Escola: Saberes feitos, compartimentados e<br />sem articulações entre si, não estabelece relações<br />com a vida, não fo...
Escola: Criar situações que permitam<br />aos alunos desenvolverem as seguintes<br />competências:<br /><ul><li> pesquisa ...
 estabelecimento de relações entre os</li></ul>conhecimentos<br />Escola:<br />Criar um currículo<br />escolar numa lógica...
 desenvolverem competências de vivência</li></ul>numa sociedade que se rege por princípios de<br />uma democracia particip...
 atenuar a separação de conhecimentos</li></li></ul><li>Escola: FLEXIBILIDADE<br />Á<br />R<br />E<br />A<br />D<br />E<br...
 a construção de um saber significativo e funcional</li></li></ul><li><ul><li> conhecimento
 reflexão sobre problemas</li></ul>sociais, económicos,<br />tecnológicos, científicos,<br />artísticos e ambientais de<br...
ACÇÃO<br />ACÇÃO<br />ACÇÃO<br />
organizada<br />com<br />decisões<br />de<br />processo<br />ACÇÃO<br />ACÇÃO<br />PROJECTO<br />ACÇÃO<br />
p<br />r<br />e<br />d<br />e<br />t<br />e<br />r<br />m<br />i<br />n<br />a<br />d<br />o<br />s<br />?<br />Que<br />c...
articulação<br />entre aquisições<br />escolares<br />relação entre<br />saber e<br />experiência<br />transferência<br />...
saber<br />percursos<br />individuais e<br />de grupo<br />filiação a<br />contextos<br />específicos<br />e plurais<br />...
suporte de educação para<br />a cidadania e aprendizagem ao<br />longo da vida<br />orientação<br />escolar e<br />profiss...
temas<br />questões<br />integrada<br />problemas<br />aprendizagem<br />Leite et al., 2001, p. 35.<br />
Que temas?<br />Por ex.: direitos humanos, ambiente, sexualidade, ...<br />Porquê?<br />Porque envolvem atitudes e valores...
Pode ser disciplinarizada?<br />É uma disciplina?<br />ÁREA DE PROJECTO<br /><ul><li> Área curricular integrada
 Privilegia uma prática de compreensão do real</li></ul>Dinâmica do trabalho de projecto requer que o trabalho<br />escola...
Leite et al., 2001, p. 37.<br />
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Trabalhar por Projectos em Educação - Parte 9

709

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
709
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
12
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Trabalhar por Projectos em Educação - Parte 9

  1. 1. Escola: Saberes feitos, compartimentados e<br />sem articulações entre si, não estabelece relações<br />com a vida, não fomenta o desenvolvimento de<br />competências de observação da vida, de análise<br />crítica e de intervenção<br />Aluno: acumulador de informações transmitidas<br />Processo de aprendizagem: deve partir do<br />contexto familiar, daquilo que os alunos já <br />sabem, dos problemas que eles sentem, de <br />situações significativas e funcionais, daquilo que <br />os interessa<br />"ancoradouro" para novas aprendizagens<br />Início do processo de construção de novos<br />conhecimentos<br />Aluno: interveniente activo na construção do saber<br />
  2. 2. Escola: Criar situações que permitam<br />aos alunos desenvolverem as seguintes<br />competências:<br /><ul><li> pesquisa e organização da informação;
  3. 3. estabelecimento de relações entre os</li></ul>conhecimentos<br />Escola:<br />Criar um currículo<br />escolar numa lógica de<br />integração de<br />conhecimentos<br /><ul><li> Aquirirem um saber integrado;
  4. 4. desenvolverem competências de vivência</li></ul>numa sociedade que se rege por princípios de<br />uma democracia participativa<br /><ul><li> Reforçar o processo de ensino-aprendizagem
  5. 5. atenuar a separação de conhecimentos</li></li></ul><li>Escola: FLEXIBILIDADE<br />Á<br />R<br />E<br />A<br />D<br />E<br />P<br />R<br />O<br />J<br />E<br />C<br />T<br />O<br />Professores e alunos:<br />Intervêm activamente<br />Lidam com o imprevisto<br />Fazem escolhas e tomam decisões<br />Adquirem conhecimentos<br />ENTÃO, estão criadas as condições para:<br /><ul><li> a integração de conhecimentos
  6. 6. a construção de um saber significativo e funcional</li></li></ul><li><ul><li> conhecimento
  7. 7. reflexão sobre problemas</li></ul>sociais, económicos,<br />tecnológicos, científicos,<br />artísticos e ambientais de<br />forma integrada<br />autonomia curricular<br />autonomia da escola<br />
  8. 8. ACÇÃO<br />ACÇÃO<br />ACÇÃO<br />
  9. 9. organizada<br />com<br />decisões<br />de<br />processo<br />ACÇÃO<br />ACÇÃO<br />PROJECTO<br />ACÇÃO<br />
  10. 10.
  11. 11. p<br />r<br />e<br />d<br />e<br />t<br />e<br />r<br />m<br />i<br />n<br />a<br />d<br />o<br />s<br />?<br />Que<br />conteúdos?<br />Devem resultar de um processo aberto<br />Devem ser explorados na relação com <br />o quotidiano dos alunos<br />
  12. 12. articulação<br />entre aquisições<br />escolares<br />relação entre<br />saber e<br />experiência<br />transferência<br />para situações<br />da vida real<br />trabalho de projecto<br />Leite et al., 2001, p. 35.<br />
  13. 13. saber<br />percursos<br />individuais e<br />de grupo<br />filiação a<br />contextos<br />específicos<br />e plurais<br />espaço<br />de<br />aprendizagem<br />projecto<br />Leite et al., 2001, p. 35.<br />
  14. 14. suporte de educação para<br />a cidadania e aprendizagem ao<br />longo da vida<br />orientação<br />escolar e<br />profissional<br />assunção de<br />responsabilidades<br />nos processos<br />de mudança<br />social<br />projecto<br />Leite et al., 2001, p. 35.<br />
  15. 15. temas<br />questões<br />integrada<br />problemas<br />aprendizagem<br />Leite et al., 2001, p. 35.<br />
  16. 16. Que temas?<br />Por ex.: direitos humanos, ambiente, sexualidade, ...<br />Porquê?<br />Porque envolvem atitudes e valores<br />Desenvolvidos apenas em Área de Projecto?<br />Não. Deve-se promover a inter e a transdiciplinaridade.<br />Que suportes?<br />Nomeadamente TIC e trabalho de grupo.<br />Leite et al., 2001, p. 35.<br />
  17. 17. Pode ser disciplinarizada?<br />É uma disciplina?<br />ÁREA DE PROJECTO<br /><ul><li> Área curricular integrada
  18. 18. Privilegia uma prática de compreensão do real</li></ul>Dinâmica do trabalho de projecto requer que o trabalho<br />escolar adquira sentido fora das muralhas das disciplinas<br />Escola se torne num lugar de produção de novos saberes<br />de novas inteligibilidades e relações<br />
  19. 19.
  20. 20. Leite et al., 2001, p. 37.<br />
  21. 21.
  22. 22. Permite responder a problemas e a interrogações que fazem parte do<br />quotidiano dos alunos e exige a adopção de atitudes investigativas<br />orientadas por referentes de natureza educativa e de formação global<br />
  23. 23. PROJECTO<br />DECISÃO:<br />ALUNOS<br />ESCOLA<br />TODOS OS INTERVENIENTES<br />INTENÇÕES<br />ACÇÕES<br />
  24. 24. TRABALHAR<br />EM <br />PROJECTO<br />caminhar<br />Regras formais e informais<br />Inércias e obstáculos<br />Dinâmicas específicas<br />Ritmos diversificados<br />Significados diferentes e contraditórios<br />Orientações educativas decididas em parceria<br />Singularidade dos projectos curriculares<br />Santos Guerra, 2000.<br />
  25. 25. EM SUMA,<br />
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×