Your SlideShare is downloading. ×
0
Leni riefenstahl
Leni riefenstahl
Leni riefenstahl
Leni riefenstahl
Leni riefenstahl
Leni riefenstahl
Leni riefenstahl
Leni riefenstahl
Leni riefenstahl
Leni riefenstahl
Leni riefenstahl
Leni riefenstahl
Leni riefenstahl
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Leni riefenstahl

1,086

Published on

Published in: Sports, Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,086
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
19
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Leni<br />Riefenstahl<br />
  • 2. Biografia<br />Destaca-se como actriz nos anos 1920, vinda da dança, actuando especialmente em filmes sobre a natureza, um género extremamente popular no período, onde se glorificavam o vigor físico na prática do montanhismo e a beleza do corpo e da natureza, símbolos intensamente apropriados pelo ideário nazista na promoção do nacionalismo.<br /> Em 1932, passa à direcção filmando "A Luz Azul", a partir do roteiro feito em conjunto com Bela Balázs. O sucesso do filme abre à jovem Leni Riefenstahl, linda e glamorosa, o caminho para a fama. Em 1934, convidada por seu admirador Adolf Hitler, ela prepara e produz "O Triunfo da Vontade" (Triumph deswillens), um documentário sobre o monumental Congresso do Partido Nazista realizado em Nuremberg. Um documentário considerado por muitos como uma das melhores obras de cinema já produzidas. O filme acabou se tornando um símbolo do III Reich. A partir daí, o nome de Leni associou-se para sempre ao Partido Nazista. Em 1936 Leni Riefenstahl filma novo documentário para o III Reich, desta vez sobre as Olimpíadas de Berlim, nas quais Hitler pretendia que fosse demonstrada a superioridade da raça ariana. Toda a preparação do filme foi desenhada para sublinhar esse objectivo e todos os recursos técnicos foram oferecidos para registar a beleza e o vigor do corpo humano.<br />A guerra afasta Leni das actividades cinematográficas. Em 1945, considerada participante do regime nazista, é presa. Acaba libertada em 1948, pois nunca foi possível provar que tenha exercido actividades políticas. No entanto ficou marcada por sua colaboração cinematográfica com o nazismo. Leni tentou produzir outros filmes no pós-guerra, mas cada tentativa era boicotada por resistências, protestos e duras críticas. O boicote impediu Leni de financiar suas produções. Leni Riefenstahl foi uma vítima de sua extraordinária competência artística. Sua beleza e seus múltiplos talentos (bailarina, actriz, directora e fotógrafa) não foram suficientes para reduzir as marcas de sua colaboração com o nazismo. <br />Perto dos seus 80 anos, Leni Riefenstahl começou a praticar fotografia submarina. Ela lançou um novo filme, intitulado ImpressionenunterWasser.<br /> Leni Riefenstahl morreu enquanto dormia no dia 8 de setembro de 2003, em sua casa em Pöcking, na Alemanha. Em seu obituário, foi dito que Leni foi a última figura famosa da era nazista na Alemanha a morrer.<br />
  • 3. Técnica e<br />Equipamento<br />Leni Riefenstahl é lembrada na História do Cinema por ter desenvolvido novas téticas nos seus filmes, especialmente em relação a ângulos de câmera, enquadramentos, movimentos de massas e nus.<br />Técnica do céu<br />Um dirigível levava uma câmeraautomática, com objectivas até 600 mm, o limite máximo da época. O resultado eram panorâmicas aéreas do evento.<br />Técnica Do trampolim<br />Saltos filmados em plongée (de cima para baixo) e de baixo para cima, do trampolim, dão impressão de voo.<br />Dentro de água<br />Equipamentos à prova de água. Diferentes lentes captam detalhes do músculo, da respiração e da expressão dos atletas / actores.<br />
  • 4. Filmografia<br /> A primeira experiência de Leni Riefenstahl na realização. DAS BLAUE LICHT é uma variação dentro do género dos filmes de montanha&, na linha dos trabalhos de Arnold Fanck (com quem Riefenstahl colaborara assiduamente). É a história do amor trágico entre uma aldeã e um artista citadino, numa atmosfera de romântico lirismo que remonta aos contos e tradições populares da Alemanha. O próprio Fanck, encantado com a habilidade revelada pela sua pupila, foi um dos maiores entusiastas do filme.<br />Das BlaueLicht<br />1932<br />
  • 5. Filmografia<br /> Foi o primeiro documentário dirigido por Leni Riefenstahl. O filme relata o 5º Reichsparteitag do NSDAP, que ocorreu em Nuremberg de 30 de Agosto a 3 de Setembro de 1933. O filme tem o mesmo formato de outras produções de Riefenstahl como Triumph desWillens e Tag der Freiheit (produzidos em 1934 e 1935 respectivamente).<br />Mostra a chegada do Führer ao aeroporto, seu encontro com membros do partido, discursos de representantes, além de desfiles da SA.<br />Ernst Röhm, líder da SA, está presente no filme. Em junho de 1934, durante a noite das facas longas, Röhm, homossexual assumido, e vários outros líderes da SA foram executados. Todas as evidências de Röhm deveriam ser apagadas da história da Alemanha, o que incluiria destruir todas as cópias do filme, então Triumph desWillens foi produzido para substituí-lo. Uma cópia de Der SiegdesGlaubens só foi encontrada em 1986.<br />Der SiegdesGlaubens<br />1933<br />
  • 6. Filmografia<br />TriumphdesWillens, ou O triunfo da vontade, é um filme de propaganda política da cineasta alemã Leni Riefenstahl, documentando o Congresso do Partido Nazista de 1934 em Nuremberg. É um dos filmes de propaganda política mais conhecidos na história do cinema, com grande reconhecimento das técnicas utilizadas por Riefenstahl, que depois passaram a influenciar filmes, documentários e comerciais. O filme mostra muitos membros do Partido Nazista assim como soldados, marchando ao som de música clássica, cantando, jogando e cozinhando; também inclui trechos sonoros de discursos dados por vários conselheiros para Adolf Hitler, porções de discursos do próprio Hitler. O filme tenta mostrar como os alemães mostravam a sua lealdade à pessoa de Hitler.<br />Por este filme Riefenstahl recebeu uma medalha de ouro na Feira Mundial de Paris em 1937, também recebeu premiações nos Estados Unidos e Suécia. O filme está banido na Alemanha.<br />Triumph desWillens<br />1935<br />
  • 7. Filmografia<br /> Leni Riefenstahl faz do seu documentário sobre os Jogos de Berlim uma celebração ao corpo humano, combinando a poesia de corpos em movimento com close-up de atletas no calor de competição. No volume 1, destaque para a maratona e Jesse Owens, primeiro atleta a conquistar 4 medalhas de ouro em uma única olimpíada.<br />Olympia Vol. 1<br />1938<br />
  • 8. Filmografia<br /> Leni Riefenstahl faz do seu documentário sobre os Jogos de Berlim uma celebração ao corpo humano, combinando a poesia de corpos em movimento com close-up de atletas no calor de competição. No volume 2, os destaques são GlenMorris, vecedor do Pentatlo e do Decatlo e o triunfal encerramento dos jogos. <br />Olympia Vol. 2<br />1938<br />
  • 9. Filmografia<br /> Pedro, um pastor, está dormindo na sua cabana de montanha, quando o seu rebanho é atacado por um lobo solitário. Ele desperta para defender as suas ovelhas, e estrangula o lobo. A construção de um canal está concluído e desvia a água das fazendas e campos dos camponeses para apoiar os touros premiado do fazendeiro, D. Sebastião, Marquês de Roccabruno. Marta, uma "dançarina mendiga", chegou à aldeia, e entretém as pessoas. Sebastião vê-a e leva-a para seu castelo, encantado com sua beleza e graça. Ele mantém como sua amante em uma "gaiola dourada". Marta discute com ele para ouvir o sofrimento dos camponeses, mas ele rejeita o pedido novamente. Vendo sua arrogância e desumanidade ela foge. Ela cai em exaustão nas montanhas, onde Pedro a encontra e a leva para sua cabana. Os homens de Sebastião localizám-nae levam-na para o castelo. Sebastião na extrema necessidade para liquidar as suas finanças evoca um plano. Ele vai casar-se com Amélia, mas mantem a Martha como amante, - ele quer que ela se case com alguém que ele possa manipular e controlar. Pedro é convidado a se casar com ela. Martha despreza Pedro no início, mas depois ela percebe que ele se casou com ela por amor. Uma briga começa entre Pedro e Sbastião, e Pedro estrangula-lo como tinha feito com o lobo. Na cena final, Pedro e Marta caminham até as montanhas.<br />Tiefland<br />1954<br />
  • 10. Filmografia<br /> O documentário baseia-se principalmente em torno Papa Nova Guiné , e é uma colecção de imagens, dirigidas por Leni Riefenstahl entre 1970 e 2000. Outras partes do filme incluem as Ilhas Maldivas, Quénia , Tanzânia , Indonésia , o Mar Vermelho , algumas Ilhas do Pacífico e Mar as caraibas Cuba. Riefenstahl negou que o filme foi um retorno; "Eu sempre fui activa e continuarei a sê-lo. O Meu filme mostra a beleza do mundo subaquático. espero que toque a consciência do espectador, uma vez que ilustra exactamente o que o mundo irá perder quando nada for feito para parar a destruição dos nossos oceanos. Uma vez eu disse que eu sou fascinada pela beleza da vida. Procuro a harmonia e, debaixo de água descobri-a. "<br />Riefenstahl também contribuiu uma introdução, discutindo o trabalho e suas viagens marítimas<br />ImpressionenunterWasser<br />2002<br />
  • 11. Filmografia<br />Como Actriz<br />DER HEILIGE BERG<br />1926<br />
  • 12. Filmografia<br />Como Actriz<br />STÜRME ÜBER DEM MONTBLANC<br />1930<br />
  • 13. Webgrafia<br />http://www.mnemocine.com.br/aruanda/leni.htm<br />http://historia.abril.com.br/politica/cineasta-hitler-485431.shtml<br />http://pt.wikipedia.org/wiki/Leni_Riefenstahl<br />http://cinema.sapo.pt/pesquisa/?terms=Leni+Riefenstahl<br />http://www.dasblauelicht.net/film_posters_and.htm<br />Autoria<br />Gonçalo Carvalho Nº 29818<br />Comunicação e Multimédia<br />Produção Audiovisual II<br />

×