Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos

11,767 views

Published on

Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos, por Nicolau Chaud de Castro Quinta - Faculdades ALFA (Fevereiro de 2013).

Published in: Education
0 Comments
8 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
11,767
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
16
Actions
Shares
0
Downloads
255
Comments
0
Likes
8
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos

  1. 1. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta Faculdades ALFA Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  2. 2. ApresentaçãoA presente fala tem como objetivos:• Apresentar os fundamentos e noções principais portrás da produção de artigos científicos;• Elucidar os porquês por trás da estrutura básica de umartigo científico e de suas normas de redação.• Fornecer orientações gerais para a produção de umbom artigo, utilizando exemplos e apontando erroscomuns.• Subsidiar o aluno a uma leitura crítica e com maiornível de compreensão de artigos científicos. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  3. 3. O conhecimento científico“Como apontou George Sarton, a ciência é única ao mostrarum progresso cumulativo. Newton explicava suas importantesdescobertas dizendo que estava de pé sobre os ombros degigantes. Todos os cientistas, gigantes ou não, capacitamaqueles que o seguem a começar um pouco mais além. Istonão é necessariamente verdadeiro em outras atividades.Escritores, artistas, filósofos contemporâneos não sãoapreciavelmente mais eficazes do que os da idade de ouro daGrécia, enquanto o estudante secundário médio entendemuito mais a natureza do que o maior dos cientistas gregos.”(Skinner, 1953/1998, p.11). Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  4. 4. O artigo científicoO artigo científico é o principal meio de comunicação edivulgação da produção científica. É o responsável pelocaráter cumulativo da ciência.Pesquisa não publicada = Pesquisa não feita!Público-alvo de um artigo científico: a comunidadecientífica. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  5. 5. O artigo científicoNo presente contexto, entende-se por pesquisaqualquer procedimento empírico de coleta dedados fundamentado em algum método de basecientífica. Pesquisa clínica, estudos de caso, pesquisaexperimental, pesquisa aplicada, pesquisaqualitativa. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  6. 6. O artigo científicoDentre os objetivos a serem atingidos em um artigocientífico, podem-se destacar:• A descrição dos métodos utilizados de forma apermitir replicações diretas e sistemáticas.• A comunicação de resultados e conclusões relevantespara a área;• Descrição suficientemente completa, clara e objetivade forma a permitir que o leitor tire suas própriasconclusões sobre os dados observados. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  7. 7. A linguagem científicaA linguagem científica deve ser:Econômica: Deve comunicar ideias e informaçõesutilizando o menor número de palavras/imagenspossível.Clara: Deve permitir a compreensão daquilo queexpõe.Objetiva: Deve ser livre de ambiguidades,subjetividade, julgamentos de valor. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  8. 8. Exemplo (como não fazer)O técnico do zoológico estava sendo atacadoem seu local de trabalho. Todos à sua voltaestavam preocupados e tentavam ajudá-lo, massem sucesso. O grande felino não pareciaquerer desistir. A face do homem pareciaexpressar uma dor inimaginável; eleprovavelmente sairia ferido, com marcas quedurariam para sempre. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  9. 9. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  10. 10. Exemplo (como fazer)Em uma calçada de ladrinhos com dois metrosde largura rodeada por grama, um homem foiatacado por uma jaguatirica de cerca de ummetro de comprimento. O homem se reclinouno chão, apoiando sobre sua mão e joelhodireitos, enquanto o animal saltava sobre ele emordia seu antebraço esquerdo, que estavainclinado para trás, na região próxima aocotovelo. Há quase dois metros de distânciaestava outro homem, agachado. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  11. 11. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  12. 12. A linguagem científicaComo regra geral, o texto científico sempre deve serescrito em terceira pessoa.Evitar:• Sabemos que número de...• Acredito que é necessário...• O paciente me contou que...O uso da terceira pessoa estimula o pesquisador apensar de forma imparcial e objetiva. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  13. 13. A linguagem científicaTermos que dificilmente serão encontradas emum relato científico (por expressaremsubjetividade e julgamento de valor):muito/poucogrande/pequenosatisfatório/insatisfatóriobom/ruimfelizmente/infelizmente Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  14. 14. A pergunta de pesquisaTodo o desenvolvimento de uma pesquisa científica e de umartigo gira em torno de uma pergunta de pesquisa. Ainda queàs vezes ela não apareça de forma explícita no trabalho, deveser mantida em mente à todo momento.A pergunta de pesquisa irá orientar:• A escolha da literatura a ser revisada;• Os objetivos do trabalho;• O método utilizado;• A forma de análise dos dados;• A descrição das principais conclusões, etc. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  15. 15. A pergunta de pesquisaExemplos de pergunta de pesquisa:Quais os efeitos de um procedimento de treinamento dehabilidades sociais nas habilidades de falar em público dealunos de Psicologia?Quais são os principais mecanismos de defesa apresentadospelos pacientes durante as sessões de análise realizadas naclínica-escola?Quais são as variáveis sociodemográficas ligadas à maiorincidência de transtornos psicológicos entre alunosuniversitários? Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  16. 16. A pergunta de pesquisaOs objetivos da pesquisa derivam diretamente da perguntade pesquisa:Quais são as variáveis sociodemográficas ligadas à maiorincidência de transtornos psicológicos entre alunosuniversitários?O objetivo do presente trabalho é investigar as principaisvariáveis sociodemográficas ligadas à incidência detranstornos psicológicos entre alunos universitários de umafaculdade particular na cidade de Goiânia. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  17. 17. A estrutura do artigocientíficoTodos os artigos científicos seguem a mesma estrutura básica:ResumoIntroduçãoMétodo Participantes Instrumentos ProcedimentoResultadosDiscussãoReferências Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  18. 18. MétodoO método descreve tudo aquilo que foi feito na pesquisarelatada.O método pode ser entendido como uma tentativa deresponder à seguinte pergunta:“Se eu quisesse realizar uma pesquisaexatamente igual à sua, o que eu precisosaber?”Ao selecionar os itens a serem descritos no método, opesquisador deve perguntar a si mesmo: “Se esse itemfor modificado, algo na minha pesquisa teriasido diferente? ” (SUBJETIVIDADE) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  19. 19. Método - ParticipantesQuem participou da pesquisa?Ex: Número de participantes, gênero, idade,escolaridade, local de residência, profissão, classesocioeconômica, condições de saúde física/mental, etc. Critérios de seleção e amostragem (geralmentenão são aleatórios).Deve-se atentar ao fato de que subentende-se que dadosespecíficos nas descrições de participantes serãoconsiderados em análises posteriores. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  20. 20. Método - Participantes (exemplo) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  21. 21. Método - Participantes (exemplo) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  22. 22. Método - Participantes (exemplo) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  23. 23. Método - Material / InstrumentosTudo o que foi utilizado para a realização da pesquisadeve ser descrito.Mais uma vez, é necessário discernimento paraavaliar quais os dados são relevantes, e quaisprecisam ser descritos com mais detalhamento:Ex: Espaço físico, disposição de objetos no espaço,uso de testes, escalas e inventários, equipamentoseletrônicos, softwares, etc. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  24. 24. Método - Material / InstrumentosNo caso de materiais conhecidos entre acomunidade, pode-se referenciar somente onome (por exemplo, escalas e inventáriospopulares). Quando possível, pode-se fazeruma citação para remeter o leitor a detalhessobre o material citado. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  25. 25. Método - Material / Instrumentos (exemplo) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  26. 26. Método - Material / Instrumentos (exemplo) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  27. 27. Método - ProcedimentoO procedimento é um detalhamento de cada etapa darealização da pesquisa. Deve ser minucioso osuficiente para permitir uma replicação dapesquisa (quando possível - exceção comum: clínica).Ex: Número de sessões, duração da sessão, estrutura dasessão, intervalo entre sessões, critérios de seleção eeliminação de participantes, critérios de encerramento dasetapas, ordem das etapas, elementos da interação doparticipante com o pesquisador. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  28. 28. Método - ProcedimentoDe modo geral, esta seção pode ser dividida(mesmo que não formalmente) em duas partes:O delineamento, que descreve uma espécie decronograma da pesquisa. (macro)O procedimento, que descreve as ações realizadasdurante a condução da pesquisa em si. (micro)Algumas descrições contêm apenas uma destaspartes, dependendo da relevância e necessidadedo artigo. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  29. 29. Método - Procedimento (exemplo) (Foco no delineamento) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  30. 30. Método - Procedimento (exemplo)Para cada situação descrita, foram elaboradas afirmações diversas,sobre formas de agir dos pais/mães/filhos presentes nos textos,cabendo aos pais assinalar, com base nas informações oferecidasdurante a implementação do programa e contidas no materialdisponibilizado, se as afirmações eram corretas (sinal positivoverde), incorretas (sinal negativo vermelho) ou, ainda, indicando aopção “não sei” (ponto de interrogação). O número de simulaçõespara cada unidade e de afirmações para cada situação foi variado. (Foco no procedimento) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  31. 31. Método - Procedimento (exemplo) (Delineamento e procedimentos) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  32. 32. ResultadosO que foi observado? Como os participantes secomportaram?A apresentação dos resultados sempre passa por algum tipode seleção e sistematização.A seleção dos dados deve considerar os resultados maisimportantes, a pergunta de pesquisa feita, e deve evitarvieses e tendenciosidades.A menos que a seção Resultados seja unida à Discussão,aqui não deve ser feita qualquer tipo de interpretação,hipótese ou inferência sobre os dados, ainda que os dadospossam ser correlacionados ou comparados entre si. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  33. 33. ResultadosÉ uma boa ideia iniciar a seção Resultados explicandoa forma como os dados serão apresentados (escoresde testes, transcrições de sessão, medidas diretas,etc.). Algumas vezes a seção é iniciada também jácom a apresentação das conclusões principais.A apresentação dos dados geralmente segue algumtipo de classificação, que pode obedecer à medidautilizada, ao tipo de resultado obtido, ou à divisõesentre participantes. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  34. 34. Resultados (exemplo) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  35. 35. Resultados (exemplo) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  36. 36. Resultados (exemplo)Na entrevista inicial, a paciente Além disso, foram verificadas ainda aquisição de novodemonstrou algumas verbalizações repertório cognitivo e comportamental e estratégias desobre seu estado psicológico: enfrentamento apropriadas para lidar com situações... todo momento acredito que que ativassem as crenças disfuncionais deestão falando mal de mim. incompetência, desamparo e de não ser amada,Sou incapaz porque não consigo conforme observados nas verbalizações adiante:resolver meus problemas sozinha. Pedi para minha amiga estudar comigo esta tarde eSe não fizer tudo pelas pessoas, ela disse que não poderia. Não fiz cara feia e nemelas não vão gostar de mim... briguei com ela como fazia antes. (modificação deSou chata e ninguém gosta de comportamento)mim. Pensei que se ela não podia era porque tinha algum...estou sempre atrapalhando as compromisso importante e não que eu era umapessoas. companhia chata. Resolvi tentar estudar sozinha. FoiSou dependente, chorona e chata. bom, até consegui acabar o estudo antes do previsto. Talvez não seja tão incompetente assim (modificação de crença disfuncional). Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  37. 37. Resultados - Figuras e TabelasQuando possível, deve-se considerar a sistematização eapresentação dos dados em figuras e tabelas. Figuras etabelas devem ser utilizados para:• Facilitar a visualização dos dados e efeitos;• Reduzir o espaço necessário para apresentação dos dados.Todas as figuras e tabelas devem ser numeradas,considerando-se a mesma numeração para toda a extensãodo artigo. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  38. 38. Resultados - Figuras e TabelasComo regra geral, a apresentação de figuras e tabelas nocorpo dos Resultados é estruturada da seguinte forma: 1. Apresentação da figura.A Figura 1 apresenta os escores para... 2. Figura. 3. Legenda. Figura 1. Escores para...Observa-se na figura que... 4. Principais conclusões tiradas da Figura. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  39. 39. Resultados - Figuras e Tabelas (exemplo) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  40. 40. Resultados - Figuras e Tabelas (exemplo) Apresentação da Figura Discussão dos dados Figura Legenda Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  41. 41. Resultados - Figuras e TabelasEm alguns casos, por questões de diagramação, a Figura ouTabela pode aparecer um pouco deslocada no corpo do texto- e por esse motivo é importante que qualquer referência aelas utilize o nome (Figura 3, Tabela 4, etc.). Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  42. 42. Resultados - Figuras e TabelasAs legendas devem ser descritivas e completas, fazendoreferência as variáveis apresentadas na Figura ou Tabela,assim como ao tipo de medida utilizado. Variável independente : sexo. Variável dependente : dimensão de tecnoestresse. Medida utilizada : média. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  43. 43. Resultados - Figuras e TabelasTabelas e figuras devem ser simplificadas e econômicas.Tabelas não utilizam linhas verticais, e linhas horizontais sãoutilizadas somente para separar cabeçalhos e marcadores.Tabelas geralmente são utilizadas para apresentação de umvolume grande de informações, sobretudo textuais.Figuras devem evitar excesso de informações textuais evisuais.Figuras são utilizadas para condensação de dados numéricos,que devem ser visíveis em uma rápida inspeção visual . Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  44. 44. Resultados - Figuras e TabelasExemplo de gráfico poluído. Evitar: cores, efeitos tridimensionais, linhas, informações desnecessárias. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  45. 45. Resultados - Figuras e TabelasExemplo de gráfico simples. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  46. 46. Resultados - Figuras e TabelasExemplo de gráfico desonesto. Evitar: escalas desproporcionais no eixo Y. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  47. 47. Resultados - Figuras e TabelasComo fazer gráficos utilizando MS Excel: 1. Insira os dados em colunas. 2. Vá no menu Inserir: Gráfico. 3. Escolha o tipo de gráfico (colunas ou dispersão). 4. OKDica para quem tem dificuldades em usar o Excel e fazergráficos: peça ajuda. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  48. 48. Introdução A introdução é a primeira seção do artigo. É uma contextualização, dentro do panorama de pesquisas da área, do trabalho que será apresentado. Inclui: • Revisão da literatura da área; • Descrição da metodologia comumente empregada em pesquisas da área, ilustrada por estudos; • Principais dados e conclusões das pesquisas da área; • Problemas e lacunas deixados pelas pesquisas da área; • Objetivos do presente estudo. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  49. 49. IntroduçãoA introdução pode conter ainda:• Apresentação dos principais conceitos abordados notrabalho;• Apresentação dos principais problemas de pesquisalevantados no campo de investigação;• Apresentação de trabalhos importantes e/ou ilustrativos depesquisas na área, incluindo descrição do método depesquisa;• Comparações entre ideias de diferentes autores e dados econclusões de diferentes estudos; Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  50. 50. Introdução - Pesquisa BibliográficaAntes de se iniciar a Introdução, e preferencialmente antesde se iniciar a redação de todo o artigo ou mesmo aformulação da pesquisa, deve-se fazer uma pesquisabibliográfica. A pesquisa bibliográfica deve buscar obrascientíficas relevantes ao presente estudo em meios dedivulgação científica, sobretudo periódicos científicos. Outrafonte importante de pesquisa são livros escritos porpesquisadores. Secundariamente, pode-se buscarinformações em anais de eventos. Pesquisas em meiosdigitais (sites, blogs) e revistas de circulação popular (Veja,Istoé, Super Interessante) devem ser evitadas devido à faltade confiabilidade da fonte. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  51. 51. Introdução - Pesquisa BibliográficaNão existem restrições sobre que obras podem serconsultadas ou utilizadas. De modo geral, considera-se umaobra relevante ao presente estudo se:• Apresenta conceitos relevantes ao trabalho;• Trabalha com perguntas de pesquisa semelhantes;• Utiliza procedimentos de pesquisa semelhantes;• Dá margem à formulação de perguntas de pesquisapróximas à do presente estudo;• Trabalha com variáveis próximas àquelas pesquisadas. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  52. 52. Introdução - Pesquisa BibliográficaUma pesquisa bibliográfica extensiva é fundamental para oembasamento de um artigo científico. A busca de obras é umahabilidade importante a ser desenvolvida pelo pesquisador.Buscar obras científicas envolve mais do que procurarpalavras-chave no Google Acadêmico. Envolve também:• Pesquisa por textos relevantes nas Referências Bibliográficasde obras consultadas;• Contato com pesquisadores da área (pessoalmente, ou pormeios digitais);• Busca em ambientes com acervos mais ricos, comobibliotecas físicas ou virtuais. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  53. 53. Introdução - AutoriaNa introdução, é apresentada apenas uma sistematização deinformações já presentes na literatura científica da área. Oautor do texto não deve expressar opiniões, impressões ouconclusões pessoais sobre o assunto.Ainda assim, o autor do artigo deve manter autoria sobre otexto. Isso quer dizer que deve utilizar suas própriaspalavras, organizar as informações segundo seus próprioscritérios, e apresentar as ideias dos autores na perspectivaque for relevante ao seu próprio texto.Acima de tudo, lembre-se:NÃO COPIE IDEIAS DE OUTROS TEXTOS, NEMMESMO REESCREVENDO-AS COM SUASPALAVRAS. NUNCA. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  54. 54. Introdução - Autoria (09/02/2013) - A ministra da Educação da Alemanha, Annette Schavan, confidente da chanceler Angela Merkel, pediu demissão nesta sexta-feira, após perder seu diploma de doutorado por acusações de plágio. PLÁGIO É COISA Na terça-feira, a universidade Duesseldorfs Heinrich SÉRIA Heine anunciou que estava removendo o diploma de doutorado de Schavan, após uma revisão. A política, de 57 anos, finalizou seus estudos há 33 anos, mas instituição de ensino entendeu que ela "sistematica e intencionalmente" copiou partes de textos para sua tese.Alegações contra a ministra foram levantadas por caçadores de plágio na internet no anopassado e deflagraram uma apuração interna na universidade, a pedido da própria. Mas,num documento de 75 páginas, a comissão de investigadores, comandada pelo professorStefan Rohrbacher, detectou no texto de 351 páginas as ausências das devidas referênciasbibliográfica em pelo menos 60 delas.Fonte: http://oglobo.globo.com/mundo/apos-perder-doutorado-por-plagio-ministra-alema-se-demite-7537238 Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  55. 55. Introdução - AutoriaPara compreender melhor esta noção, é necessário separar oque é um dado, o que é uma ideia do autor, e o que é umaideia mencionada pelo autor:“Indivíduos com transtornos de personalidade geralmente apresentamesquemas não-adaptativos e inflexíveis” (ideia mencionada pelo autor)“Analisar as variações de gênero com base nas estratégias de enfrentamentopode oferecer informações importantes para o desenvolvimento de políticaseducacionais“ (ideia do autor)“Homens apresentaram médias mais elevadas em coping ativo, planejamento,supressão de atividades concomitantes” (dado) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  56. 56. Introdução - EstruturaÉ sempre uma boa ideia, antes de iniciar a redação daIntrodução, traçar uma estrutura de temas e tópicos a seremabordados no texto. O texto da introdução pode ser divididoem subtópicos ou não. Mesmo quando apresentado comoum texto corrido, o autor deve ter em mente uma ordem deideias que pretende seguir.A literatura deve ser organizada de acordo com essaestrutura delineada, e não necessariamente seguindocritérios de obras consultadas. Ideias de uma mesma obrapodem aparecer em momentos diferentes do texto. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  57. 57. Introdução - EstruturaGeralmente, a estrutura de uma Introdução pode sercomposta de:• Apresentação do problema : Contextualização histórica do problema,apresentação de elementos que qualificam o objeto de pesquisa enquantoproblema.• Definição dos principais termos e conceitos utilizados notrabalho, assim como de sua base teórica ou epistemológica.• Principais achados na área , incluindo descrição metodológica dosestudos citados (quando relevante).• Explicitação dos problemas deixados pela literatura, e danecessidade de aprofundamentos na área.• Objetivos do trabalho . Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  58. 58. Introdução - Apresentação e definição(exemplo)Inúmeros estudos estão sendo realizados na área dos Transtornos dePersonalidade. Entretanto, são considerados recentes com início nadécada de 80 (Tyrer, Casey e Ferguson, 1991; Ventura, 1998). (Apresentação do problema)Personalidade é a relação entre temperamento e caráter, envolve ascaracterísticas emocionais e de comportamentos de um indivíduo, alémdos aspectos orgânicos. Quando as características de personalidadecausam problemas de adaptação, acarretando sofrimento ao pacientee/ou às pessoas de sua convivência, pode-se pensar em Transtorno dePersonalidade (Abuchaim e Abuchaim, 2001; American PsychiatricAssociation, 2002; Abuchaim e Abuchaim, 2001; Atkinson, Atkinson,Smith e Bem, 1995). (Definições) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  59. 59. Introdução - Principais achados (exemplo) Dentre as variáveis encontradas no paciente com TPD, a associação com sintomas de depressão e ansiedade é a mais freqüentemente observada (Barnett e Gotlib, 1990; Beck e Freeman, 1993; Livesley, Schroeder e Jackson, 1991; Overholser, 1996), além de outros problemas comumente apresentados como, queixas somáticas, variando desde sintomas conversivos até hipocondria e transtorno de somatização, doenças orgânicas, alcoolismo e abuso de substâncias psicoativas (Alnaes e Torgersen, 1991; Beck e Freeman, 1993; Ventura, 1998). Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  60. 60. Introdução - Objetivos (exemplo)(...) No entanto, a realização de estudos cada vez mais recentes na áreaacerca da eficácia da abordagem cognitivo-comportamental notratamento dos pacientes com TPD são fundamentais para aconfirmação destes dados e para programas de tratamento adequadosbaseados em estudos empíricos e científicos. (Explicitação do problema)Neste sentido, o presente trabalho teve como objetivo demonstrar oimpacto da intervenção cognitivo-comportamental na redução dasqueixas características do Transtorno de Personalidade Dependente,em uma paciente atendida no Serviço de Orientação Psicopedagógicaa Alunos (SOPPA), de uma Faculdade de Medicina deumacidade demédio porte do interior do Estado de São Paulo. (Objetivo) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  61. 61. Introdução - Estrutura (exemplo)Para ilustrar o planejamento da estrutura de uma seção Introdução, uma pesquisacom a pergunta “Quais são os efeitos do questionamento socrático sobre aformação da aliança terapêutica” poderia ser delineada feito da seguinte forma:•Apresentação da aliança terapêutica como elemento central à psicoterapia.•Definição de aliança terapêutica, relação terapêutica e vínculo terapêutico, possíveldiferenciação entre os termos, com enfoque (mas não necessariamente exclusivo)na abordagem Cognitiva.•Levantamento da literatura empírica sobre os fatores que fortalecem ouenfraquecem a aliança terapêutica.•Levantamento da literatura sobre os efeitos da técnica do questionamentosocrático.•Interrelação de ideias que mostra que, de alguma forma, a técnica pode estarligada à formação da aliança.•Objetivo do trabalho. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  62. 62. Citações bibliográficasSempre que se utiliza a ideia de um autor, deve-se fazer umacitação bibliográfica. O formato básico para uma citaçãobibliográfica é: (Sobrenome dos autores, ano)O estudo de Carlotto (2011) mostrou que homens apresentam estratégiasde enfrentamento diferentes de mulheres.O estudo de Carlotto mostrou que homens apresentam estratégias deenfrentamento diferentes de mulheres (2011).Homens apresentam estratégias diferentes de mulheres (Carlotto, 2011).Estudos têm mostrado que homens apresentam estratégias deenfrentamento diferentes de mulheres (Carlotto, 2011). Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  63. 63. Citações bibliográficasComo recomendação geral, coloque o nome dos autoresfora dos parênteses apenas quando a ideia citada érealmente de autoria daqueles autores. Se os autores são afonte da ideia, mas é uma ideia mais comumente conhecidaou que pertence a outros autores, mantenha o nome dentrodos parênteses.Para Escobar (1988), o ego dispõe de vários mecanismos de defesapara lidar com situações de angústia.O ego dispõe de vários mecanismos de defesa para lidar com situaçõesde angústia (Escobar, 1988). Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  64. 64. Citações bibliográficasNo caso de vários autores, separa-se os sobrenomes porvírgulas, sendo o último e o penúltimo sobrenome separadospor um e (fora do parênteses) ou & (dentro dos parênteses).Ribeiro, Coutinho, Sousa e Machado (2011) investigaram variáveisligadas à ruptura na relação terapêutica.Alguns autores investigaram variáveis ligadas à ruptura na relaçãoterapêutica (Ribeiro, Coutinho, Sousa & Machado, 2011). Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  65. 65. Citações bibliográficasQuando o número de autores é superior a três, utiliza-se osobrenome de todos eles apenas na primeira vez em que aobra é citada no texto. Nas próximas citações, utiliza-se apenaso primeiro sobrenome seguido de “e colaboradores” (fora dosparênteses ou “et al”, ou “e cols.” (dentro dos parênteses).Ribeiro, Coutinho, Sousa e Machado (2011) investigaram variáveis ligadas àruptura na relação terapêutica.(...)Ribeiro e colaboradores (2011) utilizaram medidas de auto-relato paraavaliar as mudanças na relação terapêutica.(...)Os marcadores de ruptura tendem a diminuir ao longo do processoterapêutico (Ribeiro et al, 2011). Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  66. 66. Citações bibliográficasMuitas vezes as ideias citadas pertencem a mais de uma obra,ou faz-se referência a um conjunto de ideias que remetem-sea várias obras. Nesse caso, todas as obras podem ser citadasem conjunto. Dentro de parênteses, as obras são separadaspor ponto-e-vírgula.De acordo com Kohlenberg, et. al (1999), Follete, Naugle e Callaghan(1996), Kohlenberg e Tsai (2001) a FAP baseia-se nos princípios doBehaviorismo Radical (...)(...) proporcionando ao terapeuta a possibilidade de consequenciar aemissão destas de forma contingente e natural e instalar progressivamenterespostas mais adequadas (Follete, Naugle e Callaghan, 1996; Kanter,Landes, Busch, Rusch, Brown, Baruch & Holman, 2006). Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  67. 67. Citações bibliográficasQuando a ideia citada já vem de uma citação de um terceiroautor, faz-se uma citação indireta. Utiliza-se “citado por” ou“apud” (apenas dentro de parênteses). Quando são feitas citações indiretas, os autores originais não são listados nas referências bibliográficas!Para Safran e Muran (2000, citados por Ribeiro et al, 2011), acapacidade de negociação nas rupturas de relação terapêuticaconfigura-se como uma das habilidades terapêuticas mais importantes. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  68. 68. Citações bibliográficas Citações indiretas devem ser evitadas, e em excesso são mal vistas dentro de um artigo científico. Esse tipo de citação aparenta preguiça ou falta de conhecimento de obras originais. Recomenda-se que, caso a obra citada indiretamente seja realmente relevante para o trabalho, que ela seja buscada e consultada. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  69. 69. Citações bibliográficasQuando uma ideia é copiada literalmente (palavra porpalavra) de uma obra, utiliza-se uma citação literal. A citaçãoliteral vem entre aspas, e é feita da mesma forma que umacitação simples, acrescentando-se o número da página deonde foi tirado o trecho. O número da página pode vir juntoou separado do ano.“Os métodos da ciência têm sido um sucesso enorme onde quer quetenham sido experimentados. Apliquemo-los, então, aos assuntoshumanos” (Skinner, 1998, p. 5).Para Skinner, “Os métodos da ciência têm sido um sucesso enorme ondequer que tenham sido experimentados. Apliquemo-los, então, aosassuntos humanos” (1998, p. 5).Para Skinner (1998), “Os métodos da ciência têm sido um sucessoenorme onde quer que tenham sido experimentados. Apliquemo-los,então, aos assuntos humanos” (p. 5). Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  70. 70. Citações bibliográficasCitações literais com mais de 40 palavras devem vir em umbloco de texto separado, recuado, sem aspas (de acordocom as normas de formatação utilizadas.Ao propor uma possibilidade de Psicologia enquanto disciplinacientífica, Skinner afirma: Os métodos da ciência têm sido um sucesso enorme onde quer que tenham sido experimentados. Apliquemo-los, então, aos assuntos humanos. Não precisamos nos retirar dos setores onde a ciência já avançou. É necessário apenas levar nossa compreensão da natureza humana até o mesmo grau. (1998, p. 5) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  71. 71. Citações bibliográficasCitações literais também devem ser evitadas.Sempre que possível, o autor do artigo deveformular as ideias com suas próprias palavras.Citações literais devem ser utilizadas somentequando o trecho citado foi escrito de umaforma tão clara, tão econômica ou tão bela,que seria impossível ou indesejável escrevê-lode outra forma. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  72. 72. DiscussãoA Discussão é a seção final do artigo, e é o momento noqual os achados da pesquisa são confrontados com aliteratura e com o campo de investigação.A Discussão é o momento do texto no qual o autor tem maisliberdade para colocar ideias próprias, interpretações econclusões.Deve-se interpretar os achados à luz da literatura, relacionaros dados com outros achados da área, mostrar de queforma o presente estudo contribui para o campo depesquisa, e levantar problemas metodológicos e teóricosdeixados pelo trabalho. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  73. 73. DiscussãoA estrutura da Discussão pode ser feita da seguinte forma:• Breve recapitulação dos objetivos do estudo e de seus principaisachados (um parágrafo).• Revisão mais detalhada dos achados do estudo (evitando-sereferência a números).• Interpretação dos achados à luz da literatura da área. Levantamentode hipóteses e inferências para explicar os dados.• Contribuições do trabalho para a área.• Levantamento de problemas metodológicos do estudo, possibilidadese restrições sobre a generalização dos dados.• Apontamentos futuros. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  74. 74. Discussão (exemplo)Os achados do estudo podem ser entendidos a partir do que refere Lie (2003),que aponta para a existência de vários níveis de ligação entre as tecnologias egênero. Em âmbito estrutural, ocorre a dominância dos homens nas profissõestécnicas; em âmbito simbólico, as tecnologias têm produzido imagens demasculinidade e, desse modo, têm contribuído para as identidades de gênero. (interpretação à luz da literatura)Com relação às variáveis sociodemográficas, verifica-se que, em homens, quantomais elevada a idade maior é o sentimento de ineficácia. Esse resultado podesinalizar uma aprendizagem tardia influenciando o sentimento de baixa eficácia. (hipótese explicativa do dado) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  75. 75. Discussão (exemplo)O resultado é semelhante ao identificado por Ptacek, Smith e Dodge (1994), masdiferente do encontrado por Piko (2001), que aponta que, na vida adulta, homensutilizam em maior quantidade estratégias que se distanciam do problema. (comparação com outros estudos)Destaca-se a necessidade de aprofundamento dos resultados obtidos, tendo emvista que os mesmos não podem ser generalizados, pois se trata de uma amostranão probabilística. É necessário pontuar que a literatura sobre tecnoestresse équase exclusivamente internacional, dificultando a comparação com estudosnacionais. Assim, é importante dar seguimento com novos estudos, a partir deamostras probabilísticas e em contextos ocupacionais específicos a fim deampliar a compreensão sobre o fenômeno de tecnoestresse e também da suarelação com gênero. (questionamentos metodológicos e apontamentos futuros) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  76. 76. Discussão (exemplo)Analisar as variações de gênero com base nas estratégias de enfrentamento podeoferecer informações importantes para o desenvolvimento de políticaseducacionais, assim como para prevenção e desenvolvimento de programas desaúde que atendam às necessidades diferenciadas de homens e mulheres (Fielden& Davidson, 2001). (contribuições para a área) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  77. 77. Referências BibliográficasDevem ser listadas todas as obras citadas notexto, com exceção daquelas citadasindiretamente.Só devem ser listadas as obras que foram citadasno texto. Obras que foram consultadas/lidasporém não foram citadas não devem ser listadas.A formatação e organização das referências deveobedecer às normas utilizadas (APA, ABNT, etc.) Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  78. 78. ResumoO Resumo deve ser a última parte do artigo a ser escrita, uma vezque deve incluir elementos de todas as outras seções: Introdução,Método, Resultados e Discussão. Deve apresentar uma síntese detodo o artigo, preparando o leitor para o que será lido. A revisãobibliográfica aqui é menos importantes, e às vezes pode ser deixadade lado.O Resumo deve explicitar as conclusões do trabalho. Não deve serfeito qualquer tipo de suspense ou apelo para seduzir o leitor a lerartigo completo.Ao final do resumo, são apresentadas 3 a 5 palavras chave comtermos ou expressões que melhor descrevem a temática central dotrabalho.O tamanho do resumo depende das normas de publicação em vigor.No resumo deve-se evitar citações bibliográficas. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  79. 79. Resumo (exemplo) Introdução Método Resultados Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  80. 80. Resumo (exemplo) Introdução Método Resultados Discussão Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  81. 81. TítuloO título de um trabalho deve ser, sobretudo, informativo.Geralmente faz referência direta às variáveisdependentes e às variáveis independentes estudadas -ao objeto do estudo e às intervenções ou manipulaçõesrealizadas, e ocasionalmente ao método empregado.Títulos podem conter até 12 palavras.Títulos muito curtos, ou com caráter “poético” não sãocomuns em artigos científicos, sobretudo em relatos depesquisa. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  82. 82. Título (exemplos) Intervenção Cognitivo-comportamental em Transtorno de Personalidade Dependente: Relato de Caso Tecnoestresse: diferenças entre homens e mulheres Promoção de comportamentos de estudo em crianças - Resultados de um programa de ensino para pais e responsáveisVariável independente : manipulação, intervenção ou grupos de comparação.Variável dependente : objeto de estudo e observação, aquilo sobre o qual seintervém ou investiga.Método de pesquisa. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  83. 83. A avaliação de um artigoUma vez concluído, um artigo científico deve passar por um processodenominado revisão por pares antes de ser publicado. Pesquisadores bemestabelecidos na área irão ler o artigo e apontar pontos problemáticos, quepodem aparecer na forma de interpretação da literatura abordada, falta dereferência a obras importantes da área no trabalho, problemas metodológicos,falta de clareza na descrição e explicação do trabalho, problemas nasinterpretações dos dados. Os pares poderão fazer contribuições ao trabalho naforma de sugestões de leitura, sugestões de análise dos dados, reinterpretaçãodos resultados, etc.Além disso, para publicação em livros e periódicos os artigos passam pelarevisão de um editor, que não necessariamente é um especialista naquelecampo de pesquisa, mas apontará problemas na escrita, clareza, formatação eseguimento das normas da revista.É comum que um artigo passe por várias revisões antes de ser publicado,sobretudo em periódicos científicos de maior qualidade. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  84. 84. A avaliação de um artigoNa graduação, o trabalho de conclusão de curso é umexercício que envolve o desenvolvimentos de habilidadesautônomas do aluno enquanto profissioal e pesquisador, oque inclui a formulação de um procedimento de pesquisae/ou intervenção, a condução de tais intervenções, e todo oprocesso envolvido na redação de um artigo científico dedivulgação de resultados.A banca examinadora faz o papel que seria dos pares edos editores de um periódico científico: apontandoproblemas e sugestões para a melhoria do trabalho. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  85. 85. Considerações finais A compreensão da confecção de um artigo científico envolve o entendimento de todo o processo que está por trás da produção do conhecimento em qualquer ciência. Escrever um artigo científico é uma habilidade a ser exercitada. Ler artigos científicos de sua área de interesse é uma boa maneira de fazê-lo. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br
  86. 86. Referências BibliográficasA maioria dos trechos de artigos utilizados foram retirados das seguintes obras:Carlotto, M. S. (2011). Tecnoestresse: diferenças entre homens e mulheres. Revista Psicologia:Organizações e Trabalho, 11, 51-64.Coser, D. S., & Cortegoso, A. L. (2011). Promoção de comportamentos de estudo em crianças -Resultados de um programa de ensino para pais e responsáveis. Revista Brasileira de TerapiaComportamental e Cognitiva, 13, 58-78.Gomes, M. J. C., & Scrochio, E. F. (2001). Terapia da gagueira em grupo: experiência a partir de um grupode apoio ao gago. Revista Brasileira de Terapia Comportamental e Cognitiva, 3 , 25-34.Pezzato, F. A., Brandão, A. S., & Oshiro, C. K. B. (2012). Intervenção baseada na psicoterapia analíticafuncional em um caso de transtorno de pânico com agorafobia. Revista Brasileira de TerapiaComportamental e Cognitiva, 14, 74-84.Ribeiro, E. R., Coutinho, J., Sousa, Z., & Machado, C. (2011). Rupturas na aliança terapêutica e expressãoverbal de necessidades do cliente: um estudo de caso. Revista Brasileira de Terapia Comportamental eCognitiva, 13, 71-86.Zanin, C. R., & Valerio, N. I. (2004). Intervenção Cognitivo-comportamental em Transtorno dePersonalidade Dependente: Relato de Caso. Revista Brasileira de Terapia Comportamental e Cognitiva, 6 ,81-92. Fundamentos da Produção de Artigos Científicos e Acadêmicos Nicolau Chaud de Castro Quinta - ncquinta@terra.com.br

×