APOSTILA_GEOGRAFIA_VESTIBULAR_2
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

APOSTILA_GEOGRAFIA_VESTIBULAR_2

on

  • 22,143 views

 

Statistics

Views

Total Views
22,143
Views on SlideShare
22,137
Embed Views
6

Actions

Likes
7
Downloads
561
Comments
0

1 Embed 6

http://murielpintogeografia.blogspot.com 6

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

APOSTILA_GEOGRAFIA_VESTIBULAR_2 APOSTILA_GEOGRAFIA_VESTIBULAR_2 Document Transcript

  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com GEOGRAFIA ELABORAÇÃO MATERIAL Autor: Muriel Pinto * Licenciado em Geografia. * Consultor Turístico e Patrimonial. E-mail: murielpinto@yahoo.com.br Blog : http:// murielpintogeografia.blogspot.com Fone: 055-99145468 1
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com SUMÁRIO Temática 1 Solos___________________________________ 3 ____ Temática 2 Climas__________________________________ 6 __ Temática 3 Vegetação_______________________________ 16 ___ Temática 4Temátic Hidrografia______________________________ 22 Temática 5 Problemas ambientais_____________________ 27 Temática 6 População_______________________________33 _____ Temática 7 Urbanização Global_______________________ 44 2
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Temática 1 SOLOS O solo pode ser descrito como a camada superficial da crosta terrestre = composto de materiais minerais eorgânicos.Pedologia: Ciência que estuda os solos = representados por mapas pedológicos.Constituição dos solos Minerais, matéria orgânica, água e ar.FATORES DE FORMAÇÃO DOS SOLOSMaterial de origem: Intemperismo: Cada tipo de rocha dá origem a um tipo de solo diferente (desintegração de rochas). Decomposição de materiais orgânicos animais e vegetais (origina o húmus = feritilidade aos solos).Solos de diversos tipos formam-se a partir da ação de vários fatores climas, vento, águas correntes, topografia, vegetação Solos jovens (litossolos) = mais rasos. Solos velhos (podizólicos) = mais profundos. Solos no Brasil: Massapé: solo escuro e orgânico (oriundo da decomposição do granito = Estado de São Paulo) ou (da decomposição do calcário= Nordeste) Horizontes ou camadas do solo 3
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Degradação dos solos ANOTAÇÕES: Compactação do solo 4
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com TESTES – TEMÁTICA 11 (UFSM – 2005)O mapa sinaliza as áreas em que acontecem sérios impactos causados pela perda de solos na agricultura.Sobre esses impactos, é possível afirmar:I. Ocorrem principalmente na zona tropical do planeta.II. As perdas de solo pela erosão variam em intensidade, de acordo com o uso da terra, mas algumas culturas, como o café e o algodão,causam maior dano.III. A perda de milhares de toneladas de solo agricultável torna-se,todos os anos, um problema a ser enfrentado pela economia agrícola,principalmente nos países do Sul, que são mais afetados por esses impactos.Está(ão) correta(s)a) apenas Ib) apenas II.c) apenas I e III.d) apenas II e III.e) I, II e III.2 (FURG – 2008/ Inverno) Entre as causas da degradação dos solos é INCORRETO citarA) a salinização.B) as queimadas.C) a laterização.D) a humificação.E) a compactação. 5
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Temática 2 CLIMAS Para entender o significado de clima, é importante distingui-lo de tempo atmosférico. Tempo Climas  Representa as condições atmosféricas de um  Sucessão habitual dos tipos de tempos num determinado lugar em um dado momento (condições determinado lugar = algo mais doradouro metereológicas) = num mesmo dia pode fazer vários tipos de tempos (ensolarado, nublado, chuvoso). De toda a radiação proveniente do sol, cerca de 30% é imediatamente refletida para o espaço, sem aquecer o planeta = essa porcentagem chama-se albeldo Albeldo: reflexão Montanha coberta de neve = reflete 90% dos raios solares. Deserto de areia= reflete 45%. Asfalto = reflete 5% dos raios solares (grande absoração).  No Equador, os raios solares percorrem uma distância menor e incidem perpendicularmente sobre a Terra (maior temperatura).  Nos pólos, os raios percorrem maior distância, com incidência muito inclinada (menor temperatura). ELEMENTOS E FATORES CLIMÁTICOS Temperatura Estado térmico do ar atmosférico, ou seja estado de “frio” ou de “calor” da atmosfera. A temperatura varia não apenas de um lugar para outro, mas também em um mesmo lugar no decorrer do dia(24 horas).Fatores responsáveis pela variação da temperatura: Latitudes, a altitude, a maritimidade,continentabilidade, distribuição dos oceanos e continentes da Terra, o relevo, as chuvas, os ventos, a vegetação,as correntes marítimas, a urbanização. Isotermas: são linhas que, em um mapa, unem os pontos de igual temperatura média. Média térmica: é a média aritmética das temperaturas (pode ser diária, mensal e anual). CONCEITOS Amplitude térmica: Diferenças das temperaturas máximas e minimas (anual, mensal e diária). BÁSICOS 6
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com A área continental do Hemisfério Norte é maior que a do Hemisfério Sul, o que com que, de maneira geral as oscilações térmicas naquele hemisfério sejam maiores do que as deste último (observe que o hemisfério norte apresenta verões mais quentes e invernos mais frios que os do Hemisfério Sul). Latitude Altitude  O calor é irradiado da superfície terrestre para* Variação da temperatura com a latitude deve-se cima.fundamentalmente à forma esférica da Terra(incidência dos raios solares).  Quanto maior à altitude mais rarefeito se torna o ar (menor irradiação de calor) = menor pressão atmosférica.* Temperatura diminui = Quanto maior for aslatitudes.* Temperatura aumenta = Quanto menor for aslatitudes.Maritimidade e ContinentabilidadeA maior ou menor proximidade de grandes massasde água exerce forte influência sobre a umidade doar e temperatura.Continentabilidade: áreas localizadas no interiordos continentes, distantes dos oceanos) = amplitudetérmica anual maior.- Áreas continentais (sólidas) aquecem e resfriamrapidamente.Maritimidade: áreas localizadas próximas aooceanos = amplitude térmica anual menor (bomequilíbrio térmico). ANOTAÇÕES: 7
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Fonte: MOREIRA, J,C. SENE, E. Geografia geral e do Brasil: espaço geográfico e globalização.São Paulo: Scipione, 2004.p. 94. Precipitações A chuva é a mais comum das precipitações. Chuva: Resulta do contato de uma nuvem saturada de vapor de água com uma camada de ar frio. Em geral estudaremos três tipos de chuvas: 1- Chuva Convectiva ou de verão  Resulta da ascenção vertical de ar;  Ocorrência: baixas latitudes (zona intertropical) = altas temperaturas.  É intensa (forte) e rápida. 2- Chuva frontal  Resulta do encontro de uma massa de ar frio (frente fria) com uma massa de ar quente ( frente quente).  Ocorrência: médias latitudes  É menos intensa e mais duradoura. Distribuição de chuvas 3- Chuva Orográfica ou de relevo Chuvas abundantes = regiões equatoriais  Resulta de um deslocamento horizonatal de ar, que Chuvas moderadas = regiões temperadas ao entrar em contato com com regiões elevadas (serras Chuvas fracas= regiões polares e montanhas), gera precipitações.  Ocorrência: áreas litorâneas. Ventos Vento é o ar atmosférico em movimento = o ar se move em virtude das diferenças de temperaturas e depressão entre diversos locais da Terra 8
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Direção e origem dos ventos ANOTAÇÕES: Zona de Baixa Zona de Alta Pressão Pressão Direção dos ventos Maior Menor temperatura temperatura Ventos Ciclonais Ventos anticiclonais Fonte: Elaborado pelo autor. Classificação dos ventosOs ventos são classificados em ventos constantes e ventos periódicos (sazonais). Particularmente estudaremos osperiódicos (brisa e monções). BRISAS: São ventos que atuam em áreas litorâneas = possuem relação importante para formação do climano litoral. Durante o dia: sopram do oceano para o Durante a noite: sopram do continente continente (brisa marítima). para o oceano (brisa continental) 9
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com MONÇÕES: São massas de ar que sopram no sul e no sudeste da Ásia = (são importantes para o cultivodo arroz na região). Sazonalidade das monções Monções de Inverno: ventos sopram do Monções de verão: ventos sopram do Oceano continente asiático (alta pressão) para Oceano Índico (alta pressão) para o continente asiático Índico (baixa pressão) = período seco. (baixa pressão) = chuvas importantes para o cultivo do arroz. Correntes Marítimas São porções de água que se deslocam pelos oceanos (possuem temperatura, salinidade e velocidadeprópias), causam grande influência no clima. A localização das áreas áridas e semi-áridas está condicionado principalmente pela presença de alguma corrente fria que provoca chuvas no oceano, fazendo com que as massas cheguem ao continente sem umidade.Fonte: COELHO, M, A. Geografia geral e do Brasil: espaço geográfico e globalização. São Paulo: Scipione, 2004.p. 95. 10
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Grandes tipos climáticos Fonte: Fonte: MAGNOLI, D. Geografia: a construção do mundo: geografia geral e do Brasil. São Paulo: Moderna, 2005.p. 86. ANOTAÇÕES: 11
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.comTIPOS DE CLIMASA grande diversidade verificada na conjunção dos fatores climáticos pela superfície do planeta dá origem a vários tipos de clima. EQUATORIAL TROPICAL DESÉRTICO (ÁRIDO) Ocorre na zona climática mais  Apresenta grande variação no  Elevada amplitude térmicaquente do planeta. comportamento de temperaturas e diária e sazonal. Possui temperaturas elevadas chuvas, possui seis modalidades  Baixos índices pluviométricos(média mensais de 25º C) (superúmido, úmido, semi-árido, (baixa umidade). Pequena amplitude térmica árido e hiperárido).anual.  O clima tropical típico Alto índice pluviomético apresenta duas características(chuvas). (verões=chuvosos e invernos=secos) TEMPERADO SUBTROPICAL MEDITERRÂNEO Destaca-se pelos contrastes  Domina as áreas de transição  Verões quentes e secos esazonais de temperaturas entre zonas intertropicais e invernos amenos e chuvosos.(verão=atuação das massas de ar temperadas.  Aparece na maior extensãodas latitudes tropicais) e  Apresenta verões quentes e na Europa Meridional.(inverno=atuação das massas das invernos amenos.altas latitudes). Amplitudes térmicas anuis sãoas maiores do globo. 12
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com SEMI-ÁRIDO FRIO POLAR FRIO DE MONTANHA  Suas terras ficam  Aparece na América  Dom isoladas das ações das do Norte e na Eurásia. latitude massas de ar pela   No presença de montanhas. aparece  Norte, hemisfé AntártidFonte: MAGNOLI, D. Geografia: a construção do mundo: geografia geral e do Brasil. São Paulo: Moderna, 2005.p. 88, 89,adaptado pelo autor. TESTES – TEMÁTICA 21 (UFSM- 2007)Entre as prováveis conseqüências do aquecimento global, estão a elevação do nível do mar, o aumento de freqüência eintensidade de tufões, ciclones e furacões e o maior número de incêndios florestais. Com base nos seus conhecimentos acerca dos fenômenosclimáticos atuais, assinale verdadeira (V) ou falsa (F) em cada uma das afirmações. ( ) O aquecimento médio da atmosfera é ainda mais intenso em anos de ocorrência do La Niña.Observe a figura. ( ) Embora seja um fenômeno natural, a inversão térmica é agravada nas grandes cidades, que absorvem e perdem rapidamente grande quantidade de calor. ( ) O “efeito estufa” consiste na retenção, na atmosfera, do calor irradiado pela superfície terrestre. Esse fenômeno é acelerado pelo aumento da concentração de gases como díóxido de carbono, CFC e Metano. ( ) Pela primeira vez na história do planeta, o aquecimento da atmosfera poderá resultar em um aumento do nível dos oceanos, com alagamento de muitas cidades litorâneas. ( ) A dinâmica das massas de ar poderá ser afetada pelo aumento da temperatura na Terra. A seqüência correta a) V-V-V-F-F. b) V-V-F-F-V. c) F-V-V-F-V. d) V-F-F-V-V. e) F-FV-V-F. 13
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com2 (UFSM – 2004) Analise a figura que correlaciona latitude, temperatura, pluviosidade e profundidade de alteração da rocha. De acordo com a figura, é correto afirmar que, a) quanto menores as latitudes e maiores os valores da pluviosidade e da temperatura, mais profunda é a alteração da rocha. b) quanto maiores as latitudes e maiores os valores da pluviosidade e da temperatura, menos profunda é a alteração da rocha. c) quanto menores as latitudes e menores os valores da pluviosidade e da temperatura, maior é a profundidade de alteração da rocha. d) quanto menores a latitude e a pluviosidade e. maior a temperatura, mais profundamente a rocha se altera. e) quanto maiores a latitude e a temperatura e menor a pluviosidade, menos profunda é a alteração da rocha.3 (UFPEL – 2008) Continentalidade e maritimidade consistem namaior ou menor proximidade de grandes massas de água. Esses fatoresinfluenciam não só na umidade relativa, mas também na temperaturado ar.Com relação à influência desses fatores, leia as afirmativas a seguir eassinale Verdadeiro (V) ou Falso (F).( ) Em áreas que sofrem influência da continentalidade, há maiorvariação da temperatura durante o dia.( ) Em áreas que sofrem influência da maritimidade, há menorvariação de temperatura durante o dia.( ) As correntes marítimas, próximas ao litoral, sofrem influênciadireta da continentalidade. Da mesma forma, em agosto de 2005, foi a vez de os EUA sofrerem( ) No litoral, a amplitude térmica diária é maior do que no interior efeitos semelhantes. A cidade de Nova Orleans foi a mais castigada,dos continentes. com um saldo de inúmeras mortes e milhares de pessoas( ) O calor específico da água é menor do que o da terra, pois a água desabrigadas.possui baixa capacidade de retenção do calor. Os acontecimentos e imagens acima se referem à ocorrência do fenômenoAssinale a alternativa que contém a seqüência correta. (a) massas de ar, as quais são grandes porções de ar que costumam(a) F, V, V, F e F. se originar em áreas extensas e homogêneas, como as planícies, os(b) F, F, V, F e V. oceanos e os desertos.(c) F, V, V, F e V. (b) furacão, formado nas águas oceânicas, em áreas de baixas(d) V, V, F, V e F. pressões, o qual apresenta temperaturas altas no seu interior e(e) V, V, F, F, e F. ventos girando em sentidos opostos.(f) I.R. (c) tornado, que ocorre nos continentes, em zonas de alta pressão atmosférica. No tornado uma coluna de ar gira violentamente entre uma nuvem convectiva e a superfície da Terra. 4 (UFPEL – 2007/ Inverno) Em março de 2004, o litoral sul (d) anticiclone, originado pelo choque de uma massa de ar quente ede Santa Catarina e o nordeste do Rio Grande do Sul foram fortemente úmida vinda das zonas polares, com uma massa de ar fria e seca,castigados por violentos movimentos do ar atmosférico. Esses oriunda da zona tropical do planeta.movimentos de ar provocaram conseqüências catastróficas, gerando (e) frentes, que são áreas de transição entre duas massas de ar. Osérios prejuízospara a agricultura, indústria e para a população. encontro de uma massa de ar fria e outra quente provoca mudançasElescausaram inclusive mortes. significativas no clima. (f) I.R. 5 (UFPEL – 2007) Observe a fotografia a seguir. 14
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.comAs regiões polares “são como gigantes adormecidos; seu despertar será 8 (FURG – 2008/ Inverno) As figuras I, II e IIIsentido com violência em toda parte”, palavras do oceanógrafo correspondem respectivamente a três tipos de chuvas, a saber:Paul Berkman, da Universidade da Califórnia, EUA,em resposta ao terceiro Relatório Intergovernamental Sobre MudançaClimática (IPCC) da ONU, que coloca o Ártico no topo das regiões sobpressão do chamado aquecimento global.Com relação às Regiões Polares, é INCORRETO afirmar que(a) alimentam as correntes marítimas, resfriando as massas de ar, edevolvem ao espaço a maior parte da energia solar que recebem.(b) são frias também devido à inclinação do eixo daTerra em relação ao plano de sua órbita. Isso faz com que os raiossolares cheguem com menos energia aos pólos.(c) ajudam a manter o clima global ameno, portanto, mesmo sofrendoalterações ambientaisaparentemente pequenas, podem quebrar o equilíbrio climático doplaneta.(d) têm, como uma das causas das temperaturas baixas, o branco dogelo e da neve que refletem 90% da energia solar recebida, numprocesso chamado albedo, o qual ajuda a manter a temperatura média A) convectiva, frontal e orográfica.do planeta. B) frontal, convectiva e orográfica.(e) aumentam o volume das águas do mar em virtude do degelo, C) orográfica, convectiva e frontal.tornando as águas mais salgadas e fazendo com que os invernos sejam D) frontal, orográfica e convectiva.mais rigorosos.(f) I.R. E) convectiva, orográfica e frontal.6 (FURG – 2008/ Inverno) Em 02/05/2008, a passagem do 9 (FURG – 2008) Atualmente, as ciências ligadas ao meiociclone Nargis por Mianmar deixou um registro de 10.000 mortos e mais ambiente estão preocupadas com as modificações climáticasde 2.000 desaparecidos. As vítimas deste tipo de fenômeno observadas em todo o planeta Terra. Uma das características dometeorológico chegam a, pelo menos, 180.000 mortos no mundo. clima que melhor explicaria as mudanças no comportamento dos fenômenos atmosféricos é A) o vento. B) a pluviosidade. C) a temperatura. D) a pressão atmosférica. E) a umidade relativa do ar. 10 (FURG – 2007/ Inverno) Analise os dados abaixo considerando que as cidades A e D localizam-se a igual distância do oceano e que as cidades B e C são litorâneas.Sobre esse fenômeno meteorológico, é correto afirmar que I) A cidade D apresenta pressão atmosférica mais elevada do queA) é uma tempestade muito destrutiva, que atinge até 400 km/h de a cidade A.velocidade no centro do cone, produzindo fortes redemoinhos e elevada II) As cidades B e C localizam-se na mesma latitude e mesmapoeira. altitude.B) forma-se em latitudes médias associado a centros de alta pressão, III) A cidade C localiza-se em alta latitude.mediante a entrada de frentes frias. IV) A cidade B apresenta pressão atmosférica mais elevada que aC) é gerado a partir de sistemas de baixa pressão atmosférica; surge cidade C.em mares de águas muito quentes, em torno de 26 a 27º C. V) A cidade A apresenta temperatura média e pressão atmosféricaD) é uma tempestade produzida por massas de ar frio, que se deslocam elevadas pelo efeito da continentalidade.em movimentos circulares e em velocidades crescentes, que podem Estão corretas apenas as afirmativassuperar 100 km/h. A) II, III e V.E) é gerado em zona equatorial, o que permite que o efeito Coriolis B) I e III.desvie os ventos, criandouma circulação ciclônica. C) II e V. D) II, IV e V.7 (FURG – 2008/ Inverno) Os elementos naturais que E) I e IV.compõem umapaisagem não existem de forma independente.Ascombinações dos diversos elementos naturais 11 (UFRGS –resultam em várias porções diferenciadas doespaço terrestre que são 2008)denominadas DOMÍNIOSMORFOCLIMÁTICOS.Assinale, abaixo, a alternativa que contém somente ELEMENTOSNATURAIS que compõem os domínios morfoclimáticos.A) clima, solo e ecossistema.B) clima, relevo e vegetação.C) vegetação, formação arbustiva e relevo.D) estrutura geológica, massa de ar e planalto.E) clima, bacia hidrográfica e estrutura geológica. 15
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Temática 3 VEGETAÇÃO A diversidade climática da terra se traduz em uma ampla gama de domínios vegetais. A manutenção dacobertura vegetal além de proteger os solos, faz aumentar os componentes orgânicos aí presentes e eleva acapacidade de retenção de água. De acordo com a altitude e com a latitude, teremos paisagens naturais diferenciadas. DICAS CLASSIFICAÇÃO DA VEGETAÇÃO BIOMAS: Perenes: plantas que apresentam folhas o ano todo. São sistemas em que solo, relevo, fauna interagem entre si formando tipos de Caducifólias, decíduas ou estacionais: plantas que coberturas vegetais. perdem as folhas em épocas muito frias ou secas do ano. Xerófilas: plantas adaptadas a aridez. Higrófilas: plantas adaptadas a muita umidade. Halófilas: plantas adaptdas a água salgada. Acicufoliadas: possuem folhas e forma de agulha = espécies de Pinheiros (taiga + mata de araucária). Latifoliadas: plantas de folhas largas, que aparecem em regiões quentes e úmidas (floresta amazônica). BIOMAS DO PLANETA: 16
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com DOMÍNIOS FLORESTADOS Florestas tropicais (florestas pluviais equatoriais tropicais) Ocorrência: baixa latitude (climas quentes e úmido) = América do Sul e Central, África Central e Ocidental, Ásia Meridional e Oceania. Características: - grandes índices pluviais. - Vegetação heterogênea. - alta biodiversidade. Problemas ambientais: - desmatamentos exploração da madeira - substituição da mata por pasto e culturas agrícolas. Floresta boreal de coníferas (Taiga) Ocorrência: encontrada no hemisfério norte (altas latitudes boreais). Características: - resulta de reflorestamento. - aparece e, áreas geladas. - floresta homogênea (baixa diversidade). Floresta Temperada Ocorrência: encontra-se em latitude mais baixas comparadas com as coníferas (Ásia, América do Norte, Ocenia) = Europa (Floresta Negra na Alemanha). Características: - desmatamentos avançaram com a entrada da agricultura mecanizada. 17
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com DOMÍNIOS DAS FORMAÇÕES HERBÁCEAS E ARBUSTIVAS Tundra Ocorrência: altas latitudes boreais (países nórdicos). Características: - constituída de musgos e liquens (campo ártico) = baixíssimas temperaturas. Savanas Ocorrência: ocorrem em áreas de climas tropicais (estação chuvosa e seca) = África (maiores extensões de savanas ), América do Sul (Cerrados) e Austrália. Características: formação constituída de gramíneas e arbustos. - apresentam mamíferos de grande porte. Chaparral ou vegetação mediterrânea Ocorrência: nas proximidades do mar mediterrâneo. Características: - aparece na zona temperada (verões secos e quentes). Pradarias Ocorrência: aparecem em regiões temperadas. Características: - formações vegetais campestres. - possui precipitações intermediárias. - 18
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Anotações:DESMATAMENTOS Em 2008, o som das árvores derrubadas na floresta Amazônica ira ecoar ao redor do mundo. A novarodada de negociações internacionais para conter a emissão de gases causadores do efeito estufa, realizada emBali (Indonésia - 2007) deu todas as indicações de que aumente a pressão para que o Brasil faça sua parte nocombate mundial à mudança climática. Causas Conseqüências: - Queimadas para liberar terreno para atividades - extingue espécies vegetais e animais; agrícolas e de pecuária; - amplia o aquecimento global; - expansão urbana; - gera desertificação; - a construção de estradas; - diminui os mananciais de água - construção de barragens de hidrelétricas; - mineração; Principais áreas de ocorrência - comercio mundial de madeira - O grosso do desmatamento ocorre em países em desenvolvimento (Brasil, Indonésia e Tailândia). 19
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com TESTES – TEMÁTICA 31 (UFSM- 2008) As áreas conhecidas como “hotspots” de 3 (UFSM – 2004)biodiversidade conjugam duas características importantes; por umlado, são áreas de megadiversidade, devido ao grande número deespécies que só ocorem ali. De outro, são ecossistemas largamenteameaçados (em mais de ¾de sua área) por diferentes formas de ocupação do espaço. No mapaa seguir, estão representados os grandes “hotspots” mundiais debiodiversidade. Fonte: MAGNOLI, D. Geografia: a construção do mundo: geografia geral e do Brasil. São Paulo: Moderna, 2005.p. 96. Pela análise da figura, numere a 2ª coluna de acordo com a 1ª.Assinale a alternativa que NÃO corresponde à correta interpretação 1- Desertodos hotspots” de biodiversidade. 2- Floresta de coníferasa) Embora não sejam exclusivos da zona tropical, é nessa área que 3- Floresta tropicalse concentra o maior número de „hotspots” de biodiversidade. 4- Floresta decíduab) A expansão de extensas áreas de monocultura, como as grandes 5- Tundra ártica e alpinalavouras de café, representa uma grave ameaça à preservação da 6- Campo (pradaria)biodiversidade.c) A ilha de Madagascar é um expressivo exemplo de ( ) Desenvolve(m)-se em clima em que ocorrem chuvas entremegadiversidade. 760 e mais de 2.000mm e temperaturas médias anuais entred) A expressiva biodiversidade da península da Indochina está 10°C e 28°C, com estações do ano definidas.gravemente ameaçada pela alta concentração populacional e por ( ) Aparece(m) em clima que apresenta temperaturas médiasuma ocupação agrícola milenar. anuais que variam entre 4°C e 30°C, mas com totais anuais dee) A Amazônia representa, hoje, um dos grandes “hotspots” mundiais chuva inferiores a 1 .000mm.de biodiversidade. ( ) Dependente(s) da latitude, desenvolve(m)-se em clima que tem precipitações anuais entre 400mm e 2.000mm, mas sob2 (FURG – 208) Sobre a biopirataria, pode-se afirmar: temperaturas médias anuais entre 2°C e 18°C.I- É prática comum nas áreas temperadas do globo, as mais ricas em ( ) Depende(m) de climas em que as temperaturas médiasdiversidade de espécies. anuais são superiores a 24°C e as chuvas totalizam entre 1II- A questão é tratada na Convenção Sobre Biodiversidade. .600mm a 5000mm por ano.III- É coleta ilegal e apropriação de patrimônio genético de outro ( ) Ocorre(m) em climas com precipitações inferiores a 1país, por meio de patente. .200mm/ano e temperaturas médias anuais entre -10°C eIV- As áreas tropicais são as maiores vítimas da biopirataria, em 4°C.função da diversidade de espécies. A seqüência correta é a) 4 - 6 - 2 - 3 - 5.Assinale a alternativa com as afirmações corretas. b) 3 - 2 - 4 - 6- 1.A) I, II, e IV. e) 2 - 3 - 5 - 4 - 6.B) II, III e IV. d) 6 – 2 -3 - 1 - 4.C) I, II e III. e) 1 - 5 - 6 - 2 - 3.D) I e II.E) II e III. 20
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com 4 (ENEM – 2007) A figura abaixo é parte de uma campanha publicitária.Essa campanha publicitária relaciona-se diretamente com aseguinte afirmativa:A) O comércio ilícito da fauna silvestre, atividade de grandeimpacto, é uma ameaça para a biodiversidade nacional.B) A manutenção do mico-leão-dourado em jaula é a medida quegarante a preservação dessa espécie animal.C) O Brasil, primeiro país a eliminar o tráfico do mico-leão-dourado, garantiu a preservação dessa espécie.D) O aumento da biodiversidade em outros países depende docomércio ilegal da fauna silvestre brasileira.E) O tráfico de animais silvestres é benéfico para a preservaçãodas espécies, pois garante-lhes a sobrevivência.5 (FURG – 208) Sobre os desertos da costa oeste doscontinentes, pode-se afirmar:I - Estão relacionados às correntes frias.II - São áreas ricas em diversidades de espécies, comparativamenteàs áreastropicais.III - Ocorrem nas imediações dos trópicos de Capricórnio e Câncer.IV - Entre eles estão os desertos de Kalahari e de Atacama.Assinale a alternativa com as afirmativas corretas.A) I, II e III.B) I, III e IV.C) II, III e IV.D) I e II.E) II e III.6 (PEIES – 2005) A partir das afirmações sobre ecossistemas,assinale a alternativa INCORRETA.Ia) Nos ecossistemas, ocorre intercâmbio de matéria e energia entreas partes vivas e não-vivas.b) As formações herbáceas e arbustivas se desenvolvem em áreasincapazes de sustentar formações florestais, devido a fatoresclimáticos ou pedológicos; essas formações configuram ecossistemasbastante homogêneos ao longo das zonas climáticas do globo.c) Uma vasta floresta, assim como uma lagoa, pode ser tratada comoecossistema.d) Nos ecossistemas, os organismos se adaptam ao ambientegeoquímico.e) A diversidade climática da terra se traduz em uma ampla gama detipos de solos e de paisagens vegetais. 21
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Temática 4 HIDROGRAFIA A hidrosfera é a parte da superfície terrestre coberta pelas águas oceânicas e continentais (englobaoceanos, mares, rios, lagos, lençóis subterrâneos, geleiras e neves eternas). Aproximadamente 70% (3/4) dasuperfície terrestre é coberta pelas águas dos oceanos, mares, rios e lagos. De toda a água que existe no planeta, cerca de 97,5% é salgada, ou seja, está nos oceanos. As águasdoces representam 2,5% do total, e estão armazenadas em calotas polares, geleiras e depósitos subterrâneos.Oslagos e água doce e os rio, de onde provém a maior parte da água utilizada para consumo humano, representamíntimos 0,3% do estoque global de água doce. ANOTAÇÕES: CONCEITOS BÁSICOS Bacia Hidrográfica: É uma área drenada por um rio e seus afluentes. As águas dos rios de uma ou duas bacias hidrográficas são separadas por divisores de águas, morros, cristas ou elevações. Rios: Cursos naturais de água que se deslocam de um ponto mais alto (nascentes) até atingir níveis mais baixos, a foz ou desembocadura. -Aparecem em áreas de rochas permeáveis. Mananciais: São reservas de água que podem ser de superfície ou subterrâneas, utilizadas para consumo humano, por industriais ou para irrigação. ANOTAÇÕES: 22
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Características dos rios1. Regime dos rios (alimentação do rio) Bacia hidrográficaRegime pluvial: dependem da sazonalidade daschuvas (maioria dos rios barsileiros);Regime nival ou glacial: dependem do derretimentodo gele e da neve;Regime complexo ou misto: é uma mistura doregime pluvial com o nival (pluvial+nival) (Ex: RioAmazonas – nasce na Cordilheira dos Andes).2. Tipos de riosRios permanentes ou perenes: rios que não secam(maioria dos ros brasileiros);Rios Intermitentes ou temporários: rios quesecam (alguns rios do sertão nordestino).- No países de clima temperado, também existem riostemporários (temperaturas mais baixas no invernocongelam as águas). ANOTAÇÕES:Rios Efêmeros: aqueles que se formam durante oulogo após precipitações.3. Drenagem dos rios (destino das águas)Drenagem exorréica: rios que deságuam no oceano(maioria dos rios brasileiros);Drenagem endorréica: rios que deságuam emoutros rios;Drenagem arréica: quando os rios desparecem porinfiltração.4. Tipos de foz (final do rios =desembocadura)Foz de estuário: forma uma canal no final do rio;Foz de delta: forma vários canais no final do rio (Ex:Rio Paranaíba = delta oceânico);Foz mista: é uma junção das foz de estuário com afoz de delta (estuário + delta).5. CURSO DOS RIOSSuperior: Próximo á nascente = predomina erosão.Médio: predomina o transporte.Inferior: destaca-se os processos de sedimentação =próximo a foz. 23
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com ANOTAÇÕES: 24
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com TESTES – TEMÁTICA 4 2 (FGV) No planisfério acima estão assinaladas as áreas que1 - Em 22 de março, comemora-se o dia mundial da água, data apresentam:criada pela ONU em 1993, com o objetivo de chamar a atenção a) intensa exploração vegetal, considerando-se que são ricas empara a escassez desse recurso, bem como para conscientizar as biodiversidade.pessoas sobre a necessidade de preservação e reaproveitamento b) formações geológicas recentes, também conhecidas comoda água de que dispomos hoje. dobramentos terciários, que originaram as cadeias maisConsidere as alternativas abaixo a respeito da água doce. elevadas do mundo.I. O aumento da população, o crescimento econômico não- c) déficit hídrico, pois geralmente é negativa a diferença entresustentável e a agricultura irrigada estão entre os principais os índices de pluviosidade e os de evapotranspiração.fatores que ameaçam as fontes de água em todo o mundo. d) elevada taxa de poluição dos solos e das águas, resultante da descarga de dejetos urbanos e industriais.II. O Brasil tem grande disponibilidade de água doce e, por essa e) intensa atividade sísmica, pois predominam terrenos derazão, não enfrenta problemas de abastecimento em nenhuma de origem recente, cujas camadas internas estão ainda em fase desuas metrópoles nacionais. acomodação.III. Os fertilizantes e agrotóxicos podem modificar ascaracterísticas dos “corpos de água”, gerando impactos emaqüíferos, rios e mananciais. 3 (UFGRS – 2008)IV. A impossibilidade da dessalinização de águas salgadas doplaneta dificulta a solução de um problema que, com custos poucoelevados, atenderia toda a demanda mundial.V. Uma das conseqüências relacionadas à falta de água potável éo aumento da incidência de doenças, como a diarréia e outrosmales provocados pela água contaminada, os quais causam amorte de milhões de crianças em todo mundo.Somente são corretas as afirmativas(a) II, III e IV.(b) I, II e V.(c) III, IV e V.(d) I, II e IV.(e) I, III e V.(f) I. R. 25
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com4 (UFPEL – 2007) Os rios constituem um elemento essencial para o ser humano, desde os primórdios da humanidade até os dias atuais.Além de sua importância natural, destaca-se também sua funcionalidade política, econômica e social. Os rios são correntes de água doce que seformam a partir de uma precipitação (chuva ou neve) ou de fontes naturais.Em uma bacia hidrográfica, possível identificar diferentes elementos e características no percurso de um rio.Com base nos dados acima e em seus conhecimentos, assinale a alternativa que apresenta a relação correta dos elementos e característicasidentificados na figura.(a) (4) Nascente, (3) Afluente, (2) Meandro, (1) Foz em Delta, (5) Margem esquerda e (6) Margem direita.(b) (6) Nascente, (2) Afluente, (4) Meandro, (1) Foz em Delta, (5) Margem esquerda e (3) Margem direita.(c) (4) Nascente, (2) Afluente, (5) Meandro, (1) Foz em Delta, (6) Margem esquerda e (3) Margem direita.(d) (6) Nascente, (3) Afluente, (2) Meandro, (4) Foz em Delta, (5) Margem esquerda e (1) Margem direita.(e) (2) Nascente, (1) Afluente, (4) Meandro, (3) Foz em Delta, (6) Margem esquerda e (5) Margem direita.(f) I.R.5 (ENEM – 2007) Nos últimos 50 anos, as temperaturas de inverno na península antártica subiram quase 6 ºC. Ao contrário doesperado, oaquecimento tem aumentado a precipitação de neve. Isso ocorre porque o gelo marinho, que forma um manto impermeável sobre o oceano,está derretendo devido à elevação de temperatura, o que permite que mais umidade escape para a atmosfera. Essa umidade cai na forma deneve.Logo depois de chegar a essa região, certa espécie de pingüins precisa de solos nus para construir seus ninhos de pedregulhos. Se a neve nãoderrete a tempo, eles põem seus ovos sobre ela. Quando a neve finalmente derrete, os ovos se encharcam de água e goram.Scientific American Brasil, ano 2, n.º 21, 2004, p.80 (com adaptações).A partir do texto acima, analise as seguintes afirmativas.I O aumento da temperatura global interfere no ciclo da água na península antártica.II O aquecimento global pode interferir no ciclo de vida de espécies típicas de região de clima polar.III A existência de água em estado sólido constitui fator crucial para a manutenção da vida em alguns biomas.É correto o que se afirmaA) apenas em I.B) apenas em II.C) apenas em I e II.D) apenas em II e III.E) em I, II e III. 26
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Temática 5 PROBLEMAS AMBIENTAISDesenvolvimento Sustentável:AQUECIMENTO GLOBALÉ um fenômeno climático que estabelece o aumento da temperaturamédia da superfície terrestre. Só nesse início de século a temperatura doplaneta subiu quase 2ºC, mais alta do que na década de 60. Desde adécada de 80 tem-se intensificado o estudo e as discussões a respeitodesse fenômeno ambiental que afeta o planeta com graves implicaçõespara a economia e vida em sociedade.  Causa: Intensificação do efeito estufa  Problemas imediatos: substituição dos combustíveis fósseis + redução desmatamento;. 27
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Conseqüências:- degelo das regiões polares;- áreas afetadas pelas secas aumentam (agravamento da desertificação);- dias e noites frios em menor escala/ mais quentes na maior parte das áreas terrestres;- Surtos de calor/ ondas de calor;- padrões regionais de chuvas podem mudar (Ex: Chuvas execessivas Sertão nordestino);- zonas agrícolas poderão migrar para os pólos (redução do potencial de produção alimentícia);- atividade dos ciclones tropicais aumenta;- aumento da incidência do nível do mar (exclui tsunamis);- Proliferação de pragas e doenças (Ex: Dengue) Fonte: IPCC*, 2007 * IPCC – Painel Intergovernamental em Mudança do Clima, da ONU. DENGE NO BRASIL  No Brasil, a epidemia de dengue é apontada como um dos possíveis efeitos do aquecimento global.  Aumento da temperatura e da umidade, aliado ao desmatamento, favorece a proliferação do mosquito da dengue em áreas urbanas (Aquecimento global + aumento construção imobliária).  É sabido hoje, por exemplo, que a dengue, com o aumento da temperatura, regiões no sul dos Estados Unidos e Europa, estão se tornando zonas endêmicas porque o aumento da temperatura faz com que o mosquito possa proliferar naqueles ambientes. 28
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Importante Protocolo de Kyoto  Principal medida aceita mundialmente para a diminuição da emissão de gases poluentes;  Criado em dezembro de 1997;  Entra em vigor: fevereiro de 2005  Objetivos: no período de 2008 a 2012 diminuir em 5,2% a emissão mundial dos gases do efeito estufa; EUA  responsáveis por de 25% das emissões globais não formalizaram sua adesão = consideram que o custo para atingir a meta recai sobre os paises desenvolvidos;  Formam a Aliança Ásia Pacifico Para Desenvolvimento Limpo e o Clima (Austrália + China + EUA + Coréia do Sul + Japão) = União Européia critica o grupo (alega tentativa de derrubada de Kyoto); Créditos de Carbono: Projeto de redução de emissão de carbono (pesquisas de energias alternativas + novas formas de tratamento de lixo + ações de reflorestamento)  Verba destina para os Mecanismos de desenvolvimento Limpo = flui para as nações em desenvolvimento (Brasil + China + Índia + México). Como funciona:  Cada tonelada de CO2 não emitida para atmosfera por um país em desenvolvimento pode ser comprada por nações em industrializadas (obrigadas a reduzir sua emissão em 5,2% em média entre 2008 e 2012).  O Protocolo prevê que, em vez de cortar suas próprias emissões os países ricos podem comprar reduções obtidas por nações, ainda não obrigadas a realizá-las. Atualidades:  Austrália: adere ao Protocolo em 2008.  Brasil vem sendo fiscalizado de perto pelo Protocolo, que exige a redução dos índices de desmatamentos na Amazônia. Emissões de CO2 globais 29
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com BURACO NA CAMADA DE OZÔNIO O aparecimento de buracos na camada de ozônio é um processo natural, já que, em certas épocas doano, reações químicas na atmosfera abrem buracos na camada, que depois se fecham. Emissão CFcs (Clorofluorcarbonos) ANOTAÇÕESAtividade humana Utilização:vem acentuando o -Geladeiras;processo - ar-condicionado; - aerossóis - solventesDESERTIFICAÇÃOConsidera-se desertificação: redução da vegetação + redução da capacidade produtiva do solo. Fatores de expansão das áreas áridas: *Ação antrópica (desmatamento + agropecuária predatória + certos tipos de mineração); ** Mudanças naturais (chuva ácida + aquecimento global + buraco n camada de ozônio) = agravam o problema.Métodos para deter a desertificação Reflorestamento; rotação de culturas; controle do movimento das dunas de areia.Áreas mais afetadas: oeste da América do Sul + nordeste do Brasil + + Norte e Sul da África + Oriente Médio +Ásia Central + 30
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.comCHUVA ÁCIDACausa: liberação de óxidos (SO2 – dióxido de enxofre) + (NOx – Oxido de Nitrogênio) = queima de combustíveisfósseis (principalmente carvão mineral) + vulcanismo;Conseqüências: Alteram características do solo e da água; Prejudicam lavouras, florestas e vida aquática; Danificam edifícios e monumentos históricos.Principais responsáveis:- Atualmente são os países asiáticos (China+Coréia do Sul + Índia+Tailândia) = acelerada industrialização(altamente dependentes de carvão).Principais índices de chuvas ácidas: índices altos ( EUA e Canadá, Europa e Sudeste Asiático) Sinaisrecentes (Brasil, Sul e oeste da África, Índia e México).Medidas de redução- Uso de combustíveis alternativos + uso de carvão com menor teor de enxofre;Ilhas de CalorResulta da elevação das temperaturas médias nas áreasurbanizadas das grandes cidades, em comparação com aszonas rurais.Causas: Diferenças de irradiação de calor entre as áreasimpermeabilizadas e as áreas verdes (concentração depoluentes = emitidos principalmente pela grande quantidadede veículos).Conseqüências As variações térmicas podem chegar até 7º C. 31
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com TESTES – TEMÁTICA 51 (PEIES – 2005) A partir da análise do gráfico e de seus conhecimentos, assinale verdadeira ÇV) ou falsa (E) em cada afirmativa a seguir. ( ) O processo crescente da concentração de dióxido de carbono e outros gases de estufa, ao provocar o efeito de aquecimento global, motivou a definição do acordo protocolo de Kioto. ( ) O efeito estufa garante a manutenção do equilíbrio térmico do planeta; torna-se danoso à sobrevivência das várias espécies vegetais e animais, quando há desequilíbrio da composição atmosférica, devido à crescente elevação da concentração de gases de estufa. ( ) O crescimento da concentração de dióxido de carbono e outros gases de estufa indica que a capacidade de assimilação desses gases pelos sistemas oceânicos e terrestres foi excedida. A seqüência correta é a) F-V-F. b) F-F-V. c) V-V-V. d) V-F-F e) V-V-F.2 (PEIES – 2005) Considerando a inversão térmica e as ilhas de calor, assinale verdadeira (V) ou falsa (F) em cada afirmativa a seguir:( ) Principalmente no outono e no inverno, é comum o ar que está mais próximo do solo resfriar-se mais do que aquele que se encontra nascamadas superiores; esse fenômeno é chamado de inversão térmica.( ) A inversão térmica acontece naturalmente em vários lugares da terra; porém, quando ocorre nas grandes cidades, contribui para agravaro problema da poluição do ar porque os poluentes ficam retidos bem perto do solo.( ) A concentração de prédios, a circulação de veículos, o asfalto, a falta de áreas verdes concorrem para o aumento da temperatura daregião central das grandes cidades; essas áreas são as chamadas ilhas de calor, que passam a atuar como uma zona de baixa pressão.A seqüência correta é a) V - F - F. b) F - F - V. c) V - V - F. d) V-V-V e) F - V - F. ANOTAÇÕES: 32
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Temática 6 POPULAÇÃO O estudo da população global nos defronta com dados estatísticos acompanhados das característicashistóricas e geográficas dos locais.As populações concentram-se em áreas ecúmenas e anecúmenas:Áreas ecúmenas: regiões que oferecem condições para fixação humana (planícies de solos férteis, próximasa vales e deltas de rios).Áreas anecúmenas: regiões desapropriadas para ocupação humana (regiões polares, os desertos egrandes altitudes) = vazios demográficos. Conceitos Básicos Taxa de Natalidade: Nº de nascimentos vivos ano/ 1000 habitantes. Taxa de Fecundidade: Nº de seres gerados num período fértil. Taxa de Mortalidade: Nº de mortes ano/ 1000 habitantes. * População Absoluta = População total = País populoso = Nº total de habitantes. ** População Relativa = Densidade Demográfica = País povoado = Nº total de hab/ Km². Região Superpovoada: Ocorre quando há uma desproporção das condições socioeconômicas da população, relacionado com a área ocupada.  Diferença Imigração em relação emigração. *** Crescimento populacional de um país  Crescimento Vegetativo/ Natural (Taxa de Natalidade – taxa de Mortalidade). 33
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Características populacionais:  2008: vivem em nosso planeta 6,7 milhões pessoas (Relatório ONU).  Dessas mais de 75% vive em países subdesenvolvidos (periféricos).  Esperança de vida: Países desenvolvidos (78 anos), países emergentes (64 anos) e nos países subdesenvolvidos (52 anos) = tais diferenças se explicam pela falta de acesso à água potável, a uma alimentação adequada. Transição Demográfica A transição demográfica pode ser descrita como a transição entre duas situações de crescimentodemográfico reduzido (três fases).  Primeira fase:  Segunda fase:  Terceira fase: .  Conhecida como regime  Conhecida como regime  Conhecida como regime demográfico tradicional. demográfico de transição. demográfico de moderno (pós-  Caracteriza-se por altas  Caracteriza-se redução das transicional). taxas de natalidade e de taxas de natalidade e  Destaca-se pela baixas taxas mortalidade (problemas sociais) crescimento vegetativo de natalidade e mortalidade = elevado crescimento (baixíssimo crescimento vegetativo da população. demográfico, estagnação e crescimento negativo. Ex: Continente africano, Oriente Ex: Países da América do Sul, EX: Europa, Oceania. Médio e Bolívia. México, Sudeste Asiático e África do Sul. 34
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.comPiramides Etárias Gráfico que expressa o numero de habitantes e sua distribuição por sexo e idade. Sua visualização permite observar a taxa de natalidade e expectativa de vida de um determinado lugar. TIPOS DE PIRAMIDES ETÁRIAS . CARACTERÍSTICAS DE UMA PIRMAIDE ETÁRIA: ANOTAÇÕES:Pirâmide Triangular: parcela de jovens é alta =contingente de idosos baixo (alta taxa denatalidade + baixa expectativa de vida) =características de países periféricos(subdesenvolvidos).Topo estreito: indica um pequeno percentual deidosos na conjuntura da populaçãoBase Curta: indica que taxa de natalidade é baixa= expectativa de vida longa. 35
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com POPULAÇÃO E O MERCADO DE TRABALHO As atividades econômicas em geral são relacionadas à população ativa e a população inativa do local.População ativa: parcela da população que está População Inativa: é a parcela da população quenuma faixa etária para entrar no mercado de não está apta para trabalhar.trabalho: empregados (com carteira assinada), Ex: crianças, aposentados, estudantes (que nãodesempregados e trabalhadores informais. trabalham, mulheres que exercem funções domésticas e deficientes físicos e mentais. Ver oncurso BB (inserção da mulher)DISTRIBUIÇÃO DA POPULAÇÃO POR SETORES ECONOMICOS CONCEITOS IMPORTANTES Setor Primário: Agropecuária + extrativismo vegetal + extrativismo mineral - Setor Secundário: Indústria + Construção civil + Mineração. Setor Terciário: Comércio + prestação de serviços + transporte + comunicações + administração pública Setor Quartenário: Pesquisas + Ciência (surgimento de novo setor da economia). 36
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.comIDH (Índice de Desenvolvimento Humano)* Indicadores usados no cálculo do IDH * Educação (taxa de analfabetismo); * Expectativa de vida * PIB per capita Varia de 0 a 1 ponto ( quanto mais próximo de 1, melhor o IDH de uma nação); Maiores IDH globais Menores IDH globais Maiores IDH da 1º Islândia 175º Guiné- Bissau América Latina 2º Noruega 176º Burkina Fasso 31º Barbados 3º Suecia 177º Serra Leoa 38º Argentina 40º Chile 46º Uruguai 52º México 70° Brasil 146º Haiti Brasil entra no índice elevado de IDH = 0,800 pts Distribuição das pessoas que vivem com menos de US$1 por dia Insegurança alimentar da África Subsaariana 37
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com MOVIMENTOS POPULACIONAIS OU MIGRAÇÕES. As migrações podem ser conceituadas como movimentos populacionais permanentes e episódicos. Ocrescimento de demográfico de um país possui relação com as migrações. Causas dos movimentos populacionais:Políticas: originado por problemas de fronteira, formação de novas nações (Ex-Iugoslávia, Israel) ou guerracivil (Sudão, Afeganistão, Geórgia) = geraram divergências e perseguições (Curdos).Conflitos religiosos e étnicos: Pode-se citar conflitos na Bósnia (1992) e na ex-Iugoslávia (1999).] Genocídio Econômicos: Causa predominante nas épocas de hoje = buscam melhores condições de vida. Defini-se como sendo o assassinato deliberado de pessoas motivado por diferenças étnicas, nacionais, raciais, religiosas e (por vezes) políticas = limpeza étnica. 38
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Maiores países emigrantes 1º China. 2º México. 3º Índia. 4º Filipinas. 5º Paquistão. 6º Indonésia. Fonte: ONU, 2008.TIPOS DE MIGRAÇÕES: Podem ser divididas em migrações internas e externas.Migrações Internas: dividem-se em intra-regionais e inter-regionais.Intra-regionais: Inter-regionais:Realizadas dentro de uma mesma região do país. Realizada São feitas de uma região para outra do país.Êxodo Rural: movimento campo-cidade (causas: industrialização, expansão do setor terciário emecanização da agricultura).Migrações sazonais ou transumância: é um movimento temporário de população (relaciona-se asestações do ano).Ex: Brasil: deslocamento de agricultores do sertão nordestino para a Zona-da-Mata (cultivo da cana-de açúcar).Migrações pendulares ou diárias: movimento diário de população que reside em áreas de subúrbiose periferias para os grande centros (regiões metropolitanas). 39
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com TESTES – TEMÁTICA 61 (UFSM- 2008) Leia atentamente o trecho a seguir,referente a um dos países que tem apresentado os maiores 3 (UFSM- 2007, Adaptada)índices de crise ambiental e social da história contemporânea.“É hoje um dos mais pobres países do mundo. Muito ou amaioria da população vive crônica ou periodicamente semeletricidade, água, esgotos, serviço médico e educação. É umpaís superpovoado, com uma modesta economia de café eaçúcar para exportação. De colonização francesa, o país viveuma extrema separação entre as massas de gente pobre,vivendo em áreas rurais ou nas favelas de Port-au-Prince, e apequena e rica elite mulata, que vive no arejado e montanhêssubúrbio de Péttionville, come em restaurantes franceses ebebe vinhos finos caríssimos.”DIAMOND, J. Colapso. Corno as sociedades escolhem ofracasso ou o sucesso. Rio de Janeiro: Record, 2005. p. 399.Pode-se afirmar que o texto refere-se ao seguinte país:a) Ruanda.b) Polinésia Francesa.c) Haiti.d) Guiana Francesa. No mundo contemporâneo, enquanto alguns muros caem, outros sãoe) República do Congo. erguidos; porém, continuam a separar pessoas e a delimitar territórios. Sobre esse assunto, considere as seguintes afirmativas: I. Na fronteira com o México, barreira foi erguida a fim de impedir que Latino-americanos migrassem ilegalmente para os sua em busca de trabalho e de melhores condições de vida. II. O “muro de proteção” construído por Israel na Cisjordânia é uma forma de dificultar a passagem dos palestinos e proteger os colonos judeus nos territórios ocupados. III. A União Européia busca formas de impedir a entrada dos “bárbaros do sul”, provenientes da África, que entram em maior número pelo sul do continente, o que pode ser exemplificado pela cerca erguida para separar do Marrocos as cidades espanholas de Ceuta e Melilla Está(ão) correta(s)2 (UFSM- 2007, Adaptada) a) apenas I.Sobre a ajuda humanitária à África, pode-se afirmar: h) apenas II. c) apenas III.I- Os recursos financeiros enviados ao continente pelas d) apenas I e II.grandes potências são investidos em infra-estrutura e e) I, II, III.atividades promotores do desenvolvimentosocioeconômico, fortalecendo a economia local eintegrando-a ao sistema financeiro internacional. 4 (UFSM- 2006, Adaptada) Em muitos países do mundo, oII- A remessa de alimentos, roupas e outros produtos direito à livre expressão é tolhido por motivos de ordem política e/oudesarticulam o mercado interno dos países africanos, pois religiosa, como é o caso dos Estados Islâmicos, Qual das característicasa agricultura de gêneros alimentícios e a indústria local desses países melhor explica a perda da liberdade?não conseguem concorrer com as doações estrangeiras.III- Os alimentos e remédios doados pelo ocidente são os a) A desigualdade na distribuição da riqueza entre os donos do petróleoresponsáveis pela superação da fome crônica, epidemias e e a grande massa pobre desses paises.endemias que assolavam o continente nos anos 90, à b) A existência de constantes conflitos armados nas fronteiras dessesmedida em que aumentavam o padrão de vida da países, o que demanda uma maior presença militar do Estado.população. c) A negação da separação entre o Estado e a religião se traduz no estabelecimento de um rígido controle moral sobre o conjunto daEstá(ão) correta(s) população.a) apenas I d) A proliferação de grupos paramilitares fortemente armados, como ob) apenas II. Hamas palestino e o Hezbollah libanês, que contribuiu para aumentar oc) apenas III. medo e diminuir a livre expressão popular.d) apenas I e II. e) A grande diversidade religiosa da população, obrigando o Estado ae) I, II e III. manter um rígido controle para evitar a eclosão de conflitos religiosos. 40
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com 5 (UFSM -2006) Leia o texto a seguir. 6 (UFSM -2005) Coloque verdadeira(V) ou falsa(F) nas Bichano de Cheshire”, (...) pensou e continuou: “Poderia me dizer, por alternativas que seguem a proposição inicial. favor, que caminho devo tomar para ir embora daqui?”“Depende ( ) As imensas superfícies urbano-industriais são resultantes das mais bastante de para onde quer ir”, respondeu o Gato. profundas intervenções humanas sobre a face da Terra. Considerando a “Não me importa muito para onde”, disse Alice. “Então não importa o cidade como não-ecossistema, pode-se dizer que nela existe um caminho que tome”, disse o Gato. “Contento que eu chegue a algum sistema urbano, pois a cidade. lugar”, Alice acrescentou... “Oh, isso você certamente vai conseguir”, ( ) constitui apenas uma etapa consumidora, interferindo em vários afirmou o Gato, “desde que ande bastante”. ecossistemas. CARROL, Lewis. Alice: edição comentada. Tradução de Maria Luiza X. ( ) consome matéria-prima e energia e gera subprodutos, como de A. Borges. Rio de Janeiro: Zahar, 2002. p. 62-63. resíduos sólidos, líquidos e gasosos. ( ) Gera toneladas de resíduos excedentes que, não sendo reciclados, A mobilidade espacial é um direito fundamental do homem. Esse direito causam impactos ambientais. não é plenamente exercido quando: ( ) é um ambiente em equilíbrio, formado pela relação entre plantas, animais, clima e solo. I. cidadãos de países pobres são impedidos de entrar nos países centrais, em virtude de leis restritivas à imigração estrangeira. A seqüência correta é II. pessoas são forçadas a fugir de sua pátria devido a conflitos étnicos, a) V-F-F-F. políticos e/ou religiosos que as colocam na condição de refugiadas. b) V-V-V-F. III. as políticas públicas privilegiam o transporte privado em detrimento c) F-F-F-V. do transporte público, tornando-o, pelo seu alto custo, inacessível às d) V-V-F-V. camadas populares. e) F-F-V-F. Das proposições, está(ão) correta(s) a) I apenas. b) II apenas. c) I e III apenas. d) II e III apenas. e) I, II e II.7 (UFSM – 2004) Observe o mapa sobre os grandes bolsões de pobreza do mundo.Numere os parênteses, relacionando as afirmativas a seguir com os números que identificam a localização no mapa.( ) Maior bolsão de pobreza, os mais pobres entre os pobres, perfaz quase 1/5 da população do mundo subdesenvolvido edepende,principalmente, da agricultura de subsistência.( ) Segundo grande bolsão de pobreza, corresponde à região mais populosa do globo, mais le 40% da população do mundo subdesenvolvido,sua base produtiva é o cultivo do arroz e, atualmente, destaca- se na produção de bens de consumo para exportação.( ) Terceiro bolsão de pobreza, a maioria da população vive abaixo da “linha de pobreza”, sob condições de miséria absoluta; embora váriospaíses exportem minerais e produtos agrícolas tropicais, a população sobrevive da agricultura de subsistência.A seqüência correta éa) 4 - 2 - 1.b) 3 - 1 - 4.c) 2 -. 3-. 4.d) 1 - 4 - 2.e) 2 - 4 - 3. 41
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com8 (UFSM – 2004) Observe a tabelaA tabela apresenta três grupos de países selecionados segundoa distribuição de renda. 10 (UFPEL – 2006/ Inverno) Observe o quadro apresentadoI- O primeiro grupo é formado por nações altamente a seguir.desenvolvidas, todas corri mais de 20 mil dólares anuais porcapita, revelando a melhor distribuição interna de renda. Com base nas informações anteriores e em seus conhecimentos sobre oII- O segundo grupo é constituído por países de renda média processo de urbanização, é correto afirmar quesuperior a 3 mil dólares anuais por capita, que se destacam pela (a) o crescimento populacional das grandes cidades no período de 2001baixa concentração de riqueza, já que os 20% mais ricos ficam a 2015 ocorrerá de forma intensa em países subdesenvolvidos,com menos da metade da renda nacional. agravando problemas já existentes, como os de infra-estrutura eIII- O terceiro grupo compreende nações pobres, com menos de saneamento.mil dólares anuais por capita, verificando- se uma distribuição (b) Nova York e Los Angeles terão um crescimento negativo no início dode renda muito menos desigual da que ocorre em países como século XXI, graças às políticas de controle de migração e de diminuiçãoo Brasil. das taxas de natalidade implementadas por essas cidades. (c) as dez maiores cidades em 1900 estavam localizadas em paísesEstá(ão) correta(s) desenvolvidos em função dos benefícios da Revolução Industrial, já ema) apenas I. 2001 essas cidades decresceram em função da competiçãob) apenas II. internacional.c) apenas I e III. (d) a taxa de crescimento populacional das grandes cidades nosd) apenas II e III. primeiros 15 anos deste século será proporcional, entretanto, oe) I, II e III. crescimento em números absolutos, será maior nas cidades dos países subdesenvolvidos, em função das altas taxas de natalidade.9 (PEIES-2007) Em relação à estrutura etária da9 (e) as megacidades do século XXI são cidades mundiais, pois, empopulação como indicador de desenvolvimento socioeconômico, função de seu tamanho detêm o controle das economias nacionais,é correto afirmar: concentrando as maiores rendas e as melhores condições de vida nos seus respectivos países.I. O elevado número de adultos e idosos é característica de (f) I.R.países com maior desenvolvimento socioeconômico que járealizaram a sua transição demográfica e apresentam baixastaxas de natalidade e mortalidade. 11 (UFPEL – 2006/ Inverno) O relógio da populaçãoII. Nos países desenvolvidos, tem ocorrido uma transformação mundial, mecanismo criado pelo censo dos Estados Unidos para contarna estrutura familiar, a partir da baixa taxa de fecundidade. a população da Terra e o ritmo de crescimento demográfico, indicou em 25 de fevereiro de 2006 que o mundo atingiu a marca de 6,5 bilhões deIII. Nos países com menor desenvolvimento socioeconômico, pessoas. Nas regiões mais pobres do Planeta, como África, Índia eencontram-se elevados percentuais de população jovem e de Oriente Médio, a população cresce mais rápido. Nos paísesfamílias numerosas, devido à persistência de elevadas taxas de industrializados da Europa, a população está diminuindo. Entretanto, nanatalidade. soma, a Terra está ficando cada vez mais lotada.Está(ão) correta(s) (a) a taxa de migração é o número de pessoas que se desloca de umaa) apenas I e II. área para outra no mesmo país. (b) o crescimento natural ou vegetativo corresponde à diferença entre ab) apenas I e III. entrada e a saída de pessoas de uma determinada área. (c) a taxa de fecundidade, que representa o número de filhos porc) apenas II. mulher, não interfere no crescimento demográfico. (d) o crescimento vegetativo corresponde à diferença entred) apenas III. nascimentos e óbitos em uma dada população. (e) são populosos os países cuja população relativa é muito elevada, ee) I, II e III. povoados aqueles que possuem grande população absoluta. (f) I.R. 42
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com 12 (FURG – 2007/ Inverno) operário muitas vezes só tem Europa: população e crescimento natural (1990-2020) lugar onde dormir, mas não tem cidade que lhe ofereçacidadania e vice-versa. Qual a denominação da migração diária que ocorre entre os municípios que constituem uma metrópole? A) Migração Multiforme. B) Migração Aleatória. C) Migração Pendular. D) Migração Extorsiva. E) Migração Vertical.13 (PEIES- 2007) Observe o gráfico: A partir da análise do gráfico e de seus conhecimentos, é correto afirmar: I. A relação entre IDH e PIB per capita revela que maior PIB resulta em maior DH. II. O PIB per capita é um componente financeiro do IDH e, se for analisado isoladamente, esconde a distribuição da renda. III. O gráfico mostra equilíbrio entre PIB per capita e IDH nos países que apresentam níveis de rendimento semelhantes. Está(ão) correta(s) a) apenas I e II b) apenas II. c) apenas I e III. d) apenas III. e) I, II e III. A partir da análise do gráfico e de seus conhecimentos, é correto afirmar: I. A relação entre IDH e PIB per capita revela que maior PIB resulta ANOTAÇÕES: em maior DH. II. O PIB per capita é um componente financeiro do IDH e, se for analisado isoladamente, esconde a distribuição da renda. III. O gráfico mostra equilíbrio entre PIB per capita e IDH nos países que apresentam níveis de rendimento semelhantes. Está(ão) correta(s) a) apenas I e II b) apenas II. c) apenas I e III. d) apenas III. e) I, II e III. 14 (PEIES- 2006) Observe o gráfico: 43
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Temática 7 URBANIZAÇÃO GLOBAL Urbanização: fenômeno em que a população da cidade cresce mais do que a zona rural. País Urbanizado: quando sua população urbana ultrapassa a população rural.AGLOMERAÇÕES URBANAS As aglomerações urbanas podem ser encontradas principalmente nos paises desenvolvidos, decorrentes deuma expansão urbana, provocada sobretudo pelo desenvolvimento industrial e pelo avanço tecnológico dos meiosde transporte e da comunicação.Tipos de aglomerações urbanas: Conurbação, metrópole, região metropolitana e megalópole. Conurbação: encontro de duas ou mais cidades próximas em razão de seu crescimento. Metrópole: cidade que possui os melhores equipamentos urbanos do país (metrópole nacional) ou de uma grande região de um país (metrópole regional). Metrópoles Globais: Metrópoles nacionais: Nova Iorque, Tóquio, Sydney, São Paulo e Rio de Janeiro; 44
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.comRegiões metropolitanas: conjunto de municípios contíguos e integrados sócio-economicamente na cidadeprincipal (metrópole).Megalópole: É o encontro ou conurbação de duas ou mais metrópoles ou regiões metropolitanas, formando umaextensa e gigantesca área urbanizada (maiores aglomerações urbanas da atualidade).Ex: Boston até Washington (Nordeste dos EUA) = maior megalópole global (Boswa).Tóquio – Nagóia – Osaka (Japão)Londres – Birmingham – Manchester (Inglaterra)Rio de Janeiro- São Paulo Megalópole americana (Boswa) CLASSIFICAÇÃO DAS CIDADES: Quanto ao Sítio: local da gênese da cidade (planícies, planaltos, montanhas). CONCEITOS BÁSICOS: Quanto a situação: Classificação originada pelas relações naturais e geográfica das regiões.  Urbanização nos países centrais = mais antiga. EX: Cidade fluviais, marítimas.  Urbanização nos países periféricos = urbanização tardia.  Quanto à Função:transformação arquitetônica de uma cidade, ou seja, a mudança da forma Verticalização: È a horizontal das construções (ex: casas), para a verticalização (construção de prédios). 45
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com TESTES – TEMÁTICA 7 1(UFPEL – 2007/ Inverno) De acordo com estatísticas acerca da população mundial, haverá mais gente vivendo em cidades do que no campo, em 2007, pela primeira vez na história. A urbanização é um processo que ocorre de maneira desigual no mundo, por ser dependente das condições econômicas dos países. A respeito da urbanização nos países desenvolvidos ou centrais, é correto afirmar que (a) essa urbanização provocou uma drástica redução da migração do campo para a cidade, e a tendência é que haja uma estabilização das taxas de urbanização em torno de índices muito elevados. (b) essa urbanização, por ter sido um processo extremamente rápido, não esteve integrada com a área rural. Esse fato fez com que as cidades não acompanhassem as migrações, produzindo espaços sem os equipamentos adequados. (c) as taxas de crescimento da urbanização ainda se mantêm em um patamar elevado na maior parte da Europa Ocidental, na América Anglo-Saxônica e no Japão. Isso pode ser evidenciado na excelente qualidade de vida experimentada pela população urbana nesses locais. (d) o crescimento nas cidades desses países ainda é muito grande. Deve-se considerar que o processo de crescimento vegetativo também é elevado nessas localidades. 5 (UFMG) Os gráficos a seguir mostram modelos de (e) o rápido processo de urbanização provocou o fenômeno da transição demográfica e de urbanização, relativos às regiões “macrocefalia urbana”, produzindo cidades totalmente desprovidas de desenvolvidas e subdesenvolvidas. planejamento urbano, infra-estrutura e equipamentos. Com base na análise dos modelos apresentados nos gráficos, (f) I.R leia as alternativas e assinale a única incorreta: a) A aceleração da urbanização ocorre, quer nas regiões2 (UERRJ) subdesenvolvidas, quer nas desenvolvidas, no período em que as taxas de mortalidade começam a declinar. b) A urbanização, nas regiões subdesenvolvidas, inicia-se mais tarde e se processa com maior velocidade que nas regiões desenvolvidas. c) A urbanização, nas regiões subdesenvolvidas, ocorre num contexto de crescimento natural da população mais elevado que nas regiões desenvolvidas. d) O processo de rápida urbanização nos países desenvolvidos encontra-se superado, embora as taxas de natalidade, desde meados do século XX, mostrem-se flutuantes. e) Os estágios de transição demográfica e os níveis de urbanização projetados para o ano 2000 sugerem que o processo de urbanização da humanidade já terminou.A figura acima representa um fenômeno climático cada vez maiscomum nas áreas centrais das grandes cidades.Esse fenômeno recebe a seguinte denominação:a) friagem b) estiagem c) ilha de calor d) inversão térmica3 (Unifesp) Megacidades são aglomerações urbanas que:a) alojam centros do poder mundial e sede de empresas transnacionais.b) concentram mais de 50% da população total, países pobres.c) têm mais de 10 milhões de habitantes, seja em países ricos oupobres.d) pertencem a países de grande importância no comércio mundial.e) não têm infra-estrutura de comunicação suficiente apesar de seremgrandes cidades4 (UFMA — PSG) O fenômeno urbano, em que as cidades vêm seexpandindo, tornando-se contínuas e integradas, gerando problemas deinfra-estrutura urbana comuns, tem o nome de:a) sítio urbano. b) conurbação. c) hierarquia urbana. d) favelização.e) metropo[ização GABARITO 46
  • GEOGRAFIA| 2 | SEMESTRAL NOITE | 2011 http://murielpintogeografia.blogspot.com Temática 1 Temática 2 Temática 3 1–E 1 - C 7-B 1 -E 2-D 2 - A 8-A 2 -B 3 - E 9–C 3 -A 4 - B 10 - B 4 -A 5 - E 11 - C 5 -B 6 - C 6 –B Temática 4 Temática 5 Temática 6 1-C 1- C 8-C 1 - E 2-D 2- B 9-E 2 - C 3- E 10 - A 3 - A 4- C 11 - D 4 - B 5- E 12 - C 5 - E 6- B 13 – B 7- B 14- B Temática 7 1 - A 2 - C 3 - C 4 - E 5 - E 47