Inatismo Ambientalismo
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Inatismo Ambientalismo

on

  • 31,601 views

Inatismo X Ambientalismo

Inatismo X Ambientalismo

Statistics

Views

Total Views
31,601
Views on SlideShare
31,136
Embed Views
465

Actions

Likes
2
Downloads
148
Comments
1

6 Embeds 465

http://faculdadeonline.googlepages.com 321
http://www.slideshare.net 101
https://jujo00obo2o234ungd3t8qjfcjrs3o6k-a-sites-opensocial.googleusercontent.com 25
http://jujo00obo2o234ungd3t8qjfcjrs3o6k-a-sites-opensocial.googleusercontent.com 16
http://74.125.47.132 1
http://www.ead.ufu.br 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Inatismo Ambientalismo Inatismo Ambientalismo Presentation Transcript

  • Inatismo
  • Nada depois do nascimento é importante, visto que o homem já nasce pronto, incluindo a personalidade, os valores, os hábitos, as crenças, o pensamento, a emoção e a conduta social.
  • O ser humano, concebido como biologicamente determinado, remete a uma sociedade harmônica, hierarquizada, que impossibilita a mobilidade social.
  • Na educação, esta concepção tem erroneamente levado a atitude de esperar que alunos ‘amadureçam naturalmente’, ou, mais grave ainda, de não esperar muito daqueles que por herança genética ou cultural não apresentam bom prognóstico. Afinal, se ‘filho de peixe peixinho é’ e ‘pau que nasce torto morre torto’ mesmo, para que tentar ?
  • Ambientalismo
  • Essa concepção, derivada da corrente filosófica empirista que valoriza a experiência sensorial como fonte de conhecimento, contrapõe-se à visão inatista por acreditar que o desenvolvimento do homem resulta das forças do ambiente que funcionam como estímulos para ele, e das experiências que ele vive.
  • O homem é visto como “uma tábula rasa” que vai acumulando conhecimentos a partir das sensações e das experiências que lhe ocorrem.
  • A aprendizagem, assim, é concebida como um processo de experiência e também como o resultado da experiência vivida pelo sujeito em seu contato com o meio.
  • Essa concepção vai ser fortemente defendida e difundida pelo Behaviorismo, e veremos, mais adiante, as repercussões disto na teoria da aprendizagem formulada por essa corrente teórica.