Stress 8ºB

3,078 views

Published on

Published in: Education
1 Comment
2 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
3,078
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
22
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
1
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Stress 8ºB

  1. 1. STRESS<br />
  2. 2. Introdução<br /> No âmbito da disciplina de Área de Projecto, foi-nos proposto a realização de um trabalho sobre derivados temas, entre os quais o stress.<br /> Decidimos realizar o trabalho sobre este tema uma vez que, hoje em dia, o stress afecta tudo o que está a nossa volta; incluindo nós próprios. Como tal, este trabalho visa não só abordar o tema “Stress” de uma forma geral, mas também pormenorizar ao subtema “Stress infantil/estudantil”.<br />
  3. 3. O que é o stress?<br /> O stress é a resposta do organismo a acontecimentos que provocam desequilíbrios no bem-estar pessoal. <br /> É provocado por qualquer acontecimento que nos obriga a mudar de comportamento. <br />
  4. 4. O que é o stress?<br />O stress constitui uma adaptação do organismo e produz uma sucessão de transformações físicas e químicas accionadas pelo sistema nervoso.<br />
  5. 5. Mudanças comportamentais e fisiológicas causadas pelo stress<br />
  6. 6. Sintomas físicos<br /><ul><li>Músculos contraídos ou tensos;
  7. 7. Dor de cabeça
  8. 8. Problemas com o sono;
  9. 9. Cansaço;
  10. 10. Ritmo cardíaco acelerado;
  11. 11. Tremores e suores;
  12. 12. Sonolência ou desmaio;
  13. 13. Sensação de sufoco;
  14. 14. Dores de estômago;
  15. 15. Perda ou ganho de peso;
  16. 16. Desassossego.</li></li></ul><li>Sintomas comportamentais<br /><ul><li>Ranger os dentes;
  17. 17. Dificuldades em cumprir responsabilidades laborais;
  18. 18. Excessiva atitude crítica;
  19. 19. Agitação;
  20. 20. Alimentação desequilibrada;
  21. 21. Desejo de acompanhamento/isolamento.</li></li></ul><li>Sintomas emocionais<br /><ul><li>Choro;
  22. 22. Sensação dominante de tensão;
  23. 23. Irritabilidade e desassossego;
  24. 24. Dificuldades em descontrair;
  25. 25. Nervosismo;
  26. 26. Falta de significado na vida;
  27. 27. Sensação de solidão;
  28. 28. Infelicidade sem causa aparente;
  29. 29. Depressão.</li></li></ul><li>Sintomas cognitivos<br /><ul><li>Pensamentos de ansiedade;
  30. 30. Medo por antecipação;
  31. 31. Preocupação constante;
  32. 32. Poder de concentração deficiente;
  33. 33. Dificuldade em pensar;
  34. 34. Dificuldades de memória;
  35. 35. Indecisão.</li></li></ul><li>Consequências do stress<br />
  36. 36. O stress pode ter consequências a vários níveis <br />Sistema endócrino <br />Sistema respiratório <br />Sistema gastrointestinal <br />Sistema cardiovascular <br />Sistema nervoso <br />Sistema imunológico<br />
  37. 37. O stress pode ter consequências a vários níveis<br />Doenças cardiovasculares <br />Hipertensão <br />Artrite <br />AVC’s<br />Cancro <br />Diabetes<br />
  38. 38. O Stress <br />e os <br />Jovens<br />
  39. 39. O stress nas crianças<br />O stress também existe nas crianças, uma vez que estas também têm de se adaptar a novos desafios que a vida lhes coloca.<br />Ex.: Entrada na escola .<br />
  40. 40. O stress nos estudantes<br />Actualmente, a responsabilidade do estudante é maior do que antes: a corrida aos diplomas é mais competitiva, num mundo onde não é fácil encontrar emprego. <br />O que está em jogo é o sucesso da vida profissional, isto é, o cumprimento das aspirações e expectativas de cada um.<br />
  41. 41. Conselhos para não “stressar”<br />A melhor solução para não entrar em estado de Stress é evitar qualquer tipo de conflitos, um <br /> vez que estes <br /> estão na base da<br /> origem do Stress.<br />
  42. 42. Conselhos para não “stressar”<br />Não consumir substancias psico-activas, uma vez que estas, para além de se poderem vir a tornar um problema social e, posteriormente vir a resultar na rejeição do individuo, alteram directamente o sistema nervoso.<br />
  43. 43. Conselhos para não “stressar”<br />Um conselho igualmente importante é procurar frequentar sítios calmos ao invés de sítios muito movimentos que possam provocar alterações no sistema nervoso. <br />
  44. 44. Conselhos para não “stressar”<br />Caso já esteja sobre o efeito do Stress, existem diversos tratamentos, entre os quais<br /> “ Sessão<br /> Anti-Stress”.<br />
  45. 45. Conselhos para não “stressar”<br />Em qualquer um dos casos, o acompanhamento familiar e por parte de outras<br /> pessoas que nos <br /> rodeiam é <br /> FUNDAMENTAL.<br />
  46. 46. Conclusão<br /> Com este trabalho podemos concluir que o stress é como uma “doença da actualidade” uma vez que se verifica constantemente na sociedade moderna devido a diversas responsabilidades que não existiam antigamente.<br />
  47. 47. Conclusão<br /> O mesmo se sucede com os estudantes, uma vez que cada vez é mais difícil de arranjar emprego, sendo exigidos bastantes resultados.<br />
  48. 48. Trabalho realizado por<br />Ana Catarina nº1<br />Ângela Calisto nº4<br />Daniel Inácio nº8<br />Diogo Mendonça nº10<br />Pedro Costa nº21<br />Tatiana Mendes nº25<br />Tiago Caldinhas nº26<br />

×