Apresentação PAP (prova de aptidão profissional) Técnico de analises laboratoriais - Prodrução de Biodisel
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Apresentação PAP (prova de aptidão profissional) Técnico de analises laboratoriais - Prodrução de Biodisel

on

  • 1,994 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,994
Views on SlideShare
1,994
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
18
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Apresentação PAP (prova de aptidão profissional) Técnico de analises laboratoriais - Prodrução de Biodisel Apresentação PAP (prova de aptidão profissional) Técnico de analises laboratoriais - Prodrução de Biodisel Presentation Transcript

  • TRABALHO PROJETO PAP Obtenção de Biodiesel a partir de óleos Alimentares usados Elaborado por : Christopher Furtado nº7305 12ºL (Prova de Aptidão Profissional)
  • Tema: Produção de biodiesel a partir de óleos alimentares usados.  Elaboração de um protocolo Experimental. Objetivos:  Produzir biodiesel a partir de óleos alimentares usados;  Abordar o Tema Biodiesel; Atividades a desenvolver:  Produzir biodiesel a partir de óleos alimentares usados.
  • Cronograma das Atividades: Primeiros 18 Tempos (Tema inicial – Evaporador rotativo) 3 Tempos – Montagem do aparelho 6 Tempos – Elaboração do procedimento 3 Tempos – Planificação detalhada 3 Tempos – Aprendizagem do seu funcionamento
  • Cronograma das Atividades: Restantes 37 Tempos (Segundo Tema – Produção de Biodiesel a partir de óleos Alimentares Usados 3 Tempos – Elaboração do procedimento 3 Tempos – Pesquisa acerca de conceitos relacionados com o biodiesel 3 Tempos – Aprendizagem do processo de produção de biodiesel 6 a 8 tempos – Atividade Experimental 6 Tempos – Realização do relatório final 3 Tempos – Finalização das atividades 6 Tempos – Realização do trabalho final
  • – O que é? • Denomina-se Bio pois é um combustível de origem natural renovável (pois é produzido a partir de óleos vegetais, óleos de cozinha usados ou gorduras animais, isto é, de biomassa.) • O biodiesel é um combustível não tóxico, biodegradável e renovável. • E diesel pois pode ser usado em motores de compressão/ignição, isto é, motores Diesel, sem qualquer tipo de modificação adicional,
  • Biodiesel – Como se obtém? • A matéria-prima para a produção de biodiesel são os lípidos orgânicos, tais como os óleos vegetais, novos ou usados, as gorduras animais, resíduos industriais e esgotos sanitários. • A matéria-prima começa por sofrer um tratamento de purificação. De seguida, a matéria-prima é tratada segundo o processo de transesterificação.
  • Biodiesel – Processo de Transesterificação: • A glicerina torna o óleo mais denso e viscoso. • Consiste na separação da glicerina dos óleos vegetais para a obtenção do biodiesel. • Durante o processo de transesterificação, a glicerina é removida do óleo vegetal, deixando o óleo mais fino e reduzindo a viscosidade. Após a reação obtém-se a glicerina e o Biodiesel).
  • Processo Químico da Transesterificação:
  • Reação de Transesterificação:
  • Produção de glicerina como subproduto da produção do biodiesel: • A glicerina produzida na reação de transesterificação encontra-se contaminada principalmente por mono e diglicerídeos, sabão, metanol, água e catalisador. • Assim, a glicerina obtida na transesterificação pode sofrer apenas uma neutralização ácida e ser enviada para armazém. • Pode passar também por uma refinação através de uma destilação, seguida por um tratamento em carvão ativado para cumprir as especificações.
  • Utilizações da Glicerina: Aplicações % do consumo global Cosmética / Detergentes / Farmacêutica 28% Resinas 6% Alimentares e Bebidas 8% Poliglicerois 12% Tabaco 3% Filmes de Celulose 5% Esteres 13% Papel 1% Revenda 14% Outras 10%
  • Para que serve o Biodiesel? • A principal aplicação do Biodiesel é a de combustível automóvel,  Devido à sua característica lubrificante pode ser utilizado como óleo de limpeza para peças e máquinas;  Servir de solvente de tintas;  No funcionamento de fornos, de aquecedores e de lanternas. • Outras aplicações além de combustível:
  • Impacto ambiental do Biodiesel: • Uma das vantagens associada à utilização de combustíveis renováveis, ou biocombustíveis, estão relacionadas com a redução nas emissões de gases nocivos para o ambiente. Sendo o biodiesel uma energia renovável.
  • Alguns aspetos importantes para o nosso ambiente: • das emissões do monóxido de carbono (CO); • das emissões de partículas (MP); • grande parte dos hidrocarbonetos tóxicos, que apresentam potencial cancerígeno. • dos hidrocarbonetos totais (HC); • do óxido de enxofre (SOx); Aumento: • das emissões de óxidos de azoto (NOX). Redução:
  • Efeito do biodiesel em relação às emissões de gases tóxicos:
  • Vantagens e inconvenientes da utilização de Biodiesel: • É uma fonte de energia renovável; • É biodegradável; • Não é tóxico; • Reduz a poluição atmosférica, nomeadamente em relação a óxidos de enxofre; • Criação de mais postos de trabalho no sector primário da economia, diminuindo assim a desertificação dos meios rurais; Vantagens:
  • • Degradação de recursos naturais decorrente da monocultura focada nesses vegetais, o que comprometeria a biodiversidade local. Vantagens e inconvenientes da utilização de Biodiesel: Desvantagens: • O uso do metanol na produção de biodiesel. O metanol é um álcool tóxico, venenoso e de origem fóssil; • Aumento das emissões de óxidos de azoto; • Custos de produção pouco competitivos (embora o preço se tenha tornado cada vez mais competitivo com o avanço das tecnologias de produção de biodiesel); • Viscosidade um pouco acima do diesel convencional, sendo necessários pequenos ajustes nos motores;
  • Produção de Biodiesel em 2010:
  • Protocolo Experimental Produção de Biodiesel a partir de óleos Alimentares Usados (OAU):
  • • Os produtos químicos utilizados neste processo são perigosos e exigem extremo cuidado na sua manipulação, deve-se utilizar equipamentos de proteção como luvas, óculos, e máscara. Protocolo Experimental: Hotte • A mistura do metanol com Hidróxido de Sódio forma uma base muito forte chamada metóxido de sódio e é extremamente corrosiva, além de produzir gases tóxicos, como tal é necessário trabalhar numa Hotte. Perigo:
  • Diagrama da Produção de Biodiesel: Óleo Alimentar usado (OAU) Filtração a pressão Reduzida Transesterificação Glicerina Biodiesel NaOH (Hidróxido de Sódio) Metanol Metóxido
  • Descrição da Atividade Realizada: Metanol + Óleo + NaOH  Mistura do Metanol e hidróxido de sódio com o óleo a uma temperatura constante de 60ºC.
  •  Colocação da mistura numa ampola de decantação; Descrição da Atividade Realizada:  Passados alguns minutos já se notava alguma separação.
  • Biodiesel Glicerina  Resultado obtido depois da Decantação; Descrição da Atividade Realizada:  A Separação do Biodiesel e da Glicerina é evidente.
  • Descrição da Atividade Realizada: Biodiesel Água da lavagem  Lavagem do Biodiesel com água,
  • Descrição da Atividade Realizada: Sub produto Glicerina Biodiesel  Aspeto dos produtos Obtidos:
  •  Medição das densidades através de massa e volume. Descrição da Atividade Realizada: Biodiesel
  • Registo de Resultados: Densidade tabelada Biodiesel 0,892 g/ml até 0,900 g/ml (a 15ºC) Glicerina 1,2613 g/ml (a 20ºC)  Registo tabelado de Densidades para comparação:
  • Registo de Resultados: 1º Ensaio 1,26 g/ml 2º Ensaio 1,05 g/ml 3º Ensaio 1,99 g/ ml Densidade da glicerina obtida igual à tabelada  Densidades da Glicerina:
  • Registo de Resultados: 1º Ensaio 0,893 g/ml 2º Ensaio 0,875 g/ml 3º Ensaio 0,875 g/ ml  Densidades do Biodiesel: Densidade do Biodiesel obtida muito próxima da tabelada
  • Comentários referentes aos valores obtidos: Ambos os Valores obtidos da Glicerina como os do Biodiesel foram concordantes com os tabelados; 1º Ensaio: 2 e 3º Ensaios: Os valores da glicerina e do Biodiesel obtidos não foram concordantes com os tabelados.
  • Comentários referentes aos valores obtidos: • No 2º e 3º Ensaio o que pode ter corrido mal: A temperatura de mistura do metóxido ( Hidróxido de Sódio + metanol) com o óleo pode ter ultrapassado os 60 °C; Um volume de óleo ou dos Reagentes mal gerido;
  • Conclusão/Apreciação: • Através deste trabalho conclui que o processo de produção de Biodiesel não é tão complicado como pensava, pois este até é produzido de uma forma simples e sem grandes custos monetários. • Em suma posso dizer que esta atividade para a Pap serviu para reforçar os conhecimentos adquiridos ao longo do ano. • O critério utilizado para avaliar a qualidade do biodiesel foi o tempo que este demorou a separa-se da água (cerca de uma hora). Através desse critério e dos registos de densidades pude concluir que consegui produzir um Biodiesel com alguma qualidade apesar de não ter passado por um processo mais rigoroso de lavagem.
  • Bibliografia e Webgrafia: Este Trabalho foi elaborado com ajuda de informações retiradas dos seguintes locais: • Manuais de F.Q de 12 ano • http://www.infopedia.pt/$glicerina • http://pt.wikipedia.org/wiki/Glicerol • http://quimica.dicas.zip.net/ • http://www.e-defender.com.br/artigos-5.php