Operações de Informação: umestudo sobre o desenvolvimentode doutrina aplicada à prevenção            à fraude      Prof Dr...
   A Controladoria-Geral da União (CGU) é o órgão    do Governo Federal responsável por assessorar o    Presidente da Rep...
3
   A fraude busca a obtenção de vantagem por    meio de atos ilegais, praticados por pessoas,    grupos ou empresas.   A...
   À medida que os órgãos de fiscalização    aprimoram seus mecanismos de combate à    corrupção e de prevenção à fraude,...
   Premissa básica:    ◦ Na era da Internet, da globalização e do trabalho centrado em      rede, a atividade humana tend...
   Os três mundos da informação:                                 espaço das                                    TIC       ...
   Os objetivos:    ◦ identificar, caracterizar e qualificar as fontes abertas no      ciclo de inteligência;    ◦ analis...
Ambiente Informacional   Decisões                                Decisões                      Sistemas de   Políticas    ...
Operações de Informação                              InteligênciaComunicação      Contra-                               de...
Conclusão   Avanços do Projeto:    ◦ Robôs para extração e processamento automático de      informações;    ◦ Aplicativo ...
moresi@ucb.br  http://www.del.icio.us/moresihttp://www.slideshare.net/moresi                                   12
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Information operations - concepts and doctrine proposal

757 views

Published on

Information operations: a study on the development of doctrine applied to fraud prevention. Paper present at CICIC 2011 - Conferencia Iberoamericana de
Complejidad, Informática y Cibernética, Orlando - FL - USA.

Published in: Business, Technology
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
757
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
14
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Information operations - concepts and doctrine proposal

  1. 1. Operações de Informação: umestudo sobre o desenvolvimentode doutrina aplicada à prevenção à fraude Prof Dr Eduardo Moresi moresi@ucb.br Dr Gilson Libório liborio@cgu.gov.br 1
  2. 2.  A Controladoria-Geral da União (CGU) é o órgão do Governo Federal responsável por assessorar o Presidente da República do Brasil em assuntos relativos à defesa do patrimônio público e transparência da gestão, por meio das atividades de controle interno, ouvidoria, auditoria pública, correição, combate e prevenção à corrupção. 2 2
  3. 3. 3
  4. 4.  A fraude busca a obtenção de vantagem por meio de atos ilegais, praticados por pessoas, grupos ou empresas. A corrupção é o comportamento daquele que se desvia das obrigações formais do cargo público (eletivo ou por indicação) por causa de vantagens pessoais, ganhos de riqueza ou de status. 4
  5. 5.  À medida que os órgãos de fiscalização aprimoram seus mecanismos de combate à corrupção e de prevenção à fraude, os fraudadores e corruptos desenvolvem novos golpes. A complexidade impõe a observação de novos princípios para descrever a realidade. A perturbação da ordem vigente faz com que os atores busquem condições ideais de atuação, gerando um novo equilíbrio dinâmico. 5
  6. 6.  Premissa básica: ◦ Na era da Internet, da globalização e do trabalho centrado em rede, a atividade humana tende a se inserir mais em espaços do que em locais físicos. InfOp é o desenvolvimento de ações planejadas e executadas para afetar as informações e os sistemas de informação adversários e para defender os próprios sistemas de informação. Domínios da realidade da organização: ◦ o físico – ambientes geral e tarefa; ◦ o cognitivo - consciência individual e coletiva das pessoas; ◦ da informação – inclui a criação, a manipulação, a armazenagem e o compartilhamento de dados e informações. 6
  7. 7.  Os três mundos da informação: espaço das TIC espaço dos conteúdos espaço dos sistemasespaço da interati- vidade e da inter- conectividade espaço das re- des interativas espaço dos agen- tes inteligentes espaço da infra- estrutura TI 7
  8. 8.  Os objetivos: ◦ identificar, caracterizar e qualificar as fontes abertas no ciclo de inteligência; ◦ analisar a aplicação de conceitos doutrinários de operações de informação na prevenção à fraude e à corrupção; ◦ desenvolver robôs para coleta automática de informações; ◦ propor as bases doutrinárias para a aplicação de Inteligência de Fontes Abertas para a CGU; ◦ propor as bases doutrinárias para a aplicação de Operações de Informação possibilite a gestão estratégica da informação na CGU. 8
  9. 9. Ambiente Informacional Decisões Decisões Sistemas de Políticas Informação: Legais DOU, ComprasNet, Portal Mídia daTransparência. Prestadores de ServiçoInternet Operações Indústria Inteligência defensivas, de Fontes oefensivas AbertasRedes e influência OutrasSociais Fontes 9
  10. 10. Operações de Informação InteligênciaComunicação Contra- de FontesOrganizacional Inteligência Abertas Produção de Informação Data Text Indexação Outras Mining Mining Textual Técnicas Infra-estrutura de TI SO - LINUX SO - LINUX Grid Computing Cluster PS3 10
  11. 11. Conclusão Avanços do Projeto: ◦ Robôs para extração e processamento automático de informações; ◦ Aplicativo para extração de matérias do Diário Oficial da União; ◦ Método para coleta e publicação de informações em Redes Sociais (Orkut, Facebook, Twitter, LinkedIn); ◦ Robôs para coleta, publicação de informações e análise de impacto no Twitter e Blogs; ◦ Estruturação do LaCI – Laboratório de Cibernética e Inteligência; ◦ Métodos para identificação de irregularidades em licitações. 11
  12. 12. moresi@ucb.br http://www.del.icio.us/moresihttp://www.slideshare.net/moresi 12

×