Your SlideShare is downloading. ×
0
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Midiátics - Um pouco sobre Mídias Sociais

1,252

Published on

Apresentação de 2010, porém com abordagem bem simples para quem quer conhecer um pouco da história da internet e das mídias sociais, além de saber a diferença entre o Marketing e o Marketing Digital.

Apresentação de 2010, porém com abordagem bem simples para quem quer conhecer um pouco da história da internet e das mídias sociais, além de saber a diferença entre o Marketing e o Marketing Digital.

Published in: Business, Technology
0 Comments
5 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
1,252
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
5
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Mídias Sociais<br />Inteligência Digital<br />Agosto/ 2010<br />
  • 2. Existem três tipos de empresas:<br />As que fazem as coisas acontecerem, <br />As que ficam observando as coisas acontecerem<br />E as que ficam se perguntando o que aconteceu.<br />
  • 3. Não existe mais o mundo “ON” e “OFF”…<br />“ON”<br />Agora somos totalmente <br />
  • 4. O que mudou ?<br />Web 1.0<br />Modelo emissor-receptor da mídia da massa<br />Web 2.0<br />Web colaborativa<br />Web 3.0<br />Internet móvel<br />A granderevolução dos últimosanosna Internet se deu porque o consumidor, como internauta, assumiu o controle de sua própria vida por meio das mídias sociais, gerando conteúdo, se informando e relacionando com outras pessoas, tudo ao mesmo tempo.<br />
  • 5. O Marketing e a Internet<br />Estratégia de Marketing<br />Estratégia de Marketing Digital<br />Ações táticas e operacionais<br />Tecnologias e plataformas <br />Comunicação corporativa<br />Relações Públicas<br />Marketing de conteúdo<br />Geração de conteúdo Marketing de busca<br />Blogs<br />SEO/ SEM<br />Marketing de relacionamento<br />Marketing nas mídias sociais<br />Ações em redes sociais<br />Orkut, Facebook, Twitter, YouTube, LinkedIn, FourSquareetc<br />Marketing direto<br />Email marketing<br />SMS Marketing<br />Newletter<br />Promoções<br />Lançamentos<br />E-mail<br />SMS<br />Publicidade e propaganda Marketing de guerrilha<br />Marketing viral<br />Postagem de vídeos, animações e músicas<br />Publicação de widgets<br />Redes sociais<br />YouTube<br />Widgets virais<br />Publicidade e Propaganda Branding<br />Publicidade on-line<br />Banners<br />Podcast e videocast<br />Widgets<br />Sites e blogs<br />Redes sociais<br />Google AdWords<br />Pesquisa de mercado Branding<br />Pesquisa on-line<br />Buscas e clipping<br />Monitoramento marca<br />Monitoramento mídias<br />Google<br />Redes sociais<br />
  • 6. Do ponto de vista individual, somos parte de váriasredessociaisdesde o momentoquenascemos.<br />Autordesconhecido<br />
  • 7. MidiasSociais<br />Mídia Socialé a apropriação de plataformas de redes sociais para a propagação de uma ideia, produto ou serviço.<br />Mídia sociale Rede Socialsão coisas distintas, mas pertencem ao mesmo universo. A Rede Social sendo a comunidade que compartilha de um interesse em comum e a Mídia Social sendo o meio onde este grupo se reúne.<br />Redes Sociais são as relações entre indivíduos mediadas por computador. Já as Mídias Sociais, são as ferramentas online construídas para permitir esta interação social, a partir do compartilhamento e criação colaborativa de informação.<br />
  • 8. MidiasSociais: plataformasexistentesna Web<br />Na web 1.0, tudoque se precisavana internet era ter um website.<br />Hoje, precisa-se de presençana web. Para qualquerempresaounegócio é necessárioocuparespaçosonde o consumidor se encontra.<br />Os espaços são:<br /><ul><li> Comunicação
  • 9. Blogs: Blogger, Wordpress
  • 10. Microblogs: Twitter, Pownce
  • 11. Redes sociais: Orkut, Facebook, Linkedin, MySpace
  • 12. Colaboração
  • 13. Wikis: Wikipedia
  • 14. Social bookmarking / Agregadores de sites: Del.icio.us
  • 15. Social News ou crowdsourcing: Digg, Reddit, EuCurti
  • 16. Multimídia
  • 17. Compartilhamento de fotos: Flickr, Fotolog, Picasa
  • 18. Compartilhamento de vídeo: Videolog, YouTube
  • 19. Livecasting ou transmissão ao vivo: Justin.tv
  • 20. Compartilhamento de música/áudio: Last.fm
  • 21. Geolocalização
  • 22. Compartilhamento de localização: Foursquare</li></li></ul><li>Blogs<br />Criado em dezembro de 1997, o Blog é a abreviação de weblog. É um site mantido por uma pessoa ou grupo de pessoas e atualizado com entradas regulares.<br />O termo “weblog” foi cunhado em 1997 e rapidamente ganhou a versão encurtada “blog”. No início, os blogs eram basicamente coleções de links para páginas interessantes. <br />A partir de 1999, com o aparecimento de softwares que permitiam a qualquer um criar, editar e hospedar blogs gratuitamente, teve início o uso massificado da ferramenta na forma de diários online.<br />No ano de 2000, as plataformas de blogs foram alteradas permitindo que os leitores pudessem escrever comentários sobre os textos publicados. E foi aí que a blogosfera ganhou corpo. <br />
  • 23. Twitter<br />Fundado em março de 2006, esta rede social é o maior e mais importante microblog do mundo. Popular entre os grandes usuários de tecnologia, na qual atualizações frequentes são postadas principalmente através de celular. <br />É muito utilizado para compartilhar informações em tempo real por meio de troca pública de mensagens com até 140 caracteres.<br />Faz muito tempo que as redes sociais deixaram de ser brincadeira de adolescente. Muitas empresas estão adotando o Twitter nas suas estratégias de comunicação por se tratar da forma rápida de espalhar um conteúdo na web e também para criar um canal comunicação direta com o consumidor, para tirar dúvidas e auxiliá-los na solução de problemas.<br />Alguns números de 2010:<br /><ul><li> Em agosto o Brasil registrou mais de 14 milhões de usuários do Twitter
  • 24. No Brasil, o Twitter já tem mais tráfego que o YouTube e o Orkut, cerca de 56%</li></li></ul><li>Orkut<br />Fundada pelo Google em 2004, o Orkut foi a primeira grande rede social a se desenvolver no Brasil e ainda é a rede social mais acessada no país.<br />Tem grande força nas classes B, C e D e nos usuários entrantes da Internet. <br />Ações de marketing viral podem ser estimuladas no Orkut. Essas ações virais devem ser alimentadas nos seus primeiros estágios para que cresçam e deem o resultado esperado.<br />Por ser a maior rede social do Brasil, acaba sendo a que mais tem segmentos de público espalhados pelas milhares de comunidades. São diversos nichos a ser explorados no Orkut, o que pode ser utilizado como uma fonte de pesquisa qualitativa gratuita.<br />A probabilidade de encontrar um usuário falando de sua empresa no Orkut é bem grande.<br />
  • 25. Facebook<br />O Facebook é uma Rede Social fundada em 2004 que conecta pessoas.<br />O Facebook é uma das maiores redes sociais do mundo, e vem crescendo muito no Brasil junto às classes A, B e C. <br />O que faz desta rede social uma das mais atraentes são os vários serviços para interação como envio de mensagens, promoção de eventos, criação de grupos de negócios, criação de estratégia de marketing para atrair fãs, entre outros. <br />Alguns números de 2010 :<br /><ul><li> A rede possui mais de 400 milhões de usuários ativos
  • 26. Dados sobre a interação mobile: 100 milhões destes usuários utilizam o Facebook por meio de plataformas móveis ao menos uma vez por mês e 200 milhões dos usuários já experimentaram acessar o Facebook em dispositivo móvel pelo menos uma vez.</li></li></ul><li>LinkedIn<br />O Linkedin, lançado em maio de 2003, é uma rede social voltada aos negócios. Ele está focado em pessoas com desejo de construir uma rede contatos profissionais, que de fato possa ser utilizada nos negócios.<br />Os relacionamentos no Linkedin são chamados de conexões e são originados de algum tipo de relacionamento existente na vida real. <br />O Linkedin é uma espécie de currículo profissional, em que consta sua posição atual, os cargos que exerceu, sua escolaridade e seus sites (da empresa e seu blog). O compartilhamento é unicamente profissional.<br />Excelente mídia social para ser utilizada no desenvolvimento de networking profissional ou de sua empresa, contribuindo para localização de novos colaboradores, parceiros e clientes.<br />Alguns números 2010:<br /><ul><li> No mundo todo são mais de 45 milhões de usuários</li></li></ul><li>MySpace<br />Fundado em 2003, o MySpace foi a primeira rede social que permitiu aos usuários personalizar seus perfis.<br />Ele mantém sua popularidade com adolescentes, músicos e outros artistas. O Myspace dá mais liberdade para personalizar e é voltada aos interessados em ter relacionamento com a vida noturna ou comunidade de música.<br />O MySpace ganhou mais popularidade no Brasil após o sucesso de Mallu Magalhães, uma usuária que começou a fazer um burburinho na rede após a publicação de suas músicas, que rendiam milhares de visitas ao seu perfil. Isso fez com que ela conseguisse um contrato com uma gravadora e levou sucesso do online para o offline. <br />
  • 27. Flickr<br />Lançada em junho de 2007, o Flickr é uma rede social onde os usuários podem compartilhar fotos e imagens. É considerado um dos componentes mais exemplares daquilo que ficou conhecido como Web 2.0, devido ao nível de interatividade permitido aos usuários.<br />O Brasil é a maior comunidade de língua não inglesa do Flickr no mundo. Os brasileiros mostram-se um dos mais engajados e participativos grupos de usuários da ferramenta. <br />Outro diferencial destacado para o crescimento desta rede são as interfaces ágeis e de fácil navegação para usuários de celular.<br />Alguns números de 2010:<br /><ul><li> São mais de 2 milhões de usuários brasileiros que já efetuaram mais de 35 milhões de uploads de fotos e imagens
  • 28. Cerca de 20 mil uploads diários são feitos pelos iPhones, e o banco de dados do Flickr acumula mais de 5,5 milhões de arquivos enviados por esse tipo de aparelho. </li></li></ul><li>Foursquare<br />Criado em março de 2009, com o Foursquare as pessoas podem informar sua localização e saber onde estão outras pessoas de sua rede social, tendo como base os dados de GPS do celular. <br />O destaque desta rede é que os usuários podem postar dicas dos locais que frequentam, como por exemplo, recomendar uma sobremesa ou reclamar do péssimo serviço de uma loja ou empresa.<br />O usuário ganha pontos e pode desbloquear emblemas (badges) ao descobrir novidades e caso o usuário é aquele que esteve mais vezes em algum lugar, ele se torna um mayor daquele local e conforme o usuário se torna mais ativo, ele coleciona badges de acordo com os seus hábitos e frequência, são como pequenos troféus.<br />O Foursquare pode ser utilizado em conjunto com ações de marketing de guerrilha.<br />
  • 29. YouTube<br />Fundado em fevereiro de 2005, o YouTube é uma rede social que permite que seus usuários carreguem e compartilhem vídeos em formato digital. <br />Criar um canal personalizado requer planejamento cuidadoso e atenção constante. Assistir vídeos é a principal razão das visitas que você recebe: um canal personalizado pode melhorar essa experiência, mas somente conteúdos de qualidade farão com que o usuário retorne ao seu canal.<br />Comentários são ótimos para ouvir e falar com sua comunidade, assim como compartilhar ideias. A interação com seu público enriquece este canal.<br />Os usuários podem inscrever-se no seu canal para assistirem seu vídeo e assim sua rede é estruturada.<br />Alguns números de 2010:<br /><ul><li> São mais de 2 bilhões de acessos por dia.
  • 30. 24 horas de vídeos carregados a cada minuto
  • 31. Uma pessoa gasta em média 15 minutos por dia no YouTube.</li></li></ul><li>MídiasSociais<br />Recentemente uma pesquisa da Nielsen Ibope revelou que 86% dos usuários brasileiros de internet navegam em blogs e redes sociais.<br />Ter um perfil no Twitter, Facebook, LinkedIn ou Orkut deixou de ser apenas um passatempo e conquistou um novo público. Empresários, candidatos empresas, meios de comunicação usam essas mídias como uma ferramenta de se manterem informados e informarem.<br />
  • 32. A melhor maneira de se <br />proteger das Redes Sociais <br />é estar dentro delas.<br />
  • 33. Porquevocêprecisaestar “ON”<br />Comunidade envolve pessoas e…. pessoas gostam de pessoas.<br />Por isso, quanto mais interação entre as pessoas, maior o potencial de uma mensagem se espalhar<br />A qualidade e quantidade de conteúdo impactam na velocidade com que ele se propaga e cria comunidades ao redor dos autores.<br />
  • 34. Porquevocêprecisaestar “ON”<br />Concorrência<br />Aproveite a estrutura de monitoramento para acompanhar o que falam de seus concorrentes. Isso permite comparar pontos fortes e fracos de cada empresa e identificar oportunidades e ameaças. <br />Aplique inteligência competitiva<br />A internet é um enorme banco de dados. <br />Aproveite o monitoramento para identificar padrões de comportamento do consumidor.<br />EMPRESA<br />Comunique-se<br />Para prevenir crises, identifique antecipadamente os problemas e mantenha seus consumidores informados de forma transparente.<br />Atue no processo<br />Use os dados do monitoramento para retroalimentar a empresa. Isso evita que os erros se repitam, reduzindo o número de reclamações.<br />Analise os dados<br />É possível fazer análise qualitativa dos dados coletados. Separar menções positivas e negativas, identificando as principais queixas. Atenção aos Clientes insatisfeitos com maior influência na rede.<br />CLIENTE<br />Atenda às necessidades<br />Responda sempre às dúvidas e reclamações, deixando registrado o contato da empresa na mesma mídia de contato usada pelo Cliente e ofereça sempre um canal direto para tratar cada problema de forma personalizada.<br />Mídias Sociais<br />Hoje os clientes e consumidores compartilham suas experiências de consumo pela internet, sejam negativas ou positivas.<br />Monitore sua imagem<br />Saiba tudo o que falam de sua empresa na rede<br />
  • 35. Porquevocêprecisaestar “ON”<br />Concorrência<br />Aproveite a estrutura de monitoramento para acompanhar o que falam de seus concorrentes. Isso permite comparar pontos fortes e fracos de cada empresa e identificar oportunidades e ameaças. <br />Aplique inteligência competitiva<br />A internet é um enorme banco de dados. <br />Aproveite o monitoramento para identificar padrões de comportamento do consumidor.<br />EMPRESA<br />Comunique-se<br />Para prevenir crises, identifique antecipadamente os problemas e mantenha seus consumidores informados de forma transparente.<br />Seja rápido!<br />Agilidade é fundamental.<br />O acompanhamento deve ser em tempo real, para que a empresa responda às críticas antes que o problema fuja ao seu controle.<br />Atue no processo<br />Use os dados do monitoramento para retroalimentar a empresa. Isso evita que os erros se repitam, reduzindo o número de reclamações.<br />Analise os dados<br />É possível fazer análise qualitativa dos dados coletados. Separar menções positivas e negativas, identificando as principais queixas. Atenção aos Clientes insatisfeitos com maior influência na rede.<br />CLIENTE<br />Atenda às necessidades<br />Responda sempre às dúvidas e reclamações, deixando registrado o contato da empresa na mesma mídia de contato usada pelo Cliente e ofereça sempre um canal direto para tratar cada problema de forma personalizada.<br />Mídias Sociais<br />Hoje os clientes e consumidores compartilham suas experiências de consumo pela internet, sejam negativas ou positivas.<br />Monitore sua imagem<br />Saiba tudo o que falam de sua empresa na rede<br />
  • 36. Porquevocêprecisaestar “ON”<br />A estratégia de marketing em mídias sociais funciona quando o seu conteúdo viraliza.<br />Mapear e monitorar o que falam da sua empresa e do seu produto é a melhor maneira de iniciar uma ação de mídias sociais.<br />Contexto<br />Conexões<br />Mídias Sociais<br />Comunidade<br />Conteúdo<br />
  • 37. Você é…<br />O quevocê<br />compartilha.<br />
  • 38. Não basta medir, é preciso entender.<br />Não basta entender, é preciso saber como agir!<br />
  • 39. Benefícios<br />A propaganda boca a boca agora está Online.<br />O consumidor sempre falou de marcas e empresas. A diferença é que agora ele pode ser ouvido.<br />Podemos definir o retorno de se estar nas redes sociais em curto, médio e longo prazo.<br />
  • 40. Benefícios<br />Curto prazo <br /><ul><li> Construção de sua identidade Online
  • 41. Conhecimento de onde se discute sobre sua marca
  • 42. Conhecimento do nicho de mercado e seus concorrentes
  • 43. Quantificar interações </li></li></ul><li>Benefícios<br />Médio prazo <br /><ul><li> Visibilidade da marca, conhecimento da sua rede
  • 44. Identificação de novas oportunidades ou de melhorias
  • 45. Administração da crítica e do buzz negativo
  • 46. Qualificar os participantes da rede
  • 47. Entender o perfil tecnográfico
  • 48. Coleta de feedbacks em tempo recorde para ações desenvolvidas </li></li></ul><li>Benefícios<br />Longo prazo <br /><ul><li> Conhecimento e interação com seu público (SAC)
  • 49. Marketing de relacionamento
  • 50. Possibilidade de estimular os fãs e admiradores da marca a participar dos fóruns
  • 51. Influenciar pessoas e decisões
  • 52. Investimento em publicidades tradicionais mais assertivo
  • 53. Briefing invertido: ouvir, planejar, agir</li></li></ul><li>E você…<br />Sabe o quefalamda<br />suaempresa?<br />
  • 54. Midiátics na rede<br />Siga-nos!<br />www.facebook.com/midiatics<br />@midiatics<br />www.linkedin.com/company/1937239<br />www.midiatics.com.br<br />

×