modelo de software, que dê suporte a atividade de Open Design. 2 Como apontado por Balka, Raasch e Herstatt (2009), apesar de academia e mercado apontarem para um uso mais abrangente do modelo Open source, ainda há pouco estudo sobre produtos diferentes de software. |9
  • 9. 2.8 Hipóteses Investigaremos a hipótese de que as plataformas de projetos de Open Design seguem o modelo o SER proposto por G. Fischer (2004). Como hipótese secundária investigaremos a adequação ao modelo Open P2P Design de Menichinelli (2010). 2.9 Fundamentação teórica A partir de estudos prévios e do levantamento realizado para composição deste projeto, é possível esboçar um quadro teórico a ser tomado como referência, incluído os seguintes autores e pesquisadores (em ordem alfabética): Cornelius Herstatt, Elisa Giaaccardi, Eric Scharff, Eric Steven Raymond, Eric Von Hippel, Gerhard Fischer, Henry Chesbrough, Lawrence Lessig, Michel Bauwens, Pierre Levy e Yochai Benkler. 2.10 Metodologia Optamos por uma pesquisa empírica, a ser realizada através de estudos de caso, por se tratar de uma questão que exige uma investigação qualitativa, e pelo baixo controle sobre os objetos de estudo. Os estudos de caso serão divididos em duas partes: 2.10.1 Estudo de caso exploratório É do mundo do software Open Source que surgem os paradigmas de colaboração aplicados ao Open Design. Da mesma forma, para obter uma primeira visão sobre o funcionamento de plataforma de colaboração, será estudado com abordagem exploratória uma plataforma de colaboração para o desenvolvimento de Software. | 10
  • 10. O caso escolhido foi a plataforma Android, sistema operacional e plataforma de aplicativos open source utilizada principalmente em dispositivos móveis como celulares. Esta plataforma foi escolhida por tratar-se de um exemplo recente de Sofware Open Source, em amplo desenvolvimento, que se mostra saudável e produtiva. Deste primeiro estudo serão levantados parâmetros para a formulação da pesquisa em projetos de Open Design. 2.10.2 Estudos de caso descritivos: A partir do estudo da plataforma Android, será traçado um protocolo de estudo de caso, de acordo com padrões encontrados no primeiro estudo e também com base no quadro teórico. Os estudos, ainda a serem definidos, devem ser exclusivamente de casos de Open Design, e preferencialmente locais e de diferentes vertentes do Design, como Design de produto, serviço, games e moda. 2.11 Cronograma O cronograma apresentado a seguir representa um planejamento otimista de conclusão da pesquisa em um período de 3 semestres, dos quais um já foi concluído no momento da apresentação deste projeto. Consideramos a possibilidade de estender o projeto por mais um semestre de acordo com o seu andamento. | 11
  • 11. 2.12 Bibliografia 2.12.1 Inicial BALKA, Kerstin, RAASCH, Christina, e HERSTATT, Cornelius. (2009) "Open source enters the world of atoms: A statistical analysis of open design" First Monday [Online], Volume 14 Number 11 (2 November 2009) BAUWENS, Michel (2006) The Political Economy of Peer Production, Post-autistic economics review, issue no. 37, 28 April 2006, article 3, pp. 33-44, BENKLER, Yochai (2006) The Wealth of Networks: how social production transforms markets and freedom. Yale University Press. FISCHER, G. and GIACCARDI E. (2004) Meta-Design: A Framework for the Future of End-User Development. In H. Lieberman, F. Paternò, and V. Wulf (eds), End User Development: Empowering People to Flexibly Employ Advanced Information and Communication Technology. Dordrecht: Kluwer Academic Publisher, 2004, pp. 421-452. GIACCARDI, E. (2005) Metadesign As An Emergent Design Culture. Leonardo. 38:4, August 2005, pp. 342-349. LÉVY, Pierre (2000) Cibercultura. 2.ed. São Paulo: Editora 34. LÉVY, Pierre (2007) A Inteligência Coletiva: por uma antropologia do ciberespaço. 5.ed. São Paulo: Loyola. | 12
  • 12. MENICHINELLI, Massimo (2010) Introduction to Open Peer-to-Peer Design 1.1. Disponível em <http://www.openp2pdesign.org/> SCHARFF, Eric (2002) Open Source: A Conceptual Framework for Collaborative Artifact and Knowledge Construction. Dissertação de Mestrado. VASSÃO, Caio Adorno Arquitetura Livre: Complexidade, Metadesign e Ciência Nômade. Tese de doutoramento, defendida na FAUUSP em abril de 2008. 2.12.2 A ser consultada durante o desenvolvimento G. M. OLSON, T. W. MALONE & J. B. SMITH (Eds.) (2001) Coordination Theory and Collaboration Technology. Mahwah, NJ: Lawrence Erlbaum Associates KUWABARA, Ko (2000) Linux: A Bazaar at the Edge of the Chaos - First Monday [Online], Volume 5 Number 3 (6 March 2000) LESSIG, Lawrence (2005) Cultura Livre: como a grande mídia usa a tecnologia e a lei para bloquear a cultura e controlar a criatividade. São Paulo: Trama. RAYMOND, E. S., & YOUNG, B. (2001) The Cathedral and the Bazaar: Musings on Linux and Open Source by an Accidental Revolutionary. Sebastopol, CA: O'Reilly & Associates. VON HIPPEL, Eric (2004) The Democratization of Innovation. Cambridge, MA: MIT Press. | 13