• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Comunicacao efetiva e eficaz com o metamodelo
 

Comunicacao efetiva e eficaz com o metamodelo

on

  • 2,406 views

Comunicacao efetiva e eficaz com o metamodelo

Comunicacao efetiva e eficaz com o metamodelo

Statistics

Views

Total Views
2,406
Views on SlideShare
2,306
Embed Views
100

Actions

Likes
5
Downloads
0
Comments
0

3 Embeds 100

http://tecpnl.blogspot.com.br 62
http://tecpnl.blogspot.com 37
http://www.docshut.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Comunicacao efetiva e eficaz com o metamodelo Comunicacao efetiva e eficaz com o metamodelo Presentation Transcript

    • Comunicação   efe.va  e  eficaz  u"lizando  o  Metamodelo   Marcelo  Neves  
    • Marcelo  Neves  possui  mais  de  20  anos  de  experiência  em  projetos  de  so8ware  e  análise  de  negócios.  É  um  dos  líderes  do  Capítulo  Rio  de  Janeiro  do  IIBA.  Formado  em  Ciência  da  Computação.  Coautor  do  livro  Managing  Business  Analysts  do  IIBA.  Revisor  técnico  do  BABOK  na  língua  portuguesa.  Colaborador  do  novo  BABOK  3.0.  marcelomneves@gmail.com  @marceloneves      
    • O  que  é  comunicação?  ü Qualquer  interação  com  outras  pessoas:  conversa  normal,   ensino,  negociação  e  etc.  ü Vai  muito  além  das  palavras.  ü A  comunicação  é  um  circuito   fechado,  o  que  nós  fazemos   influencia  o  outro  e  a  nós  mesmos,  e   o  que  o  outro  faz  nos  influencia  e  a   si  próprio.    ü Postura,  gestos,  contato  visual,  voz,  palavras  escritas  e   palavras  faladas.  
    • Comunicação  na  Prá"ca   ü 55%  Linguagem  corporal   ü 38%  Sons   ü 7%  Palavras  Mehrabian  y  Ferris  (1967),  ¨Inference  of  aftudes  from  nonverbal  communica"on  in  two  channels¨  
    • Sistemas  Representacionais  
    • Audi.vo  
    • Visual  
    • Sinestésico  
    • O  mapa  é  o  conjunto  de  todo  o   aprendizado,  as  experiências,  as   coisas  que  uma  pessoa  possa  ter   visto,  presenciado,  assis"do,  lido,   ouvido,  percebido,  sen"do  em  sua   vida,  e  que  estão  registrados  em   sua  mente.  Mundo  real  ou  realidade  externa  
    • Como  entendemos  a  realidade?   Sentidos Filtros Audição Representação Interna ü  Generalização   Estado ü  Omissão   ü  Distorção   Tato ü  Meta-­‐programas   ü  Valores   Fisiologia ü  Crenças   ü  Decisões    Realidade  Externa   Olfato ü  Memórias   Visão Paladar
    • Metamodelo
    • Metamodeloü  Conjunto de padrões de linguagem e perguntas que recuperam as deleções, as distorções e as generalizações.ü  As perguntas trabalham a estrutura superficial (nível consciente) para obter informações sobre estrutura profunda.ü  Por que é útil? Por que é uma estratégia de comunicação para condução, facilitação, negociação, mediação e liderança através de perguntas de precisão.ü  É composto dos 3 processos: generalização, omissão e distorção.
    • Generalização
    • GeneralizaçãoAbsolutismosGrandes generalizações. Algumas palavrasutilizadas: sempre, nunca, todo mundo eninguém. Não permitindo exceção.- Os clientes nunca sabem o que querem!- Sempre mesmo? Nunca houve um usuário quenão complicou o projeto?
    • GeneralizaçãoRegras de NecessidadeAfirmações que identificam regras ou limites decomportamento. Algumas palavras utilizadas:deveria, não deveria, deve, não deve, tenho enão tenho.- Você não deveria mudar o escopo do projeto!- O que aconteceria se eu mudasse o escopo?
    • GeneralizaçãoLimitaçõesAfirmações identificando regras ou limites decomportamento. Algumas palavras utilizadas:pode, não pode, capaz, incapaz, consigo e nãoconsigo.- Não consigo entregar essa funcionalidade!- O que te impede de entregar? .  
    • Omissão  
    • OmissãoOmissão SimplesElemento chave omitido da estrutura superficialda frase.- Estou preocupado!- Está preocupado com o quê?
    • OmissãoComparaçõesReferência não explícita na estrutura superficial.- O novo sistema é muito lento!- Muito lento comparado a quê?
    • OmissãoPessoas ou coisas não especificadasSubstantivo ou objeto não especificados.- Acabaram com a nossa equipe!- Quem, especificamente, acabou com a equipe?
    • OmissãoAções não especificadasDetalhes da ação ou da relação não definidos.- A solução entregue precisa ser melhorada!- Como devemos melhorar?
    • Omissão“Coisificação”Referência a uma ação ou processo como umacoisa ou evento.- O problema foi a falta de planejamento!- Planejar o quê? Quem deveria ter planejado?Como deveríamos ter planejado? .  
    • Distorção  
    • DistorçãoPressuposiçãoAlgo cuja aceitação se faz necessária paraentender uma frase.- Como você não nos deixa alternativas,precisamos partir para a briga.Pressuposto: Não há alternativas- Quem disse que não há alternativas?
    • DistorçãoAutoria OcultaUma afirmação com um julgamento de valor quenão menciona quem fez o julgamento nem comofoi feito.- Esse é o único jeito de se resolver a situação.- Como você sabe que é o único jeito?
    • DistorçãoLeitura da MenteDizer que sabe qual é a experiência interna dealguém.- Ninguém escuta minhas ideias!- Como você sabe que ninguém te escuta?
    • DistorçãoSignificadosQuando duas experiências diferentes são postascomo tendo o mesmo significado.- Ele é um incompetente. Ele está sempreatrasado!- Como o fato dele chegar atrasado significa queele seja incompetente?
    • DistorçãoCausa-EfeitoUma ligação de causa e efeito entre umdeterminado estímulo e uma resposta ouexperiência.- Esse projeto não vai dar certo se utilizarmosmetodologia cascata!- Como o fato de utilizarmos metodologia cascataimplica este projeto de não dar certo?
    • Como  u"lizar  o  metamodelo?  
    • Dicas  para  usar  •  Tente  iden"ficar  o  padrão  que  mais  se  repete   no  discurso  da  outra  pessoa.  •  Use  rapport  quando  está  fazendo  perguntas.  •  Embora  sejam  chamados  de  “desafios  a  uma   violação  do  metamodelo”,  as  perguntas  não   visam  um  ataque!  •  Fale  em  um  tom  de  voz  suave  e  ritmo  mais   lento.  
    • Dicas  para  usar  •  É  metamodelo  e  não  meta  confusão.  •  Para  amenizar  as  perguntas  u"lize  frases   como:   –  Estou  querendo  saber  …   –  Você  pode  me  dizer  …   –  Estou  curioso  para  saber  …  •  De  vez  em  quando  repita  o  que  o  outro  diz   recapitulando  com  as  mesmas  palavras  que  a   outra  pessoa  usou.