Your SlideShare is downloading. ×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Saving this for later?

Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime - even offline.

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Campus Party 2011 Report

1,349
views

Published on

Apresentação de Report para a Campus Party 2011. Tudo o que aconteceu na edição 2011 aqui. …

Apresentação de Report para a Campus Party 2011. Tudo o que aconteceu na edição 2011 aqui.

Apresentação feita pela MonkeyBusiness

// MonkeyBusiness is an brazilian agency that is specialized in presentations. All our energy is focused on creating memorable slides, which hold the attention of your audience and express your ideas.

// MonkeyBusiness é uma agência especializada em apresentações. Toda nossa energia é focada em criar slides inesquecíveis, que prendem a atenção do seu público e vendem suas idéias.

Postado aqui por MonkeyBusiness - Nós fazemos a sua apresentação:

www.monkeybusiness.com.br
www.macacosmebloguem.com.br
www.facebook.com/mkbusiness
www.twitter.com/mkbusiness

Published in: Technology

0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
1,349
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Campus Party Brasil
  • 2. Campus Party Brasil 2011 #cpr4 4ª edição 17 a 23 de janeiro
  • 3. Apresentação: @tammynhoca – to quase acampando no quintal pra curar minha depressão pós #cpbr4! Do que é feito um grande evento? Quantidade de visitantes e participantes? Número de atividades oferecidas? Interação entre empresas expositoras, patrocinadores e público presente? Mídia espontânea gerada antes, durante e depois? Empenho da organização para que tudo aconteça de acordo com o planejado? Seja qual for o critério, a Campus Party Brasil 2011 conseguiu reunir tudo isso Os 45 mil m² do Centro de Exposições Imigrantes abrigaram mais uma vez o maior evento de cultural digital do Brasil e do mundo. Como já é praxe das edições brasileiras, o recorde de participação foi batido mais uma vez: mais de 4700 campuseiros acampados e um público visitante de mais de 95 mil pessoas. Munidos de seus computadores, eles puderam navegar, quer dizer, voar pela internet de 10giga disponível nos mais de 40 mil metros de cabos de rede e 16 mil metros de fibra ótica Velocidade peculiar ao evento e que exige dos campuseiros muito preparo mental (e físico) para acompanhar as mais de 600 horas de atividades; um universo de conteúdo à disposição dos presentes. Nas 4 zonas temáticas - Inovação, Ciência, Criatividade e Entretenimento Digital - os cérebros curiosos e ávidos por conhecimento puderam compartilhar experiências, desenvolver projetos e fazer contatos valiosos. Oportunidade única também para as empresas que acreditaram e apoiaram o evento; conseguiram se aproximar e enriquecer a interação da sua marca com todos os presentes E mesmo quem não pode comparecer ao evento, foi impactado por ele. Seja via internet (twitter, Facebook, Orkut, blogs e portais), televisão, jornais ou revistas, algo tão grandioso e de tamanha importância no cenário nacional, sempre é discutido e analisado em diversos veículos de comunicação Assim foi a Campus Party Brasil 2011; um turbilhão de entretenimento, conhecimento e compartilhamento de ideias e experiências
  • 4. Quantidade de campuseiros em cada campus Espanha – Brasil – Colômbia – México - UE
  • 5. Campuseiros
  • 6. Campuseiros Twitter @hugo_messias – o pior de tudo é sentir um aperto no peito e querer estar dentro da barraca para ter ctz que no salão ao lado ainda tem #cpbr4! @thomasddiego – adorei a #cpbr4, incrível tudo que rolou por lá. Ano que vem estarei novamente. @LuisXinke – ganhei uma visão empresarial muito grande na #cpbr4. Isso foi um dos maiores aprendizados que trouxe de lá. O campuseiro é aquele que não se contenta apenas em estar presente; ele participa, interage e ajuda a construir e enriquecer o evento. É aquele que chega de diferentes regiões do Brasil, cheio de aspirações e expectativas e vai embora transformado pelas experiências vividas. Colados em seus computadores, mas atentos a tudo que se passa, é ali na bancada que o campuseiro consegue um parceiro para finalizar aquele projeto, um companheiro para desenvolver mais aquela ideia ou simplesmente faz mais um amigo. Uma semana especial, feita para eles e por eles, onde a regra é dormir pouco para aproveitar muito!
  • 7. Campuseiros
  • 8. Campuseiros Do Brasil, para a Campus Party
  • 9. Campus Fórum – Unimos talento, criamos futuro Revigorado, o Campus Fórum ganhou não apenas em qualidade e visibilidade, mas também serviu de espaço para debates sobre empreendedorismo e novos negócios. No palco principal, importantes nomes compartilharam com os campuseiros os seus métodos e experiências de sucesso.
  • 10. Campuseiros Inventam Mobiclub A ideia desenvolvida por 4 jovens de Pernambuco é simples e incrível: um sistema de pagamento de contas de baladas através do celular. Integrando o sistema desenvolvido por eles com diversos estabelecimentos, o cliente poderá ter acesso à sua conta na tela do telefone e efetuar o pagamento com apenas alguns cliques, evitando as enormes filas ao final da noite. Muita sorte ao MobiClub!
  • 11. Campuseiros Empreendem Geral @leoreinaux – parabéns a todos que participarem do #euempreendo, os projetos foram sensacionais!! Que os campuseiros são cheios de ideias para o mercado da internet, ninguém duvida. Existem aqueles que foram além, desenvolveram e implementaram seus projetos, e é nesse espaço que esses empreendedores têm a oportunidade de apresentá-los ao público. Além do prêmio de 5 mil reais oferecido pela Microsoft, através de sua incubadora BizSpark, os vencedores poderão participar do curso de “Gestão Estratégica da Inovação” e participarão do seminário Empretec, oferecido pelo Sebrae; tudo para que eles alavanquem ainda mais suas ideias. Foram muitas inscrições que passaram por uma seleção onde apenas 20 foram selecionados para serem apresentados durante a Campus Party e, é claro, apenas um foi o vencedor.
  • 12. Campuseiros Empreendem Geral Sieve Product O projeto foi desenvolvido para que pequenas e médias lojas virtuais possam se manter competitivas no mercado. Uma ferramenta de comparação de preços com outras lojas que gera informações e relatórios completos que as ajudam no desenvolvimento de estratégias de atuação e crescimento. Sucesso ao Sieve Product!
  • 13. Campuseiros Empreendem Dispositivos Móveis @brunobezerra – empreender é um estado de espírito #euempreendo Afunilando um pouco o Campuseiros Empreendem, esse foi o espaço reservado para as ideias e projetos desenvolvidos para dispositivos móveis, devido a crescente relevância do mercado de celulares. Do total de inscritos, 10 tiveram a chance de falar um pouco mais sobre o projeto, e apenas um alcançou o prêmio máximo: 5 mil reais em dinheiro oferecidos pela Microsoft, através de sua incubadora BizSpark, participação em um seminário oferecido pelo SEBRAE e outros prêmios oferecidos pela Vivo.
  • 14. Campuseiros Empreendem Dispositivos Móveis Utilizando muita inovação e criatividade, a empresa desenvolve aplicações de entretenimento, soluções corporativas ou de realidade aumentada focadas em dispositivos móveis. Bons negócios para a Sync Mobile!
  • 15. Campus Debate Blog Samba Tech - O Campus Party é um dos maiores palcos tecnológicos do mundo e com certeza o lugar ideal para essa edição especial do StartUp MeetUp. A explosão da internet criou uma bolha no mercado e várias empresas ponto-com foram fundadas. E o termo startup designa empresas recém criadas. Essa zona da Campus Party é dedicada a esses empresários, que, através de painéis, mesas redondas e palestras, compartilharam um pouco suas experiências empreendedoras.
  • 16. Campus Start-Up Blog Samba Tech - O Campus Party é um dos maiores palcos tecnológicos do mundo e com certeza o lugar ideal para essa edição especial do StartUp MeetUp. A explosão da internet criou uma bolha no mercado e várias empresas ponto-com foram fundadas. E o termo startup designa empresas recém criadas. Essa zona da Campus Party é dedicada a esses empresários, que, através de painéis, mesas redondas e palestras, compartilharam um pouco suas experiências empreendedoras.
  • 17. Zonas temáticas Campus Party Ciência – Campus Party Entretenimento Digital – Campus Party Criatividade – Campus Party Inovação
  • 18. Cerca de 400 atividades, mais de 500 horas de conteúdo Áreas com maior número de inscritos
  • 19. Ciências Da inquietude humana evoluiu o cientificismo. É justamente desta fonte que a Zona de Ciência bebe. Unimos mentes curiosas, técnicas inovadoras e muito conhecimento em palcos onde a busca por respostas tornou-se a personagem principal
  • 20. Ciências Astronomia Número de atividades: 30 Palestrantes: 26 Horas de atividades: 29 Média de público: 20 A oficina Meu Primeiro Foguete teve enorme procura pelos 15 kits disponíveis para a montagem dos foguetes. A palestra Novos Horizontes foi estendida para 2h, devido ao grande interesse do público em falar com Marcos Pontes, além de grande presença da imprensa.
  • 21. Ciência Modding Número de atividades: 22 Palestrantes: 23 Horas de atividades: 40 Média de público: 50 Grande presença da imprensa durante a oficina Reaproveitando Disquetes e a palestra Green Computing
  • 22. Ciência Robótica Número de atividades: 14 Palestrantes: 25 Horas de atividades: 54 Média de público: 40 Grande procura pelas oficinas
  • 23. Criatividade Vivemos a época do brainstorm interminável. Na Campus Party Brasil isto não é nem um pouco diferente: produzir foi, de longe, um dos verbos mais conjugados pelos participantes da Zona de Criatividade
  • 24. Criatividade Social Media Palestra “Eleições e redes sociais” com Marina Silva contou com 200 pessoas na plateia Número de atividades: 32 Palestrantes: 107 Horas de atividades: 41 Média de público: 129
  • 25. Criatividade Foto, vídeo e design Palestra Videomapping com cerca de 100 pessoas na plateia Número de atividades: 32 Palestrantes: 107 Horas de atividades: 41 Média de público: 129
  • 26. Criatividade Música Palestra A arte do mashup, com André Paste, com 50 presentes Número de atividades: 20 Palestrantes: 34 Horas de atividades: 39 Média de público: 29
  • 27. Entretenimento Digital Com o mercado dos games em franco crescimento, foi impossível não dedicar um espaço ao debate sobre o que há de mais recente dentro deste universo. Junte isto a experiências com simuladores de última geração e teremos a Zona de Entretenimento Digital da Campus Party Brasil
  • 28. Entretenimento Digital Games Número de atividades: 18 Número de oficinas: 1 Número de competições: 8 Horas de atividades: 41 Média de público: 62
  • 29. Entretenimento Digital Simulação Número de palestras: 8 Número de oficinas: 18 Número de competições: 1 Horas de atividades: 24 (não inclui simuladores) Média de público: 20 (palestras) Uso de simuladores, com 120 pessoas diariamente em cada um
  • 30. Inovação Dia a dia, cada vez mais garagens vão se tornando verdadeiros laboratórios de boas ideias. Foi por isso que, na Zona de Inovação, tentamos transformar a Campus Party Brasil na segunda casa destas mentes brilhantes
  • 31. Inovação Software Livre Número de atividades: 85 Palestrantes: 69 Horas de atividades: 115 Média de público: 28 (palestras tiveram média de 43 participantes e oficinas, de 13)) Oficina Android – explorando a plataforma, com 114 presentes
  • 32. Inovação Desenvolvimento e segurança e redes Desenvolvimento Número de atividades: 36 Palestrantes: 17 Horas de atividades: 35 Média de público: 92 Segurança e redes Número de atividades: 36 Palestrantes: 17 Horas de atividades: 95 Média de público: 62 Oficina Análise Forense, com 147 pessoas presentes
  • 33. Momento Telefônica Momentos Telefônica, momentos históricos. Figuras e figurões como poucas vezes foi possível assistir em um único local. Ali ouvimos vozes e teses que serão repetidas por muito tempo. Períodos que, como magia, fizeram parar o evento e ter para si os olhos do público.
  • 34. Al Gore e Tim Berners-Lee A rede deve ser como uma folha em branco. Tanto o controle da rede como o monopólio são ruins na internet para pessoas inovadoras como vocês (campuseiros) Tim Berners-Lee (criador da World Wide Web) A internet permite que a informação seja distribuída de maneiras mais rápida, incomodando os governos Al Gore (ex vice-presidente dos EUA) Mobilização, informação , transparência e um apelo: lutar por uma internet livre e longe de monopólios. A ordem é expandir e democratizar o acesso e não restringir e concentrar na mão de poucos
  • 35. Steve Wozniak Woz mobilizou boa parte dos campuseiros. Esbanjando simpatia, o cofundador da Apple contou sua história de vida que tem tudo a ver com o fato de hoje termos computadores em nossas casas.
  • 36. Jon “Maddog” Hall Militante do software livre e diretor executivo da Linux Internacional, o “Cachorro Louco” trouxe mensagens inspiradoras de um defensor da liberdade e da colaboração para a disseminação do conhecimento. Ben Hammersley O editor britânico da revista Wired foi categórico: “O mundo está com problemas e é seu trabalho mudá-lo.”
  • 37. Kul Wadhwa “ Educação é poder” Frase que pode ser lida em um dos slides do Ninja, diretor da Wikimedia Foundation (responsável pela Wikipedia, 5º maior site do mundo) Tatiana Rappoport A pós doutorada em física falou sobre o grafeno, material que pode revolucionar a indústria eletrônica por ser abundante e mais barato do que os que são atualmente utilizados na fabricação de tablets e dispositivos com tela sensível ao toque.
  • 38. Jovem Nerd Alexandre Ottoni e Deive Pazos falaram sobre a importância do empreendedorismo nerd. Mais do que nunca, #geekpride! Polkan Garcia O Diretor de Inovação da Futura Networks falou sobre o IPv6, novo protocolo que promete aumentar a segurança, desempenho e mobilidade da internet.
  • 39. Stephen Crocker Envolvido com a rede desde o seu início, criou protocolos da Arpanet, foi gerente da Agência de Projetos de Pesquisa Avançada (ARPA) e atualmente é CEO de uma empresa americana de pesquisa e desenvolvimento, a Shinkuro. Michael Comberiate e Marco Figueiredo Um é americano, o outro é brasileiro. Um trabalha na NASA, o outro presta consultoria à NASA. Os engenheiros falaram sobre as possibilidades de o espaço ficar mais perto dos humanos nos próximos anos.
  • 40. Grid Computing Ação destacada da PadTec, o GRID Computing foi realizado em parceria com o Núcleo de Computação Científica da Universidade Estadual Paulista (NCC/UNESP), que doou o processamento do "supercomputador" criado na demonstração para projetos internacionais de pesquisas relacionadas a mudança climática e energia renováveis.
  • 41. Campus Party Expo e Lazer
  • 42. Campus Party Perfil dos visitantes
  • 43. Azul – Aviões simuladores e conteúdo aéreo O perfil especial de cobertura online, @azulcampusparty, alcançou mais de dois mil seguidores. Desafio emocionante do “Melhor Pouso” A área de Simulação gerou muita curiosidade nos campuseiros. David Neeleman, fundador e presidente do conselho da Azul Linhas Aéreas, expôs sua experiência aos empreendedores.
  • 44. Universia Relacionamento e divulgação #universiacampusparty Promoção #universianacampusparty premiou com um HD externo de 1TB o usuário que mais divulgasse a Universia A comunidade de entretenimento criada para o evento teve adesão de mais de 3.500 avatares durante a semana na UFun
  • 45. Campus Futuro Local onde os visitantes puderam ter amostras do que é possível esperar da tecnologia no futuro
  • 46. “ Nas duas últimas edições da Campus Party, 100% das inscrições foram efetuadas por meio do PagSeguro. Também fomos patrocinadores e tivemos um retorno muito positivo dos participantes em relação às ações de marketing realizadas. Este ano planejamos diversas ações para estreitar ainda mais a nossa relação com os campuseiros” Joyce Boano Coordenadora de marketing e vendas do PagSeguro   “ Acreditamos na proposta da Campus Party e temos certeza de que esse evento já faz parte do calendário de tecnologia” Tatiana Poroger Gerente de Trade Marketing da CCE Info   “ A Campus Party é uma referência no mundo digital e reúne os principais profissionais da tecnologia, ciência e inovação” Richard Martelli Coordenador do Senac São Paulo
  • 47. Something Better Projeto de voluntariado tecnológico para atuar junto a Fundação WWW, levando a internet para diversas comunidades do mundo #somethingbetter
  • 48. Campus Party em Números
  • 49. Campus Party – Patrocinadores e Apoiadores Patrocinador Oficial da Campus Party Apoiadores oficiais da Campus Party
  • 50. Campus Party – Patrocinadores e Apoiadores Patrocinador Oficial da Campus Party Apoiadores oficiais da Campus Party
  • 51. Expediente  Paco Ragageles – Co-fundador da Campus Party Belinda Galiano – Co-fundadora da Campus Party   Futura Networks do Brasil Mario Teza – Diretor Geral Daniela Costa – Diretora de Marketing José Luiz de Genova – Diretor Comercial   Textos Carolina De Marchi Luiz Cabral Michel Geraissate   Fotos Índice Fotojornalismo   Revisão, Arte e apresentações MonkeyBusiness
  • 52. Campus Party Brasil