BluDotNet - Conhecendo o Team Foundation Server 2010

2,495 views

Published on

Slide utilizado na palestra do BluDotNet em Blumenau em 18/06/2011 por Rafael Leonhardt

Published in: Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
2,495
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
9
Actions
Shares
0
Downloads
52
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide
  • TFS é o CENTROTem recursos de gerenciamento de projetos, requisitos…Cobertopor um processoFerramentasquedãosuporteaoprocessoVeremos: PLANEJAMENTO, EXECUÇÃO E O GERENCIAMENTO DO PROJETOO TFS é como o centro do universo e elefornecerecursosdiretospara o gerenciamento de projeto, de requisitos, controle de versao, gerenciamento de casos de testes, build automatizado e relatorios. Tudoisso, conforme um template de processoquepodeserporexemplo, um processosegundoCMMi, MSF, Scrum oumesmo um customizadoporvoces. Emtorno dele, tem um conjunto de ferramentasque o auxiliam e agilizam a iteração com ele. Porexemplo, o Sharepoint e o Office quepermitem o gerenciamento e acompanhamento de projetousando a Web, o Project, o Excel entre outros recursos. O Visual Studio e o Expression no desenvolvimentodireto das soluçõesem software.O Team Explorer e Web Access parainteragir de forma maisdireta com osartefatos do projeto no TFS e porfim, recursos de customizaçãoquepermitemadaptar o TFS para as maisdiversasnecessidades. Inclusive, integração com outros ambientescomoMacOS, Linux, Unix, Java, etc.
  • Bug reactivations = Bugs com retorno de homologação
  • EVERYWERE, LICENCIAMENTO, CUSTO, ETC. Cerca de US$ 500,00 o Everywhere.definicaode build é configuradoosutilitarios.Apple Xcode com um bridge do TortoiseSVNfunciona.
  • BluDotNet - Conhecendo o Team Foundation Server 2010

    1. 1. Team Foundation Server 2010<br />O centro do seuuniverso de desenvolvimento<br />RAFAEL LEONHARDT<br />MCT / MCTS / MCPD ASP.NET<br />Benner Sistemas<br />rafaelleonhardt@gmail.com<br />@MumHaBR<br />www.bludotnet.com.br<br />Patrociandores e apoiadores<br />
    2. 2. Mitos<br />
    3. 3. Team Foundation Server<br />Segundo a Microsoft:<br /> ”permite que a equipe seja mais ágil, <br />colaborede maneira mais eficiente e <br />ofereça software de melhor qualidade <br />ao mesmo tempo que cria e compartilha conhecimento institucional.”<br />Fonte: http://www.microsoft.com/business/smb/pt-BR/servidores-e-ferramentas/visual-studio.mspx<br />
    4. 4. Retorno<br />de Qualidade<br />Levantamento<br />de requisitos<br />Equipe de Desenv.<br />Tarefas<br />Use Case /<br />User Story<br />Analista de negócio<br />Gerente de produto<br />Solicitação<br />de alterações<br />Testes<br />Bugs<br />Suporte<br />Processo de desenvolvimento<br />Como podemoscomunicar, compartilhar ecoordenar?<br />
    5. 5. O universo do Team Foundation Server<br />
    6. 6. Microsoft Confidential<br />6<br />DEMONSTRAÇÃO<br />
    7. 7. O que precisamos para planejar <br />o desenvolvimento de software?<br />
    8. 8. Planejamentocom TFS<br /><ul><li>Scrum / MSF for Agile
    9. 9. Backlog priorizado
    10. 10. Planejamento das versões
    11. 11. Planejamento das sprints
    12. 12. Atribuição de tarefas
    13. 13. Estimativas
    14. 14. Capacidade do time
    15. 15. Feriados</li></li></ul><li>Demo: planejamento<br />
    16. 16. Quais atividades realizamos durante o desenvolvimento do software?<br />
    17. 17. Execução do planejado<br /><ul><li>Fila de trabalho
    18. 18. Minhastarefas
    19. 19. Horasrestantes e horasexecutadas
    20. 20. Análise e programação
    21. 21. Office, Web, Visual Studio, Eclipse, etc
    22. 22. Check-in / Commit
    23. 23. Políticas e validações de código
    24. 24. Associação com tarefas
    25. 25. Builds e testes automatizados
    26. 26. Testes unitários
    27. 27. Associação de teste com tarefa</li></li></ul><li>Demo: Execução<br />
    28. 28. Build e Automação<br /><ul><li>Builds automatizados
    29. 29. Diversasdefinições e distribuidos
    30. 30. Testes e Integraçãocontínua
    31. 31. Gated check-in
    32. 32. Testes automatizados
    33. 33. Controle de qualidade
    34. 34. Build Notifications
    35. 35. Acompanhamento
    36. 36. Lab Management
    37. 37. Máquina virtual pararodaros testes emambientesisolados</li></li></ul><li>Demo: build e automação<br />
    38. 38. Desenvolvimento de software <br />é uma ciência exata. <br />Se planejou, será cumprido. Certo?<br />
    39. 39. Visibilidade e gerenciamento<br /><ul><li>Office
    40. 40. Excel, Project, Outlook, etc
    41. 41. Portal Web
    42. 42. BurnDown
    43. 43. CRUD,
    44. 44. Relatórios
    45. 45. Builds
    46. 46. Código-fonte
    47. 47. Reporting Services
    48. 48. Data warehouse, cubos, gráficos, etc</li></li></ul><li>Demo: gerenciamento<br />
    49. 49. Microsoft Confidential<br />18<br />
    50. 50. Relatórios<br />Como está o andamento das tarefas?<br />Quantos testes falharam?<br />Quantos bugs foramencontrados?<br />
    51. 51.
    52. 52. Linhas de códigotestadas<br />Quantidade de linhasalteradas…<br />
    53. 53. Tarefasconcluídas…<br />Tarefassendotrabalhadas…<br />
    54. 54. Testes passando…<br />Histórico dos Builds…<br />
    55. 55. Test % passing…<br />Code % covered…<br />Code % changed…<br />
    56. 56. Histograma dos builds<br />Alteraçõesrealizadas<br />Tarefasrealizadas<br />
    57. 57. Quantocusta?<br /><ul><li>Semparceria
    58. 58. Server com 5 CALs - US$ 499,00
    59. 59. CALs - US$ 500,00 (porprogramador)
    60. 60. Visual Studio 2010 Professional - US$ 549,00
    61. 61. Com parceria Gold (MSDN Premium)
    62. 62. 10 licenças de Visual Studio 2010 Premium
    63. 63. 10 CALs do Server
    64. 64. Pré-requisitos
    65. 65. SQL Server Express – Gratuito
    66. 66. Windows Server</li></li></ul><li>Infraestrutura<br />
    67. 67. Migrandopara o TFS<br /><ul><li>Source Safe
    68. 68. Importação é simples e mantém o histórico dos fontes</li></ul>http://msdn.microsoft.com/en-us/library/bb668969.aspx<br />http://msdn.microsoft.com/pt-br/vstudio/Video/gg545427<br /><ul><li>Subversion / SVN
    69. 69. Não tem um recursonativo.
    70. 70. Solução de terceirosparamanter o histórico: US$ 2.000,00
    71. 71. Alternativas: usar a API do TFS ouprojetos open-sources</li></li></ul><li>Microsoft Confidential<br />29<br />E se por acaso o primo do amigo <br />do meu vizinho não desenvolve em .NET?<br />
    72. 72. TFS não é apenaspara .NET<br />O Visual Studio Team Everywhere permitepadronizar o ciclo de desenvolvimentoda empresacobrindodiversasequipes de desenvolvimento<br />Plug-in do TFS para o Eclipse<br /> Interface rica (em Java) e Linha de comando<br />
    73. 73. Source Code Explorer para Mac, Linux, Unix<br />
    74. 74. TFS Build Report<br />
    75. 75. Tracking progress <br />O quevemporaínaPróximaversãodo tfs e visual studio<br />
    76. 76. Taskboard<br />
    77. 77. Storyboard<br />
    78. 78. Feedback<br />
    79. 79. Revisão de código<br />
    80. 80. TFS SDK para Java<br />Jádisponível!<br />“The Team Foundation Server SDK for Java includes documentation, samples and redistributable components <br />to help you develop software products that integrate<br />with Team Foundation Server 2010.”<br />
    81. 81. Dúvidas?<br />
    82. 82. OBRIGADO!<br />rafaelleonhardt@gmail.com<br />@MumHaBR<br />www.bludotnet.com.br<br />

    ×