   Atividades disparadoras para a formulação de    perguntas…     navegação em sites com imagens, animações e simulações ...
Nessa metodologia, o professor formador atua como umpossibilitador da aprendizagem e provocador de transformações,usando, ...
   Categoria I: Nessa categoria incluímos as intervenções dos    docentes que buscam incentivar as “explorações” de ideia...
   Categoria V: Oferecimento de informações e sugestões de leituras,    bibliografias e utilização de materiais de apoio....
 http://amora2011videogame.pbworks.c  om/w/page/39057765/relatorio%20gusta  vo http://amora2011ciencias.pbworks.com/  w/...
   http://agua2008.pbworks.com/w/page/154    5797/Relat%C3%B3rio   http://anshturma3301.pbwiki.com   http://projetofami...
 http://amora2011videogame.pbworks.com  /w/page/39057765/relatorio%20gustavo http://professorjoaogiglio.pbworks.com/w/  ...
 http://proavirtualg61.pbworks.com/w/p  age/18677509/FrontPage http://proavirtualg62.pbworks.com/w/p  age/18677582/Front...
 NEVADO, Rosane A.; CARVALHO, Marie  Jane S.; BORDAS, Merion C. Licenciatura  em Pedagogia a Distância: anos iniciais  do...
Oficina de projetos
Oficina de projetos
Oficina de projetos
Oficina de projetos
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Oficina de projetos

439

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
439
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Oficina de projetos

  1. 1.  Atividades disparadoras para a formulação de perguntas… navegação em sites com imagens, animações e simulações de fenômenos naturais; observação de globos terrestres, mapas no chão, fotos tiradas por satélites; vídeos sobre vida animal, vegetal, com diferentes povos e culturas; documentários sobre diferentes ecossistemas; análise de jornais do dia; vídeos interessantes do YouTube (selecionados pelos professores e pelos alunos); livros de diferentes campos do conhecimento e de literatura; jogos lógicos; navegação em blogs e wikis de alunos de idades semelhantes; participação em fóruns interessantes ou chat com outras escolas; desafios no pátio (“Quem chega primeiro?” Quem é o mais veloz? Por quê?), salas de desafios relacionados a campos diferenciados (como se pode medir uma piscina? Como podemos representar tal situação?); experiências em laboratório de ciências; entrevistas combinadas entre eles; saídas de campo para observar o entorno da escola, outras comunidades, visitas a planetários, museus e mais.
  2. 2. Nessa metodologia, o professor formador atua como umpossibilitador da aprendizagem e provocador de transformações,usando, para tal, duas estratégias interdependentes ecomplementares: Estratégias de problematização e provocação: o professor[...] age de forma a convidar os alunos à reflexão aprofundada e crítica sobre os pressupostos e as práticas convencionais, as crenças, os valores etc.. (a verticalidade das relações, a transmissão, etc.). Estratégias de apoio à reconstrução: a estratégia de problematização é complementada por uma função de apoio às reconstruções. Se o docente intervém no sentido de problematizar, ele também age no sentido de incentivar e apoiar a aprendizagem. (NEVADO, CARVALHO e BORDAS, 2006, p. 25)
  3. 3.  Categoria I: Nessa categoria incluímos as intervenções dos docentes que buscam incentivar as “explorações” de ideias, de recursos tecnológicos e de ações práticas desenvolvidas, promovendo reflexões sobre essas ações e pensamentos. Categoria II: Nessa categoria estão inseridas as intervenções que contrapõem diferentes ideias e, dessa forma, pretendem que sejam realizadas reflexões e análises comparativas entre elas. Essa categoria coloca à prova o nível de estabilidade das ideias apresentadas pelos alunos. Categoria III: Intervenções com solicitações de esclarecimentos e justificativas. Essas intervenções têm como objetivo principal a análise ou reflexão acerca da coerência entre as ideias formuladas no sentido de sua “depuração”. As justificativas servem também à análise e testagem do grau de estabilidade de uma ideia apresentada. Categoria IV: Propostas de atividades-desafio e procedimentos incentivando as experimentações, as explorações.
  4. 4.  Categoria V: Oferecimento de informações e sugestões de leituras, bibliografias e utilização de materiais de apoio. Essas intervenções visam apoiar as construções dos alunos, disponibilizando um acervo de informações e materiais diversificados. Categoria VI: Apresentação de conteúdos segundo uma postura interpretativa perante a teoria. Esse tipo de intervenção tem como objetivo colocar em circulação ideias teóricas que possam ampliar a discussão. Considerando que os docentes assumem uma postura não diretiva, essas ideias não são apresentadas como verdades, ficando explicitado que se trata de postura interpretativa do docente frente aos conceitos e ideias. Categoria VII: Essa categoria abarca as intervenções que provocam a inclusão de novos sujeitos na interação, acolhem e incentivam a participação, facilitando o entrosamento desses sujeitos e a fluência das interações. Categoria VIII: essa categoria compreende as intervenções que se orientam à criação de ambiente acolhedor, enquanto aceitação dos erros e ansiedades. Juntamente com a categoria VII, situa-se numa política de acolhimento e inclusão. (NEVADO; CARVALHO; BORDAS, 2006, p.26-27)
  5. 5.  http://amora2011videogame.pbworks.c om/w/page/39057765/relatorio%20gusta vo http://amora2011ciencias.pbworks.com/ w/page/38763329/Helo%C3%ADsa http://amora2011ciencias.pbworks.com/ w/page/38671870/William http://amora2011imamotoreletrico.pbw orks.com/w/page/42227575/FrontPage
  6. 6.  http://agua2008.pbworks.com/w/page/154 5797/Relat%C3%B3rio http://anshturma3301.pbwiki.com http://projetofamiliaturma3301.pbwiki.com http://aimportanciadasaude.pbwiki.com http://projetomeioambiente.pbwiki.com http://trabalhoeducacional3301.pbwiki.co m
  7. 7.  http://amora2011videogame.pbworks.com /w/page/39057765/relatorio%20gustavo http://professorjoaogiglio.pbworks.com/w/ page/38595421/%C3%8DNDICE%20DE%20O RIENTANDOS http://professorjoaogiglio.pbworks.com/w/ page/38595640/THIAGO- P%C3%81GINA+INICIAL http://professorjoaogiglio.pbworks.com/w/ page/38595685/ISADORA+- +P%C3%81GINA+INICIAL
  8. 8.  http://proavirtualg61.pbworks.com/w/p age/18677509/FrontPage http://proavirtualg62.pbworks.com/w/p age/18677582/FrontPage http://www.din.uem.br/ia/neurais/ http://proavirtualg66.pbworks.com/w/p age/18678169/FrontPage
  9. 9.  NEVADO, Rosane A.; CARVALHO, Marie Jane S.; BORDAS, Merion C. Licenciatura em Pedagogia a Distância: anos iniciais do Ensino Fundamental - Guia do Professor. Porto Alegre: UFRGS, 2006. Projeto Amora http://amora.cap.ufrgs.br/ http://www.ufrgs.br/projetoamora/projet os/1a.-edicao-de-projetos-de-2011

×