Como fazer pesquisa com usuários gastando (quase) nada
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Como fazer pesquisa com usuários gastando (quase) nada

on

  • 1,765 views

Palestra realizada no evento B2S - Business to Startups, realizado pela ABStartups. Nessa apresentação, Paulo Floriano, co-founder da Neue Labs, fala sobre a validação com usuários e como ...

Palestra realizada no evento B2S - Business to Startups, realizado pela ABStartups. Nessa apresentação, Paulo Floriano, co-founder da Neue Labs, fala sobre a validação com usuários e como utilizar os conceitos de Lean UX para executar pesquisas velozes
a baixo custo.

Statistics

Views

Total Views
1,765
Views on SlideShare
1,405
Embed Views
360

Actions

Likes
10
Downloads
28
Comments
1

6 Embeds 360

http://meninaempreendedora.com.br 171
http://www.ibrahimcesar.com 147
http://1001gatos.org 26
http://raissaklain.com 14
https://twitter.com 1
http://ibrahimcesar.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Como fazer pesquisa com usuários gastando (quase) nada Como fazer pesquisa com usuários gastando (quase) nada Presentation Transcript

  • É VALIDANDO QUESE EMPREENDECOMO FAZER PESQUISACOM USUÁRIOS GASTANDOPAULO FLORIANONEUE LABSquase NADA
  • BOM DIA :)Esta apresentação estará em bit.ly/neuelabs
  • Peter Thiel, PayPal Kevin Systrom, Instagram Brian Chesky, AirbnbMarissa Mayer, Yahoo! Jason Fried, 37 SignalsJack Dorsey, Twitter & Square
  • Latino, autor de Festa no Apê
  • A PESQUISAE VALIDAÇÃO COMUSUÁRIOS É PARTEESSENCIAL DOMOVIMENTO lean startup,ASSIM COMO DAexperiência do usuário (UX)
  •  Trata de resolver problemasreais das pessoas Precisa estruturar conceitosrapidamente Precisa sair do prédioLEANSTARTUPEXPERIÊNCIADO USUÁRIO Essa é a essência do nossotrabalho Somos bons em rabiscar eprototipar Somos especialistas em estruturarpesquisas com usuários}
  • ENTÃOPOR QUE ASSTARTUPS NÃOAPLICAM UX?
  • custam carosão demoradossão complexosPROJETOSDEEXPERIÊNCIADO USUÁRIO }
  • AQUI DEVERIA VIR UMSLIDE DIZENDO QUEESTAS COISAS NÃO SÃOVERDADE.
  • AQUI DEVERIA VIR UMSLIDE DIZENDO QUEESTAS COISAS NÃO SÃOVERDADE. MAS NÃO VEM.
  • A DISCIPLINA DE UX EVOLUIUMUITO DESDE SEU INÍCIO,MAS CRIOU UM CENÁRIOBEM ESPECÍFICO: Foco excessivo nos entregáveis aprimorados ao longo dos anos Superespecialização nas funções Alta necessidade de controle sobre o processo
  • NADA MAIS JUSTO DO QUERECOMPENSAR ACOMUNIDADE DE UX PORSUA CONTRIBUIÇÃO.
  • RECOMPENSE-OSCOM UM ABRAÇO.
  • RECOMPENSE-OSCOM UM ABRAÇO.NÃO COM PROJETOSEXCESSIVAMENTE CAROS,COMPLEXOS E SEMCOLABORAÇÃO.
  • CHEGOU A HORA DE AEXPERIÊNCIA DO USUÁRIOFICAR LEAN.
  • LEAN UXSIGNIFICA REDUZIRO DESPERDÍCIO.MENOS FOCO NOSENTREGÁVEIS E MAISFOCO NOS RESULTADOS.
  • COMO FAZER PESQUISACOM USUÁRIOS like a proGASTANDO quase NADA?
  • 1. DEFINA SEU OBJETIVO2. DEFINA SEU PÚBLICO3. DEFINA O QUE SERÁ PESQUISADO4. ESCOLHA O MÉTODO MAIS ADEQUADO5. PLANEJE A EXECUÇÃO6. AVALIE OS RESULTADOS
  • 1. DEFINA SEU OBJETIVO Validar Descobrir Mensurar Ideia Protótipo Produto}
  • 2. DEFINA SEU PÚBLICO Usuários reais Família e amigos não contam (eles vão querer ser legais com você) Seis pessoas é suficiente, mas um é melhor que nenhum O número limite depende diretamente da sua satisfação com osfindings Se você já tem um produto, ouça seus clientes insatisfeitos
  • 3. DEFINA O QUE SERÁ PESQUISADO Quanto mais segmentado, melhores são os resultados (validar oconceito, testar um fluxo ou um determinado elemento de interface) Protótipos mais crus (em papel mesmo) são bons para validarconceitos e estimulam a colaboração dos usuários
  • 4. ESCOLHA O MÉTODO MAIS ADEQUADO O método depende do estágio do produto, o que se espera deresultado e o perfil do público.
  • ENTREVISTASOBSERVAÇÃO
  • DESIGN CONCEPTWALLPROTOSKETCHING
  • MOOD BOARDS TESTES COMPROTÓTIPO EMPAPEL
  • TESTESREMOTOS OUNÃO MODERADOS
  • TESTE DOS5 SEGUNDOSTESTEDE MEMÓRIA
  • E muito mais: Questionários Diários de bordo Testes A/B Heatmaps
  • 5. PLANEJE A EXECUÇÃO Pense bem nas perguntas (sh*t in, sh*t out) O tempo por pessoa pode variar de 5 minutos a 1 hora, dependendo dométodo e do contexto Recompensa é algo importante pois cria equilíbrio no processo. O valorda recompensa, no entanto, pode ser simbólico. Estabeleça confiança desde o início. Crie um termo e forneçainformações de contato verificáveis Deixe claro que é o produto que está sendo testado, não o usuário Não diga que o produto é seu. As ficam pessoas são mais cuidadosas. Peça para eles desenharem e desenhe com eles.
  • 6. AVALIE OS RESULTADOS Diferencie padrões de fenômenos - estes levam a novas verificações Priorize os issues por frequência Estabeleça um processo de decisão rápido, pensando na incorporaçãodos resultados ao projeto
  • ALGUMAS DICAS Tenha consciência de que você está fazendo algo não tão estruturado eos resultados refletirão isso O processo não é constituído uma grande vitória, mas de váriaspequenas delas Regra básica: algum é melhor do que nenhum Conheça bem as regras para poder quebrá-las de maneira consciente
  • OBRIGADO!paulo.floriano@neuelabs.com@prflorianoneuelabs.comUX para empresas que pensam lean