Projeto Aula Digital - EMEF Raimundo - 2014

572 views
450 views

Published on

Projeto de TIC's na Educação.

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
572
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
55
Actions
Shares
0
Downloads
12
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Projeto Aula Digital - EMEF Raimundo - 2014

  1. 1. ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE ARROIO DO SAL SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA EMEF PROFESSOR RAIMUNDO FERNANDES DE OLIVEIRA
  2. 2.  Tema: Utilização das TIC’s na Educação  Local: Escola Municipal de Ensino Fundamental Professor Raimundo Fernandes de Oliveira  Clientela: Alunos do pré ao 9º ano do Ensino Fundamental  Período: Ano letivo de 2014, de março a dezembro.  Professora: Michele Felkl
  3. 3. Vivemos em uma sociedade que se transforma a cada dia devido ao advento das novas tecnologias de informação e comunicação. A escola está inserida neste contexto, não podendo ignorar a nova realidade imposta na educação. Os alunos por sua vez, nascidos na chamada Era Digital, acostumados com o uso de computadores, multimídias, internet, celular, entre outras invenções tecnológicas, não aceitam aulas cujo único recurso seja o quadro, o livro e o professor. “Estas tecnologias começam a afetar profundamente a educação.” (MORAN)
  4. 4. A escola precisa acompanhar a evolução dos tempos, oferecendo suporte a estes novos ditames, que vão desde a disponibilização física dos recursos tecnológicos, até a reflexão sobre sua utilização na educação, de forma a potencializar o uso destas ferramentas em prol da aprendizagem. De acordo com Valente (1999), há duas formas de o computador ser usado na educação: transmitindo informações ao aluno (abordagem tradicional de ensino) ou propiciando que o aluno use o computador para construir sua aprendizagem, passando a sujeito do seu conhecimento. É nesta segunda abordagem que o projeto Aula Digital pretende se desenvolver, uma vez que visa oferecer recursos para que os alunos construam sua trajetória.
  5. 5. Utilizar os computadores disponíveis no laboratório de informática da escola para apropriação das tecnologias ali permitidas, para juntos construirmos aprendizagens coletivas e individuais, que favoreçam uma integração entre alunos, professores e as tecnologias da informação e comunicação (TIC’s), numa partilha mútua de saberes e fazeres.
  6. 6.  Instrumentalizar os alunos no uso das ferramentas tecnológicas básicas, como: editores de texto, imagens, slides, vídeos, gráficos e tabelas.  Promover a inclusão semanal entre alunos e computadores.  Explorar as possibilidades que as ferramentas nos permitem para ampliar conhecimentos.  Compartilhar docência entre os vários profissionais que farão parte do projeto através de estratégias que introduzam os demais professores nesse espaço.
  7. 7. Alunos do Pré ao 9º ano do Ensino Fundamental da E.M.E.F. Raimundo Fernandes de Oliveira, localizada no município de Arroio do Sal.
  8. 8. Os alunos do 6º ao 9º ano do ensino fundamental serão contemplados pela Aula Digital através de oficinas que serão ofertadas em turno inverso. A escolha do programa ou ferramenta a ser trabalhado dependerá das necessidades apontadas pelos professores, bem como dos benefícios que os recursos poderão trazer ao processo de ensino-aprendizagem. Após a escolha do programa a ser ensinado, será elaborada a ementa de cada oficina. Como recurso pedagógico será utilizado um blog, com objetivo de registrar e interagir todos os envolvidos no processo.
  9. 9. Os alunos interessados em participar das oficinas deverão se inscrever, preenchendo uma ficha e concordando com o regulamento de funcionamento. O número de vagas oferecidas fica condicionado ao número de computadores disponíveis na escola. Atualmente este número é de 10 computadores. Havendo mais inscritos que o número de vagas ofertado, a seleção ocorrerá por sorteio, sendo que 1 (uma) das vagas fica reservada aos alunos com necessidades especiais. No caso de não haver interessados, a vaga fica disponível para os demais alunos.
  10. 10. Ao fim de cada oficina, os alunos receberão um certificado de participação contemplando o desempenho alcançado no curso, bem como sua frequencia. Os alunos participantes das oficinas ficam encarregados de atuarem como monitores durantes as aulas ocorridas no Laboratório de Informática, proporcionando que os recursos aprendidos sejam compartilhados por todos os envolvidos no processo de ensino-aprendizagem.
  11. 11. Para os alunos do Pré ao 5º ano do ensino fundamental, a Aula Digital acontecerá no turno de aula e com acompanhamento do(a) professor(a) da turma. Será elaborado um horário de atendimento, respeitando o número de alunos possíveis de serem atendidos no Laboratório de Informática. As atividades desenvolvidas deverão estar relacionadas com as atividades e os conteúdos vistos em sala de aula, servindo como ferramenta de apoio ao processo de ensino-aprendizagem.
  12. 12. As aulas acontecerão por projetos, sendo que os mesmos deverão ser elaborados pelo professor titular da turma em parceria com a professora de informática. O professor da turma deverá deixar claro quais os objetivos a serem alcançados e o conteúdo a ser trabalhado, enquanto a professora de informática sugere as ferramentas a serem utilizadas no processo metodológico. Todas as atividades desenvolvidas na Aula Digital poderão ser acompanhadas por toda comunidade escolar, pois estarão compartilhadas em um blog.
  13. 13. As Oficinas para os alunos do 6º ao 9º ano ocorrerão em turno inverso, nas quintas-feiras. O tempo de cada oficina terá duração aproximada de 2 (dois) meses, podendo este tempo alterar de acordo com o ritmo dos alunos e a complexidade do programa/ferramenta ensinado. Para os alunos do Pré ao 5º ano, o atendimento no laboratório de informática ocorrerá nas sextas- feiras, em turno de aula e com acompanhamento dos professores das turmas.
  14. 14. Alunos, professora especialista em Informática Educacional e demais professores da escola.
  15. 15.  Computadores  Internet  Data show  Impressora  Folhas de oficio
  16. 16. A avaliação ocorrerá em três momentos: 1. Os alunos serão avaliados em suas produções e envolvimentos durantes as aulas, através da observação direta no desenvolvimento das atividades. 2. As oficinas serão satisfatórias se os recursos aprendidos forem compartilhados proporcionando melhoria de aprendizagem de alunos e professores. 3. O projeto será satisfatório se a utilização dos recursos tecnológicos for potencializada em prol da inclusão digital e social dos alunos e professores, em regime de colaboração e interação.
  17. 17. MORAN, José. A integração das tecnologias naA integração das tecnologias na educação.educação. Disponível em: <http://www.eca.usp.br/prof/moran/site/textos/tecnologi as_eduacacao/integracao.pdf> Acesso em: 16 março 2014. VALENTE, José Armando. O computador na sociedadeO computador na sociedade do conhecimento.do conhecimento. Campinas, SP: UNICAMP / NIED, 1999. 156p. Disponível em: <http://www.fe.unb.br/catedraunescoead/areas/menu/p ublicacoes/livros-de-interesse-na-area-de-tics-na- educacao/o-computador-na-sociedade-do- conhecimento> Acesso em: 16 março de 2014.

×