Your SlideShare is downloading. ×
Classe c na web
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Introducing the official SlideShare app

Stunning, full-screen experience for iPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Classe c na web

11,410
views

Published on

Published in: Business, Technology

1 Comment
20 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
11,410
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
18
Actions
Shares
0
Downloads
391
Comments
1
Likes
20
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Aula: Planejamento Estratégico Digital Pós-Graduação em Marketing Digital da Faculdade Impacta de Tecnologia http://migre.me/WbY5
  • 2.  Essa apresentação foi feita pelo professor de planejamento estratégico digital, Felipe Morais, da pós graduação de marketing digital da Faculdade Impacta de Tecnologia para seus alunos após um debate entre eles em sala de aula sobre a importância de entender o comportamento da Classe C, a qual representa 51% da população brasileira  O estudo a seguir visa mostrar o comportamento da Classe C no âmbito geral e como esse comportamento se aplica na Internet  Baseado no estudo publicado pela Revista Exame (20.10.2010) com apoio de outros materiais, desde artigos a estudos (confidenciais) feitos em concorrências de empresas o qual o foco era a Classe C.
  • 3.  Em Agosto de 2010, a FIT (Faculdade Impacta de Tecnologia) se tornou a primeira faculdade em São Paulo a ter um curso de Pós- Graduação em Marketing Digital  Tendo em sua grade, professores altamente qualificados do mercado que além de larga experiência também possuem experiência acadêmica.  A FIT lançou essa pós já colhendo um grande sucesso (entenda o case em: http://migre.me/2358Q)  Através de uma ação de marketing digital, a qual se tornaria um case semanas mais tarde, a primeira turma foi montada com grande sucesso; sucesso esse que está se repetindo em novas turmas ainda em 2010.  Conheça mais da Pós em: http://migre.me/WbY5
  • 4. Educação Conhecimento Inclusão Sociabilidade
  • 5.  Em 2010, 51% da população brasileira pertence a classe média, a chamada Classe C  20 milhões de brasileiros saíram das classes DE para a classe C. 30% dos lares possui um computador com acesso a Internet  Esse número representa cerca de 100 milhões de pessoas no país, que tiveram seu poder de compra potencializado pela atual situação econômica do país  Alto potencial de consumo  Segundo a classificação socioeconômica chamada “Critério Brasil” classe C é baseado na renda FAMILIAR mensal, calculada em Salário Mínimo (SM) ◦ Classe A = 20SM ◦ Classe B = 10 a 20SM ◦ Classe C = 5 a 10SM ◦ Classe D = 2 a 5 SM ◦ Classe E = até 2 SM 62% dos consumidores brasileiros com renda inferior a 10 SM tem menos de 30 anos
  • 6. 10.6% 50.5% 38.9% População 2009 A/B C DE 10.4% 49.2% 40.4% População 2008 A/B C DE A classe C cresceu mais pelo acesso da DE do que da Classe AB
  • 7.  Até poucos anos atrás, depois de quitadas as contas do mês, a Classe C não tinham um centavo sobrando para consumir mais do que os itens da cesta básica. Hoje, colecionam sapatos às centenas, têm acesso à tecnologia e frequentam faculdades.  Já optam pela qualidade e não pelo preço. Preferem pagar mais por um produto (parcelado) pois sabem que pagando mais, a qualidade é maior Nos últimos sete anos, a Classe C teve um aumento superior a 40% em sua renda familiar, que hoje vai de R$ 1,1 mil a R$ 4,8 mil
  • 8.  82% “não conseguem viver sem Internet”. Altamente interessados por tecnologia e novidades  44% dos jovens se consideram dependentes da tecnologia ◦ São líderes de tecnologia em suas casas ◦ Decidem a compra de TVs, DVDs ◦ Decidem o computador e banda larga que a casa comprará  61% acreditam que a tecnologia contribui para o bem estar das famílias  83% dos pais querem levar a tecnologia aos filhos, pois consideram isso importante na sua educação  50 milhões de jovens classe C possuem celular ◦ Em um único aparelho eles tem: Câmera, telefone, rádio, TV, serviço de mensagem e MP3
  • 9. Passa 8h por dia conectado LanHouse é o 2º ponto de maior acesso Começam pelo Orkut, MSN, YouTube e portais Gostam de textos curtos Começam a comprar online Aspiram mais por produtos de alto valor 90% dos acessos nas Lan Houses são para o Orkut
  • 10. Para um casal, entrevistado na pesquisa (Revista Exame): “Entre consertar a máquina de lavar e garantir mais um ponto de internet em casa, ficamos com a internet”. Esse mesmo casal desliga a geladeira de noite para economizar na conta de luz, mas não fica desconectado um minuto quando estão em casa.
  • 11. 18 a 30 anos é a faixa que mais acessa a web nessa faixa etária Mais velhos são motivados a entrar na web pela profissão ou filhos
  • 12.  Sem muita familiaridade, a Classe C aprende sozinha a acessar a web. Amigos ensinam amigos, vizinhos a vizinhos. Ajuda em grupo.  Visitam poucos sites, costumam manter a mesma frequencia de acessos aos mesmos sites. Homens costumam visitar outros sites, mas dificilmente mantém vínculo  Descobrem novos sites por indicações de amigos  Principais interesses: MSN, Orkut, Chat, E-mail, Pesquisas escolares, Celebridades, UOL/Terra, Oportunidades de trabalho, mapas online, compras, fotos, imagens e textos curtos
  • 13. 43 32 30 22 13 0 10 20 30 40 50 De onde a Classe C acessa (%)
  • 14. 87 76 71 69 52 0 10 20 30 40 50 60 70 80 90 100 Pesquisas E-mail Educação Redes Sociais / MSN Vídeos online Por que a Classe C acessa
  • 15. 86 71 45 0 20 40 60 80 100 A/B C D/E Frequencia de acesso (diariamente) – (%)
  • 16. 38 22 12 0 5 10 15 20 25 30 35 40 A/B C D/E Frequencia de acesso (1X semana) – (%)
  • 17. 2 5 13 0 2 4 6 8 10 12 14 A/B C D/E Frequencia de acesso (1X mês) – (%)
  • 18. 94% 78% 33% 7% Penetração de computadores A B C D/E
  • 19. 36%38% Televisão A/B C 26%21% Boca a boca A/B C 8%7% Revista A/B C
  • 20.  Líder da casa  Não é porque em muitos casos não trabalham, que a mulher não tem poder de decisão. Muito pelo o contrário!  São menos preconceituosas e conservadoras. Mais informadas e preparadas  Filhos são a principal motivação e preocupação  Mulheres classe C é que decidem ◦ Marcas e produtos que serão comprados ◦ Administra o dinheiro de casa ◦ Interfere na compra de bens de alto valor (Carro, casa, sítio...) ◦ Complementa a renda de casa “com bicos” (Ex: Vendem Avon) ◦ Religião é importante para sua mudança de vida (Baixa renda com altíssimo índice de evangélicos)
  • 21.  Líder da casa  Não é porque em muitos casos não trabalham, que a mulher não tem poder de decisão. Muito pelo o contrário!  Mulheres classe C é que decidem ◦ Marcas e produtos que serão comprados ◦ Administra o dinheiro de casa ◦ Interfere na compra de bens de alto valor (Carro, casa, sítio...) ◦ Complementa a renda de casa “com bicos” (Ex: Vendem Avon) ◦ Religião é importante para sua mudança de vida (Baixa renda com altíssimo indice de evangélicos) Na classe baixa, as mulheres DOMINAM!! Tem aspirações. Se informam mais que os homens. São também mais escolarizadas Homem sustenta. Mulher decide! Ainda...
  • 22. Em 2015 termos o dobro de mulheres entre 20 a 30 anos com mais escolaridade que os homens ficam mais nas escolas = mais escolarizadas Mais escolarizadas = mais chances de promoção no emprego São mais estáveis no emprego = ajudam a subir mais rápido
  • 23.  Na baixa renda, sua escolaridade é menor; costuma sair de casa aos 22 anos para casar e construir família, mesmo tento filhos sem o menor planejamento  Não liga para a aparência como os homens da classe AB (principalmente A)  Amante de futebol, não apenas em assistir pela TV mas pela socialização que o jogo permite: Futebol + Churrasco + Cerveja  Em geral, são instáveis nos empregos. Acabam sendo sustentados pelas mulheres  Arrepende-se por não ter se dedicado mais aos estudos  Entre 28 e 30 anos se dá conta que dificilmente mudará sua condição financeira e acaba se entregando ao “seja o que Deus quiser”
  • 24. 99 88 87 42 40 0 20 40 60 80 100 120 TV Rádio Celular Telefone fixo Comput + Web Tecnologias mais usadas pela Classe C (%)
  • 25.  Educação é um assunto muito importante ◦ Ensino fundamental possui 33% de alunos ◦ Ensino médio possui 39% ◦ Ensino superior possui 42%  Os pais da Classe C não se importam em pagar mais por computadores e internet pois entendem que esse é um meio dos seus filhos estudarem  Para a classe C, estudo significa melhores condições de trabalho, logo melhores salário e aumento no patamar de vida
  • 26.  A saturação do mercado para a classe AB fez com empresas apostassem na classe C.  Aumento do consumo global de mercados emergentes com concentração de público da baixa renda, como Índia, Brasil, Rússia e China.  Políticas econômicas trouxeram estabilidade a população baixa renda, sendo essa percepção mais forte junto a classe C pelo seu alto potencial de consumo, próximo a classe B  Facilitação do crédito. Governos dando mais crédito a baixa renda, aumentando o consumo de produtos mais caros  Efeito “Casas Bahia”: Pessoas comprando produtos mais caros, pagando em várias parcelas. Não importa o preço final, mas sim se a prestação cabe no bolso
  • 27. Socioeconômico Parcela predominante da população e expressiva no consumo. Aumento da escolaridade Renda melhor gerenciada Aspiração no consumo Mais jovens Acesso a educação = aumento da renda + sofisticação no consumo Mais tempo de vida para buscar o que deseja. Não perde tempo e busca o sucesso Maior controle de gastos. Não querem vistos como “mal pagadores” e querem consumir melhores produtos Querem consumir o que a classe AB consome. “Efeito Casas Bahia” permite isso
  • 28.  A Classe C tende a reproduzir na web o mesmo comportamento do seu dia a dia na vida “offline”.  Todo mundo se ajuda, indica empregos, promoções, trocam receitas.  Por isso costumam ser mais ativos nas Redes Sociais do que as Classes AB.  No mundo digital, a opinião de amigos e parentes tem um enorme peso na decisão de compra, assim como no mundo offline.
  • 29.  Classe C gosta de exibir o que possui para a sua sociedade  Casas Bahia: Entregas são feitas com caminhão buzinando desde o começo da rua. Avisam que o caminhão chega.  Itens mais exibidos ◦ Limpeza: Perfumes dos produtos de Limpeza ◦ Higiene pessoal: Cheiros fortes e marcantes ◦ Alimentação:Compartilham comida para mostrar sua qualidade (como cozinheiro ou de compra de produtos de qualidade) e se exibem (Ex: Ontem eu fui no restaurante X)  Bens e produtos simbolizam a condição socioeconômica da classe popular.
  • 30. O convívio com a vizinhança e o compartilhamento de itens reforçam os laços sociais Emprestar e pagar emprestado é constante na vida de todos da classe C A opinião dos vizinhos é MUITO IMPORTANTE. É levada em consideração na aquisição de produtos Seja porque querem mostrar uma condição superior ou por quererem agradar os vizinhos.
  • 31. Redes Sociais tem maior aderência na classe baixa, pois esse comportamento de compartilhamento já fazia parte do seu “DNA”
  • 32.  Costumam ler os comentários deixados por outros usuários nas redes e sites que mais visitam  Recomendações, indicações, alertas e críticas são valorizados pelos internautas  Usam as redes para manter contato com amigos e familiares  Pesquisam preços e produtos na web. Os comentários são levados em consideração ao decidirem pela compra de um produto
  • 33.  Usar a web para se informar, conversar com amigos, comprar são sem dúvida grandes conquistas da Classe C, que preza e valoriza isso, assim, cada dia mais usam a Internet para diversas funções, até mesmo como uma multiplicadora de renda. Youtube permitiu a Classe C visualizar o uso dos produtos em vídeos online sem a necessidade de ir à loja. Esse fator tem ajudado no crescimento das comprar online. Banda larga popular do Speedy foi o principal responsável pelo crescimento de 70% da empresa. O futuro da Classe C é estar cada dia mais conectado!
  • 34. Quanto maior ou melhor o aparelho, melhor a condição de vida das pessoas. A marca é muito valorizada também:  TV: Quanto maior, melhor  Som: Ser potente para o vizinho ouvir  Geladeira: Duplex e de preferência da Brastemp  Máquina de lavar: Ter é necessidade, mas se for uma Brastemp...  CDs: Quem tem mais, pode mais  DVD: Quanto mais tiver, melhor  Carro: Mesmo antigos, mostram boas condições. Carros mais luxosos mesmo que semi-novos são mais valorizados que 1.0 0Km.
  • 35. Motivadas pelas pesquisas escolares e Redes Sociais Interesse em sites de notícia, moda, atualidades e celebridades Principal público da Internet nas classes mais baixas Motivados pelos games online Socialização em Lan Houses é atrativo também Sexo online é outro motivador, mas não possuem privacidade em suas casas Motivação das mulheres na web Motivação dos homens na web
  • 36.  Não acreditam muito devido ao grande número de Spans que recebem. Nem mesmo quando se cadastram costumam a acreditar, caso o site demore a se relacionar com esse cadastrado  Valorizam essa ação quando ela é direcionada e rápida. Desconfiam, mas se a ação for certeira, tende a trazer resultados  Desejam e valorizam a exclusividade. Hábito da classe A que começa a migrar para a classe C
  • 37. Me importo mais com a qualidade da informação do que onde a encontro As Redes Sociais fazem parte da minha rotina Prefiro falar pelo computador com as pessoas do que pessoalmente Insights da Classe C
  • 38.  2005: 45% da Classe C tinha cartões  2009: 53% da Classe C tinha cartões  Próximos anos existe uma forte tendência de crescimento de cartões para a Classe C, pois esse já é um produto muito consolidado nas Classe AB "Esse grupo ainda compra pouco pela Internet. Entre ter o cartão e fornecer o número para uma compra [virtual], a confiança ainda não é tão grande. Quando se pensa na Internet, é a classe A/B que faz a maior parte das transações bancárias. Já a [população da] classe C está mais preocupada em postar fotos, em ver o que os amigos estão falando e fazendo“ Dora Câmara, diretora comercial do Ibope
  • 39. A Classe C já é a classe que mais consome na Web e esse crescimento de cartões pode ser um ponto importante para um maior crescimento das vendas, desde que os varejistas saibam como mostrar a segurança nas compras que a Classe C tanto preza "O consumidor brasileiro, sobretudo das classes C, D e E, compra produtos conforme a parcela cabe no seu orçamento. Em grande parte, a classe C vê a propaganda na televisão, a parcela pequena e o longo prazo para pagar, e não faz cálculos. Isso pode gerar dívidas lá na frente, principalmente quando falamos de cartão de crédito, que tem as taxas mais altas para financiar uma dívida [acima de 10% ao mês]. Roberto Vertamatti. vice-presidente de finanças da Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade)
  • 40. Classes AB passaram por um longo período de aprendizagem. A Classe C está no momento mais dinâmico onde tudo acontece mais rápido e sua adaptação acompanha o ritmo.  A Classe C entrou na web em um momento diferente, momento de consolidação do meio  Até pouco tempo atrás, Internet e computadores eram itens caros, onde só a classe AB tinha condições de ter  Hoje a Classe C já entra em uma web muito mais desenvolvida e com melhor entendimento do usuário, onde lhe é oferecido ferramentas mais fáceis e intuitivas
  • 41. 82 68 42 0 10 20 30 40 50 60 70 80 90 A/B C D/E Pesquisam preços antes de comprar (%)
  • 42. 54 31 11 29 15 4 48 26 8 0 10 20 30 40 50 60 A/B C D/E Frequencia de compra (%) Já comprou Menos de 3 meses últimos 12 meses 40% dos novos e-consumidores (2010) são da classe C
  • 43. 44 36 29 24 21 18 12 0 5 10 15 20 25 30 35 40 45 50 O que mais compram?
  • 44. A classe C descobriu o S-commerce antes das grandes marcas. Um exemplo disso é a carioca Simone Reis (entrevistada na Revista Exame) que recende produtos de marcas como Avon e Natura usando a Internet e Redes Sociais. Antes de ir trabalhar, ela confere e-mail e recados no Orkut que é onde recebe os pedidos das suas clientes. Em pouco tempo, ela dobrou seu rendimento mensal com o S-commerce. Além de usar as redes, Simone ainda usa a webcam do seu notebook para explicar o uso dos produtos a suas clientes. O MSN é outro canal usado para ampliar o relacionamento com as clientes
  • 45.  Mais importante do que o valor do produto é o valor das parcelas.  A Classe C tem aspiração por produtos de alto valor e agora sabe que pode pagar, desde que a parcela caiba no seu orçamento  Prefere pagar um celular de R$ 1.000,00 em 10X de R$ 100,00 a pagar o mesmo aparelho por R$ 800,00 em 2X R$ 400,00  Buscapé lançou uma ferramenta onde é possível ordenar a busca pelo valor das parcelas. É a 2ª mais importante para o site, depois da lista de menor preço.
  • 46.  Internet é um meio altamente importante para a Classe C, pois é na web que eles começam a conhecer o mundo  Socialização é algo pertinente a Classe C. Vizinhos se ajudam o tempo todo. Na web, essa socialização só foi potencializada, pois via Orkut, eles podem ajudar não 3 ou 4 vizinhos, mas 200, 300 amigos  A educação é fundamental para a Classe C. Eles acreditam que quanto mais escolarizados, melhor a chance de conseguir bons empregos, logo, melhores salários e assim subir o patamar Mulheres são mais ativas e interessadas que os homens, que tendem a ser mais relaxados e “entregar a Deus” seu futuro. Mulheres correm atrás do futuro.
  • 47.  Ação: Colocou no site um vídeo explicando de forma simples a nova linha de crédito voltada a classe C  Resultado: Aumento de 50% de acesso a página  Análise: O banco entendeu que a Classe C tem a necessidade de ter um conteúdo diferenciado , com linguagem mais simples. Nem toda a Classe C teve acesso a uma educação de qualidade. O banco entendeu também a importância de vídeos para esse público e ofereceu o conteúdo dessa forma.
  • 48.  Ação: 70% dos seus clientes são Classe C. Aplica 25% da sua verba na rede  Resultado: Dos 2 mil imóveis vendidos por mês, 20% (400) tem início na web  Análise: A construtora entendeu o crescimento da classe C na web e começa a oferecer ferramentas de decisão de compra na rede A web em pouco tempo se transformou na 2ª principal mídia para busca de imóveis (jornal é a líder) Acredito que em pouco tempo, a Goldfarbm vai aumentar sua verba na web
  • 49.  Ação: Com foco na Classe C, a empresa começou a comunicar a realização do sonho da casa própria sem falar dos benefícios do produto  Resultado: Aumento no acesso ao site e na procura por imóveis da empresa  Análise: A construtora entendeu o crescimento da classe C na web e que a Classe C quer mais informação. Elevou o nível de interatividade entendendo que a Classe C de alguma forma está acessando a web atrás de informações sobre o que deseja comprar
  • 50.  Ação: Personagem e aumento para 15 mil produtos no site  Resultado: Aumento de 90% no faturamento de vendas online  Análise: Assim como o Bradesco, o Magazine Luiza entendeu que a Classe C precisa de conteúdo mais explicativo Incluiu uma personagem interativa para explicar dúvidas Ação de humanização do site que pode gerar não só um amplo relacionamento como também ser um fator de decisão na compra
  • 51.  Ação: Site para explicar como viajar e o porque trocar o ônibus pelo avião  Resultado: 150 mil acessos únicos ao site  Análise: Mais uma vez vemos o entendimento que a Classe C necessita de mais explicação sobre produtos e serviços A TAM usou uma outra URL para isso, oferecendo conteúdo para quem deseja, não precisando concentrar tudo no seu site A Classe C viaja muito mais de ônibus e tem o aspiracional em viajar de avião. A TAM oferece serviços que mostram como é fácil (em vídeos) fazer essa viagem e realizar esse sonho. Relacionamento através de conteúdo relevante.
  • 52.  Ação: Entrega de sementes para a “árvore de Mini Bis” no game social Colheita feliz  Resultado: 20 milhões de pessoas interagindo  Análise: Jovens classe C é principal perfil do Orkut. Games sociais são uma tendência de 2010. O Mini Bis entendeu esse comportamento, alinhou a ação com uma brincadeira seguindo o conceito da campanha “Não confie em ninguém”. Pessoas podiam roubar sementes de outras pessoas. Interação com a marca em um momento “fun” algo que o usuário aprova em games sociais e até acreditam que essas ações deixam o game mais próximoa realidade
  • 53.  Ação: Banner com ligação com o offline. Clicava no banner e uma máquina entregava um papel com a fragrância do perfume  Resultado: Aumento de 40 vezes no click no banner  Análise: Lan Houses são as maiores responsáveis pela entrada da classe C na web. Nenhuma marca fazia ações nesses pontos de contato. A Natura inovou fazendo uma ação em que o usuário clicava no banner e recebia um brinde na hora. Interação do usuário com o produto através do marketing de experiência com a fragrância do produto e estimulando a compra Vídeo do case (http://www.youtube.com/watc h?v=s17oBizRUe8)
  • 54.  Conheça mais sobre a Pós em nossos canais nas Redes Sociais  Twitter: @mktdigimpacta  Blog: posmktdigital.wordpress.com  Facebook: www.facebook.com/posmktdigital  PodCast: www.futurecast.com.br  Informações sobre o curso: migre.me/WbY5  SlideShare: www.slideshare.net/mktdigimpacta
  • 55.  Ibope Connect Mídia  Revista Exame (20.10.2010)  Pesquisas pessoas realizadas para uma concorrência  Estudo Geração Conectado (slideshare.net/felipemorais2309)  Revista InfoExame (Dez/2009)  plannerfelipemorais.blogspot.com  posmktdigital.wordpress.com  Especial: O foco das marcas na Classe C (http://www.omelhordomarketing.com.br/index.php/2010/04/28/classe-cd-consumindo-de-vez/ // http://www.omelhordomarketing.com.br/index.php/2010/04/22/a-classe-cd-no-foco-das-marcas/ // http://www.omelhordomarketing.com.br/index.php/2010/05/05/desejos-dos-consumidores-classe-cd/) http://www.mundodomarketing.com.br/1,11538,classe-c-na-web-faz-tenda-investir-em-canal- digital.htm  Pesquisa do Instituto Data Popular  Revista Época Negócios (Novembro 2009) http://www.hojeemdia.com.br/cmlink/hoje-em-dia/noticias/economia-e-negocios/classe-c-tem-53- mais-cart-es-mas-n-o-compra-via-web-1.184834