Padrões em projetos de UX: alinhando a comunicação e                                 aumentando a produtividade           ...
vocabulário	   comum	   para	   call	   to	   action,	   nomes	   de	   seções	  e	   outros	   elementos	   utilizados	  ...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Padrões em projetos de UX: alinhando a comunicação e aumentando a produtividade

527

Published on

Artigo escrito por Paulo Floriano, co-founder da Neue Labs, sobre a importância da padronização e dos direcionamentos gerais para produção de protótipos.



Published in: Design
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
527
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
6
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Padrões em projetos de UX: alinhando a comunicação e aumentando a produtividade

  1. 1. Padrões em projetos de UX: alinhando a comunicação e aumentando a produtividade Paulo Floriano (texto publicado no site www.paulofloriano.com.br)Como   normalmente   lidamos   com   cronogramas   bem   1.   Analise   toda   a   documentação   existente.   Não   deixe  apertados,  às  vezes  passamos  batido  por  uma  etapa  que   para   analisar   os   documentos   conforme   o  é   super   importante   em   todo   projeto   de   UX/design   de   desenvolvimento  do  trabalho  for  realizado.  interação:  a  definição  de  padrões.   2.   Se   for   um   redesenho,   dê   uma   olhada   no   estado   atual  Não   vou   entrar   aqui   na   questão   protótipos   de   alta   do  produto.  Ele  pode  dar  algumas  dicas  de  padrões  que  fidelidade   vs.   protótipos   de   baixa   fidelidade   vs.   rapid   a   definição   será   necessária,   mesmo   que   possam   ser  prototyping.   Por   mais   ágil   que   seja   a   sua   abordagem,   alterados  depois.  Antecipe  a  discussão.  você   precisa   de   padrões   para   manter   a   consistência   da  experiência  do  usuário  com  o  produto.   3.   É   importante   definir   qual   o   grid   mais   adequado   desde   o  início  do  projeto.  É  com  base  nele  que  todos  os  demais  Já   vi   equipes   desprezando   esta   etapa   para   ganhar   elementos  serão  construídos.  tempo,   e   por   considerá-­‐la   um   pouco   “burocrática”.   No  fim   das   contas,   acabaram   tendo   muito   retrabalho   e   o   4.   Comece   olhando   para   as   áreas   mais   comuns   do  tempo   que   deveria   ter   sido   economizado   acabou   sendo   produto.   Por   exemplo,   em   um   site,   comece   definindo  gasto   com   refações   e   discussões   tardias   de   questões   que   padrões   para   os   elementos   do   cabeçalho   e   rodapé.  deveriam  ter  sido  abordadas  no  início  do  projeto.   Outras  seções  comuns  são  contato,  mapa  do  site  e  busca.  O   ideal   é   ter   uma   discussão   profunda   sobre   quais   são   os   5.  Pense  também  em  elementos  reutilizáveis  ao  longo  do  direcionamentos  gerais  para  produção  dos  protótipos  e   projeto.  Alguns  mais  comuns  são:  estilos  de  texto  (texto  que   padrões   devem   ser   adotados,   antes   da   equipe   normal,   títulos,   subtítulos,   etc.),   estilos   de   link,   botões  colocar   a   mão   na   massa.   Esses   direcionamentos   devem   (ações   primárias,   secundárias,   terciárias),   estilo   de  ser   consolidados   em   um   documento   (ou   em   vários   parágrafo   (entrelinhas,   indentação,   etc.),   tabelas,   boxes  documentos,   ou   em   um   site   ou   wiki)   e   compartilhado(s)   de   apoio,   modais/lightboxes/pop-­‐ups,   breadcrumbs,  com  a  equipe.  Os  padrões  devem  ser  transformados  em   etc.  uma   biblioteca   templates,   com   guidelines   de   utilização.  Se  você  fizer  tudo  isso  BEM  direitinho,  o  resultado  final   6.   Se   o   produto   contém   formulários,   é   importante   gastar  deve  ficar  assim,  assim,assim,  assim  ou  assim.   um   tempo   pensando   em   quais   as   abordagens   de   construção.   Deve-­‐se   definir   desde   questões   como   tipo,  Como   nem   sempre   essa   discussão   profunda   é   possível,   estilo   e   tamanho   de   campos,   alinhamento   (labels   à  ao   menos   a   equipe   deve   conversar   sobre   quais   são   os   esquerda,   alinhados   à   direita   ou   acima   dos   campos),  principais   padrões   a   serem   adotados,   e   ir   ao   longo   do   inline  help  e  tooltips,  campos  obrigatórios,  alinhamento  processo   desenvolvendo   e   comunicando   novos   de   botões,   até   questões   como   adoção   de   progressive  guidelines.   Essa   abordagem   exige   um   pouco   mais   de   disclosure,  passo-­‐a-­‐passo  e  mensagens  de  erro/sucesso.  atenção   para   o   surgimento   de   novos   padrões,   e  comprometimento  para  que  eles  sejam  consolidados  na   7.   Se   o   produto   possui   interações   do   tipo   transição,   é  biblioteca.   importante   definir   quais   serão   os   padrões   (fade,   slide,   expansão,  etc.)  e  quando  devem  ser  utilizados.  Independente   da   abordagem,   seguem   algumas   dicas  para  uma  boa  definição  de  padrões  de  projeto:   8.   Um   dos   itens   mais   importantes   em   todo   projeto   é   a   questão   dos   rótulos.   É   imprescindível   criar   um    
  2. 2. vocabulário   comum   para   call   to   action,   nomes   de   seções  e   outros   elementos   utilizados   ao   longo   da   construção   do  produto.  Dentro  desse  vocabulário,  também  vale  a  pena  criar  uma  seção  para  ícones  –  quais  são,  o  que  significam  e  em  que  situações  devem  ser  utilizados.  Independente   de   como   esse   processo   é   realizado   ou  entregue,   o   que   importa   mesmo   é   que   essas   regras   e  boas   práticas   sejam   amplamente   comunicadas   e  corroboradas  por  toda  a  equipe.  Ela  tem  um  papel  super  importante  nisso  tudo,  que  é  o  de  validar  e  melhorar  os  padrões   existentes   e   sugerir   novos   sempre   que  necessário.   *  *  *  

×